A Igreja que queremos ser!

1 coríntios 12:27

Introdução

Em uma pesquisa de opinião conduzida por uma igreja nos EUA fizeram a seguinte
pergunta: Você frequenta a igreja? Não? Por que? (1) Chato , (2) Irrelevante, (3) Pede dinheiro
todo tempo (4) Sou muito ocupado, (5) Me sinto estranho na igreja

A igreja é uma família!
Não há família sem problemas, como não há igreja perfeita. Ainda não chegamos ao céu,
nem atingimos a plena perfeição. Porque somos uma família, precisamos aprender a viver em
harmonia uns com os outros. Temos diferenças. Somos diferentes. Temos queixas uns contra os
outros, mas não podemos lutar uns contra os outros. Somos membros de um mesmo corpo e só uma
pessoa desprovida de razão agride o próprio corpo. (Efésios 5:29).

Alguns princípios são importantes para entendermos essa verdade:
1. A igreja, como família precisa seguir as ordens de seu Senhor (1 Co 12.5)
A bíblia diz que Cristo é o cabeça da igreja (Cl 1:18). O corpo segue as ordens que emanam da
cabeça. Não temos o direito de governar a nós mesmos. Precisamos obedecer a Cristo, ou então não
temos credencial para sermos sua igreja. A igreja não é conduzida segundo o nosso querer, mas
segu ndo a vontade do Seu Dono, Redentor e Senhor.

2. A igreja, como uma família é composta de irmãos diferentes. (1 Co 12.12)
Embora todos estejamos debaixo do senhorio de Cristo e sejamos habitados pelo mesmo Espírito,
somos diferentes uns dos outros, como os membros do corpo também são diferentes. A IGREJA É
UMA UNIDADE NA DIVERSIDADE. Não somos rivais uns dos outros, mas irmãos. Nossas
diferenças não devem nos separar, mas nos complementar.
A beleza e a funcionalidade do corpo de Cristo não esta no fato de seus membros serem diferentes
uns dos outros, mas de todos estarem trabalhando em prol do mesmo objetivo.
Paulo coloca esse pensamento dessa maneira em efésios 4:15.16. Há espaço para trabalhar no
corpo de Cristo...

3. A igreja, como uma família, deve cultivar o amor e o perdão uns pelos outros (1 Co 12.21.26)
Temos queixas uns dos outros na família e na igreja. Falhamos uns com os outros e até mesmo
decepcionamos uns aos outros. Mas quando isso acontece, a atitude cristã não é banir o irmão do
nosso coração, ou tratá-lo com desdem e indiferença, mas amá-lo e perdoá-lo.

4. A igreja, como uma família, deve ser um lugar de sustentação e apoio de uns para com os
outros (1 Co 12:25.26)

Uma família saudável é caracterizada por atitudes de apoio, encorajamento e sustentação por parte
de seus membros. Quando um cai os outros o levantam. Quando um triunfa os outros celebram. Na
igreja não pode ser diferente. Precisamos servir uns aos outros, orar uns pelos outros e perdoar uns
aos outros. Na igreja de Deus, não podemos competir uns com outros. Fazemos parte da mesma
família, servimos ao mesmo Senhor e vamos morar juntos no mesmo céu.
O coração de Deus é ferido, o Espírito Santo se entristece e o evangelho é desonrado quando
deixamos de amar uns aos outros como Cristo nos amou. Somos membros uns dos outros. A vitória
de um é o trunfo do outro. A dor de um é o sofrimento do outro. Se um membro sofre, todos sofrem
com ele e se um membro é honrado, todos se alegram com ele. Que Deus nos ajude a viver como

O resultado é que essa igreja ve o agir de Deus. No dia de Pentecostes quase 3 mil pessoas foram convertidas. mas tinha poder espiritual. mas não sabes de onde vem nem para onde vai. Havia um profundo amor uns pelos outros e uma intensa comunhão entre seus membros.35). Onde as verdades das escrituras são negadas ou torcidas.uma família unida. A igreja que queremos ser! “E perseveravam na doutrina dos apóstolos e na comunhão. as portas das prisões eram abertas. A palavra de Deus é a principal maneira de ouvir a voz de Deus. ela vem com o coração aberto e se rende diante do Senhor de toda a terra. 2. pois o amor é a apologética final. Uma igreja entusiasmada tem uma relação vertical correta com Deus e uma relação horizontal correta com sesus irmãos. Queridos a palavra precisa ter lugar primordial em nossa igreja e em nossa vida. 3. os endemoniados eram libertos.44-46) Todos os membros estavam juntos e tinham tudo em comum. Onde não há compromisso com a verdade não há Igreja de Deus.42) A igreja apostólica nasceu num clima de intensa oração. (Jo 13:34.42) A igreja que nasceu como fruto do derramamento do Espírito Santo e da exposição ungida das escrituras perseveravam na doutrina dos Apóstolos. Uma igreja entusiasmada tem alegria no coração…(A alegria está no coração de quem já conhece a Jesus)..14. Eles reuniam-se diariamente no templo. ela adora a Deus de todo o coração. mas também havia entusiasmo. Uma igreja onde reina o amor e a comunhão (At 2. no partir do pão e nas orações” (At 2:42) 1. (At 1. Uma igreja cheia do Espírito Santo Aonde o Espírito de Deus está ai há liberdade O vento sopra onde quer. mas também partiam o pão de casa em casa e tomavam suas refeições com singeleza de coração. Uma igreja fiel à Palavra de Deus (At 2. Numa sociedade ferida e quebrada pelo pecado. Não há igreja verdadeira sem a doutrina dos apóstolos. a igreja de Cristo é lugar de refúgio e restauração para aqueles que se arrependem e crêem no Senhor Jesus. A congregação formada de 120 membros estava unanimemente em oração até que o Espírito de Deus foi derramado sobre eles. A oração era o oxigênio dessa igreja. e todos aqueles crentes reuniam-se no templo para orar e louvar a Deus. os enfermos curados. mas tinha intimidade com o Deus vivo.. Não podemos divorciar a pregação da oração. Não tinha ouro nem prata. Uma igreja comprometida com a oração (At 2.42. Essa igreja espera a intervenção divina. 2:1-4). Essa igreja não possuia tanto prestígio político. e é pela prática do amor que o mundo nos conhecerá como discípulos de Cristo. pode haver tudo não há igreja do Senhor Jesus. Numa sociedade onde os conflitos estão presentes nas famílias. . a igreja de Cristo precisa ser a resposta. 5. Oh que Deus nos desperte para sermos uma igreja comprometida com a oração. ouvesse a sua voz. portas para o evangelho eram escancaradas e a palavra de Deus prevalecia. Essa igreja aconhia com amor a todos que chegavam e ao mesmo tempo era simpática com os de fora.47) Havia reverência e temor na igreja primitiva. Quando a igreja orava os presos eram soltos. 2: 43. Uma igreja que adora a Deus com entusiasmo (At. 4. instituições públicas e provadas.