You are on page 1of 58

A GRAÇA DE DEUS

2
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

UMA ESCOLA SEM PAREDES E SEM FRONTREIRAS

3
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

EAD
(EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA)

www.theologiaonline.org
theos@theologiaonline.org

4
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

5
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

SUMÁRIO

CAPÍTULO 01 - A GRAÇA DE DEUS

CAPÍTULO 02 - O QUE É GRAÇA

CAPÍTULO 03 - AS TRÊS PRINCIPAIS ÁREAS DA GRAÇA

CAPÍTULO 04 - A SALVAÇÃO PELA GRAÇA

CAPÍTULO 05 - NA GRAÇA, PERMANECEMOS FIRMES

CAPÍTULO 06 - A GRAÇA PARA SERVIR

6
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

7
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

CAPÍTULO 01
A GRAÇA DE DEUS

A. PARA CUMPRIRMOS O PLANO E O PROPÓSITO DE DEUS PARA A NOSSA


VIDA E MINISTÉRIO, TEMOS DE TER UMA COMPREENSÃO DA GRAÇA
DE DEUS E APRENDER A FLUIR COM ELA - Zacarias 4:6-7.
1. Foi dada a Zorobabel a tarefa da reconstrução do templo em Jerusa-
lém, o qual ele já tinha começado.
2. Nestes versículos, Deus encoraja Zorobabel dizendo que a grande
montanha de obstáculos humanos seria removida da sua frente, e que
ele completaria a reconstrução do templo.
3. Contudo, Deus disse a Zorobabel que isto seria realizado, "Não por
força, nem por violência, mas pelo meu Espírito, diz o Senhor dos
Exércitos."
4. A pedra angular do novo templo seria trazida com aclamações, "GRA-
ÇA, GRAÇA a ela."

5. FOI APENAS PELA GRAÇA DE DEUS - NÃO POR FORÇA, NEM POR PODER, MAS PELO ES-
PÍRITO DE DEUS - QUE ZOROBABEL CUMPRIU OS PROPÓSITOS DE DEUS PARA A SUA VI-

8
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

DA!

B. HÁ DUAS FRASES IMPORTANTES NA PRIMEIRA EPÍSTOLA DE PEDRO,


QUE ESTÃO RELACIONADAS COM A GRAÇA DE DEUS.
1. "A multiforme graça de Deus" - I Pedro 4:10.
a. A tradução de Moffatt diz, "A graça variada [ou diversa] de Deus."
b. A New English Bible diz, "A graça de Deus nas suas várias [ou diver-
sas] formas."
c. A graça de Deus tem várias facetas, e é nos mostrada de muitas
formas.
2. "O Deus de toda graça" - I Pedro 5:10.
O nosso Deus é o doador de toda a graça, em todas as suas várias
formas.

C. ESTA MULTIFORME GRAÇA DE DEUS É UM DOS TEMAS PRINCIPAIS DAS


CARTAS DE PAULO.
Em cada carta que Paulo escreveu às igrejas, ele começa e acaba dizendo
palavras de graça às igrejas (exemplo - Gálatas 1:3; 6:18).

D. ENTENDER A GRAÇA É UMA CHAVE PRINCIPAL PARA:


1. Viver uma vida cristã vitoriosa.
2. Andar nas bênçãos de Deus.
3. Cumprir eficazmente o plano e o propósito de Deus para a nossa vida.

9
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

CAPÍTULO 02

O QUE É GRAÇA?

A. A PALAVRA GREGA TRADUZIDA POR GRAÇA É CHARIS.

B. O SIGNIFICADO CLÁSSICO DE CHARIS.


1. CHARIS, para os gregos antigos, referia-se em primeiro lugar "àquela
qualidade numa coisa, a qual faz com que dê gozo aos seus ouvintes e
observadores."
2. Passado algum tempo veio a significar não necessariamente a graça
ou a beleza de alguma coisa, tal como uma qualidade inerente a essa
mesma coisa, mas a graciosa ou bela coisa, ação, pensamento, pala-
vra, ou pessoa seja o que for, em si própria - a graça dando forma a si
própria e a exprimir-se...em expressões graciosas para com aqueles
que podem ser os seus objetos.
3. Um sentido adicional que a palavra CHARIS adquiriu, é a gratidão que o
favor "chama para si" em resposta (suscita).
4. Na terminologia ética, CHARIS significou, "um favor feito livre e genero-

10
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

samente, sem reivindicação ou expectativa de receber algo em troca."


a. É dado livremente, sem qualquer expectativa de receber algo em
troca, e tem como única motivação a liberalidade, generosidade e
espontaneidade do doador.
b. Este favor foi sempre feito a um amigo, nunca a um inimigo.
5. A palavra CHARIS também foi usada para descrever um ato que vai para
além do curso normal do que pode ser esperado, e por isso é louvável.
C. O QUE A GRAÇA DE DEUS NÃO É:
1. A capacidade para cumprir o desejo da carne e não enfrentar as con-
seqüências.
a. Graça não é permissão Divina para fazer o que está errado, mas sim
o poder Divino para fazer o que está certo.
b. Judas 4 fala de homens ímpios, que "convertem em dissolução a
graça de Deus..."
(1) A tradução de Phillips diz, "Eles não têm verdadeira reverência a
Deus e abusam da Sua graça, como uma oportunidade para a
imoralidade..."
(2) Deus perdoa o pecado, mas está errado ter a atitude, "Deus
perdoa-me, então lá vou eu!"
(3) Tudo o que o homem semear, isso, também, ceifará - Gálatas
6:7-8.
c. Romanos 5:20-21; 6:1-2.
(1) Algumas pessoas pegaram no que Paulo disse nos versículos 20-
21 e afirmaram que ele estava a dizer que nós precisamos de
permanecer em pecado, para que possamos ter mais graça (ver
também Romanos 3:8).
(2) Contudo, o que Paulo estava dizendo foi que o sacrifício de Jesus
lidou com o problema do pecado. Não importa quanto pecado

11
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

um homem cometeu, a resposta de Deus é maior.


A graça de Deus é maior do que o nosso pecado!
(3) Nós não devemos permanecer em pecado para que possamos
ter mais graça - versículos 1-2.
d. Tito 2:11-12.
(1) A graça de Deus trouxe-nos salvação.
(2) A graça de Deus ensina-nos a abandonar a impiedade e como vi-
ver justamente.
2. Um conceito teológico e morto, uma teoria vazia ou simplesmente
uma "doutrina".
3. Baseada na atuação ou trabalho humano.
a. A graça de Deus não tem nada a ver com o esforço humano.
b. É baseada na iniciativa e atuação de Deus.
4. Uma atitude passiva que Deus tem contra o que é maligno.
Deus odeia o que é maligno.
5. A capacidade de tolerar miseravelmente uma situação.
6. Barata.
a. A graça de Deus é gratuita e imerecida, mas não é barata.
b. É gratuita para nós, mas não o é para Deus.
c. A graça é a coisa mais valiosa e dispendiosa que há neste universo.

D. A GRAÇA DE DEUS.
1. A definição básica da GRAÇA DE DEUS, tal como é usada na Palavra, é O
FAVOR IMERECIDO DE DEUS.

a. Neste sentido, FAVOR exclui o elemento de algo que é devido.

12
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

Quando nós "fazemos um favor" a alguém nós estamos conceden-


do-lhe um benefício da bondade que está no nosso coração. É algo
que não é ganho ou merecido.
b. A GRAÇA DE DEUS exclui o conceito de mérito humano.
Deus concede-nos favor que nós não ganhamos ou merecemos.
c. A palavra hebraica traduzida por GRAÇA (CHEN) inclui a idéia de UM FA-
VOR IMERECIDO DE UM SUPERIOR A UM INFERIOR, QUANDO NÃO HÁ OBRIGAÇÃO
PARA QUE O SUPERIOR O DEMONSTRE.

2. A GRAÇA DE DEUS inclui A INFLUÊNCIA DIVINA NO CORAÇÃO, E O SEU REFLEXO NA


VIDA.

