You are on page 1of 57

ESTATUTO DOS POLICIAIS
MILITARES DA PMDF
LEI FEDERAL Nº 7.289/1984
PROF. MARCOS GIRÃO

DISPOSIÇÕES
PRELIMINARES

ESTATUTO DA PMDF
Prof. MARCOS GIRÃO

Disposições Preliminares

Art. 2º A POLÍCIA MILITAR DO DISTRITO FEDERAL, ORGANIZADA
COM BASE NA:

Considerada FORÇA AUXILIAR RESERVA DO EXÉRCITO, é
destinada à:
1) Manutenção da ordem pública;
2) Segurança interna do Distrito Federal.

Disposições Preliminares

Art. 3º POLICIAIS-MILITARES NA ATIVA:
I – os de carreira (tem vitaliciedade assegurada ou
presumida);

II – os incluídos na Polícia Militar, voluntariamente, durante
os prazos a que se obriguem a servir;
III – os componentes da reserva remunerada da Polícia Militar,
convocados ou designados para o serviço ativo; e
IV – os alunos de órgãos de formação de policiais-militares.

entretanto. tendo passado por uma das situações anteriores. estiverem dispensados. a perceber remuneração do Distrito Federal. 3º POLICIAIS-MILITARES NA INATIVIDADE: I – os da reserva remunerada. percebendo remuneração do Distrito Federal e sujeitos à prestação de serviço na ativa. definitivamente da prestação de serviço na ativa. e II – os reformados. continuando.Disposições Preliminares Art. quando. mediante convocação. .

9º Os integrantes da reserva remunerada poderão.Disposições Preliminares Art. em CARÁTER TRANSITÓRIO E MEDIANTE ACEITAÇÃO VOLUNTÁRIA. . ainda. ser excepcionalmente designados para o serviço ativo.

MARCOS GIRÃO . DO INGRESSO NA POLÍCIA MILITAR ESTATUTO DA PMDF Prof.

Disposições Preliminares Art. . 5º A carreira de Oficial da Polícia Militar é privativa de BRASILEIROS NATOS.

10 O ingresso na Polícia Militar do Distrito Federal dar- se-á mediante concurso público de provas ou de provas e títulos. . observadas as condições prescritas neste Estatuto. Do Ingresso na Polícia Militar Art. em leis e em regulamentos da Corporação.

• A idade mínima para a matrícula no curso de formação é de 18 (dezoito) anos.Do Ingresso na Polícia Militar Art. . são as seguintes as principais exigências: • Diploma de conclusão de ensino superior. estadual ou do Distrito Federal. 11 Para MATRÍCULA nos cursos de formação dos estabelecimentos de ensino da Polícia Militar. reconhecido pelos sistemas de ensino federal. além de outras condições estabelecidas no Estatuto.

.TCDF).Do Ingresso na Polícia Militar A comprovação da idade máxima deve ser feita NO ATO DA INSCRIÇÃO DO CONCURSO (Decisão nº 2001/2016 .

. Do Ingresso na Polícia Militar Art. 11 • A idade máxima deve ser assim entendida:  máxima de 35 (trinta e cinco) anos. para o ingresso nos Quadros que exijam formação superior com titulação específica.

não se aplicando os limites máximos aos policiais militares da ativa da Corporação. . Do Ingresso na Polícia Militar Art. 11 • A idade máxima deve ser assim entendida:  máxima de 30 (trinta) anos nos demais Quadros.

60m . com os pés nus e a cabeça descoberta. 11 • Os limites mínimos de altura para a matrícula no curso de formação são. de: Homens: 1. Do Ingresso na Polícia Militar Art.65m Mulheres: 1.

. EXTRAVIO e DESAPARECIMENTO. 12 É vedada a REINCLUSÃO. Do Ingresso na Polícia Militar Art. salvo quando para dar cumprimento à DECISÃO JUDICIAL e nos casos de DESERÇÃO.

MARCOS GIRÃO . HIERARQUIA E DISCIPLINA ESTATUTO DA PMDF Prof.

