DESENHO PROJETIVO

Profa. Gisele Chaves
Prof. Glaydston Ribeiro

PROJEÇÃO 
Nos desenhos projetivos, a representação de qualquer objeto ou figura será
feita por sua projeção sobre um plano. 
A Figura a seguir mostra o desenho resultante da projeção de uma forma
retangular sobre um plano de projeção. 
Os raios projetantes tangenciam o retângulo e atingem o plano de projeção
formando a projeção resultante.

Projeção 
Como os raios projetantes, em relação ao plano de
projeção, são paralelos e perpendiculares, a projeção
resultante representa a forma e a verdadeira grandeza
do retângulo projetado. 
Este tipo de projeção é denominado Projeção Ortogonal
(do grego ortho = reto + gonal = ângulo), pois os raios
projetantes são perpendiculares ao plano de projeção.

Projeção

Superfície Superfície As arestas resultantes
paralela ao plano perpendicular ao das interseções de
de projeção plano de superfícies são
projeção representadas por
linhas

por ser a representação mais fiel à forma do modelo. Projeção  Em desenho técnico. projeção é a representação gráfica do modelo feito em um plano.  Existem varias formas de projeção. mas a ABNT adota a PROJEÇÃO ORTOGONAL. .

. é necessário conhecer os seguintes elementos: O OBSERVADOR (ou Centro de Projeção). . que a Linha projetante é perpendicular ao Plano de Projeção. e o PLANO DE PROJEÇÃO. Unindo perpendicularmente os três planos junto com o modelo. tem-se a projeção em três planos. Estas projeções são chamadas VISTAS. como é feita a projeção. o MODELO (ou Objeto). PROJEÇÃO ORTOGONAL Para entender.  Observe.

PROJEÇÃO ORTOGONAL REBATIMENTO dos três planos de projeção:  Quando se tem a projeção ortogonal do modelo. o modelo não é mais necessário e assim é possível rebater os planos de projeção. .

 Observação: As linhas projetantes auxiliares não aparecem no desenho técnico do modelo. que o plano da Vista Frontal fica fixo e que os outros dois planos de projeção giram um para baixo e outro para a direita. . as vistas do modelo aparecem sem os planos de projeção. São linhas imaginarias que auxiliam no estudo da teoria da projeção ortogonal. PROJEÇÃO ORTOGONAL  Agora imagine.  Na prática. As linhas projetantes auxiliares indicam a relação entre as vistas do desenho técnico.

.

.

VISTA LATERAL ESQUERDA e VISTASUPERIOR. . tem-se as projeções da peca formadas pela VISTA FRONTAL. PROJEÇÃO ORTOGONAL  Na figura anterior.  Observação: Normalmente a vista frontal é a vista principal da peca. As distancias entre as vistas devem ser iguais e proporcionais ao tamanho do desenho.

. Entretanto. PROJEÇÃO ORTOGONAL  Cada diedro é a região limitada por dois semiplanos perpendiculares entre si. alguns países.  No Brasil. Os diedros são numerados no sentido anti-horário  A maioria dos países adotam a projeção ortográfica no 1o diedro. a ABNT recomenda a representação no 1o diedro. representam seus desenhos técnicos no 3o diedro. como por exemplo os Estados Unidos e o Canadá.

semiplano vertical superior  SPVI .semiplano horizontal posterior .semiplano vertical inferior  SPHA .PROJEÇÃO ORTOGONAL  SPVS .semiplano horizontal anterior  SPVP .

PROJEÇÃO ORTOGONAL .

tem-se as projeções da peca formadas pela VISTA FRONTAL.  Observação: Normalmente a vista frontal é a vista principal da peca. VISTA LATERAL ESQUERDA e VISTASUPERIOR. . As distancias entre as vistas devem ser iguais e proporcionais ao tamanho do desenho. PROJEÇÃO ORTOGONAL  Na figura anterior.

PROJEÇÃO ORTOGONAL A projeção ortográfica no primeiro diedro: imagine vendo a peça a partir de um dos lados do cubo. O desenho da vista será feito no lado oposta em que você se “localiza” .

 O desenho da vista será feito no mesmo lado em que você se “localiza”. . No terceiro diedro: imagine vendo a peça a partir de um dos lados do cubo.

. PROJEÇÃO ORTOGONAL  O conceito de vistas é aplicado para todos os seis lados possíveis do “cubo”.

as projeções ortogonais são utilizadas para representar as formas tridimensionais através de figuras planas. um paralelepípedo e um prisma de base triangular:  Retângulos!!! . Projeção de um cilindro. Como Utilizar Projeções Como os sólidos são constituídos de várias superfícies.

Como Utilizar Projeções Mostrando outra dimensão: olhando os sólidos por outro lado! .

. às representações dos três sólidos vistos por posições diferentes. Como Utilizar Projeções Olhando para cada um dos pares de projeções ortogonais e sabendo que eles correspondem. respectivamente. pode-se obter a partir das figuras planas o entendimento da forma espacial de cada um dos sólidos representados.

.Vistas em Projeções VISTAS são as projeções resultantes nos planos ortogonais.

desenhadas em um único plano. O que visualizamos nas vistas  Os desenhos resultantes das projeções nos planos vertical e horizontal resultam na representação do objeto visto por lados diferentes e as projeções resultantes. .  Na projeção feita no plano vertical aparecem o comprimento e a altura do objeto e na projeção feita no plano horizontal aparecem o comprimento e a largura do mesmo objeto. representam as três dimensões do objeto.

podem não ser suficientes para representar a forma do objeto desenhado. apesar de representarem as três dimensões. pode-se concluir que duas vistas.Problemas em uma projeção PROBLEMA: Duas projeções apenas as vezes não são suficientes! Veja o Prisma ao lado! Assim sendo. .

