You are on page 1of 4

MOVIMENTO RETILÍNEO UNIFORME

OBJETIVO
Esta experiência tem por objetivo o estudo do comportamento do
deslocamento e da velocidade em função do tempo no M.R.U. através da
construção e interpretação dos seus gráficos horários.
FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA
O movimento de um móvel é retilíneo e uniforme quando sua trajetória é
reta e a velocidade é constante. Sua equação é X = X0 + Vt, onde X é a posição
final, X0 é a posição inicial, V é a velocidade média e t é o instante final.
Estudaremos o movimento retilíneo uniforme de um carrinho andando sobre
uma pista reta. Esta pista possui uma régua na sua lateral, que permite a leitura
das posições assumidas pelo carrinho, em relação ao referencial escolhido.
Lembre-se que a posição inicial do carrinho pode coincidir com o referencial; isto
depende da sua escolha. Um cronômetro elétrico permite a leitura do instante em
que o carrinho passa por uma determinada posição. Assim é possível calcular a
velocidade média entre dois instantes.
MATERIAL NECESSÁRIO
Trilho com acessórios
MONTAGEM
A montagem dessa experiência está mostrada a seguir. Por ser complexa,
você a encontrará armada.
Examine um pouco essa montagem. Em uma das extremidades da pista há
um eletroímã que, quando ligado, segura o carrinho em repouso.
Na outra extremidade existe uma roldana sobre a qual passa um fio preso
ao carrinho e a um pequeno peso (tipo de uma moeda). A finalidade desse
pequeno peso é de tirar o carrinho do repouso quando o eletroímã é desligado.
Peça ao seu professor orientações para trabalhar com esse equipamento.
CUIDADO! A pista está rigorosamente nivelada, portanto, evite as pancadas
na mesa e de mexer nos parafusos de nivelamento.
PROCEDIMENTO
1. Solte o carrinho, desligando o eletroímã. O cronômetro registra o
tempo para o carrinho percorrer uma certa distância. (Medir a distância)
2. Lance esses dados na tabela abaixo;
3. Repita o procedimento anterior e preencha toda a tabela.
X(m)

t1 (s)

t2 (s)

t3 (s)

T4 (s)

Média

tempo

Disciplina: Mecânica da Partícula Página 1


TAREFAS

1. Com os dados da tabela, construa Gráficos da Posição x Tempo ( X x t ) em


Papel Milimetrado , papel monolog e papel Dilog ;

2. Através do gráfico em papel milimetrado, determine a velocidade média


do carrinho;

3. Com os dados da tabela anterior, determine a velocidade média do


carrinho em cada intervalo. Lance os valores na tabela abaixo:

X(m)

t(s)

V(m/s)

4. Com os dados dessa tabela, faça o gráfico da velocidade em função do tempo,


V x t.;
5. No gráfico da velocidade, calcule a área da figura formada pela linha do gráfico e
pelo eixo dos tempos;
6. Compare o valor dessa área com o valor numérico do deslocamento do carrinho;
7. Monte a equação da posição em função do tempo;
8. Tire uma conclusão do experimento.

Disciplina: Mecânica da Partícula Página 2


MOVIMENTO RETILÍNEO UNIFORMEMENTE VARIADO

 OBJETIVOS
1. Determinar a aceleração e a velocidade inicial de um carrinho em movimento retilíneo
uniformemente variado: algarismos significativos.
2. Construir gráficos: posição, velocidade e aceleração, em função do tempo.
3. Interpretar os gráficos: análise dimensional, inclinação: derivada e integral: área abaixo de
uma curva

 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA

Um automóvel executa um movimento retilíneo uniformemente variado quando sua


trajetória é uma reta e sua aceleração é constante, quando escolhido um referencial. No
movimento retilíneo uniformemente variado as equações de movimento são:

at 2
a) da posição: X = X 0  V0 t  (01)
2

b) da velocidade: V  V0  at (02)

c) de Torricelli: V 2  V02  2ax (03)

 MATERIAL NECESSÁRIO

 Trilho com acessórios

 PROCEDIMENTO

1. Escolha sobre a pista uma posição tal como 0,05, 0,10 ou 0,15m como posição inicial S0 ,
na qual t = 0s, e determine o tempo necessário para o carrinho atingir as posições à frente
S1 , S2 , etc e complete a tabela . Escolha aleatoriamente os valores Si :
2. Regule a o trilho de ar com uma inclinação de 15º e através da inclinação da pista
podemos determinar a aceleração que será constante ( use: a = g.cos θ );
3. Faça o preenchimento da tabela abaixo com os valores encontrados no experimento;

Disciplina: Mecânica da Partícula Página 3


Medidas:

X(m) S0 S1 S2 S3 S4 S5 S6 S7

Valor escolhido

t1 (s) 0

t2(s) 0

t3(s) 0

Média 0

tempo: ti

Si  S0
Vm 
ti

V(m/s)

Eq.2

 TAREFAS (Apresente os cálculos)

1. Determine a Velocidade Média Vm do carrinho entre as posições S0 e Si a partir dos dados


tabelados e anote seu valor na tabela. Atenção para o valor de Vm no tempo t=0.
2. Com os dados da tabela, faça em papel milimetrado o gráfico velocidade média como
função do Tempo, ou seja, Vm x t.
3. A partir da equação (01) obtenha uma fórmula que relacione a velocidade média e o tempo.
Analise o gráfico, determine a aceleração média do carrinho e sua velocidade inicial V0.
4. Através da equação (02) e dos resultados do item anterior, determine o valor da velocidade
em cada tempo ti , completando a última linha da tabela.
5. Com os dados da tabela, levante o gráfico da velocidade em função do tempo, V x t.
6. No gráfico V x t qual a dimensão e o significado físico da inclinação e da área abaixo do
gráfico. Escolha um intervalo de tempo apropriado e determine o valor destas grandezas
físicas. Destaque no gráfico este intervalo de tempo. Compare com os valores
calculados/tabelados.
7. Faça o esboço dos gráficos da posição e da aceleração, em função do tempo. Faça um
resumo com a dimensão e o significado físico da inclinação e da área abaixo da curva em
cada gráfico.
8. Sempre podemos calcular a inclinação de uma reta em um gráfico pela “tangente“ ?

Disciplina: Mecânica da Partícula Página 4