You are on page 1of 8

ELETRICIDADE APLICADA

Profa. Belkys Gonçalves Bittencourt, M.E.

LUMINOTÉCNICA – CONCEITOS E PROJETO

Tabela Comparativa de Lâmpadas
Eficiência Vida
TCC IRC
Lâmpada Luminosa útil
[Kelvin] [%]
[lúmen/watt] [horas]
Incandescente
2700K 90 10 a 14 lm/W 1000h
Comum
Incandescente
Halógena
2800 a
(dicróicas, PAR, 100 20 a 30 lm/W 2000h
3000K
refletor de
alumínio)
Fluorescente 3000 a 70 a
70 a 100 lm/W 10000h
Compacta 6500K 90
2700 a
LED 100 Até 100 lm/W 25000h
6500K

1 - TCC – temperatura de cor correlata, expressa em Kelvin, é a temperatura de cor da luz que a
lâmpada gera.
Quando acendemos uma lâmpada ela gera uma luz que pode possuir uma cor mais azulada, ou mais
amarelada, isso tem a ver com a temperatura de cor.
Se queremos iluminar um ambiente de maneira aconchegante, a temperatura de cor deve ser baixa (entre
2700 e 2800K – luz mais amarelada), se temos um ambiente laboral a temperatura de cor deve ser mais
alta (a luz pode ser mais azulada, assim ficamos mais “alertas” – aproximadamente 5000K), se o ambiente
é utilizado como uma sala de espera teremos uma cor neutra de luz (3000 a 4000K, que gera uma luz
branca, que salienta de forma igual todas as cores do ambiente, e é bastante confortável).

2 - IRC – índice de reprodução de cor é o parâmetro que mostra um valor percentual que mostra o
quanto a cor dos objetos se mantém iguais quando iluminadas por tal fonte luminosa.

3 - Eficiência Luminosa – mostra quanto de luz é gerada, de acordo com a quantidade de energia
elétrica que é consumida pela lâmpada, em outras palavras, quanto maior for essa relação, mais
econômica é a lâmpada. Isso faz com que nossa conta de energia diminua seu valor, pois gastaremos
menos watts para conseguirmos obter o “mesmo nível de luz”.

Temos que pensar também nos equipamentos de refrigeração, por exemplo uso de ar
condicionados: outra desvantagem das lâmpadas incandescentes é a geração de calor, ou seja, a
lâmpada incandescente gera muito calor para produzir luz e isso faz com que tenhamos que utilizar
equipamentos de refrigeração para retirar esse calor produzido, em outras palavras, estamos gastando
energia para iluminar e para resfriar os ambientes. O que aumenta mais ainda nossa conta de energia no
verão. As Fluorescentes e as LED não geram calor, fazendo com que não precisemos utilizar
equipamentos de refrigeração para eliminar o calor produzido pelas mesmas.
Por enquanto a única desvantagem das lâmpadas de LED é seu custo elevado, o que vai ser contornado
com o tempo, já que teremos maior divulgação da tecnologia.

As características de especificação das lâmpadas (essas acima) são apresentadas nas caixinhas das
lâmpadas, e são certificadas pelo IHMETRO, portanto, se soubermos entender o que essas características
significam, melhores serão nossas escolhas para cada tipo de ambiente que queremos iluminar.

