Oh Quitéria

,
Eu vim na encruza, só pra lhe chamar.
Oh Quitéria,
Dona da noite, venha me ajudar.

Meu caminho é, longo cheio de espinhos
Não me permita caminhar sozinho.
Se na longa jornada, estou de pé
O que me sustenta minha Rainha é seu Axé.

Oh Quitéria,
Eu vim na encruza, só pra lhe chamar.
Oh Quitéria,
Dona da noite, venha me ajudar.

Eu não peço amor, e nem dinheiro.
Quero poder andar, neste mundo sem medo.
Seu perfume de rosa, é uma prova de amor
Sei que não estou sozinho nos caminhos que
eu vou.

Oh Quitéria,
Eu vim na encruza, só pra lhe chamar.
Oh Quitéria,
Dona da noite, venha me ajudar.