You are on page 1of 10

Universidade Federal de Santa Catarina – Campus Blumenau

Introdução à Ciência da Computação


Parte II – Aula Prática 1

Aula Prática 1: Introdução ao Ambiente de Programação Dev-C++

1. Introdução
Em nossa primeira aula prática de programação em linguagem C iremos escrever e testar
programas de computador básicos. Mas antes, é importante entendermos e fixarmos alguns
conceitos importantes de programação:

Algoritmo:

Sequência finita e ordenada de passos (regras, instruções ou operações) que deve ser seguida
para resolução de uma tarefa (obtenção de um resultado, solução de um problema, etc.).

Linguagem de programação:

Método padronizado para expressar instruções para um computador, ou seja, é um conjunto de


regras sintáticas e semânticas usadas para definir um programa de computador. Permite que
um programador especifique precisamente sobre quais dados um computador vai atuar, como
estes dados serão armazenados ou transmitidos e quais ações devem ser tomadas sob várias
circunstâncias.

Linguagens de máquina:

Tudo o que os computadores conseguem entender são sequências de números binários. As


linguagens de máquina são geralmente sequências de números que instruem os computadores
a executar suas operações elementares, uma de cada vez. As linguagens de máquina são
interpretadas diretamente pelo computador, tendo um resultado rápido, porém são difíceis de
serem utilizadas pelos seres humanos. Além disso, as linguagens de máquina são dependentes
da máquina, isto é, específicas para cada tipo de computador.

Linguagens de alto nível:

São linguagens de programação que apresentam uma sintaxe mais próxima da linguagem
natural, fazendo uso de palavras reservadas extraídas do vocabulário corrente (como READ,
WRITE, TYPE, etc.) e permitirem a manipulação dos dados nas mais diversas formas (números
inteiros, reais, vetores, listas, etc.). Alguns exemplos de linguagens de alto nível são ASP, C, C++,
Pascal, Lua, PHP, Phyton, Visual Basic, Matlab, etc.

Código fonte:

É o algoritmo escrito sob a forma de uma linguagem de programação existente.

Compilador:

Programa que traduz o código fonte de uma linguagem de programação de alto nível para uma
linguagem de programação de baixo nível.

Rua Pomerode, 710, Salto do Norte, Blumenau, SC


www.blumenau.ufsc.br
Universidade Federal de Santa Catarina – Campus Blumenau
Introdução à Ciência da Computação
Parte II – Aula Prática 1

Ambiente de Desenvolvimento Integrado (IDE):

O IDE é um programa de computador que reúne características e ferramentas de apoio ao


desenvolvimento de software com o objetivo de agilizar este processo. Podem auxiliar, através
de ferramentas e características, na redução de erros e na aplicação de técnicas de
programação. Entre os IDEs mais utilizados pode-se citar o NetBeans, Eclipse, Microsoft Visual
Studio, Qt Creator, Dec-C++.

2. Objetivos
O objetivo desta aula de laboratório de hoje é ajudar no seu primeiro contado com Dev-C++,
para o desenvolvimento de programas em linguagem C. Esta aula abrange uma parte muito
pequena dos recursos disponíveis nos computadores. Cabe a você consultar os manuais com
informações mais detalhadas para ampliar seus conhecimentos. Ao final dessa aula, você deverá
ser capaz de:

 Escrever programas em linguagem C utilizando Dev-C++;


 Compilar e executar programas com Dev-C++;
 Salvar, reutilizar e imprimir arquivos.

A aula consta de duas partes. A primeira lhe ensina como criar um arquivo contendo um
programa, compilá-lo e executá-lo, usando um programa bem simples do tipo “Olá Mundo”. Na
segunda parte você criará um programa um pouco mais complexo, para conhecer outros
recursos do Dev-C++.

3. Requisitos
Para a execução desta e das demais aulas práticas iremos utilizar o ambiente de
desenvolvimento Dev-C++. O Dev-C++ é um IDE livre para Windows e Linux que utiliza o MinGW
ou o TDM-GCC como compiladores.

Aos alunos que não tiverem o Dec-C++ instalado em seu computador, recomenda-se instalar a
última versão do IDE. Para tanto basta seguir os passos descritos a seguir:

 Acessar a página do projeto (http://sourceforge.net/projects/orwelldevcpp) e baixar a


última versão do instalador do IDE (ex: “Dev-Cpp 5.6.3 TDM-GCC x64 4.8.1 Setup.exe”)
clicando na opção “Download”.
 Executar o instalador do programa (ex: “Dev-Cpp 5.6.3 TDM-GCC x64 4.8.1 Setup.exe”),
e aceitar as configurações sugeridas pelo assistente de instalação.
 O IDE irá abrir, e estará pronto para ser utilizado.