ELETRICIDADE APLICADA - 2015/2 - LUMINOTÉCNICA Página 1/8

LUMINOTÉCNICA Página 2/8 . MÉTODO DOS LÚMENS Dados Necessários para o Desenvolvimento do Projeto  Dimensões do recinto a ser iluminado  Altura de montagem das luminárias  Acabamento do recinto: teto. Belkys Gonçalves Bittencourt. para utilizar tabelas de luminárias  O Fator de Utilização está na intersecção das colunas com refletâncias do recinto e linha do índice do local (calculado anteriormente) Índices de Refletância  As refletâncias se referem as cores ou texturas do teto.  para cor média 30%. ELETRICIDADE APLICADA Profa. ELETRICIDADE APLICADA . parede e piso  Tipo de lâmpada e luminária escolhidas  Determinação do nível de iluminância adequado Índice do Local Fator de Utilização  Dado de tabela. para cada luminária. M.  para cor clara 50%.  O piso geralmente é admitido com sendo de 10 ou 20% nos catálogos dos fabricantes. o nível de iluminância não deve ser menor que o recomendado pela norma. ou utilizando o QUADRO 6  Temos que ter conhecimento sobre os revestimentos do recinto.  para cor escura 10%.E. paredes e piso.  Para cor branca adota-se 70%.  Para as texturas não há uma regra definitiva e o seu valor percentual é função do grau de absorção da luz. Com o uso.2015/2 . Fator de Depreciação ou de Perdas Luminosas  Tem a ver com a limpeza das lâmpadas ou sua depreciação.

2015/2 .9. já que a lâmpada queimada será trocada imediatamente. Belkys Gonçalves Bittencourt. Nível de Iluminância Recomendado  E= [lux] – obtem-se este dado na NBR 5413 Quantidade de Luminárias para atingirmos o nível de iluminamento pretendido ELETRICIDADE APLICADA .LUMINOTÉCNICA Página 3/8 . ELETRICIDADE APLICADA Profa.  Para residências considera-se FD=0.E. M.

ELETRICIDADE APLICADA Profa.2015/2 . M.LUMINOTÉCNICA Página 4/8 .E. Tabelas para Fator de Utilização – dependendo do sistema de iluminamento utilizado (os valores apresentados nas tabelas a seguir devem ser divididos por cem) ELETRICIDADE APLICADA . Belkys Gonçalves Bittencourt.

E. ELETRICIDADE APLICADA Profa. M.2015/2 . ELETRICIDADE APLICADA .LUMINOTÉCNICA Página 5/8 . Belkys Gonçalves Bittencourt.

LUMINOTÉCNICA Página 6/8 . ELETRICIDADE APLICADA Profa. Belkys Gonçalves Bittencourt. M. ELETRICIDADE APLICADA .E.2015/2 .

M. Belkys Gonçalves Bittencourt.E. ELETRICIDADE APLICADA Profa.LUMINOTÉCNICA Página 7/8 .2015/2 . ELETRICIDADE APLICADA .

ELETRICIDADE APLICADA Profa.E. Belkys Gonçalves Bittencourt.teto de concreto No processo produtivo a indústria necessita de um nível de iluminamento de 600 lux.Um prédio industrial precisa ser iluminado. M.paredes de tijolo a vista .95 X pé direito. . ELETRICIDADE APLICADA . As tarefas visuais têm em geral contraste elevado. .largura do prédio:21m. As mesas de leitura estão a 80 cm do piso e as luminárias podem ser do tipo embutido no teto.5 m. nele se fabricam equipamentos muito volumosos. Dados da Sala - Comprimento C = 16 m.exemplos 1 . . Alturas: Plano das luminárias PL= 0 m. Trata-se ainda de um ambiente que exige concentração com conforto luminoso. O afastamento máximo entre luminárias é igual a 0. Plano de trabalho PT = 0.bancada de trabalho: 65cm.5 m.Sala de Leitura de uma Biblioteca:Trata-se de um recinto que exige uma iluminação adequada para leitura e apontamentos.pé direito: 8m.2015/2 .LUMINOTÉCNICA Página 8/8 . uma temperatura de cor da ordem de 4000 K e um índice de reprodução de cor de 85% (mínimo).8 m. Determine o número de lâmpadas e de luminárias a serem instaladas neste prédio e represente a disposição das luminárias na planta baixa. PROJETOS . Largura L = 10 m Pé direito PD = 3.comprimento do prédio: 84m. . mas a reprodução de cores é importante. e não pode ter reprodução de cores parcial. isto é. Refletâncias: teto  = 70 % paredes  = 40 % piso  = 10 % 2 . e a altura de montagem não pode ser inferior a 6. A indústria está instalada num prédio com as seguintes características: . A manutenção das luminárias a cada seis meses prevê a troca das lâmpadas queimadas e a sua limpeza.