Bem estar animal

A ciência do bem-estar animal evolui e com ela o conceito das 5 liberdades. Atualmente são
consideradas: 1. Livre de fome e sede; 2. Livre de desconforto;3. Livre de dor, ferimentos e
doenças;4. Livre de medo e angústia; 5. Livre para expressar seu comportamento natural.

Além disso, foram desenvolvidos códigos de boas práticas de manejo dos animais pelo Farm
Animal Welfare Council.

O bem-estar pode ser mensurado por meio de indicadores. A avaliação do bem-estar dos
animais deve contemplar 3 esferas: 1) física (questões de saúde, condição corporal, ausência de
lesões e ferimentos), 2) mental (as emoções, sensações e sentimentos) e 3) comportamental
(expressão do comportamento natural.

A avaliação das necessidades fisiológicas (como agua, alimentação adequada),
comportamentais (expressão do comportamento natural), imunológicos (estresse afetando o
estado imune dos animais) e indicadores produtivos podem ser utilizados como ferramenta de
avaliação do grau de bem-estar dos animais.

A implementação do bem-estar pode trazer maior eficiência na produção e valorização dos
animais e dos produtos.
http://amvebbea.com.br/bem-estar-animal/bem-estar-de-animais-de-producao-alem-de-uma-
exigencia-de-mercado-uma-necessidade-intrinseca-dos-animais/