Rua Pomerode, 710, Salto do Norte, Blumenau, SC


www.blumenau.ufsc.br
Universidade Federal de Santa Catarina – Campus Blumenau
Introdução à Ciência da Computação
Parte II – Aula Prática 1

Figura 1 Página do Dev-C++ no Sourceforge

4. Escrevendo seu primeiro programa em C


O primeiro passo para escrevermos nosso primeiro programa em C é abrirmos o ambiente de
programação. Para isso, devemos selecionar a seguinte opção:

Todos os Bloodshed
Iniciar Dev-C++
Programas Dev-C++

Uma vez executado, o IDE deverá abrir uma janela similar a apresentada na Figura 2. Para
iniciarmos a escrita do nosso programa, devemos agora clicar em:

Arquivo
Arquivo Novo
Fonte

Rua Pomerode, 710, Salto do Norte, Blumenau, SC


www.blumenau.ufsc.br
Universidade Federal de Santa Catarina – Campus Blumenau
Introdução à Ciência da Computação
Parte II – Aula Prática 1

Figura 2 Janela inicial do ambiente de programação no Dev-C++

Dev-C++ criará para você um esqueleto básico para o seu programa. Na janela que foi criada
você vai digitar, compilar e executar seu primeiro programa em C.

O próximo passo consiste em digite o seguinte código fonte:

#include <stdio.h>

int main()
{
printf("Ola Mundo\n"); /* mostra mensagem na tela */
system("Pause");

return 0;
}

Agora vamos compilar o seu programa. Para isso você deve clicar em:

Executar Compilar (F9)

Neste momento surgirá uma pequena janela, com o título “Salvar como”, solicitando a escolha
de algumas opções para salvar o arquivo. Para tanto, devemos realizar os passos descritos a
seguir:

Rua Pomerode, 710, Salto do Norte, Blumenau, SC


www.blumenau.ufsc.br
Universidade Federal de Santa Catarina – Campus Blumenau
Introdução à Ciência da Computação
Parte II – Aula Prática 1

Figura 3 Janela para salvar o programa

 Primeiramente escolha a pasta na qual seu programa será salvo através do campo
“Salvar em”.
 Em seguida, no campo “Nome”, digite um nome para o seu programa (por exemplo:
“olamundo”).
 Como este programa está escrito em linguagem C, deve-se selecionar a opção “C source
files (*.c)” no campo “Tipo”.
 Clique no botão “Salvar” da janela.

Depois de salvo, o código fonte “olamundo.c” será compilado, e o resultado da operação


mostrado na barra inferior, como mostrado na Figura 4.

Figura 4 A barra inferior do IDE mostra o resultado da compilação. Neste exemplo a


compilação foi bem sucedida pois não foram encontrados nenhum erro.

Rua Pomerode, 710, Salto do Norte, Blumenau, SC


www.blumenau.ufsc.br
Universidade Federal de Santa Catarina – Campus Blumenau
Introdução à Ciência da Computação
Parte II – Aula Prática 1

Caso tivéssemos esquecido de colocar um sinal de ponto e vírgula após o comando “return 0”
(linha 8), a compilação falharia e o IDE apresentaria uma mensagem identificando o local e o
tipo de erro (“[Error] expected ';' before '}' token”), como mostrado na Figura 5.

Figura 5 Resultado da compilação: neste exemplo o IDE mostra que falta um sinal de ponto e
vírgula antes do sinal de chaves da linha 9.

Para compilar o programa poderíamos, alternativamente, clicar no atalho da barra de


ferramentas, ou em F9 no teclado. Se o código fonte compilar sem apresentar erros, a pasta
onde foi salvo o arquivo “alomundo.c” contém agora o programa executável “alomundo.exe”.
Para executar o programa clique no botão Executar  Executar na barra de ferramentas do Dev-
C++ (ou alternativamente no atalho , ou em F10 no teclado). Deverá surgir uma nova janela,
de DOS, mostrando a execução de seu programa, como pode ser visto na Figura 6.

Figura 6 Resultado da execução do programa.

Rua Pomerode, 710, Salto do Norte, Blumenau, SC


www.blumenau.ufsc.br
Universidade Federal de Santa Catarina – Campus Blumenau
Introdução à Ciência da Computação
Parte II – Aula Prática 1

Note que na janela do DOS aparece a mensagem Pressione qualquer tecla para continuar . . .
Depois de conferir o resultado, pressione qualquer tecla para que a janela do DOS desapareça.
Se a janela do DOS não desaparecer, para fechá-la clique no X, no canto superior direito da
mesma.