3. GRAÇA, em termos simples, é DEUS A ABUNDAR PARA COM O HOMEM.


a. Efésios 1:7-8 diz, "Em quem temos a redenção pelo Seu sangue, o
perdão dos pecados, segundo AS RIQUEZAS DA SUA GRAÇA; EM QUE ELE
ABUNDOU PARA CONOSCO em toda a sabedoria e prudência" (King James
Version).
b. Deus abundou para conosco na Sua graça!
c. Nós simplesmente recebemos através da fé o que Deus já fez.
4. A GRAÇA é aquilo que flui do nosso Deus gracioso.
a. O Senhor é gracioso - Salmos 86:15.
GRACIOSO refere-se à INCLINAÇÃO AGRESSIVA E BENEVOLENTE PARA DEMONS-
TRAR BENEFÍCIO E CONCEDER FAVORES.

b. Salmos 35:27 - Deus DELEITA-SE na prosperidade dos Seus servos!


c. Salmos 68:19 - Deus dia a dia acumula-nos de benefícios!
d. Salmos 84:11 - Ele não negará BEM ALGUM aos que andam na retidão!
e. Salmos 145:16 - O nosso Deus é generoso - Ele abre a Sua mão e sa-
tisfaz os nosso desejos com a Sua graça!
Deus não é avarento nem mesquinho!

13
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

f. Lucas 12:32 - AGRADOU a Deus dar-nos o Reino!


O Reino de Deus inclui tudo o que está debaixo da autoridade do
Rei.
g. João 10:10 - Jesus veio para nos dar vida, e vida EM ABUNDÂNCIA!
h. Romanos 10:12 - Ele é RICO para com TODOS os que O invocam!
i. Efésios 1:6-8 - As RIQUEZAS da Sua graça.
j. Tiago 1:5 - Deus dá a todos liberalmente!
Ele não lança em rosto - Ele não fica zangado por nós necessitarmos
tanto!
5. GRAÇA é o que foi demonstrado através da vida e do ministério de Je-
sus Cristo.
a. Jesus foi a graça personificada!
b. João 1:14,16 - Ele era cheio de graça.
c. Lucas 2:40 - A graça de Deus estava sobre Ele.
d. Lucas 4:22 - Palavras de graça saíam da Sua boca.
e. Se tu quiseres saber o que é a graça, olha para Jesus.
6. GRAÇA é "as riquezas de Deus à custa de Cristo" - Efésios 1:3.
7. GRAÇA é nós a recebermos o que não merecermos.
a. Graça e misericórdia estão relacionadas.
b. Num certo sentido, devido à misericórdia de Deus nós não recebe-
mos o que merecemos; mas devido à graça de Deus nós recebemos
o que não merecemos.
8. GRAÇA é Deus a fazer por nós, o que nós nunca poderíamos fazer por
nós mesmos.
9. GRAÇA é a soma total do que Deus fez por nós na pessoa de Cristo, e
que nos é manifesto pelo Espírito Santo.

14
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

Graça é tudo o que Deus está livre para fazer à humanidade, na base
da Redenção que está em Cristo Jesus.
10. GRAÇA é o PODER DE DEUS EM OPERAÇÃO (baseado na Sua natureza).
a. É o poder de Deus que está ativo e vivo neste momento.
b. Por exemplo: Para produzir ar refrigerado, um ar condicionado pre-
cisa de estar ligado à corrente elétrica que providencia energia.
(1) O termostato no ar condicionado representa o que nós deseja-
mos baseados na Palavra de Deus (um tipo de esperança).
(2) O ar refrigerado representa a nossa fé. É a nossa fé que liberta o
poder.
(3) A fonte de energia representa Deus, o doador de toda a graça.
(4) A ENERGIA QUE O AR CONDICIONADO PRECISA PARA PRODUZIR AR REFRIGERA-
DO REPRESENTA A GRAÇA.

(a) Graça é o que dá energia à nossa fé.


(b) Se Deus não tivesse providenciado salvação em Cristo, a nos-
sa fé não poderia fazer nada - não teria nada para receber.
(c) Graça é Deus fazendo o que Ele fez por nós. Fé é nós esten-
dendo a nossa mão para recebê-lo.
(d) Fé só pode receber daquilo que a graça providenciou.
c. Deus não só quer que a graça opere em nossas vidas no Novo Nas-
cimento, como Ele quer que nós andemos na Sua graça.
Há vários tipos de graça nas quais Deus quer que andemos na nossa
vida.
(1) Exemplo: Eletricidade produz luz, movimento, frio, calor, etc.
Dependendo daquilo no qual a eletricidade flui o resultado será
diferente.
(2) Graça é graça, mas produzirá diferentes resultados em diferen-

15
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

tes áreas da nossa vida, nas quais ela flui.


d. GRAÇA é a capacidade de Deus em nós para fazermos o que não te-
mos capacidade (humana) para fazer.
11. A graça de Deus é infinitamente maior do que a graça do homem.
a. Charis no grego clássico referia-se a um favor concedido livre e ge-
nerosamente, sem qualquer expectativa de receber algo em troca.
Contudo este favor era sempre feito a um amigo e nunca a um ini-
migo.
b. Deus demonstrou o Seu amor para conosco em que Cristo morreu
por nós, enquanto nós ainda éramos os Seus inimigos - Romanos
5:6-10.
Isto é algo que nunca antes fora visto na raça humana.
12. GRAÇA está sempre dependente de Quem Deus é, e do Que Deus é, e
nunca de quem o homem é, ou do que o homem é.
Deus dá-nos o Seu favor e abençoa-nos baseado nos Seus méritos, e
não nos nossos.
13. Provavelmente não há outra palavra que expresse de uma forma
mais clara a natureza de Deus e tudo o que está no Seu coração, do
que a palavra GRAÇA.

16
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

17
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

CAPÍTULO 03

AS TRÊS ÁREAS PRINCIPAIS DA GRAÇA

A. A GRAÇA QUE SALVA.


1. Através desta graça, o poder de Deus é liberto numa pessoa que está
perdida e faz uma nova criatura.
2. A GRAÇA QUE SALVA ENVOLVE A TRANSMISSÃO DA VIDA DE DEUS.

B. A GRAÇA PARA PERMANECER FIRME.


1. Através deste tipo de graça, o poder de Deus é liberado na vida do
cristão, e capacita-o para permanecer firme e vitoriosamente e reinar
em vida.
2. GRAÇA PARA PERMANECER FIRME ENVOLVE A TRANSMISSÃO DA FORÇA DE DEUS.

C. A GRAÇA PARA SERVIR.


1. Através deste tipo de graça, o poder de Deus é liberado na vida do
cristão, e capacita-o e equipa-o para desempenhar um ministério so-
brenatural.
18
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

2. GRAÇA PARA SERVIR ENVOLVE A TRANSMISSÃO DA CAPACIDADE DE DEUS.

19
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

CAPÍTULO 04

A SALVAÇÃO PELA GRAÇA

A. SÓ A GRAÇA DE DEUS PODE SALVAR UMA PESSOA.


1. Não há mais nada que possa salvar o homem.
2. A oração de Jesus no jardim de Getsêmani demonstra que é impossí-
vel ao homem ser salvo através de qualquer outro meio, senão atra-
vés da morte, sepultamento e ressurreição de Jesus - Marcos 14:35-
36.

B. A SALVAÇÃO NÃO VEM ATRAVÉS DA LEI.


1. Uma posição de retidão com Deus, não está baseada no esforço ou
trabalho humano.
2. Na Palavra de Deus vemos um contraste entre graça e lei - João 1:17.
a. A graça está baseada no que Deus fez por nós.
b. A lei está baseada no esforço humano - Romanos 10:5.

