You are on page 1of 38

MATEMÁTICA

DISCRETA

PROFA. MÔNICA GAIOTTO


1
CONTEÚDO PROGRAMÁTICO
1. Conjuntos Numéricos
2. Teoria dos conjuntos.
3. Indução matemática.
4. Análise combinatória.
5. Lógica formal.
6. Relações. Funções.

BIBLIOGRAFIA
Bibliografia básica:

GARCIA LOPEZ, J; TOSCANI, L V; MENEZES, P B. Aprendendo Matemática Discreta com Exercícios.


Coleção Livros Didáticos Informática UFRGS, V.19. Bookman, 2009.

GERSTING, Judith L. Fundamentos Matemáticos para a Ciência da Computação. 5. ed. LTC, 2004.

LIPSCHUTZ, Seymour, LIPSON, Marc. Matemática Discreta. Porto Alegre: Bookman, 2004.

Bibliografia complementar:

SCHEINERMAN, E.R. Matemática Discreta: Uma Introdução. São Paulo: Cengage Learning, 2008.

SULLIVAN, Michael; MIZRAHI, Abe. Matemática Finita – Uma abordagem aplicada. LTC, 2006.

2
Carta aos alunos

Este material é uma coletânea de diversos outros materiais como livros e apostilas disponíveis
sobre o assunto e não tem a intenção de substituí-los, servindo como material de apoio e não esgota o
assunto a ser estudado. Para leitura complementar, leve em conta também as referências descritas no
plano da disciplina anexo.

Profa. Mônica Regina Gaiotto

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

NOTA REGIMENTAL N1: Será realizada uma prova com peso 7 e um trabalho com peso 3. A
nota N1 será o resultado da média ponderada das notas obtidas na prova e no trabalho.

NOTA REGIMENTAL N2: Será realizada uma prova com peso 7 e um trabalho com peso 3. A
nota N2 será o resultado da média ponderada das notas obtidas na prova e no trabalho.

NOTA REGIMENTAL N3: Será a nota obtida pelo aluno na Prova Substitutiva (Prova 3), com
nota variando obrigatoriamente de 0 a 10 e com conteúdo semestral.

CRITÉRIO REGIMENTAL PARA APROVAÇÃO DO ALUNO:

O ALUNO SERÁ CONSIDERADO APROVADO SE A MÉDIA ARITMÉTICA SIMPLES ENTRE AS


DUAS MAIORES NOTAS (DENTRE AS NOTAS REGIMENTAIS N1, N2 E N3) FOR MAIOR OU
IGUAL A 6,0 (SEIS), SEM ARREDONDAMENTOS, CUMPRIDA A FREQUÊNCIA MÍNIMA DE 75%
DA CARGA HORÁRIA DA DISCIPLINA.

3
INTRODUÇÃO
Vamos descrever inicialmente, os conjuntos numéricos que utilizaremos no decorrer
dessas notas de aula.

CONJUNTO DOS NÚMEROS NATURAIS

O conjunto dos números naturais surgiu da necessidade do homem de contar.

Iniciando pelo número zero e acrescentando sempre uma unidade obtemos uma
seqüência de números naturais: 0, 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, ⋅ ⋅ ⋅ . O conjunto formado por esses
números é chamado de conjunto dos números naturais, e é indicado por N.

Assim podemos escrever:

N = {0, 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, ⋅ ⋅ ⋅}

CONJUNTO DOS NÚMEROS INTEIROS

Os números naturais e seus simétricos formam o conjunto dos números inteiros, cujo
símbolo é Z, que é a inicial da palavra Zahl, que significa número em alemão.

Em símbolos:

Z = {⋅ ⋅ ⋅,-3, -2, -1, 0, 1, 2, 3, ⋅ ⋅ ⋅}

Observação: Quando queremos excluir o número zero de um conjunto, é comum utilizarmos o


símbolo * (asterisco) à direita do símbolo do conjunto em questão. Por exemplo, Z ∗ indica o
conjunto dos números inteiros não nulos.

Alguns subconjuntos importantes do conjunto dos números inteiros são descritos a


seguir:

• Conjunto dos números inteiros não-nulos: Z* = {...,-3,-2, -1,1,2,3,...}

• Conjunto dos números inteiros não-negativos: Z+ = {0,1,2,3,4,5,6...}

• Conjunto dos números inteiros positivos: Z *+ = {1,2,3,4,5,6...}

• Conjunto dos números inteiros não-positivos: Z– = {...-3,-2,-1,0}

• Conjunto dos números inteiros negativos: Z *− = {...-3,-2,-1}

CONJUNTO DOS NÚMEROS RACIONAIS

O conjunto dos números racionais é formado pelo quociente de dois números inteiros.
Seu símbolo é Q, que lembra a palavra quociente.

