You are on page 1of 3

1.1.

Os países fundadores
Na Primavera de 1950, a Europa encontrava-se à beira do abismo. A Guerrafria fez pesar a ameaça de um conflito entre as partes Leste e Oeste do continente. Cinco anos após o fim da Segunda Guerra Mundial, os antigos adversários estavam longe da reconciliação, por isso era preciso evitar repetir os erros anteriores e criar condições para uma paz duradoura entre inimigos, mas o problema residia na relação entre a França e a Alemanha. Foi preciso criar uma relação forte entre estes dois países e reunir os restantes países europeus a fim de se construir uma comunidade com um destino comum. Jean Monnet, com uma experiência única enquanto negociador e construtor da paz, propôs ao Ministro dos Negócios Estrangeiros francês, Robert Schuman, e ao Chanceler alemão Konrad Adenauer criar um interesse comum entre os seus países: a gestão, sob o controlo de uma autoridade independente, do mercado do carvão e do aço. A proposta é formulada oficialmente a 9 de Maio de 1950 pela França e acolhida pela Alemanha, Itália, Holanda, Bélgica e Luxemburgo.

1.2. As primeiras comunidades europeias
O aparecimento das primeiras comunidades europeias surgiu com a criação da CECA, a Comunidade Europeia do Carvão e do Aço, em Paris, a 18 de Abril de 1951, da qual faziam parte os 6 países fundadores.

1.3. Os tratados de Roma
Seis anos mais tarde, foram criadas mais duas comunidades: a CEE (Comunidade Económica Europeia) e a EURATOM (Comunidade Europeia da Energia Atómica) através dos tratados de Roma a 25 de Março de 1957.

2.1. Os alargamentos
As comunidades europeias foram inicialmente formadas por 6 países (França, Alemanha, Itália, Holanda, Bélgica e Luxemburgo). Depois disto, a União Europeia levou a cabo quatro alargamentos sucessivos: · · · Dinamarca, a Irlanda e o Reino Unido (1973) Grécia (1981) Espanha e Portugal (1986)

notapositiva. um espaço político e económico com 450 milhões de cidadãos. Aústria. dividido durante meio século pela cortina de ferro e a guerra-fria. França. sendo assim a União Europeia passou de 15 para 25 estados-membros e constitui. Letónia e Lituânia) · Quatro antigos países-satélite da URSS (Polónia. O €uro veio substituir moedas que. Bélgica. República Checa.· Aústria. podendo também a dar-se a adesão da Turquia. para muitos dos países europeus. que mais de 300 milhões de cidadãos europeus utilizam o €uro na sua vida quotidiana.htm#vermais . constituíam símbolos centenários e verdadeiros instrumentos de soberania nacional. Itália. conclui um longo processo de adesão que permitiu a reunificação do povo europeu. dez novos países aderiram à União Europeia. Entre a assinatura do Tratado de Maastricht em Fevereiro de 1992.com/trab_estudantes/trab_estudantes/geografia/10formac aoue. Finlândia. Hungria e Eslováquia) · Uma antiga república jugoslava (Eslovénia) · Duas ilhas mediterrânicas (Chipre e Malta) Este alargamento histórico da União Europeia. a partir de agora. Irlanda. A introdução do €uro fez a Europa avançar consideravelmente rumo a uma união económica. Zona €uro Desde 1 de Janeiro de 2002. que consagrou o princípio de uma moeda única europeia. Espanha. Holanda. Luxemburgo e Portugal) passaram apenas 10 anos. de 15 para 25 membros. Deu também aos cidadãos da União Europeia um sentimento mais vivo de partilharem uma identidade comum europeia. incluindo: · Três antigas repúblicas soviéticas (Estónia. Em 2007 passarão a fazer parte da União Europeia a Bulgária e a Roménia. até à entrada em circulação das moedas e notas de euro em 12 países da União Europeia (Alemanha. Finlândia e Suécia (1995) A 1 de Maio de 2004. Grécia. http://www.

holanda . foi apresentada uma proposta de criação de uma Europa organizada por Robert Schuman. a qual ficou conhecida como "Declaração Schuman".dre.Dia da Europa No dia 9 de Maio de 1950. Este dia marca o começo da actual União Europeia e foi por esse motivo que na Cimeira de Milão de 1995 foi adoptado o dia 9 de Maio como o Dia da Europa. O círculo de estrelas douradas representa a solidariedade e a harmonia entre os povos da Europa. As estrelas são doze porque tradicionalmente este número constitui um símbolo de perfeição. a bandeira manter-se-á inalterada. http://www. Bandeira A bandeira da Europa além de simbolizar a União Europeia representa também a unidade e a identidade da Europa. independentemente dos futuros alargamentos da UE. Assim. plenitude e unidade.pt/ue/ue_desc.html bandeira dos países baixos .