You are on page 1of 3

Você sabe o que são e para que servem

os gatilhos mentais? Bom, imagine que
você esteja com um problema e possui
duas alternativas para resolvê-lo e,
aparentemente, está em dúvida sobre
qual decisão tomar.

Faça algo simples: jogue uma moeda para
o alto. Não que a moeda vá decidir por
você, mas nos instantes que ela estiver no
ar, você vai saber para o que está
torcendo. E sabe por que isso
acontece?

Porque todas as nossas decisões são
tomadas, primeiro, no inconsciente, e só
depois vêm à consciência, normalmente
acompanhadas de uma justificativa
racional. Um estudo realizado pela
Associação Americana para o Avanço da
Ciência (AAAS) mostrou que o ato de
escolher pode ser dividido em três partes:

e depois outro e assim sucessivamente. . Essa decisão aparece na sua consciência. mas na realidade existe um número enorme de decisõesque nosso cérebro toma e executa sem informar à nossa consciência. o que transmite a sensação de que você está tomando a decisão de forma racional. garantindo que demos um passo. Seu cérebro decide o que você vai fazer. Quando decidimos caminhar. sendo inclusive bastante influenciado pelos arquétipos. . Você age de acordo com a decisão tomada Pode parecer estranho.. por exemplo. mas logo em seguida o cérebro assume o controle e coordena a ação de dezenas de músculos nas pernas e braços. . a decisão é consciente.

Mas. Porém. E é aí que entram os gatilhos mentais.Algumas decisões do nosso dia a dia são simples e demandam pouca energia do nosso cérebro. você é capaz de engajar as pessoas. imagine se. outras. . No entanto. Isso quer dizer que. como comprar um imóvel. O cansaço mental seria uma constante em nossas vidas. motivando- as a agir. seu cérebro tivesse que analisar minuciosamente cada aspecto da situação. nosso sistema nervoso possui um mecanismo de filtragem para validar as nossas escolhas. para toda decisão complexa. são mais complexas e exigem mais esforço mental. Eles são diretrizes que o nosso cérebro adota para não precisar fazer todo um trabalho de reflexão a cada tomada de decisão. ao aplicar os gatilhos mentais de forma correta.