Um número racional pode ser escrito como fração ou decimal finito ou infinito periódico
(que são as dízimas periódicas), pois em todos esses casos podemos obter um quociente de
dois números inteiros.

4
Em símbolos:

a 
Q =  tal que a ∈ Z e b ∈ Z ∗ 
 b 

A formação dos números desse conjunto é simples. Basta escolher quaisquer


dois números inteiros a e b, tomando o cuidado de não tomar b = 0, e efetuar a divisão
destes dois inteiros para formar um número racional. Você vai perceber que é simples.

Veja os exemplos:

1
a) Considere os números inteiros a = 1 e b = 2. Assim temos que é um número
2
1
racional. Em símbolos: ∈ Q.
2

b) 3 ∈ Q, pois basta tomar a = 3 e b = 1, sendo a e b dois números inteiros, com b


3
diferente de zero, = 3 é racional.
1

c) De forma análoga ao exemplo anterior, o número inteiro zero é racional, pois basta
0
tomar para qualquer inteiro b diferente de zero.
b

d) O número 2 não é um número racional, simplesmente porque este número não pode
a
ser escrito da forma , com b ≠ 0, onde a e b inteiros. Note que, 2 possui infinitas
b
casas decimais que não se repetem.

Outros tantos números não são racionais. Na verdade, é muito fácil achar um
número que não é racional, basta tomar qualquer número que não possa ser expresso no
a
formato , com b ≠ 0, onde a e b inteiros.
b

Para o conjunto dos Números Racionais, adotam-se as seguintes definições:

5
Exercícios propostos: Calcule

3 7 3 7 3 7 3
a) + = b) − = c) ⋅ = d)
4
=
4 5 4 5 4 5 7
5

Determinação da geratriz de uma Dízima Periódica

Exemplos

a) 0,3333.......
Inicialmente vamos denotar o valor dado pela variável x, isto é:

x = 0,33333....

Em seguida multiplicamos a equação obtida por uma potência de 10, com expoente igual
ao número de algarismos do período da dízima. Como o período desta dízima é 3, então temos
apenas um algarismo, logo basta multiplicar por 101, obtendo:

10 x = 3,3333....

Com isso, obtemos o sistema de duas equações dado abaixo:

6
10 x = 3,3333.......
 3 1
-  ⇒ 10 x − x = 3,3333... − 0,3333..... ⇒ 9 x = 3 ⇒ x = ⇒ x =
9 3
x = 0,3333....... 

b) 6,4343.......
Inicialmente vamos denotar o valor dado pela variável x, isto é:

x = 6,4343.....

Como o período desta dízima é 43, então temos dois algarismos, logo basta multiplicar por
2
10 = 100, obtendo:

100 x = 643,4343....

Com isso, obtemos o sistema de duas equações dado abaixo:

100 x = 643,4343.......
 637
-  ⇒ 100 x − x = 643,4343... − 6,4343..... ⇒ 99 x = 637 ⇒ x =
99
x = 6,4343....... 

c) 2,57919191.......
Inicialmente vamos denotar o valor dado pela variável x, isto é:

x = 2,579191.....

Antes de iniciar o processo feito nos itens anteriores, deveremos multiplicar a equação
acima por 100, para que a vírgula separe a parte que possui a parte periódica. Assim, obtemos:

100 x = 257,9191....

Agora já estamos nas mesmas condições dos itens anteriores. Como o período desta
dízima é 91, então temos dois algarismos, logo basta multiplicar a última equação por 102 =
100, obtendo:

100 00 x = 25791,9191....

Com isso, obtemos o sistema de duas equações dado abaixo:

10000 x = 25791,9191.......

-  ⇒ 10000 x − 100 x = 25791,9191... − 257,9191..... ⇒
100 x = 257,9191....... 

25534
⇒ 9900 x = 25534 ⇒ x =
9900

7
CONJUNTO DOS NÚMEROS IRRACIONAIS

O conjunto dos números irracionais é formado pelos números cuja representação


decimal infinita não é periódica.

Por exemplo, o número 0,101001000100001000001000000... têm representação


decimal infinita não periódica, pois ele possui infinitos algarismos que não se repetem.

