You are on page 1of 2

24/02/2018 Teologia Entre Amigos: RESENHA: A Caminho da Maturidade na Experiência Com Deus.

RESENHA: A Caminho da Maturidade na Experiência Com Deus.
Alfonso Garcia Rubio. A Caminho da Maturidade na Experiência de Deus (São Paulo: Paulinas,
2008) 227 p.

“A Caminho da maturidade na experiência de Deus”, publicado pela editora católica Paulinas, é uma
ampliação das idéias apresentadas pelo teólogo e padre diocesano, Alfonso Garcia Rubio, um
espanhol radicado no Brasil, país que adotou desde 1959, onde trabalha como professor na Pontifícia
Universidade Católica ( RJ).

As idéias, agora ampliadas na presente obra, foram anteriormente publicadas em 2000, sob forma
de artigo na revista Atualidade Teológica.

Além da introdução e conclusão, a obra é constituída de cinco capítulos em que serão discutidas as
expressões da ambigüidade do ser humano. Para tanto, Garcia Rubio apóia-se tanto reflexão bíblico-
teológica, como também da psicologia profunda, orientando-se por autores da escola junguiana.

A proposta do livro é apontar o caminho que conduza o cristão a uma relação madura com Deus e
também com a comunidade. Para isso, o autor compreende que são necessárias as tomadas de
consciência da necessidade de tais experiências e propõe uma sequência no processo em direção ao
alcance de tal libertação e maturidade. Destarte, no primeiro capítulo, Garcia Rubio aponta a
necessidade de reconhecimento da zona de sombra que está no inconsciente de cada indivíduo, mas
também nas comunidades, a fim de superarmos a tentação da projeção de nossas anomalias sobre
os mesmos, pois somente assim poderemos viver na verdade. Reconhecer a sombra abre o caminho
para a vivência comunitária e para superação no amor incondicional de Deus, produzindo
maturidade na experiência com Ele.

No segundo capítulo, Garcia Rubio, utilizando instrumental psicanalítico freudiano, identifica a
problemática do infantilismo religioso como um obstáculo à relação madura com Deus. Tal
infantilismo é oriundo da fase incipiente da vida de uma pessoa, tendo nas figuras materna e
paterna a sua causa. Em face da não ruptura do sentimento de onipotência construída na infância, o
indivíduo chega à vida adulta tendo a necessidade de projetar tal onipotência. A religião, neste
estágio, lhe servirá cabalmente, pois lhe apresentará um Deus em que atende e catalisa a projeção.
Destarte, o autor aponta também para a importância da superação deste infantilismo religioso,
afirmando a seriedade de vermos Deus não como nosso “quebra-galho”, pois o mesmo configura-se
em sutil idolatria, pois não o representa conforme o Evangelho o faz em Jesus Cristo.

No terceiro capítulo, o autor sugere a perspectiva da relação de Jesus de Nazaré com Deus Pai, a
fim de consequentemente, superarmos nossa imaturidade, mas, para isso, é preciso levar em conta
tanto a perspectiva mística como também a dimensão ética da relação entre Jesus e o Pai. Isto
significa que a partir de Jesus, o encontro com o Pai representa em prática da justiça, envolvimento
ético e compromisso no serviço ao próximo, porquanto assim, o Pai, em nós, é revelado!

A síntese do quarto capítulo é de que a experiência comunitária sadia é sinal da possibilidade da
paz. Garcia Rubio nos lembra aqui que a violência está presente em nós e por isso no mundo, pois a
portamos. Entretanto, nada está perdido, pois podemos, nas comunidades eclesiais, vivenciarmos o
amor e a fraternidade, permitindo assim, nosso progresso rumo à maturidade da relação com a
Trindade.

Finalmente, o quinto capítulo nos lembra que a culpa, tão presente nos círculos cristãos sejam
católicos ou protestantes, pode ser destrutiva e imobilizadora ou, ao invés disso, remetente ao
perdão e ao recomeço. Para a última prevalecer o resgate é o do conceito do amor incondicional de
Deus, de seu perdão e de sua justificação.

http://teologiaentreamigos.blogspot.com/2010/07/resenha-caminho-da-maturidade-na.html 1/2

24/02/2018 Teologia Entre Amigos: RESENHA: A Caminho da Maturidade na Experiência Com Deus. Suas conclusões são bíblicas. Suas proposições são cristãs.com/2010/07/resenha-caminho-da-maturidade-na. Recomendo a leitura do livro! POR: IDAURO CAMPOS http://teologiaentreamigos.html 2/2 . Afonso Garcia Rubio nos brinda com uma leitura agradável.blogspot. fugindo ao hábito editorial brasileiro de situá-lo ao início das obras. A diagramação ajuda. termina por confundir um pouco o leitor. embora em sua abordagem utilize ferramental psicanalítico. excetuando-se apenas pelo sumário ao final que. informativa e rica.