You are on page 1of 2

Exmo. Sr. Juiz do Trabalho da Vara do Trabalho de Contagem/MG.

Montagem ................., pessoa jurdica inscrita no


CNPJ n .................., estabelecida na rua .............., n .......,
Bairro .................., Contagem/MG, vem presena de V. Exa., por seus
procuradores, para propor a presente AO DE CONSIGNAO EM
PAGAMENTO contra MARTA ............, brasileira, solteira, inscrita no CPF
sob o n ......................, CTPS .................., CI MG- ............, residente na
Rua ................., n ..........., bairro .............., Mariana/MG, CEP .............,
pelos fatos e fundamentos a seguir expostos:

1. A consignada foi admitida pela consignante em 03


de abril de 2006, para exercer a funo de auxiliar administrativo,
recebendo, a ttulo de remunerao no ltimo ms trabalhado, a quantia de
R$ 450,00. No dia 08 de junho de 2006, foi pr-avisada da dispensa.

2. Na data da realizao do acerto rescisrio, a


consignada no apareceu na Empresa. Ressalta-se que a consignante enviou
telegrama de aviso, marcando data e hora para comparecimento da
consignada na Empresa a fim de promover o acerto rescisrio e conseqente
baixa na CTPS.

3. Importante salientar, ainda, que a consignante


depositou na conta poupana da consignada o valor relativo passagem
para que a mesma pudesse comparecer sede da Empresa, que se localiza
em Contagem para a realizao do acerto rescisrio.
4. Em razo do no comparecimento da consignada,
a consignante v-se obrigada a promover a presente ao, a fim de liberar-se
do pagamento que tem a fazer, obtendo quitao pelo extinto contrato de
trabalho, na forma do art. 895, do CPC.

5. Como se trata de dispensa sem justa causa, faz


jus s frias proporcionais + abono de 1/3, 13 salrio 1/12, saldo de salrio
de 12 dias ref. maro/2013, salrio-famlia. O FGTS encontra-se
rigorosamente depositado.

6. Dessa forma, requer a V. Exa., que se digne em


determinar a citao do Consignatrio, no endereo constante no prembulo
desta, para comparecer audincia a ser designada por V. Exa., declarando-
se final extinta a obrigao da consignante.

A consignante deposita disposio de V.Exa., o


valor devido de R$ 193,48 (cento e noventa e trs reais e quarenta e oito
centavos) e faz a juntada da cpia das guias de TRCT, eximindo-se a
Consignante de qualquer multa ou mora, devendo a ao prosseguir nos
seus trmites regulares at final sentena, quando ser julgada procedente,
com sua liberao pelo pagamento dos direitos rescisrios e condenao do
consignado nas custas do processo.

Requer provar o alegado pelos meios habituais


permitidos em Direito.

D-se causa o valor de R$ 193,48 (cento e noventa


e trs reais e quarenta e oito centavos), para efeitos fiscais.

Termos em que,

P. Deferimento.

Belo Horizonte, 13 de maro de 2.013.