Os números com esta característica não podem ser escritos através do quociente de
inteiros.

Para facilitar, vamos utilizar a notação I ou (IR – Q) para indicar o conjunto dos
números irracionais.

Exemplos:

2; 3; 5 ;...... p onde p é um número primo.

π ≈ 3,14;

e ≈ 2,72 (número de Euler)

CONJUNTO DOS NÚMEROS REAIS

O conjunto formado por todos os números racionais e irracionais é chamado de


conjunto dos números reais e é denotado por IR.

Veja como podemos representar os conjuntos numéricos num só diagrama:

Observe que este diagrama mostra que nenhum número racional é irracional e vice-
versa.

8
Operações Básicas:
As operações algébricas básicas são a adição, a subtração, a multiplicação e a
divisão. Além destas, existem outras operações fundamentais tais como a potenciação e a
radiciação.

9
10
11
12
13
EQUAÇÕES E INEQUAÇÕES

Propriedades das Equações:

a) Somar ou subtrair o mesmo número em ambos os membros de uma igualdade ela


continua verdadeira, ou seja, se a, b e c são números reais, temos que:

Se a = b, então a ± c = b ± c .

b) Multiplicar ou dividir os dois membros de uma igualdade por um mesmo número


diferente de zero, ela permanece sendo verdadeira, ou seja, se a, b e c são números
reais, com c ≠ 0, então:
a b
Se a = b e c ≠ 0 então a ⋅ c = b ⋅ c e = .
c c

c) Se um produto é nulo, pelo menos um dos seus fatores deve ser nulo:

Se a ⋅ b = 0 então a = 0 ou b = 0.

Propriedades das Inequações:

a) Somar ou subtrair o mesmo número em ambos os membros de uma desigualdade ela


permanece verdadeira, ou seja, se a, b e c são números reais, temos que:

Se a < b, então a ± c < b ± c .

b) Multiplicar ou dividir os dois membros de uma desigualdade por um mesmo número


diferente de zero, ela se mantém verdadeira se o número for positivo e caso contrário,
isto é se o número for negativo, deve-se trocar o sinal da desigualdade. Assim se a, b e
c são números reais, com c ≠ 0, então:
a b
Se a < b e c > 0 então a ⋅ c < b ⋅ c e < .
c c

14
a b
Se a < b e c < 0 então a ⋅ c > b ⋅ c e > .
c c

c) Se um produto com dois fatores é positivo, ambos devem ter o mesmo sinal; se é
negativo, os fatores devem ter sinais contrários. Assim, podemos escrever

a > 0 e b > 0

Se a ⋅ b > 0 então ou
a < 0 e b < 0

a < 0 e b > 0

Se a ⋅ b > 0 então ou
a > 0 e b < 0

1ª Lista de Exercícios de Matemática


Discreta – 1º Bimestre.

Curso: ADS

Prof(a): Mônica Gaiotto

1) Usando as propriedades de potência, resolva:

15
2) Calcular o valor numérico de:

p −1 − q −1
3) Sendo p = 2 e q = −2 , qual o valor numérico da expressão:: ?
( p.q )−1

− x2 + x + 2
4) Sendo x = −1 , qual o valor da expressão:: ?
1
x−
2

1
1
−  1 4
5) Os números 16 4
e   são iguais ou diferentes? Justifique sua resposta.
 16 

6) Reduzir a uma só potência:

16
5 7
2 3 1 7 17
Resposta: a) 3 = 81 4 4
b) 2 = 16 c)   d)   e) -2 f) g) h)
3 4 6 5 3

7) Simplificar as expressões:

10 −12 . 10 21 . 1015 10 2 . 100000 −3 10 25 . (10000)15 . 11000


a) b) c)
10 −8 .10 5 .10 −35 1000000 . 10 8 (0,1) − 44 . 550000
Resposta: a) 1062 b) 10-27 c) 2 . 1039

8) Usando as propriedades de potência com expoentes fracionários, resolva:

1 −1 3
− 1 1
a) 25 2
b) c) 3 d) 27 3
e) 42
250,5 9
1 1

2
f)  8  g)  8 
3 3
h) 3
27 i)
1 j)
2 −1
1
 27   27  −
2
25

9) Resolver em R as equações de primeiro grau:


a) 2x-3=17 b) 4x+7=x-8

c) 3-7(1-2x)=5-(x-9) d) 2(2x+7) + 3(3x-5) = 3(4x+5) -1

e) 9 – 4(x + 1) = 4x – 3(4x – 1) f) 7x – 2(3x – 4) = – (x – 4) + 1

3x − 5 3 2 x + 1 3x 2 5
g) + = h) − = x−
12 4 5 2 3 2
18
Resp: a) 10 b) -5 c) d) 15
15
1 3 8 11
e) − f) − g) h) −
2 2 9 3

