You are on page 1of 2

Programa de História Contemporânea I

FFLCH – USP- Departamento de História
Prof. Dr. Lincoln Secco
Período: Vespertino e Noturno

1. Apresentação do curso - 16/17 março
2. Historiografia da Revolução Francesa - 23/24 março
Texto: Adam Schaff / Documento: Marx, Prefácio de 1859
3. Clausewitz e as Guerras Napoleônicas - 30/31 março
Texto: Clausewitz. Tolstoi, Guerra e Paz
4. Marx e a Revolução Francesa - 06/07 abril
Texto: O 18 Brumário.
Semana Santa / Tiradentes
5. 1848: Primavera dos Povos - 27/28 abril.
Texto: Tocqueville, Lembranças de 1848; Blanqui, Instruções
6. A Guerra Franco – Prussiana – 04/05 maio
Texto: Lenin, Estado e a Revolução, cap.III; Martov (Marx, Lenin e a comuna de
Paris); Marx Guerra civil na França; Lehning, pp. 41-82
7. O Nacionalismo e a Guerra Europeia, 1914-1918 - 11/12 maio
Texto: Luciano Canfora, 1914. Documento: Ludendorf.
8. Prova - 18/19 maio
9. Historiografia da Revolução Russa - 25/26 maio
Textos: R. Luxemburg, A Revolução Russa
10. A Derrota das Revoluções Alemã e Italiana e o Komintern - 1/2 junho
Texto: Gramsci, Espontaneidade e Direção Consciente. Rosa, Questões Táticas
11. A Leitura de Kissinger sobre Revolução e Restauração - 08/09 junho
Texto: Kissinger, O Mundo Restaurado
Corpus Christi
12. Fechamento 22-23 junho

Métodos:
Aulas expositivas e discussão de textos.

Critério de Avaliação:
Prova escrita sem consulta em sala de aula

Rio de Janeiro: Zahar. Século XIX: Apogeu da Civilização Européia. A Última Razão dos Reis. 2010. trd. Guerra Civil na França. Marx. Kissinger. São Paulo: Abril Cultural (coleção Os Pensadores). Hobsbawm. Rio de Janeiro. São Paulo. Abril Cultural. Historia de la civilizacion en Europa. F. Marxismo y anarquismo en la Revolución Rusa. Tolstoi. Secco. Mayer. São Paulo. G. 2011. São Paulo. São Paulo. Marx. Lehning. Robert. “Teses sobre a Comuna”. Leandro Konder. R. Janine Ribeiro. Guerra e Paz. L.Recuperação: Fichamentos manuscritos de todos os textos do curso. Companhia das Letras. Gabriel Zacarias. Utopia Libertária. São Paulo. Cosac Naify. n. História da Comuna de 1871. 1987. E. Companhia das Letras. Acumulação de Capital. 9. Guizot. 2004. São Paulo. Livraria José Olympio. Da Guerra. 1973. 18 Brumario de Luis Bonaparte. Edusp. K. Lembranças de 1848. Furet. Ensaio. in Obras. 9. 2013. n. Luxemburg. Lissagaray. Paris: Felix Alcan. Buenoa Ayres. Martins Fontes. P. Rubens Figueiredo. São Paulo. “O teatro da política”. Tocqueville. C. A. trabalho comparativo dos livros “18 Brumário” (Marx) e “Lembranças de 1848” (Tocqueville). Debord. Clausewitz. 2001. A. 1966. Itatiaia. Madrid: Alianza Ed. A. Kotànyi. R. São Paulo. Paulo: Boitempo. A força da tradição: a persistência do antigo regime: 1848-1914. 2011. Temístocles Linhares. São Paulo: Companhia das Letras. A. trabalho comparativo dos livro Era das Revoluções (Hobsbawm) e O Mundo Restaurado (Kissinger). 1989. Ecos da Marselhesa. Mouro. F. Trad. 1995. 2014. S. O Mundo Restaurado. P. 1931. 2 ed. R. São Paulo: Difel. Renouvin. Mouro. São Paulo. G. Vaneigem. 2002. “Bola de Sebo“ trad. Maupassant. L. L. . K.. Trabalhos podem ser digitados e cada um deve ter em média 5 páginas. Marx e a Revolução Francesa. Bibliografia Básica: Canfora. Belo Horizonte. 2013. 1914. 1969. La crise européene et la grande guerre (1904-1918). Historia Geral das Civilizações. São Paulo. Schnerb. 2 vols. Companhia das Letras. trad. 1983.