20
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

c. Nós não podemos confiar ao mesmo tempo tanto na graça, como


na lei, para a salvação.
3. As epístolas aos Romanos e aos Hebreus lidam com a inadequação da
Lei.
a. A Lei de Moisés tem duas partes.
(1) A parte moral (Romanos lida com esta parte).
(2) A parte cerimonial (Hebreus lida com esta parte).
b. Romanos lida com a inadequação da Lei baseada no dilema moral
do homem.
(1) O homem é um pecador - Romanos 3:23.
(2) A Lei era inadequada porque não providenciava salvação para o
homem.
(3) Deus nunca pretendeu que a Lei providenciasse salvação para o
homem.
(4) Mas, Deus pretendeu isso sim, que a Lei mostrasse ao homem a
sua pecaminosidade - Romanos 3:19-20; 7:7.
(5) A Lei impõe padrões Divinos baseados na santidade de Deus,
com o propósito de revelar ao homem a sua pecaminosidade,
tornando-o consciente da sua necessidade da Redenção.
Até que uma pessoa se aperceba de que tem um problema, ela
não estará pronta para receber a solução.
(6) Graça transmite a vida Divina baseada na benevolência de Deus,
com o propósito de fazer ao homem uma nova criação.
c. Hebreus lida com a inadequação da Lei baseado no fato em que as
cerimônias não podem salvar o homem - Hebreus 10:1-4.
As cerimônias da Lei eram simbólicas e apontavam para o verdadei-
ro sacrifício - o Senhor Jesus Cristo.

21
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

4. A Lei não pode salvar uma pessoa, nem torná-la justa.


a. Atos 13:39.
b. Romanos 3:20,28.
c. Gálatas 2:16,21.
d. Gálatas 3:11,21.
e. Hebreus 7:15-19.

C. SALVAÇÃO NÃO VEM PELAS OBRAS.


1. Nós já vimos que o Novo Testamento nos ensina que as obras da Lei
não podem salvar uma pessoa. CONTUDO, O NOVO TESTAMENTO TAMBÉM
NOS ENSINA QUE A SALVAÇÃO NÃO PODE VIR POR QUALQUER OUTRO TIPO DE BOAS
OBRAS.

2. Paulo usou o exemplo de Abraão, que viveu antes da Lei de Moisés -


Romanos 4:1-5.
a. Estas obras não podiam estar se referindo simplesmente às obras
da Lei, porque a Lei de Moisés não foi dada senão quatrocentos e
trinta anos mais tarde (Gálatas 3:17).
b. ESTAS OBRAS INCLUEM QUALQUER TIPO DE BOAS OBRAS, QUE UMA PESSOA FAZ PA-
RA TENTAR MERECER SALVAÇÃO OU JUSTIÇA.

c. O fato da Escritura dizer "Abraão creu em Deus, e isso lhe foi impu-
tado como justiça" significa que Abraão não fez quaisquer boas
obras para ganhar justiça - versículos 3 a 5.
Nos versículos 4 e 5, a graça é contrastada com dívida.
(1) A palavra IMPUTADO implica graça, e não dívida. A palavra OBRA
implica dívida, e não graça.
(2) Se uma pessoa faz qualquer tipo de obra para merecer um ga-
lardão, então o galardão não lhe é IMPUTADO com base na GRAÇA.

22
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

É-lhe dado com base na DÍVIDA, isto é, PORQUE LHE É DEVIDO - versí-
culo 4.
SE UMA PESSOA TIVESSE DE FAZER QUALQUER TIPO DE BOA OBRA PARA GANHAR
A SALVAÇÃO, ENTÃO A SUA SALVAÇÃO NÃO SERIA BASEADA NA GRAÇA, MAS SIM
NA DÍVIDA.

(3) Se uma pessoa NÃO TRABALHA para ganhar a salvação, MAS CRÊ na-
quele que justifica o ímpio, ENTÃO a sua fé é lhe IMPUTADA como
justiça - versículo 5.
(4) Assim o versículo 3 significa que Abraão não trabalhou para ob-
ter justiça. A justiça foi-lhe imputada com base na graça.
(5) DEUS LIDA CONOSCO BASEADO NA GRAÇA, NÃO NA BASE DA DÍVIDA!
d. Deus colocou salvação na base da fé, para que possa ser pela graça -
Romanos 4:13-16.
3. Em Romanos 11:6, a graça é contrastada com as obras.
a. Este versículo afirma um princípio geral em relação a graça de Deus,
o qual se aplica à verdade da salvação pela graça.
b. SE UMA PESSOA TIVESSE DE TRABALHAR PARA OBTER SALVAÇÃO, ENTÃO NÃO ERA
PELA GRAÇA. MAS SE A SALVAÇÃO É PELA GRAÇA, ENTÃO NÃO TEM DE TRABALHAR
PARA ISSO.

D. SALVAÇÃO É PELA GRAÇA, E É RECEBIDA POR MEIO DA FÉ - Efésios 2:1-


10.
1. Graça inclui tudo o que Deus fez por nós em Cristo.
2. Os versículos 2 e 3 descrevem a nossa condição - espírito, alma e cor-
po, outrora.
3. "Mas Deus..."! Versículo 4.
a. Tudo o que Deus fez nos versículos 4-6 é a graça de Deus.

23
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

b. Deus amou-nos e em Cristo consumou a nossa Redenção completa,


pela Sua graça, mesmo enquanto ainda estávamos mortos em nos-
sos pecados.
4. Pela graça somos salvos, por meio da fé - versículo 8.
a. Pela Sua graça, Deus providenciou salvação (versículos 4-6).
b. Através da fé, o homem recebe a salvação que Deus providenciou.
c. Não é apenas a salvação que não vem de nós mesmos e é dom de
Deus, mas também a fé para receber a salvação, não vem de nós
mesmos e é dom de Deus.
(1) Pela Sua graça, Deus deu-nos fé para sermos salvos, pela prega-
ção da Palavra de Deus (Atos 18:27; Romanos 10:17).
(2) Não poderia existir fé se não houvesse a graça.
(a) A fé está baseada na graça.
(b) Se Deus não tivesse providenciado primeiro a salvação pela
Sua graça, e não nos tivesse dado a Palavra da Sua graça, não
poderíamos ter fé para sermos salvos.
(c) A nossa fé é simplesmente uma resposta a Sua graça.
d. A nossa salvação não vem das obras, para que ninguém se glorie -
versículo 9.
(1) A religião humana é o homem fazendo o trabalho e Deus rece-
bendo - assim o homem recebe a glória.
(2) Graça é Deus fazendo o trabalho e o homem recebendo - assim
Deus recebe a glória!

E. SALVAÇÃO, GRAÇA E FÉ NÃO VÊM DAS OBRAS, MAS SÃO PARA AS


OBRAS - Efésios 2:9-10.
1. Salvação não vem das boas obras, mas causa boas obras.

24
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

a. Devido ao fato do nosso homem interior ter sido feito uma nova
criatura em Cristo, nós produziremos boas obras à medida que dei-
xamos o nosso homem interior dominar-nos - versículo 10.
b. O Espírito de Deus diz-nos através de Paulo, para operar (efetuar) a
nossa salvação com temor e tremor - Filipenses 2:12-13.
(1) Repare que Ele NÃO diz para TRABALHAR PARA a nossa salvação.
(2) Nós recebemos salvação primeiro (através da fé) e então come-
çamos a efetuá-la no exterior.
Em outras palavras, começamos a demonstrar a nossa salvação
na nossa conduta.
(3) Pela Sua graça, Deus operou a salvação em nós, quando rece-
bemos Jesus como nosso Senhor e Salvador. Desde aquela altu-
ra, Ele tem continuado a operar em nós, pela Sua graça - versícu-
lo 13.
2. Graça produzirá boas obras se lhe permitirmos operar em nós - Tito
2:11-14; 3:3-8.
a. A graça de Deus tem-nos trazido salvação - versículo 11.
(1) Salvação é de Deus - Lucas 3:6.
(a) Pela Sua graça, Deus o Pai planejou o plano da salvação an-
tes da fundação do mundo - Efésios 1:3-6; Apocalipse 13:8; I
Pedro 1:18-20; II Timóteo 1:9-10.
(b) Pela Sua graça, O Senhor Jesus Cristo consumou esse plano
(Hebreus 2:9; II Timóteo 1:10; Efésios 2:4-6).
(c) Pela Sua graça, o Espírito Santo revela-nos esse plano e tor-
na-o uma realidade nas nossas vidas - Efésios 1:7-9; 3:1-5;
Romanos 8.
(2) O homem não tinha nada a ver com o planejar do plano da sal-
vação. Foi tudo de Deus, pela Sua graça.

