You are on page 1of 3

26/02/2017 Fonte Variável de Bancada usando LM317

Fonte Variável de Bancada usando LM317


Uma das fontes de bancada mais simples que eu consertei quando era técnico foi a a fonte variável da

Redael, modelo LFE 123.  Essa fonte variável  tinha uma chave rotativa para selecionar as tensões de 3,
4,5 , 6, 7, 5 , 9 e 12 Volts. Segundo a Redael ela suportava picos de 3 A e tinha proteção interna.

Na maioria das vezes essas fontes na realidade não passavam de uma chave com uma sequencia de

diodos zeners que regulavam a base de um transistor TIP122  (se eu não me engano) juntamente com

dois capacitores e um resistor.  Depois em modelos mais “novos” foi acrescido um circuito integrado 741

e os zeners foram substituídos por resistores.

Pequena Fonte Variável de Bancada
É claro que a tecnologia avança, e com isso as fontes também avançaram,  eu acho que o marco foi o

surgimento do circuito integrado LM317. Este circuito eletrônico apresentado aqui é de uma fonte de
alimentação regulável, ela usa o circuito integrado LM317 para fazer o ajuste da tensão de saída.

Pequena Fonte Variável de Bancada


Ele não usa nenhum transistor de potência, toda a tensão é regulada diretamente no lm317, isso quer
dizer que ele deve ter um dissipador de calor e o limite de corrente é de acordo com a versão do LM317
que é usada, geralmente em média 1,5 A. Essa fonte variável é ideal para iniciantes, já que traz as tensões
fixas mais usadas na bancada,  1.5V, 3V, 4.5V, 5V, 6V, 9Volts, e tem proteção contra temperatura e curto

(nativos do ci LM317).

Nós usamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Se você continuar a usar este site, vamos supor que você concorda. Ok 
http://blog.novaeletronica.com.br/fonte­variavel­de­bancada­usando­lm317/ 1/3
26/02/2017 Fonte Variável de Bancada usando LM317

PCI da fonte de bancada


As tensões são fixas, não é usado potenciômetro, mas sim uma chave seletora rotativa para as tensões
de saída, sua corrente máxima para essa versão de LM317 usada pelo criador é 1.5A, o suficiente para

quase todos os experimentos e testes em uma bancada. D5 e D6 são diodos 1N4001 e ajudam a proteger
ainda mais o IC1 (LM317) de curtos causados por erro no uso da fonte.

A fonte variavel liga atravez do interruptor (S1) , o fusível F1 protege o circuito ade qualquer problema
antes mesmo do transformador de força, já o transformador T1 tem um secundário de 12 volts por 2 A. 

Uma ponte retificadora de diodos (D1-D4)-1N4001 retifica a tensão vinda de T1 e C1 faz

a filtragem juntamente com C2 antes do LM317. O LED para mostrar quando existe tensão no circuito, ou
seja, quando está ligado,  R1 funciona apenas como limitador de corrente para o Led.

Colocação dos componentes layout e fiação para todas as partes


da fonte
Este projeto não leva muitos componentes assim pode ser montado em uma placa de PCI universal,

mas caso tenha como fazer, pode ser construída uma placa de circuito impresso como visto acima.

Nós usamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Se você continuar a usar este site, vamos supor que você concorda. Ok 
http://blog.novaeletronica.com.br/fonte­variavel­de­bancada­usando­lm317/ 2/3
26/02/2017 Fonte Variável de Bancada usando LM317

Arduino & Fonte de Bancada SIM900 quadri- Fonte de Bancada


Raspberry Pi bande conseil de... Variável com...
€17,87
Anúncio Cayenne novaeletronica.com.br Anúncio Banggood.com novaeletronica.com.br

In neon Fonte de Fonte de Bancada Como Captar a


Technologies Alimentação Regulável... Energia do...
Programável...
novaeletronica.com.br novaeletronica.com.br novaeletronica.com.br
Anúncio in neon.com

Importante: Para perguntas, dúvidas, críticas ou sugestões utilize a página de contato .


[ Clique Aqui! ]

Nós usamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Se você continuar a usar este site, vamos supor que você concorda. Ok 
http://blog.novaeletronica.com.br/fonte­variavel­de­bancada­usando­lm317/ 3/3