ORGANIZADA COM BASE NA: . Disposições Preliminares Art. 2º A POLÍCIA MILITAR DO DISTRITO FEDERAL.

13 HIERARQUIA: É a ordenação da autoridade. Dentro de um mesmo posto ou graduação. . sendo o respeito à hierarquia consubstanciado no espírito de acatamento da autoridade. a ordenação faz-se pela ANTIGUIDADE nestes. por POSTOS e GRADUAÇÕES. em níveis diferentes. Hierarquia e Disciplina Art. dentro da estrutura da Polícia Militar.

 Grau hierárquico DA PRAÇA. 15  Grau hierárquico DO OFICIAL.  Confirmado em Carta Patente. POSTO  Ato do Governador do Distrito Federal. Hierarquia e Disciplina Art. GRADUAÇÃO  Conferido pelo Comandante-Geral da Corporação. .

14 CÍRCULOS HIERÁRQUICOS: São ÂMBITOS DE CONVIVÊNCIA entre os policiais- militares da mesma categoria e têm a finalidade de desenvolver o espírito de camaradagem. . sem prejuízo do respeito mútuo. em ambiente de estima e confiança. Hierarquia e Disciplina Art.

15 CÍRCULO E ESCALA HIERÁRQUICA NA POLÍCIA MILITAR HIERARQUIZAÇÃO POSTOS E GRADUAÇÕES Coronel PM Círculo de Oficiais Superiores Tenente-Coronel PM Major PM Círculo de Oficiais Intermediários Capitão PM Primeiro-Tenente PM Círculo de Oficiais Subalternos Segundo-Tenente PM . Hierarquia e Disciplina Art.

. 15 Os Aspirantes-a-Oficial PM e Alunos da Escola de Formação de Oficiais Policiais-Militares são denominados PRAÇAS ESPECIAIS. Hierarquia e Disciplina Art.

15 PRAÇAS ESPECIAIS Frequentam o Círculo de Oficiais Aspirante-a-oficial PM Subalternos Excepcionalmente ou em Reuniões Sociais. Hierarquia e Disciplina Art. tem acesso ao Círculo de Aluno-Oficial PM Oficiais CÍRCULO DE PRAÇAS GRADUAÇÕES Subtenente PM Primeiro-Sargento PM Círculo de Subtenentese Sargentos Segundo.Sargento PM Terceiro.Sargento PM Cabo PM Círculo de Cabos e Soldados Soldado PM 1ª Classe Soldado PM 2ª Classe .

salvo nos casos de precedência funcional estabelecida em lei ou regulamento. Hierarquia e Disciplina Art. do mesmo grau hierárquico. é assegurada pela ANTIGUIDADE no posto ou na graduação. . 16 A precedência entre os policiais-militares da ativa.

NOMEAÇÃO. . DECLARAÇÃO OU INCLUSÃO. 16 A ANTIGUIDADE em cada posto ou graduação é contada a partir: DA DATA DA ASSINATURA DO ATO DA RESPECTIVA PROMOÇÃO. salvo quando estiver taxativamente fixada outra data. Hierarquia e Disciplina Art.

Nos casos de nomeação coletiva a hierarquia será definida em conseqüência dos resultados do concurso a que forem submetidos os candidatos à Polícia Militar. Hierarquia e Disciplina Art. os policiais- militares em atividade têm precedência sobre os da inatividade. . 16 Em igualdade de posto ou graduação.

. 16 Em igualdade de Posto ou graduação. é definida pelo tempo de efetivo serviço no posto ou graduação. quando estiverem convocados ou designados para o serviço ativo. Hierarquia e Disciplina Art. a precedência entre policiais-militares de carreira NA ATIVA e os da RESERVA REMUNERADA.

17 A precedência entre as Praças Especiais e as demais Praças é assim regulada: I . Hierarquia e Disciplina Art.os Aspirantes-a-Oficial PM são hierarquicamente superiores às demais Praças e freqüentam o Círculo de Oficiais Subalternos. .

Hierarquia e Disciplina Art.os Alunos de Escola de Formação de Oficiais são hierarquicamente superiores aos Subtenentes PM. e . 17 A precedência entre as Praças Especiais e as demais Praças é assim regulada: II .

