You are on page 1of 1

A GUARDA

16 Motores 30 de Novembro de 2017

Coordenação:
Luis Celínio,
Pinto Moreira
e Nuno Antunes

Novo Audi A8
A primeira impressão diz tudo. O novo Audi A8 transpira luxo, presença,
qualidade, design a um nível que poucos alcançam. O segmento de luxo acaba
de ganhar forte concorrência, sobretudo ao nível tecnológico. É o futuro já aqui,
mas apenas para quem disponha de, pelo menos, 119 mil euros…

Disponível em Janeiro de 2018 e com va- gens de trânsito intenso, desde que com o segundo ecrã, de 5,8”. O A8 conta ainda com principal corrente eléctrica do veículo, que
lores mais concretos a serem divulgados pos- condutor sempre apto a intervir. Identifica um novo módulo LTE de ligação à internet. A permite melhorar o funcionamento do modo
teriormente, só lhe falta mesmo andar sozi- ainda, entre outras situações, ciclistas, pe- ligação com smartphones foi melhorada e start/stop e até desligar o motor de combus-
nho. Mas apenas não o faz porque… não dei- ões e viaturas em todos os ângulos, além de com eles agora é possível abrir o veículo, atra- tão durante alguns segundos quando o carro
xam. O novo A8 inicia uma nova etapa da obstáculos no decurso de manobras de esta- vés de uma chave digital que pode ser parti- está embalado, reduzindo uma estimativa de
Audi que assenta em três pilares de desen- cionamento, travando e emitindo alertas. lhada com outros utilizadores, como elemen- consumo em cerca de 0,7 litros aos 100 km.
volvimento: automação, conectividade, so- Também para incrementar a segurança tos da família. A “suspensão totalmente activa” do novo
bretudo entre os utilizadores e o carro, e elec- dispõe agora de nove airbags, incluindo dois Entre as especificidades do novo A8 está A8 atua em cada roda de forma indepen-
trificação. centrais dianteiro e traseiro, para impedir também a comunicação V2V (veículo para dente, para que o veículo analise o estado
Em termos de automação, os factos são choque entre passageiros. Com a automa- veículo), trocando informações referentes à do piso e adapte imediatamente a suspen-
claros: apenas a legislação é impeditiva de ção e uso de cada tecnologia aplicada ao con- existência de acidentes rodoviários, limites são. O A8 dispõe ainda de quatro rodas di-
que o novo A8 circule plenamente autóno- forto, a ideia da Audi é que o condutor e pas- de velocidade, estado do tempo e outros. A reccionais, barras estabilizadoras e direc-
mo. O modelo topo de gama, agora na sua sageiros possam aproveitar o máximo de marca alemã pretende comercializar uma ção activas e um aumento de 24% na rigi-
quarta geração, dispõe de um tão grande tempo útil dentro da viatura, no decurso da versão e-tron (híbrido plug-in), objectivo que dez estrutural.
número de sensores e equipamentos, dos ul- viagem, em vez de atentar à condução. A fica para uma segunda fase. O novo A8 esta- A meio do ano chegará o 6.0 W12 de
tra-sons às câmaras, que identifica tudo em partir dos bancos traseiros é possível coman- rá, para já, disponível em Janeiro, mas ape- 585 cv e a variante híbrida plug-in, com a
redor. A marca alemã declara que a tecnolo- dar o sistema de áudio, posição e climatiza- nas nas versões com motores três litros a ga- potência combinada de 449 cv. Em Novem-
gia tem capacidade para condução de nível ção dos bancos, além de dispor de todo os solina de 340 cv e gasóleo com 286 cv. bro, a gama fica completa com o 4.0 bitur-
3, mas apenas não está activada. O A8 dis- aplicativos de entretenimento. Os passagei- A novidade deste A8 é a introdução do bo V8 de 435 cv, todos eles com sistema de
põe dos níveis 1 e 2, ou seja assistência e au- ros traseiros dispõem ainda de mais 32 mm sistema mild hybrid de 48 volts, agora como tracção integral quattro.
tomação parcial, que lhe permite, por exem- de espaço na zona de pernas face à geração
plo, assumir a condução em auto-estrada e anterior.
vias rápidas com separador central e em via- No interior, a tecnologia não escapa ao
olhar e à utilização. Um ecrã digital genero-
so substitui os mostradores habituais e sur-
gem, ao centro, outros dois ecrãs que utili-
zam o sistema My Audi. O principal tem oito
polegadas e tecnologia háptica, ou seja, o
condutor sente quando toca e pressiona os
botões virtuais, evitando desviar a atenção
da estrada. Os botões de atalho são também
virtuais e tácteis e podem ser personaliza-
dos, à semelhança do que acontece com o

Renault Captur Initiale Paris já disponível Mercedes-Benz celebra
O crossover compacto pre-
mium da Renault já está disponí- 8 milhões de veículos
vel a partir de 24.030€. Este é um A Mercedes-Benz acaba de celebrar os oito milhões de veícu-
modelo que revela o requinte, a los produzidos na fábrica de Bremen. Em 1978 saiu o primeiro
distinção, a elegância e a tecno- veículo ligeiro de passageiros da linha de montagem daquela
logia. A assinatura INITIALE PA- unidade, um marco histórico representativo do desempenho da
RIS é sinónimo de equipamentos equipa ao longo dos anos e que conta com a produção do primei-
topo de gama, materiais nobres ro Roadster aos actuais modelos Classe C e GLC, entre vários
e “alta-costura” nos acabamen- outros modelos no seu portfólio. A marca está agora a encarar
tos e em Portugal está também novos desafios como a digitalização e a ofensiva de veículos eléc-
disponível nos modelos Talisman, tricos. A fábrica de Bremen tem mais de 12.500 colaboradores e
Espace e Koleos (e, em breve, no é o maior empregador privado da região. Actualmente produz
Grand Scénic). dez modelos na fábrica: as versões Limousine, Station, Coupé e
O novo Renault Captur Initia- Cabriolet do Classe C, o Coupé e o Cabriolet do Classe E, os SUV’s
le Paris apresenta uma gama de - GLC e GLC Coupé - e os dois Roadsters SLC e SL.
cores exclusiva, jantes de alumí- sinatura Initiale Paris, são aque- são do sistema multimédia R-LINK
nio diamantadas de 17 polega- cidos. O painel de bordo é em cou- Evolution compatível com Android
das, grelha dianteira, pisca-piscas ro e com acabamento granulado. Auto e Apple CarPlay. A gama de
de LED, bem como as protecções O volante é em couro, e os pedais motores do novo Renault Captur
dianteira e traseira com trata- e as soleiras das portas são em Initiale Paris é composta pelo blo-
mento metalizado específico e alumínio. co a gasolina TCe 120, associado
assinatura Initiale Paris. Ao nível tecnológico dispõe, de a uma caixa manual de seis velo-
No interior, é realçado o re- série, do alerta de ângulo morto, cidades (24.030€) ou à caixa de
quinte, a qualidade dos materiais o Easy Park Assist, o destranca- dupla embraiagem EDC (25.530€)
e dos acabamentos, bem como os mento mãos livres e o arranque Quanto a propostas diesel, refe-
equipamentos tecnológicos. Os sem chave, sistema de som pre- rência para o dCi 90 EDC (28.830€)
bancos em couro Nappa, com as- mium Bose e a mais recente ver- e para o dCi 110 (28.230€).