25
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

O homem tem de simplesmente receber o dom da salvação de


Deus.
b. A graça de Deus ensina-nos a abandonar a impiedade, e como viver
sóbria, justa e piedosamente neste presente século - versículo 12.
c. Jesus redimiu-nos de toda a iniquidade, purificou-nos e fez-nos o
Seu próprio povo, zeloso de boas obras - versículo 14.
d. A benignidade e amor (graça) de Deus, nosso Salvador, para com o
homem apareceu, quando Jesus veio como um homem para con-
sumar o plano da salvação - Tito 3:4.
e. Nós fomos salvos e feitos justos, não pelas nossas, mas pela Sua mi-
sericórdia e graça - versículos 5-7.
Isto foi operado em nós pela Sua graça mediante a lavagem da re-
generação (pela Palavra - Efésios 5:26) e da renovação do Espírito
Santo.
f. Depois de sermos salvos, devemos ter o cuidado de manter as boas
obras - versículo 8.
3. A fé genuína, quando lhe deixamos seguir o seu pleno curso de ação
na nossa vida, produzirá boas obras - Tiago 2:17-26.
a. No versículo 24, Tiago não contradiz o que Paulo escreveu em Gála-
tas 2:16.
(1) Paulo e Tiago estavam escrevendo a dois grupos diferentes de
pessoas.
(a) Na sua carta aos Gálatas, Paulo estava escrevendo a Cristãos
que queriam viver sob o legalismo da Lei Mosaica.
(b) Na sua carta, Tiago estava escrevendo a Cristãos preguiço-
sos.
(2) Paulo estava falando das obras da Lei, e obras para tentar obter
salvação.

26
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

Tiago estava falando sobre as ações correspondentes que pro-


cedem da fé verdadeira, e das obras como resultado da salva-
ção.
(3) Tanto Paulo como Tiago estavam lutando contra a heresia em
duas frentes diferentes.
(a) Tiago estava lutando contra a simples concordância mental.
(b) Paulo estava lutando contra o legalismo.
(4) Noutros lugares nas suas cartas Paulo também escreveu sobre
as boas obras que resultam da salvação.
b. As obras sobre as quais Tiago está escrevendo, referem-se em pri-
meiro lugar às ações correspondentes que ativam a nossa fé.
A ação correspondente que foi necessária para libertar a nossa fé,
para receber salvação, foi a confissão de Jesus Cristo como nosso
Senhor - Romanos 10:9-10.
c. Em segundo lugar, as obras sobre as quais Tiago está escrevendo re-
ferem-se às obras que procedem da nossa salvação pela fé.
(1) Fé genuína produzirá boas obras, depois de uma pessoa ter nas-
cido de novo.
(2) Somos salvos só pela fé, mas a fé que salva nunca está sozinha.
(3) As pessoas irão ver a nossa fé, através das obras que procedem
da nossa fé - versículo 18.
(4) A fé de Abraão foi demonstrada pelas suas ações - versículos 21-
23.
(a) Depois de termos sido feitos justos, precisamos de deixar a
nossa fé seguir o seu pleno curso de ação na nossa vida.
(b) Repare que as obras da fé referidas no versículo 21 (Gênesis
22), foram feitas DEPOIS de Abraão ter crido em Deus e isso
lhe ter sido imputado como justiça, conforme referido no

27
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

versículo 23.
(5) Raabe também demonstrou a sua fé através das suas ações -
versículo 25.
(6) A fé genuína quando lhe permitimos seguir o seu pleno curso de
ação na nossa vida, é viva, ativa e produz boas obras - versículo
26.

F. A NOSSA PLENA SALVAÇÃO É PELA GRAÇA DE DEUS.


1. A plena salvação atinge o espírito, a alma e o corpo do homem.
2. A Bíblia fala da salvação no passado, presente e futuro. Fomos salvos,
estamos sendo salvos e seremos salvos. É tudo pela graça.
a. Fomos salvos (II Timóteo 1:9; Efésios 2:5-8; II Coríntios 2:15).
(1) Posicionalmente, fomos salvos em Cristo - espírito, alma e cor-
po.
(2) Temporalmente, o nosso ESPÍRITO foi salvo no momento em que
nascemos de novo (João 3:5-6).
b. Estamos sendo salvos.
(1) A nossa ALMA (MENTE, VONTADE E EMOÇÕES) está sendo salva à me-
dida que implantamos a Palavra no nosso coração e a pomos em
prática - Tiago 1:21-22.
A nossa alma está sendo transformada pela renovação da nossa
mente - Romanos 12:2.
(2) Podemos experimentar as primícias da nossa salvação no nosso
CORPO FÍSICO, agora mesmo: cura e saúde e viver livre do domínio
da carne - Romanos 8:11-12.
c. Seremos salvos - Romanos 13:11; I Pedro 1:5.
(1) Receberemos a plenitude da salvação da nossa ALMA quando

28
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

formos libertos da nossa carne - ou quando morrermos fisica-


mente ou quando Jesus voltar para a Sua Igreja - I Pedro 1:9-
10,13.
(2) Receberemos a plenitude da salvação do nosso CORPO quando
Jesus voltar para a Sua Igreja - Romanos 8:18-25; Filipenses 3:20-
21; I Coríntios 15:45-57.
(3) II Tessalonicenses 2:16.
3. A nossa salvação é chamada "eterna salvação" - Hebreus 5:9.
a. Salvação será para a eternidade.
b. Quando recebermos a plenitude da nossa salvação, teremos a liber-
tação completa da presença do pecado.
c. Virá um tempo em que o pecado, Satanás e tudo o que é maligno
será removido da presença dos redimidos - Apocalipse 21:23-17.

29
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

CAPÍTULO 05

NA GRAÇA PERMANECEMOS FIRMES

A. NÓS ESTAMOS FIRMES NA GRAÇA - Romanos 5:1-2; I Pedro 5:12.


1. Graça para permanecer firme é A CAPACIDADE SOBRENATURAL DE DEUS QUE
OPERA NO CRENTE, CAPACITANDO-O A PERMANECER FIRME E VITORIOSAMENTE E A
REINAR EM VIDA.

2. Graça não só nos trouxe para dentro do Reino de Deus, MAS TAMBÉM
NOS DÁ A CAPACIDADE DE CONTINUAR VITORIOSAMENTE NO REINO.

a. Graça não é só a porta para o Reino, mas também é a "sala" na qual


permanecemos.
b. Nós entramos pela graça de Deus NA graça de Deus.
3. Há uma obra de graça que é contínua na vida do crente.
a. Em todas as cartas que Paulo escreveu às igrejas, ele começa e aca-
ba dizendo palavras de graça às igrejas.
"Graça e paz seja convosco..." - I Coríntios 1:3.
b. Paulo escreveu sobre a obra contínua da graça na igreja de Corinto -
I Coríntios 1:4-9.

30
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

c. Em Atos 11:22-23, quando Barnabé foi visitar a igreja em Antioquia,


ele viu a graça de Deus.
(1) Havia uma obra contínua da graça na vida destes crentes.
(2) Barnabé viu os resultados desta graça.
d. O Espírito Santo disse através de Pedro, que os maridos e mulheres
cristãos são "co-herdeiros da GRAÇA DA VIDA" - I Pedro 3:7.
Há graça que Deus nos dá, da qual nós podemos ser herdeiros nesta
vida.
(1) Neste versículo a palavra grega traduzida por VIDA é ZOE, A VIDA DE
DEUS.
(2) Nós temos vida eterna AGORA, NESTA VIDA.
e. Nós temos de cooperar com esta graça para que ela opere na nossa
vida.
4. Podemos crescer na graça - II Pedro 3:18.
a. É impossível crescer na graça, sem crescer no conhecimento do
nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo.
b. Graça e paz são-nos MULTIPLICADAS através do conhecimento de
Deus, e de Jesus o nosso Senhor - II Pedro 1:2-4.
(1) A graça vem SEMPRE antes da paz.
(a) Repare que Pedro menciona a graça antes da paz - versículo
2.
(b) Nas saudações de Paulo, ele também menciona a graça, an-
tes da paz (I Coríntios 1:3).
(c) Antes de podermos ter paz na nossa vida, temos de enten-
der a graça de Deus.
(d) É possível ficar tão envolvido nos nossos próprios esforços
humanos, que nunca temos paz.