Hierarquia e Disciplina Art.os Cabos PM têm precedência sobre os Alunos do Curso de Formação de Sargentos. que a eles são equiparados. . respeitada a antigüidade relativa. 17 A precedência entre as Praças Especiais e as demais Praças é assim regulada: III .

20 O INGRESSO na carreira de Oficial será por: . Hierarquia e Disciplina Art.

Hierarquia e Disciplina Art. . 20 Para os demais quadros previstos na Organização Básica da Polícia Militar do Distrito Federal. o ingresso na carreira de Oficial será regulado por legislação específica ou peculiar.

perfeito cumprimento do dever por parte de todos e de cada um dos componentes desse organismo. traduzindo-se pelo. 13 DISCIPLINA: É a RIGOROSA OBSERVÂNCIA E ACATAMENTO INTEGRAL DA LEGISLAÇÃO que fundamenta o organismo policial- militar e coordena seu funcionamento regular e harmônico. . Hierarquia e Disciplina Art.

DO CARGO E DA FUNÇÃO POLICIAL-MILITAR ESTATUTO DA PMDF Prof. MARCOS GIRÃO .

21 e 22 cometidos ao policial-militar em serviço ativo.Cargo e Função Conjunto de deveres e responsabilidades Art. com as restrições fisiológicas próprias. . As atribuições e obrigações devem ser CARGO DE compatíveis com o correspondente grau POLICIAL-MILITAR hierárquico e. no caso DA policial-militar. DE DESIGNAÇÃO OU DETERMINAÇÃO expressa de autoridade competente. O provimento de cargo policial-militar se faz por ATO DE NOMEAÇÃO.

• Desde o momento em que o policial-militar exonerado ou dispensado. 23 O CARGO policial-militar é considerado vago a partir: • Da sua criação. . o deixe e até que outro policial-militar tome posse. • Cujos ocupantes tenham falecido ou hajam sido considerados desertores ou extraviados.Cargo e Função Art.

24 FUNÇÃO DE Exercício das obrigações inerentes do POLICIAL-MILITAR cargo policial-militar. .Cargo e Função Art.

MARCOS GIRÃO . OBRIGAÇÕES POLICIAIS- MILITARES ESTATUTO DA PMDF Prof.

O VALOR DO POLICIAL MILITAR .

Obrigações: VALOR POLICIAL MILITAR “Um VALOR é uma crença em que o homem se baseia para atuar por referência. para um indivíduo ou grupo social".“ Alpport (Psicólogo) “O VALOR é algo significativo. importante. Nildo Viana (Sociólogo) .

até com o sacrifício da própria vida. II .Obrigações: VALOR POLICIAL MILITAR Art.o PATRIOTISMO. traduzido pela vontade inabalável de cumprir o dever policial-militar e pelo solene juramento de fidelidade à Pátria. .o CIVISMO e o CULTO das tradições históricas. 28 São manifestações essenciais do valor policial-militar: I . III .a FÉ na missão elevada da Polícia Militar.

a DEDICAÇÃO na defesa da sociedade.o ESPÍRITO de corpo e o ORGULHO pela Corporação. VI . .Obrigações: VALOR POLICIAL MILITAR Art. e VII .o AMOR à profissão e o ENTUSIASMO com que a exerce. V .o APRIMORAMENTO técnico-profissional. 28 São manifestações essenciais do valor policial-militar: IV .

A ÉTICA DO POLICIAL MILITAR .

daquilo que é belo. ou "portador de caráter". do que é moralmente correto. um senso prático daquilo que vale a pena ser empreendido. do grego ethos e significa aquilo que pertence ao "bom costume". porqueSite se tornará assim Wikipedia uma máquina utilizável e não uma personalidade. Princípios universais.” Albert Einstein . É necessário que adquira um sentimento. ações que acreditamos e não mudam independentemente do lugar onde estamos. "costume superior". “Não basta ensinar ao homem uma especialidade.Obrigações: ÉTICA POLICIAL MILITAR A palavra ÉTICA.