Observações Importantes:

Caso esteja utilizando algum computador do laboratório, note que TODOS os arquivos salvos no
disco rígido serão apagados após sua reinicialização. Por isso, lembre-se de salvar os seus
códigos fonte em uma pen drive, disco virtual (google drive, dropbox, onedrive, etc...), ou enviá-
los por email.

5. Exemplos
Compile e execute os códigos fonte a seguir. Para cada programa, identifique seu objetivo e
monte o enunciado do problema.

Exemplo 1)

#include <stdio.h> // biblioteca contendo definições de subrotinas


relativas às operações de entrada/saída, como leitura de dados digitados
no teclado e exibição de informações na tela do programa de computador

void main()
{
int a; // declara "a" como uma variável numérica inteira
a = 3 + 2; // soma 3 com 2 e guarda o resultado em “a”

printf("Soma = %i\n", a); // escreve o valor de "a" na tela

system("Pause");
return 0;
}

Exemplo 2)

// Impressão de números reais


#include <stdio.h>
#include <conio.h> // necessário para as funções clrscr e getch
void main ()
{
float NotaDaP1, NotaDaP2;
float Media;
clrscr(); // Limpa a tela
NotaDaP1 = 6.6; // Atribuição do Valores das médias
NotaDaP2 = 8.2;
Media = (NotaDaP1 + NotaDaP2) / 2.0;
printf("Média Final : %f", Media);
// No momento da execução sinal %f vai ser substituído
// pelo valor da variável Media com SEIS casas decimai
// Média Final : 7.400000
getch(); // espera que o usuário pressione uma tecla
}

Rua Pomerode, 710, Salto do Norte, Blumenau, SC


www.blumenau.ufsc.br
Universidade Federal de Santa Catarina – Campus Blumenau
Introdução à Ciência da Computação
Parte II – Aula Prática 1

Exemplo 3)

// Exemplo com strings


#include <stdio.h>
#include <conio.h>
#include <string.h> // arquivo de cabeçalho para trabalhar com strings

void main()
{
char Nome[30]; // declara uma string que poderá armazenar até 29
caracteres !!
clsrscr();
strcpy(Nome, "Jose da Silva"); // atribui "Jose da Silva" para a
variável Nome
printf("O funcionário %s foi tranferido", Nome); // no lugar de %s
aparecerá o
// conteúdo da variável Nome
getch();
}

Exemplo 4)

#include <stdio.h>

void main( )
{
int x;
scanf("%i",&x);
if (x>0)
{
printf("O valor e positivo\n");
}
}

O que acontece se eu digitar o valor -5?

O que acontece se eu digitar o valor 0?

O que acontece se eu digitar o valor 5?

Rua Pomerode, 710, Salto do Norte, Blumenau, SC


www.blumenau.ufsc.br
Universidade Federal de Santa Catarina – Campus Blumenau
Introdução à Ciência da Computação
Parte II – Aula Prática 1

Exemplo 5)

#include <stdio.h>
void main( )
{
int x;
scanf("%i",&x);
printf("O numero digitado foi %i\n",x);
if (x%2==0)
{
printf("O valor digitado e PAR\n");
}
else
{
printf("O valor digitado e IMPAR\n");
}
}

O que acontece se eu digitar o valor 3?

O que acontece se eu digitar o valor 8?

Exemplo 6)

#include <stdio.h>
void main( )
{
int x;
scanf("%i",&x);
if (x>0)
{
printf("O valor e Positivo\n");
}
else if (x<0)
{
printf("O valor e Negativo\n");
}
else
{
printf("O valor e ZERO\n");
}
}

O que acontece se eu digitar o valor 4?

O que acontece se eu digitar o valor -10

O que acontece se eu digitar o valor 0?

Rua Pomerode, 710, Salto do Norte, Blumenau, SC


www.blumenau.ufsc.br
Universidade Federal de Santa Catarina – Campus Blumenau
Introdução à Ciência da Computação
Parte II – Aula Prática 1

6. Recursos Adicionais
Evaristo, J., “Aprendendo a Programar: Programando na Linguagem C”,
http://www.das.ufsc.br/~jomi/das5334/Livro%20Aberto%20Aprendendo%20a%20Programar
%20naLinguagem%20C.pdf

http://orwelldevcpp.blogspot.com.br/ - Página atual do compilador Dev-C++

http://www.cprogramming.com/ - Tutoriais, Exemplos, Referências

http://www.cplusplus.com/ - Tutoriais, Exemplos, Referências

Rua Pomerode, 710, Salto do Norte, Blumenau, SC


www.blumenau.ufsc.br