10) Resolver em R as inequações:

a) − 8 x − 7 < −3 x − 6 b) 3000 + 40 x > 3600 c) 2( x − 1) < 5 x + 3

− x x−5 x 3x − 7 1 − x 9 x − 1 2 − 5x
d) − > e) x− > f) <
2 4 5 8 4 7 5
 25   5  19 
Resp: d) S =  x ∈ R / x <  e) S =  x ∈ R / x > −  f) S =  x ∈ R / x < 
 19   7  80 

11) Resolver em R as equações do segundo grau:

a) x2 – x - 2 = 0 b) –x2 + 7x –12 = 0 c) x2 – 5x + 6 = 0
d) x2 +3x + 3 = 0 e) x2 – 10x + 25 = 0 f) 2x2 – 5x + 2 = 0
g) x2 – 7x = 0 h) – 4x2 – 12x = 0 i) 3x2 – 48 = 0
17
j) –5 x2 – 40 = 0 k) x2 – 9 = 0 l) 4x2 = 0

Resp: a) {-1, 2} b) {3, 4} c) {2, 3} d) φ e) {5}

1 
f){  , 2 g) {0, 7} h) {-3, 0} i) {-4, 4} j) φ k) {-3, 3} l) {0}
2 

12) A distribuição de renda numa determinada cidade pode ser descrita pela
113 10 6
fórmula y= 3
, onde y é o número de pessoas que possuem renda mensal
2
x
de x ou mais reais. Quantas pessoas ganham pelo menos R$ 1100,00?

13) Resolva as inequações U = IR


a) 8x – 10 > 2x + 8 b) 2(3x +7) < – 4x + 8 c) 20 – (2x +5) ≤ 11 + 8x

Solução: a) S = {x ∈ IR | x > 3}
 3
b) S =  x ∈ IR | x < − 
 5
 2
c) S =  x ∈ IR | x ≥ 
 5

14) Resolva as inequações U = IN

a) 2x + 5 < – 3x +40 b) 6(x – 5) – 2(4x +2) > 100 c) 7x – 9 < 2x + 16

Solução:

a) S = {0,1, 2, 3, 4, 5, 6}
b) S =φ
c) S = {0,1, 2, 3, 4}

15) Resolva as inequações U = Z

a) 2x + 5 ≥ – 3x +40 b) 6(x – 5) – 2(4x +2) ≥ 80 c) 20 – (7x + 4) < 30

Solução:
a) S = {x ∈ Z | x ≥ 7} = {7, 8, 9,10, ...}
b) S = {x ∈ Z | x ≤ −57} = {..., − 60, − 59, − 58, − 57}
c) S = {x ∈ Z | x ≥ −1} = {−1, 0,1, 2,...}

18
2ª Lista de Exercícios de Matemática
Discreta – 1º Bimestre.

Curso: ADS

Prof(a): Mônica Gaiotto

1) Um estacionamento cobra R$ 6,00 pela primeira hora de uso, R$ 3,00 por hora adicional e
tem uma despesa diária de R$ 320,00. Considere-se um dia em que sejam cobradas, no total, 80
horas de estacionamento. O número mínimo de usuários necessário para que o estacionamento
obtenha lucro nesse dia é:

a) 25 b) 27 c) 29 d) 26 e) 28

2) Resolva as inequações do 2º grau:

Gabarito:

 7 
a) S =  x ∈ R | − < x < −1
 3 

 1
b) S =  x ∈ R | x ≤ −1 ou x ≥ 
 2

c) S = {x ∈ R | x ≤ 0 ou x ≥ 4}

d) S = {x ∈ R | x < 3 e x > 3} = IR − {3}


3) Fábio quer arrumar um emprego de modo que, do total do salário que receber, possa gastar
1/4 com alimentação, 2/5 com aluguel e R$ 300,00 em roupas e lazer. Se, descontadas todas
essas despesas, ele ainda pretende que lhe sobrem no mínimo R$ 85,00, então, para que suas
pretensões sejam atendidas, seu salário deve ser no mínimo:

