Ministério da Educação

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ
Campus Ponta Grossa

PLANO DE ENSINO
CURSO Tecnologia em Automação Industrial MATRIZ 7

Lei nº 9.394 de 20/12/1996. Decreto nº 5.154 de 23/07/2004. Portaria Ministerial n° 3.637,
FUNDAMENTAÇÃO publicado no D.O.U. de 20/12/2002. Portaria Ministerial nº 124, publicada no D.O.U. de
LEGAL 09/11/2006. Autorização dada pela Resolução nº 09/99-COENS, de 18/01/1999.
Adequação Curricular dada pela Resolução nº 26/05-COENS de 11/03/2005.

DISCIPLINA/UNIDADE CURRICULAR CÓDIGO PERÍODO CARGA HORÁRIA(horas)
Total
Informática Aplicada AI32B 2
112

PRÉ-REQUISITO Não há.
EQUIVALÊNCIA Não há.

OBJETIVOS
Utilizar técnicas e recursos de informática aplicada.

EMENTA
Compreender arquiteturas e sistemas operacionais de computador; implementar programas de computador;
projetar placas de circuito impresso com auxilio de computador; simular circuitos eletrônicos analógicos e
digitais.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO
ITEM EMENTA CONTEÚDO
- Placa-mãe.
- Microprocessadores.
- Memórias.
- Placas controladoras de I/O.
- Placas de vídeo.
- Monitor.
- Dispositivos de armazenamento.
Compreender arquiteturas e sistemas - Teclado, mouse e impressora.
1 - Modelos de sistemas digitais.
operacionais de computador.
- Modelo de um sistema de computação.
- Arquitetura física de sistemas computacionais.
- Conceitos básicos de arquitetura: modo de endereçamento,
tipos de dados, conjunto de instruções e chamadas de sub-
rotina e tratamento de execuções.
- Sistemas operacionais e seus comandos básicos.
- Aplicativos.
- Programação estruturada.
- Modularização.
- Algoritmos: conceitos e representação.
- Linguagem de programação.
- Compilador: descrição do ambiente e técnicas de execução
passo a passo.
- Variáveis e constantes.
- Estrutura de seleção.
2 Implementar programas de computador - Estruturas de repetição.
- Operadores aritméticos e precedência.
- Operadores lógicos e relacionais.
- Estruturas de dados.
- Entrada e saída pelo console.
- Funções.
- Entrada e saída através de arquivos.
- Sintaxe da linguagem: estrutura de programas.
- Diretivas do pré-processador.

Porto Alegre: EDISA. PROCEDIMENTOS DE AVALIAÇÃO Serão realizadas 2 provas escritas correspondendo a 60% da nota final. Projetar placas de circuito impresso com . MELO. RITCHIE. Herbert. 3. 4. .Verificação das placas de circuito impresso quanto às regras elétricas e de projeto.Ambiente de trabalho.Recursos. . Rio de Janeiro: LTC. Gabriel.Roteamento manual e automático de placas de circuito impresso. DAVIS. WinBoard & WinDraft for Windows. 2. REFERÊNCIAS Referências Básicas: GUIMARÃES. .Encapsulamentos de componentes eletrônicos.. 3 . . ed. e atual. Serão avaliadas as APS (que serão listas de exercícios ao final de cada tópico da disciplina) correspondendo a 10% da nota final. 1998 162 p. Dennis M. químicos e mecânicos relacionados à confecção de placas de circuito impresso. Rio de Janeiro: Campus.Tipos de placas de circuito impresso.Materiais elétricos.Bibliotecas disponíveis.. Algoritmos e estruturas de dados. Rio de Janeiro: Axcel Books. . ed. Análise e projeto de sistemas: uma abordagem estruturada. Referências Complementares: TORRES. a linguagem de programação. . São Paulo: Érica.Programa utilizado no projeto de placas de circuito impresso. Rio de Janeiro: LTC. RIBEIRO. correspondendo a 30% da nota final. 1994. . . 4. 827 p. William S. 208 p SCHILDT. 1398 p. KERNIGHAN. PROCEDIMENTOS DE ENSINO AULAS TEÓRICAS Aula Expositiva – dialogada com utilização de recursos audiovisuais e fotocópias. .Edição de diagramas esquemáticos. . Marcos Wesley de Amorim. 4 digitais.Programa de simulação. 1990-1997. AULAS PRÁTICAS Não possui.1996-2001. . + CD-ROM. 378 p. 1986-1988. ed. com uma prova de recuperação para cada avaliação ao final do semestre. C. Ângelo de Moura. _______________________________________________________________________ Assinatura e carimbo do Coordenador . Newton Alberto de Castilho. com apresentação em sala de aula para debate com os demais alunos.Ambiente de trabalho. Hardware: curso completo. . ed. Será realizado um trabalho em grupo de até 2 alunos.Bibliotecas disponíveis.Normas técnicas. São Paulo: Makron. José Altino Tupinambá.Simbologia utilizada na representação de componentes eletroeletrônicos e mecânicos. Brian W. . C. . .Layout de placa de circuito impresso. LAGES. rev. 216p. 1985-2008.Simulação de circuito eletrônico. completo e total.Projeto de placa de circuito impresso. auxilio de computador. Simular circuitos eletrônicos analógicos e .