31
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

Quando nós estamos trabalhando nas nossas próprias forças


humanas para agradar a Deus, nós nunca sabemos quando é
que fizemos o suficiente. O resultado é sempre frustração.
(e) Quando nós compreendemos a graça de Deus - que Deus já
fez todo o trabalho, então só precisamos de receber os Seus
dons de graça.
Isto remove toda a pressão, e o resultado é a paz.
(f) Através da fé, nós entramos no descanso de Deus e descan-
samos de nossas próprias obras - Hebreus 4:1-11.
(2) Como é que a graça e paz nos são multiplicadas? Através do co-
nhecimento de Deus, e de Jesus nosso Senhor - versículo 2.
(a) O conhecimento de Deus dá-nos fé para receber a Sua graça
em cada área da nossa vida.
(b) Para ser salvo, foi necessária uma "quantidade mínima" de
conhecimento.
Tivemos de saber que Jesus Cristo é o Filho Divino de Deus,
que Ele morreu pelos nossos pecados no nosso lugar, e que
Deus O ressuscitou dos mortos. Crendo n´Ele, recebemos a
vida eterna.
(c) Para viver uma vida cristã vitoriosa, é requerida uma "quan-
tidade máxima" de conhecimento, para cada área da vida.
Contudo, todo o conhecimento deve ser edificado no fun-
damento da graça.
(3) O Seu Divino poder DEU-NOS TUDO o que diz respeito à vida e à pi-
edade - versículo 3.
(a) Esta é "a graça da vida", sobre a qual Pedro escreveu em I
Pedro 3:7.
(b) É através do conhecimento de Deus, que recebemos estas

32
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

coisas que dizem respeito à vida e à piedade (versículo 3).


O conhecimento de Deus nestes versículos, não se refere
simplesmente a um conhecimento intelectual, mas a um co-
nhecimento íntimo e pessoal de Deus e da Sua Palavra.
(4) Através das grandíssimas e preciosas promessas de Deus, nós
nos tornamos participantes da natureza Divina, a graça da vida -
versículo 4.
(5) A Palavra da Sua graça é poderosa para nos edificar, e para nos
ministrar a nossa herança - Atos 20:32.
A Palavra da Sua graça (Atos 14:3; 20:24) dá-nos o conhecimen-
to da Sua graça (Colossenses 1:6), o qual nos dá fé para receber
a Sua graça (Romanos 5:2).
c. Deus dá graça aos humildes.
(1) Podemos receber "maior (mais) graça" nas nossas vidas - Tiago
4:6.
(2) PARA RECEBERMOS MAIS DA GRAÇA DE DEUS NAS NOSSAS VIDAS, TEMOS DE
TER UMA ATITUDE DE HUMILDADE.

Deus RESISTE aos soberbos (orgulhosos), mas DÁ GRAÇA aos humil-


des.
(a) Ter uma atitude de humildade significa TER UM ESPÍRITO ENSINÁ-
VEL.

Não podemos receber mais do conhecimento de Deus sem


termos um espírito ensinável.
(b) Ter uma atitude de humildade significa ESTAR SUJEITO A DEUS -
Tiago 4:7.
[1] É impossível receber mais da graça de Deus quando não
estamos sujeitos a Ele.
[2] Quando nós chegamos a Deus, em submissão a Ele, Ele

33
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

reponde-nos sempre com a Sua graça - Tiago 4:8.


(c) Ter uma atitude de humildade significa que SE TIVERMOS VIVIDO
DE ACORDO COM AS CONCUPISCÊNCIAS DA CARNE, NÓS RECONHECEMOS O
NOSSO PECADO E ARREPENDEMO-NOS PERANTE DEUS - Tiago 4:1-10.

(d) Ter uma atitude de humildade significa TER UMA ATITUDE DE


SUBMISSÃO AOS MAIS VELHOS (MADUROS) NO SENHOR E AOS OUTROS
MEMBROS DO CORPO DE CRISTO - I Pedro 5:5.

Quando não temos uma atitude de submissão em relação


aos outros membros do Corpo de Cristo, paramos o fluir da
graça de Deus através deles para nós.
(e) Ter uma atitude de humildade significa que LANÇAMOS TODA A
NOSSA ANSIEDADE SOBRE O SENHOR - I Pedro 5:6-7.

[1] Preocupação e ansiedade é uma forma de orgulho.


[2] Quando estamos ansiosos por causa de um problema, o
que nós estamos na realidade dizendo a Deus, é que Ele
não é suficientemente grande para o resolver, então te-
mos de ficar ansiosos com isso até encontrarmos uma so-
lução para o problema.
[3] Quando nós estamos preocupados com o nosso proble-
ma, este fica nas nossas mãos e nós estamos impedindo
o fluir da graça para nós, para o resolver.
[4] Quando lançamos a nossa ansiedade sobre o Senhor, o
nosso problema fica nas Suas mãos e Ele pode resolvê-lo
pela Sua graça.
(f) Quando nos humilhamos perante Deus, no devido tempo Ele
nos exaltará através da operação da Sua graça nas nossas vi-
das (Tiago 4:10); I Pedro 5:6.
(3) Podemos chegar-nos com ousadia e confiança ao trono da graça
- Hebreus 4:14-16.
34
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

(a) Ousadia e confiança NÃO significam arrogância e orgulho.


[1] Pelo sangue de Jesus, e no Nome de Jesus, o nosso Sumo
Sacerdote, podemos chegar-nos a Deus com ousadia e
em plena certeza de fé (Hebreus 10:19-23).
[2] Podemos aproximar-nos de Deus com uma atitude de
humildade, e ao mesmo tempo aproximarmo-nos Dele
com ousadia e confiança.
[3] Humildade reconhece que nós necessitamos de miseri-
córdia e graça de Deus.
(b) No trono da graça podemos receber misericórdia e achar
graça.
[1] Misericórdia tem mais a ver com não receber aquilo que
merecemos.
[2] Graça inclui misericórdia, mas tem mais a ver com rece-
ber aquilo que não merecemos.
[3] Versículos 15 e 16 estão relacionados entre si.
[4] Quando caímos em tentação podemos ir ao trono da gra-
ça para receber misericórdia.
[5] No trono da graça também podemos achar graça no
tempo de necessidade - graça para vencer a tentação.
[6] Um novo convertido (bebê), depende mais de misericór-
dia de Deus, do que da Sua graça.
[7] À medida que amadurecemos, devemos depender mais
da graça de Deus - então não precisaremos tantas vezes
de misericórdia.
[8] Nós não temos de esperar pelo tempo de necessidade,
ou pelo tempo de tentação, para irmos ao trono da gra-
ça.

35
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

Podemos ir constantemente ao trono da graça e receber


constantemente a Sua graça. Então quando o tempo de
necessidade ou o tempo de tentação vem, nós teremos a
graça para vencer.

