You are on page 1of 2

XIX SIMPÓSIO REFORMADO OS PURITANOS

A ESPERANÇA DO CRISTÃO
Dia 06 de Julho de 2010
Palestra: Em Busca da Esperança II (Lm 3)
Palestrante: Dr. Don Kistler
Resumo: Marcel Mattos Tavares

I. Lm 3.22 – “As misericórdias do Senhor são a causa de não sermos
consumidos, porque as suas misericórdias não tem fim”

Jeremias faz uma mudança importante. Ele para de focar em si mesmo e passa a falar a respeito de
Deus. Ele começa a dar ao “barco” de sua vida, que estava afundando, um rumo diferente. Ele
começa a pensar como as coisas poderiam ser ainda piores. A pergunta de nossas vidas não deveria
ser: Por que as coisas estão tão difíceis? Mas sim: Por que minha vida não é muito pior? Somos
pecadores e merecíamos a morte, mas Deus pela sua misericórdia ainda nos dá momentos de
alegria e não nos trata segundo o que merecemos (Sl 103.10).

a) Sl 108.4 – A misericórdia do Senhor é grande acima dos céus. As misericórdias do Senhor
são infinitas.

b) Sl 136 (final de cada versículos). A sua misericórdia dura para sempre. Ela é infinita.

Promessas do Senhor ( sua misericórdia dura para sempre)

c) Is 55.7 - A boa notícia é que não importa o grau e a culpa do pecado, há misericórdia para
todos. Deus tem um ódio infinito contra o pecador. O pecado nos coloca a uma distancia
infinita do Deus Santo infinito. E se não fosse pela sua misericórdia, que também é infinita,
estaríamos perdidos.

d) Sl 89. 30-32 – O castigo do Senhor contra o pecador

e) Sl 89.33 – O Senhor mesmo assim não retirará sua bondade, pois ele é fiel em suas
promessas.

f) Ex 34.6 – O Senhor Deus é cheio de compaixão, misericórdia, longanimidade e fidelidade.
Deveríamos exaltar o Senhor em nossos louvores, não exaltar a nós mesmos. Deveríamos esperar
no Senhor porque Ele é misericordioso.

O homem é incapaz de conceber em sua mente este grande atributo de Deus

I Co2.9 - O Apóstolo Paulo disse que nossos sentidos são incapazes de pensar sobre o amor e a
misericórdia do Senhor

II. Lm 3.23 - “renovam-se a cada manhã. Grande é a tua fidelidade.”

Se estamos vivos é por causa das misericórdias do Senhor. A redenção é obra da sua misericórdia.

a) Is 49.15-16 - Suas misericórdia não tem fim elas renovam-se cada manhã. Deus está mais
disposto a nos perdoar do que nós em pedirmos perdão. Deus não pode mudar ele não volta em suas
afirmações. Então suas compaixões não podem mudar. Ele jamais se esquece das suas afirmações e
não muda seu caráter .
b) Jo 17.23 - Jesus em sua oração sacerdotal ora somente pelos escolhidos. O Seu amor é para
apenas os escolhidos. Todas as promessas de Deus são somente para os escolhidos.

c) Jo 17.26 – O amor com que o Pai ama o Filho é o mesmo com que ama a si mesmo. E o Pai
ama os seus escolhidos tanto quanto ama a si mesmo.

d) Jr 2 – O que surge da fonte tem que ser consistente com a fonte. As misericórdias do Senhor
nunca secam é uma fonte inesgotável. Todos os dias começamos com a dívida paga em relação ao
nosso pecado.

Ninguém está aqui encorajado a pecar, o que tem que ficar em foco é que as misericórdias do
Senhor são maiores que a nossa capacidade de pecar. As promessas da compaixão do Senhor não
depende de nós, mas de Deus. Elas não dependem das nossas obras senão estaríamos em uma
situação muito ruim. Deus ficou satisfeito por aquilo que Cristo fez e por causa disto, se é que
estamos em Cristo, Ele está satisfeito conosco.

Related Interests