. resultando em três vistas da peça por lados diferentes. A Figura abaixo mostra a utilização de um plano lateral para obtenção de uma terceira projeção. Terceira Projeção  A representação das formas espaciais é resolvida com a utilização de uma terceira projeção.

.

 Observe que não existe mais indefinição de forma espacial. cada conjunto de vistas corresponde somente à uma peça. resultantes das projeções ortogonais. Ou seja. apesar de estarmos vendo desenhos planos (bidimensionais). . em cada vista há uma profundidade. se entenda (visualize) a forma espacial do objeto representado. não visível.  Os desenhos da Figura a seguir mostram as três vistas das quatro peças que anteriormente haviam sido representadas por somente duas vistas. Projeções  A manutenção das mesmas posições relativas das vistas permite que a partir dos desenhos bidimensionais. que determina a forma tridimensional da peça representada. nas projeções ortogonais.  É importante considerar que cada vista representa a peça sendo observada de uma determinada posição.

.

.

. nos desenhos abaixo faça a identificação dos planos que compõem as formas espaciais das peças dadas e analise seus rebatimentos nas vistas correspondentes. Exercício 1  Visando melhorar o entendimento das projeções ortogonais.

Exercício 2 Faça as projeções indicadas nas 3 peças a seguir. .

. Representação de Arestas Ocultas  Como a representação de objetos tridimensionais. é feita por vistas tomadas por lados diferentes. dependendo da forma espacial do objeto. algumas de suas superfícies poderão ficar ocultas em relação ao sentido de observação. por meio de projeções ortogonais.

as arestas que estão ocultas em um determinado sentido de observação são representadas por linhas tracejadas. Nestes casos. espaçados de um terço de seu comprimento e levemente mais finas que as linhas cheias. enquanto a superfície “B” está oculta quando a peça é vista por cima (direção 2). .  As linhas tracejadas são constituídas de pequenos traços de comprimento uniforme. Representação de Arestas Ocultas  A superfície “A” está oculta quando a peça é vista lateralmente (direção 3).

. porque a visualização da forma espacial é muito mais fácil mediante as linhas cheias que representam as arestas visíveis.Deve-se procurar evitar o aparecimento de linhas tracejadas.

. Linhas Tracejadas  As linhas tracejadas podem ser evitadas invertendo-se a posição da peça em relação aos planos de projeção (mudar a posição da vista de frente).

.

faça a identificação dos planos que compõem as formas espaciais das peças dadas e analise seus rebatimentos nas vistas correspondentes. Exercício 3  Nos desenhos abaixo. .

 Esboçar. trabalhando simultaneamente nas três vistas. . com traço muito leve e fino o lugar de cada projeção.  A escolha da distância entre as vistas é importante porque.  Desenhar os detalhes resultantes das projeções ortogonais. de modo que não apareça ou que apareça o menor número possível de linhas tracejadas. vistas excessivamente próximas ou excessivamente afastadas umas das outras. Recomendações para desenhar à mão livre as projeções ortogonais  Analisar previamente qual a melhor combinação de vistas que representa a peça. observando que as distâncias entre as vistas devem ser visualmente iguais.  Conferir cuidadosamente o desenho resultante. tiram a clareza e dificultam a interpretação do desenho.  Com o mesmo traço (contínuo e forte) acentuar em cada vista os detalhes visíveis.  Apagar as linhas de guia feitas no início do desenho. com traço médio. as linhas tracejadas correspondentes às arestas invisíveis.  Desenhar em cada vista.  Reforçar com traço definitivo (traço contínuo e forte) os contornos de cada vista.

Exercício 3 .

faça o esboço das projeções ortogonais . Exercício 4  Nos desenhos abaixo.

Representação de Superfícies Inclinadas  1 – Quando a superfície é perpendicular a um dos planos de projeção einclinada em relação aos outros planos de projeção. .

 Nos outros dois planos a superfície inclinada mantém a sua forma. . mas sofre alteração da verdadeira grandeza em uma das direções da projeção resultante. Representação de Superfícies Inclinadas  A projeção resultante no plano que é perpendicular à superfície inclinada será um segmento de reta que corresponde à verdadeira grandeza da dimensão representada.

Representação de Superfícies Inclinadas .

Representação de Superfícies Inclinadas  2 – Superfície Inclinada em Relação aos Três Planos de Projeção .

contudo. Representação de Superfícies Inclinadas  As projeções resultantes nos três planos de projeção manterão a forma da superfície inclinada. não corresponderão à sua verdadeira grandeza. .

Representação de Superfícies Inclinadas .

faça o esboço das projeções ortogonais . Exercício 5  Nos desenhos abaixo.

.

.

enquanto nos outros dois planos a projeção resultante é um segmento de reta. Representação de Superfícies Curvas  Observe que no plano paralelo à superfície. a projeção resultante mantém a forma e a verdadeira grandeza do círculo. cujo comprimento corresponde ao diâmetro do círculo. .

.

.

Exercício 6  No desenho abaixo. faça o esboço das projeções ortogonais .

Exercício 6 .