B. GRAÇA: AS RIQUEZAS DE DEUS ÀS CUSTAS DE CRISTO.


1. Deus, O Pai abençoou-nos com todas as bênçãos espirituais, nos luga-
res celestiais em Cristo - Efésios 1:3-6.
a. "Bênçãos espirituais" neste versículo não se referem apenas às bên-
çãos a que chamamos "espirituais", tal como o novo nascimento e o
batismo com o Espírito Santo.
(1) Estas bênçãos espirituais afetam todas as áreas da nossa vida: o
nosso espírito, alma, corpo, família e possessões materiais.
(2) São "bênçãos espirituais" porque foram dadas por Deus, O Qual
é um Espírito. São bênçãos que são produzidas pelo Espírito San-
to.
(3) Estas bênçãos foram-nos dadas no mundo espiritual, mas pela fé
nós apoderamo-nos delas e elas tornam-se uma realidade na
nossa vida - em todas as áreas da nossa vida.
(4) Estas bênçãos incluem "tudo o que diz respeito à vida e à pieda-
de", as quais Deus nos deu pelo Seu Divino poder - II Pedro 1:3.
(5) Estas bênçãos incluem todas as bênçãos que existem!
b. Tudo o que o Pai fez por nós em Cristo, antes da fundação do mun-
do (versículos 3-5) foi para louvor e glória da SUA GRAÇA - versículo 6.
(1) Nós não tivemos nada a haver com estas coisas que Deus fez por
nós em Cristo antes da fundação do mundo - incluindo o fato de
que Ele nos abençoou com todas as bênçãos espirituais nos lu-
gares celestiais em Cristo.

36
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

(2) Estas coisas foram todas feitas por Deus por causa da Sua graça.
Tudo isto foi feito para louvor e glória da SUA GRAÇA!
c. A GRAÇA DE DEUS INCLUI TODAS AS BÊNÇÃOS ESPIRITUAIS, COM AS QUAIS DEUS
NOS ABENÇOOU EM CRISTO, ANTES DA FUNDAÇÃO DO MUNDO - TODAS AS BÊN-
ÇÃOS QUE EXISTEM.

2. Estas bênçãos espirituais são parte da "graça da vida", da qual pode-


mos ser herdeiros nesta vida - I Pedro 3:7.
3. A nossa redenção da pobreza, e ter um suprimento abundante na es-
fera material, são parte da graça de Deus - II Coríntios 8:9.
a. Na cruz, Jesus foi feito pobre com a nossa pobreza (Ele foi feito
maldição da pobreza por nós), para que nós pela Sua pobreza pos-
samos ser ricos.
(1) No contexto de II Coríntios, capítulos 8 e 9, o Espírito Santo
através de Paulo está falando sobre dar coisas materiais e rece-
ber bênçãos materiais.
(2) Neste versículo, ENRIQUECER significa TER UM SUPRIMENTO ABUNDANTE.
(3) ESTE SUPRIMENTO ABUNDANTE PERTENCE-NOS POR CAUSA DA GRAÇA DO NOS-
SO SENHOR JESUS CRISTO.

b. A graça de Deus inclui todo o favor e benção terrenas - II Coríntios


9:8.
(1) "E Deus é capaz de fazer que toda a graça (todo o favor e ben-
ção terrena) venham até ti, em abundância para que tu possas
sempre e sob qualquer circunstância, seja qual for a necessida-
de, ser auto-suficiente [possuindo o necessário de forma a não
precisar de ajuda ou apoio e providenciado em abundância para
toda a boa obra e dádiva caritativa]." (The Amplified Bible)
(2) Quando nós pela fé obedecemos aos princípios da Palavra de
Deus que governam a prosperidade (os quais incluem o princípio
de semear e colher), Deus pode fazer com que esta graça venha
37
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

em abundância até nós - II Coríntios 9:6-12.


(a) Nós não podemos MERECER as bênçãos de Deus através do
dar.
QUANDO NÓS DAMOS EM FÉ, A NOSSA FÉ É LIBERADA E DÁ-NOS ACESSO À
GRAÇA DE DEUS NA ÁREA DAS BÊNÇÃOS MATERIAIS (Romanos 5:2).

(b) Pela Sua graça, Deus dá semente ao que semeia, e pão para
comer - versículo 10.
(c) Pela fé, nós semeamos a semente que Deus nos deu.
[1] Até mesmo a generosidade do nosso coração, e a fé para
dar (a qual vem pelo ouvir a Palavra), é pela graça de
Deus - II Coríntios 8:1-7; 9:13-14.
[2] Dar é a nossa resposta à graça de Deus, que nos é conce-
dida.
(d) Pela Sua graça, Deus multiplica a semente que semeamos e
aumenta a colheita da nossa justiça (II Coríntios 9:10).
(e) A partir desta colheita, nós temos mais sementes para se-
mear (tal como pão para comer - um suprimento abundante
para satisfazer as nossas necessidades) - versículo 11.
(f) A administração desta graça produz ações de graças para
Deus, nos corações dos que são beneficiados por ela (versí-
culos 11-12).

C. O PODER DE DEUS PARA NOS GUARDAR.


1. Nós estamos guardados pelo poder de Deus mediante a fé - I Pedro
1:2-5.
a. GRAÇA inclui O PODER DE DEUS PARA NOS GUARDAR até à altura em que re-
ceberemos a plenitude da nossa salvação (a redenção do nosso
corpo).

38
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

b. É a nossa fé que nos dá acesso a esta área da graça de Deus.


2. Pela Sua graça, o nosso Deus é poderoso de nos guardar de tropeçar,
e apresentar-nos irrepreensíveis, com alegria perante a Presença da
Sua glória - Judas 24-25.

D. FORÇA PARA PERMANECER FIRME E VIVER UMA VIDA CRISTÃ VITORI-


OSA.
1. A ABUNDÂNCIA DA GRAÇA juntamente com o dom da justiça capacita-nos a
reinar em vida - Romanos 5:17.
. Como resultado de receber a abundância da graça e o dom da justi-
ça, nós podemos reinar como reis na vida (zoe) sobre a morte espi-
ritual, pecado, Satanás, espíritos malignos, doença, pobreza e tudo
o que está na esfera da lei do pecado e da morte.
b. Nós podemos reinar como reis na vida sobre a lei do pecado e da
morte que está operando nos nossos corpos mortais (carne) - Ro-
manos capítulos 5 a 8.
2. A GRAÇA do nosso Senhor SUPERABUNDOU na nossa vida, juntamente com
a FÉ e AMOR que há em Jesus Cristo - I Timóteo 1:14.
a. O grande mandamento da Nova Aliança é que nós devemos CRER no
Nome do Filho de Deus - Jesus Cristo, e AMARMO-NOS uns aos outros
como Ele nos ordenou - I João 3:23; João 13:34-35.
Todos os outros mandamentos de Deus são cumpridos neste único
mandamento.
b. Deus não só nos deu este grande mandamento, COMO TAMBÉM PELA
SUA GRAÇA, NOS DEU A CAPACIDADE DE LHE OBEDECER!
(1) Pela Sua graça, Deus deu-nos fé para sermos salvos através da
pregação da Palavra (Atos 18:27; Romanos 10:17).
(a) Deus repartiu a cada crente, a medida de fé (Romanos 12:3).

39
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

(b) Esta medida de fé nos nossos corações pode ser aumentada


e desenvolvida em cada área da Palavra de Deus, alimentan-
do-a continuamente na Palavra de Deus e exercendo-a na
nossa vida diária.
(c) Nós não devemos crer somente no Nome de Jesus para ser-
mos salvos, mas devemos continuar vivendo uma vida de fé
no Nome de Jesus.
(2) Pela Sua graça, quando nascemos de novo, o amor de Deus foi
derramado nos nossos corações pelo Espírito Santo que nos foi
dado - Romanos 5:5.
(a) Deus escreveu a Sua lei nos nossos corações - Hebreus 8:10;
10:16.
[1] O amor é o cumprimento da lei - Romanos 13:8-10.
[2] A lei de Deus foi escrita nos nossos corações, quando o
amor de Deus foi derramado nos nossos corações pelo
Espírito Santo (Romanos 5:5).
[3] A lei de Deus está sendo escrita nas nossas mentes, à
medida que nós renovamos as nossas mentes com a Pa-
lavra de Deus.
(b) Deus deu-nos um coração novo, um novo espírito. Ele tirou
de nós o coração duro de egoísmo, ódio e pecado, a deu-nos
um coração "macio" de compaixão e amor - Ezequiel 36:25-
27.
(c) O amor de Deus nos nossos corações pode crescer e desen-
volver-se à medida que o alimentamos na Palavra de Deus e
o exercitamos na nossa vida diária.
c. Nós fomos libertos da lei, PARA QUE SIRVAMOS EM NOVIDADE DE ESPÍRITO e
não na velhice da letra - Romanos 7:6.
(1) A GRAÇA DO NOSSO SENHOR SUPERABUNDOU NA NOSSA VIDA, FAZENDO-NOS
40
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

UMA NOVA CRIAÇÃO EM CRISTO E PRODUZINDO FÉ E AMOR NO NOSSO CORA-


ÇÃO (ESPÍRITO).