a) R$ 950,00 b) R$ 1100,00 c) R$ 980,00 d) R$ 1500,00 e) R$ 1000,00

4) Se 3 ≤ 5 – 2x ≤ 7, então:

a) -1 ≤ x ≤ 1 b) 1 ≤ x ≤ -1 c) -1 ≤ x ≥ 1 d) x = 1 e) x = 0

5) Carlos trabalha como DJ e cobra uma taxa fixa de R$100,00, mais R$20,00 por hora, para
animar uma festa. Daniel, na mesma função, cobra uma taxa fixa de R$55,00, mais R$35,00
por hora. O tempo máximo de duração de uma festa, para que a contratação de Daniel não
fique mais cara que a de Carlos, é:

a) 6 horas b) 5 horas c) 4 horas d) 3 horas e) 2 horas

19
6) Três planos de telefonia celular são apresentados na tabela abaixo:

PLANO CUSTO FIXO MENSAL CUSTO ADICIONAL POR MINUTO

A R$ 35,00 R$ 0,50

B R$ 20,00 R$ 0,80

C 0 R$ 1,20

I) Qual é o plano mais vantajoso para alguém que utilize 25 minutos por mês?

a) o plano A b) o plano B c) o plano C

II) A partir de quantos minutos de uso mensal o plano A é mais vantajoso que os outros dois?

a) a partir de 30 minutos
b) a partir de 20 minutos
c) a partir de 60 minutos
d) a partir de 50 minutos
e) a partir de 45 minutos

x 2x − 7
7) Quantos números inteiros e positivos satisfazem a inequação + ≤0 ?
2 3

a) nenhum b) 1 c)2 d)3 e) 4

8) Por uma mensagem dos Estados Unidos para o Brasil, via fax, a Empresa de Correios e
Telégrafos ( ECT) cobra R $1,37 pela primeira página e R $ 0,67 por página que se segue ,
completa ou não. Qual o número mínimo de páginas de uma dessas mensagens para que seu
preço ultrapasse o valor de R$ 10,00 ?

a)8 b)10 c)12 d)14 e)16

9) Calcular o valor numérico de:

a) (21 13
) (
÷ 713 ÷ 9 4 + 9 4 + 9 4 ) d) [(− 3) ⋅ 2
3 2
]
− 5(−3) + 100 ÷ 121

(9 − 3) 2 ÷ (23 − 3 8 ) 9  2   4 
2
b) e) 3 × −   + 2 ÷ 
4 ⋅ 100 − 6 2 ÷ 144 4  3 
 
 9 

−2
−1  1 −4
c) − − 8 + 16
3 4 −−  +8 3 f)
5
16 ⋅ 4 18 − 3 5 + 9
 2
10) Escrever na forma de fração os seguintes números racionais:

a) 0,35 b) 11,265 c) 10,6


20
d) 4,232 e) 10,66666... f) 0,312312312...

11) Determinar o valor numérico das expressões (ondrepresenta


multiplicação)

a) 9 − [(3 × 8 + 6) − (10 ÷ 2 − 3)] / 7 b) 15 + 10 × 2 − (−48) ÷ ( −4)

c) (20 − 5) ÷ 3 + (2 + 1) × 4 d) (11 + 5) ÷ 4 + (25 − 15) ÷ 5 + [3 × 7 − (4 × 3 + 5) + 1]

e) 15 −
[ (4 × 5 + 7 ) + (8 ÷ 4 + 6) ] f) (8 + 2) × 3 + 18 ÷ 9
5

g) 3 − {− 2 ÷ 2 + [4 − (− 1 + 4) × (2 × 3 − 5) ] } h) − 40 + ( −3) × 2 + ( −12 ) ÷ 4

i) − 6 ÷ (− 1 + 2 − 3) j) 200 ÷ [− (− 9 ÷ 3 − 2)]

k) [20 ÷ (−4) + 10 − 4.2] ÷ (−3) + 6 ÷ 2 l) (−2 − 5) + [− 1 + 10 ÷ (− 4 + 2 )]

Respostas:
a) 5 b) 23 c) 17 d) 11 e) 8 f) 32
g) 3 h) -49 i) 3 j) 40 k) 4 l) -13

12) Determinar o valor numérico das expressões, utilizando as operações


com frações:

3 5  7 5  3 2 1  4
a) 2. −  − 3. 2 −  b) − ⋅ 1 +  c)  −  ⋅ 1 + 
4 2  3 6  5 3 4  5