V . . como fundamentos da dignidade pessoal. os regulamentos. com autoridade.cumprir e fazer cumprir as leis. as funções que lhe couberem em decorrência do cargo. 29 I .ser justo e imparcial nos julgamentos dos atos e na apreciação do mérito dos subordinados. as instruções e as ordens das autoridades competentes.respeitar a dignidade da pessoa humana. III .Obrigações: ÉTICA POLICIAL MILITAR Art.amar a verdade e a responsabilidade.exercer. IV . eficiência e probidade. II .

fora do âmbito apropriado.Obrigações: ÉTICA POLICIAL MILITAR Art.zelar pelo preparo próprio. o espírito de cooperação. 29 VI . VIII . moral. tendo em vista o cumprimento da missão comum. IX .ser discreto em suas atitudes e maneiras e em sua linguagem escrita e falada. . pelo dos subordinados.praticar a camaradagem e desenvolver. intelectual e físico e. permanentemente. X .abster-se de tratar. também.empregar todas as suas energias em benefício do serviço. de matéria sigilosa de qualquer natureza. VII .

29 XI .comportar-se mesmo fora do serviço ou na inatividade. .Art.garantir a assistência moral e material ao seu lar e conduzir-se como chefe de família modelar. XII . XIV .cumprir seus deveres de cidadão. XV .acatar as autoridades civis. e particular. Xlll . do respeito e do decoro policial-militar. de modo que não sejam prejudicados os princípios da disciplina.proceder de maneira ilibada na vida pública.

c) em atividades industriais. XVIII . EXCETUANDO-SE os de natureza exclusivamente técnica.abster-se. XVII .observar as normas de boa educação. na inatividade. d) para discutir ou provocar discussões pela imprensa a respeito de assuntos políticos ou policiais-militares. mesmo que seja da administração .abster-se de fazer uso do posto ou graduação para obter facilidades pessoais de qualquer natureza ou para encaminhar negócios particulares ou de terceiros. 29 XVI . se devidamente autorizado. do uso das designações hierárquicas quando: a) em atividades político-partidárias. b) em atividades comerciais. e e) no exercício de cargo ou função de natureza civil.Art.

• NA GERÊNCIA DE SOCIEDADE. . 30 AO POLICIAL-MILITAR DA ATIVA É VEDADO: • NA ADMINISTRAÇÃO. Obrigações: ÉTICA Art. como ACIONISTA ou QUOTISTA em sociedade anônima ou por quotas de responsabilidade limitada.

no meio civil. . é PERMITIDO aos Oficiais titulados no QUADRO DE SAÚDE o exercício de ATIVIDADE TÉCNICO- PROFISSIONAL. 30 No intuito de desenvolver a prática profissional.Art. desde que tal prática não prejudique o serviço e não infrinja o disposto neste artigo.

MARCOS GIRÃO . DEVERES POLICIAIS- MILITARES ESTATUTO DA PMDF Prof.

III . .a probidade e a lealdade em todas as circunstâncias.a dedicação integral ao serviço policial-militar e a fidelidade à instituição a que pertence. 32 I .a disciplina e o respeito à hierarquia.Deveres: CONCEITUAÇÃO Art. II . mesmo com o sacrifício da própria vida.a culto aos Símbolos Nacionais. IV .

a manutenção da ordem pública. VI .a obrigação de tratar o subordinado dignamente e com urbanidade. 32 V . .a segurança da comunidade. cordial e educado para com os cidadãos. VII .Art. VIII .o rigoroso cumprimento das obrigações e ordens. e lX .o trato urbano.

ou nomeação. 33 Após ingressar na Polícia Militar. matrícula. no qual afirmará a sua aceitação consciente das obrigações e dos deveres policiais- militares e manifestará a sua firme disposição de bem cumpri-los.Deveres: COMPROMISSO Art. mediante inclusão. o policial-militar prestará compromisso de honra. .

34 O compromisso do Aspirante-a-Oficial PM é prestado na solenidade de declaração de aspirante-a-Oficial.Art. de acordo com o cerimonial previsto no regulamento do estabelecimento de ensino. .

MARCOS GIRÃO .OBRIGADO PROF.