(2) A chave para viver uma vida cristã vitoriosa é servir em novidade
de espírito - deixar que o nosso o nosso coração nos domina.
(3) À medida que servimos na novidade do nosso espírito recriado,
viveremos pela fé e andaremos em amor, cumprindo o grande
mandamento da Nova Aliança (I João 3:23) e cumprindo auto-
maticamente todos os mandamentos de Deus.
3. A GRAÇA PARA A VIDA DIÁRIA está disponível para nós, NA FORMA DO MINISTÉ-
RIO DO ESPÍRITO SANTO.

a. O Espírito Santo é chamado "o Espírito da graça" - Hebreus 10:29.


b. A GRAÇA DE DEUS INCLUI TODO O MINISTÉRIO DO ESPÍRITO SANTO, NA VIDA DO
CRENTE.

4. A força de graça.
a. Nós podemos ser fortalecidos na graça que há em Cristo Jesus - II
Timóteo 2:1.
(1) A palavra grega neste versículo traduzida por SER FORTALECIDO é
ENDUNAMOO, e significa SER FORTALECIDO INTERIORMENTE (Wuest´s
Word Studies).
(2) A Wuest Translation traduz este versículo, "Quanto a ti, por isso,
meu filho, sê revestido com força interior pela graça, a qual está
em Cristo Jesus."
(3) Podemos receber a força de Deus no nosso homem interior pela
Sua graça.
b. É a graça de Deus que estabelece e fortalece o nosso coração - He-
breus 13:9.
c. I Pedro 5:10-12.
(1) Esta é a verdadeira graça de Deus, na qual estamos firmes - ver-

41
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

sículo 12.
(2) Esta graça faz as coisas mencionadas no versículo 10.
Depois de termos sofrido por uns tempos, o Deus de toda a gra-
ça:
(a) Aperfeiçoar-nos-á. A palavra grega neste versículo traduzida
por APERFEIÇOAR é KATARTIZO que significa AJUSTAR OU JUNTAR, e
refere-se a Deus restaurando a vida dos cristãos, equipando-
os para que tenham utilidade ao Seu serviço (Wuest´s Word
Studies).
(b) Confirmar-nos-á (estabelecer-nos-á).
Por outras palavras, Ele basear-nos-á como num firme fun-
damento.
(c) Fortificar-nos-á.
(d) Fortalecer-nos-á.
d. A força de graça na vida do apóstolo Paulo - II Coríntios 12:7-10.
(1) A maioria dos cristãos, quando lê estes versículos, só relaciona
isto com "o espinho na carne de Paulo."
(2) Contudo, O ASSUNTO DESTES VERSÍCULOS É A GRAÇA DE DEUS.
A graça de Deus venceu, não o espinho de Paulo.
(3) O que era o espinho na carne que foi dado a Paulo?
(a) Este espinho na carne NÃO era doença e enfermidade, como
alguns ensinam.
(b) O versículo 7 diz-nos exatamente o que era este espinho na
carne - UM MENSAGEIRO DE SATANÁS PARA O ESBOFETEAR.
[1] Quem é que deu a Paulo este espinho na carne? SATANÁS
(não Deus).
Este era um mensageiro de Satanás, não um mensageiro

42
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

de Deus.
[2] A palavra grega neste versículo traduzida por ESBOFETEAR
significa DAR BOFETADAS REPETIDAMENTE.
[3] Este mensageiro de Satanás era um espírito maligno que
foi enviado por Satanás, e foi-lhe dada a tarefa de seguir
Paulo de lugar em lugar para o atormentar, para o "esbo-
fetear" e para tentar parar o seu ministério.
(4) Paulo disse que este mensageiro de Satanás lhe tinha sido dado,
"para que eu não seja exaltado acima da medida através da
abundância das revelações" - versículo 7 (King James Version).
(a) Neste contexto, isto não se refere a Paulo ser exaltado em
orgulho.
(b) A palavra grega traduzida por SER EXALTADO ACIMA DA MEDIDA
significam literalmente LANÇAR PARA ALÉM DA MARCA NORMAL.
(c) O ministério de Paulo foi "para além da marca normal" (para
além daquilo que é normal).
(d) Paulo recebeu uma abundância de revelação do Senhor.
[1] Porque Paulo foi fiel para andar nesta abundância de re-
velação, isto fez-lhe ir para além da marca normal na sua
vida e ministério.
[2] O ministério de Paulo não tocou apenas a sua geração
com o evangelho, mas continua a afetar hoje as vidas das
pessoas, através das epístolas que foram escritas por ele.
(e) Através deste mensageiro, Satanás estava tentando impedir
o ministério de Paulo de ir para além da marca normal.
Para destruir o seu ministério, Satanás não tentaria impedir
Paulo de ser exaltado em orgulho. O orgulho precede a des-
truição (Provérbios 16:18).

43
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

(f) Satanás enviou um espírito maligno a Paulo para o atormen-


tar, para incitar problemas em cada lugar a que ele ia, e ten-
tar parar o seu ministério.
[1] Paulo falou acerca disto em II Coríntios 11:23-30 e em II
Timóteo 3:10-12.
[2] O propósito de Satanás era tentar desencorajar Paulo e
fazê-lo desistir.
(5) Paulo orou três vezes para que o Senhor afastasse este espírito
maligno dele - versículo 8.
(6) Repare que Deus não respondeu, "Não Paulo, nada pode ser fei-
to, tens de fazer o teu melhor!"
Deus disse-lhe "A MINHA GRAÇA TE BASTA, PORQUE O MEU PODER SE APER-
FEIÇOA NA FRAQUEZA" - versículo 9.

(a) A graça de Deus era maior! A força e o poder de Deus mani-


festos em Paulo era maior do que todas as coisas que vieram
contra Paulo.
(b) A palavra grega neste versículo traduzida por FRAQUEZA indica
A INCAPACIDADE PARA PRODUZIR RESULTADOS (W. E. Vine´s Exposi-
tory Dictionary of Biblical Words).
(c) Quando todas estas aflições vieram contra Paulo, ele sentiu-
se fraco (II Coríntios 11:29) e incapaz de produzir resultados.
(d) PAULO RECONHECIA QUANDO ELE ESTAVA FRACO EM SI MESMO E INCAPAZ
DE PRODUZIR RESULTADOS, E APRENDEU A RECEBER A FORÇA E O PODER DE
DEUS QUE O FARIA VENCER - versículos 9-10.
[1] Paulo aprendeu a gloriar-se na sua fraqueza, para que o
poder de Cristo permanecesse sobre ele.
[2] Paulo sabia que quando ele estava fraco (na sua própria
força humana), então ele estava verdadeiramente forte

44
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

(na força de Deus).


(e) A GRAÇA DE DEUS FEZ PAULO VITORIOSO SOBRE TODAS AS SUAS AFLIÇÕES!

E. SANTIFICAÇÃO PELA GRAÇA.


1. A palavra grega traduzida por SANTIFICAR significa SEPARAR, PÔR À PARTE.
SANTIFICAR significa SEPARAR DO PECADO E PÔR À PARTE PARA DEUS PARA ELE
USAR.