3 1 5  3 4 5 2   3 1  1 1 3  1 3
d)  ⋅ −  ⋅ 1 − ⋅  e)  − ÷ −  f)  + −  ÷ 1 + − 
2 4 2  2 3  7 21   14 7   2 4 5  2 5

4 1 2 1
− −1 −1
g) 3 9 3 i) 10
2 h) 2
−1 1 +1
3 +2 7
4

5 4 3 17 26 1 11
Respostas: a) − b) − c) d) e) f) g) −
2 3 4 8 3 6 3
4 7
h) − i) −
27 10

21
CONJUNTOS

A noção matemática de conjunto é praticamente a mesma que se usa na


linguagem comum: é o mesmo que agrupamento, classe, coleção, sistema.

Qualquer coleção de objetos, podendo ser números, letras, etc, é chamada de


conjunto. Um membro dessa coleção recebe o nome de elemento do conjunto.

Por exemplo: A = {a, e, i, o, u} é o conjunto das vogais de nosso alfabeto.

Exemplo: Na figura a seguir, temos:

22
23
24
Exercícios Resolvidos:

Solução: D = {3}

Solução:

25
26
Conclusão Notações :
A ⊂ B que se lê: A está contido em B
B ⊃ A que se lê: B contém A.
Se o conjunto A não é um subconjunto do conjunto B usamos a notação A ⊄ B.

27
Exemplo:
Sendo A = {1, 2, 3}, B = {0, 1, 2, 3, 4} e C = {2, 3, 4}
A ⊂ B visto que todo elemento de A é também um elemento de B.
A ⊄ C visto que 1 ∈ A e 1 ∉ C.

Exercícios Resolvidos:

Solução: Todas são verdadeiras.

Solução:

Solução:

28
29
Sejam A e B dois conjuntos finitos. Temos que:

n( A ∪ B) = n( A) + n( B) − n( A ∩ B)

Onde :

n( A ∪ B ) denota o número de elementos do conjunto ( A ∪ B ) ;

n( A) e n( B) denotam o número de elementos dos conjuntos A e B respectivamente;

n( A ∩ B) denota o número de elementos do conjunto ( A ∩ B) .


30
Exercícios Resolvidos:

Solução:

Solução:

Solução:

Solução:

31
32
Exercícios Resolvidos:

Solução:

Onde A denota o complementar de A em U, isto é, A = U- A


B denota o complementar de B em U, isto é, B = U- B
Solução: Associações: (1,d); (2,e); (3,a); (4,b); (5,c)

Logo a alternativa correta é b).

33
3ª Lista de Matemática Discreta

Curso: ADS

Prof(a): Mônica Gaiotto

4) Considere os seguintes conjuntos:

{
A = x ∈ IR | x 2 − 12 x + 27 = 0} e { }
B = x ∈ IR | x 2 − 7 x + 12 = 0

Pede-se: a) A ∪ B b) A ∩ B c) A - B d) B – A

5) Escreva com notação de conjuntos, cada um dos intervalos abaixo. Em seguida,


represente cada item na reta real.

Solução: alternativa correta é o item b).

34
8) O dono de uma lanchonete pesquisou por vários dias a sua clientela. Agora já sabe:
70% colocam mostarda no lanche, 50% colocam Ketchup e 30% colocam ambos os
molhos. Qual é o percentual dos que não colocam molho algum?

9) Em um grupo de 500 estudantes, 80 estudam Engenharia, 150 estudam Economia e


50 estudam Engenharia e Economia. Pede-se:

a) Quantos alunos estudam Economia e Engenharia?

b) Quantos alunos não estudam nem Engenharia nem Economia?

4ª Lista de Matemática Discreta

Curso: ADS

Prof(a): Mônica Gaiotto

3) Determine o número de elementos do conjunto A dos números inteiros positivos não


excedentes a 100 que seja divisível por 2?

4) Determine o número de elementos do conjunto B dos números inteiros positivos não


excedentes a 100 que seja divisível por 5?

5) Utilizando um diagrama de conjuntos, responda: Qual é o número de elementos do conjunto


dos números inteiros positivos não excedentes a 100 que seja divisível por 2 ou 5, isto é,
determine o número de elementos da união A ∪ B ?

35
36
INDUÇÃO MATEMÁTICA

1º Príncipio de Indução Matemática

37
5ª Lista de Exercícios: Matemática
Discreta

Curso: ADS

Prof(a): Mônica Gaiotto

1) Prove por indução as fórmulas a seguir:

38