2. Santificação descreve o meio pelo qual Deus, o Pai torna o crente se-
melhante ao Seu Filho, o Senhor Jesus Cristo.
O nosso alvo pré-determinado é sermos conforme à imagem de Jesus
Cristo - Romanos 8:29.
3. A nossa santificação é de Deus - I Tessalonicenses 5:23.
a. A nossa santificação plena (espírito, alma e corpo) provem total-
mente de Deus, e é devida à operação da Sua graça em nós.
Santificação é a graça em operação.
b. Deus recebe toda a glória por isso, e o homem não recebe nenhu-
ma.
4. Aspectos da santificação.
a. Santificação posicional.
(1) Santificação posicional está relacionada com o que Deus, pela
Sua graça fez por nós através de Jesus no plano da redenção,
uma vez por todas e para sempre.
(2) Fomos santificados através da oferta do corpo e sangue de Jesus
Cristo, uma vez por todas - Hebreus 10:11-14; 13:12.
(3) Jesus foi feito santificação para nós - I Coríntios 1:30.
(4) Nós estamos santificados em Cristo Jesus - I Coríntios 1:2.

45
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

b. Santificação temporal.
(1) Santificação temporal está relacionada com o que Deus pela Sua
graça fez e está fazendo em nós agora, para tornar a santifica-
ção uma realidade na nossa vida.
(2) Santificação temporal está relacionada com o entrar (agora) na
santificação que Deus operou para nós através de Cristo no pla-
no da redenção.
(3) Dois aspectos da santificação temporal:
(a) Santificação presente: o que Deus pela Sua graça fez no nos-
so espírito no novo nascimento, pela Palavra e pelo Espírito
Santo (João 17:17; Efésios 5:25-27; II Tessalonicenses 2:13; I
Pedro 1:2; I Coríntios 6:11).
[1] No momento em que nós recebemos Jesus como nosso
Senhor, nós fomos colocados em Cristo, e o nosso espíri-
to entrou na realidade da santificação que Deus operou
para nós através de Cristo no plano da redenção. Cristo
tornou-se a nossa santificação e o nosso espírito foi santi-
ficado em Cristo Jesus (I Coríntios 1:30,2).
[2] O nosso espírito tornou-se uma nova criação em Cristo (II
Coríntios 5:17), criado segundo Deus na justiça e santida-
de da verdade - Efésios 4:24.
[3] Esta operação da graça no nosso espírito foi instantânea,
e ocorreu quando nascemos de novo.
[4] Nós temos a imagem de Cristo no nosso espírito.
(b) Santificação progressiva: o que Deus pela Sua graça está fa-
zendo progressivamente nas nossas vidas, através da Palavra
e através do Espírito Santo - II Coríntios 1:12; Hebreus 12:28;
(João 17:17; Efésios 5:25-27; Hebreus 13:20-21; Filipenses
1:6; 2:13; II Coríntios 3:18; I Tessalonicenses 4:3-7).

46
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

[1] À medida que meditamos na Palavra e praticamos a Pala-


vra, andando no espírito, o nosso espírito está crescendo
à medida da estatura completa de Cristo (Efésios 4:13).
[2] À medida que meditamos na Palavra e praticamos a Pala-
vra, andando no espírito, a nossa alma está sendo trans-
formada e o nosso corpo está sendo trazido à sujeição ao
nosso espírito.
Progressivamente, a nossa forma de pensar e a nossa
maneira de viver estão sendo mudadas à imagem de Je-
sus.
c. Santificação final.
(1) Santificação final está relacionada com o que Deus pela Sua gra-
ça fará com o nosso corpo, quando Jesus voltar.
(2) Na revelação de Jesus Cristo, Ele transformará o nosso corpo de
humilhação para que seja à imagem do Seu corpo glorioso, tra-
zendo a libertação plena à nossa alma - I Pedro 1:13,5,9 (Filipen-
ses 3:20-21; I Coríntios 15:51-57; I João 3:1-3).

47
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

CAPÍTULO 06

GRAÇA PARA SERVIR

A. GRAÇA PARA SERVIR É O PODER, A UNÇÃO E A CAPACIDADE DE DEUS


DADO AO CRENTE, CAPACITANDO-O E EQUIPANDO-O PARA CUMPRIR
SOBRENATURALMENTE O PLANO DE DEUS PARA A SUA VIDA.

B. AOS QUE SÃO CHAMADOS POR DEUS, ELE DÁ GRAÇA E CAPACIDADE


PARA CUMPRIR ESSA CHAMADA.
1. Repare em Romanos 11:29, "...os dons e a vocação de Deus..."
a. Há uma relação aqui entre "dons" e "vocação" (chamada).
Quem Deus chama, Ele também equipa com dons sobrenaturais pa-
ra cumprir essa chamada.
b. A palavra grega neste versículo traduzida por DONS (CHARISMA) signifi-
ca UM DOM DE GRAÇA, UM DOM QUE ENVOLVE GRAÇA; UM TALENTO ESPIRITUAL;
UMA FACULDADE MILAGROSA.

2. O apóstolo Paulo é um bom exemplo da operação da graça de Deus


numa pessoa, para a equipar para o ministério.

48
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

a. Deus chamou Paulo pela Sua graça - Gálatas 1:15.


Deus não nos chama para o ministério baseando-se na nossa "per-
feição" ou porque o mereçamos, mas Deus chama-nos para o minis-
tério pela Sua graça, por causa do Seu grande amor por aqueles aos
quais somos chamados para ministrar.
b. Paulo foi equipado sobrenaturalmente por Deus para ser um após-
tolo para os Gentios - Gálatas 2:1-2, 6-9.
(1) Deus operou eficazmente em Paulo, equipando-o a ministrar
aos Gentios - versículo 8.
(2) Este equipar sobrenatural para o ministério era parte da graça
de Deus que foi dada a Paulo - versículo 9.
Neste contexto, GRAÇArefere-se À CAPACIDADE DE DEUS, AO PODER E
EQUIPAMENTO PARA O MINISTÉRIO.

c. A graça de Deus fez de Paulo um ministro, e equipou-o para minis-


trar sobrenaturalmente - Efésios 3:1-8.
(1) Uma dispensação (mordomia) da graça foi dada a Paulo - versí-
culo 2.
(2) Parte da graça de Deus que foi dada a Paulo foi a revelação do
mistério - versículos 2-3.
(3) Paulo foi FEITO um ministro do evangelho, segundo O DOM DA GRA-
ÇA DE DEUS, o qual lhe foi dado segundo A OPERAÇÃO DO PODER DE
DEUS - versículo 7.
(4) A graça de Deus capacitou Paulo para pregar - versículo 8.
d. Em II Coríntios 3:5-6, Paulo falou sobre si mesmo e dos outros que
com ele ministraram à igreja em Corinto, quando ele disse "...a nos-
sa capacidade [suficiência, capacidade] vem de Deus, O qual nos fez,
também, capazes [competentes, qualificados] de ser ministros de
um novo testamento..."

49
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

e. Para estudo suplementar - Atos 14:26; 15:40; Romanos 1:5; 12:3;


15:15; I Coríntios 3:10; Filipenses 1:7.
3. Foi dada graça para cumprir a função no Corpo, a cada um dos mem-
bros do Corpo de Cristo - Efésios 4:7.
a. Esta graça foi-nos dada segundo a MEDIDA do dom de Cristo.
(1) Cada membro do Corpo de Cristo recebeu a mesma medida do
Espírito Santo nele quando nasceu de novo.
(2) Cada membro do Corpo de Cristo pode receber uma medida
maior do Espírito no batismo com o Espírito Santo.
O batismo com o Espírito Santo dá uma capacidade sobrenatural
ao crente para ser uma testemunha eficaz do Senhor Jesus Cris-
to e para cumprir o ministério da reconciliação (Atos 1:8; II Co-
ríntios 5:18-21).
(3) Além disto, membros do Corpo de Cristo podem receber dife-
rentes medidas do Espírito (unções) para cumprir funções espe-
cificas no Corpo.
b. Nem todos os membros do Corpo de Cristo receberam a mesma
graça, para cumprir a mesma função - Romanos 12:4-6.
(1) Nem todos os membros do Corpo de Cristo têm a mesma função
- versículos 4-5.
(2) Nós temos DIFERENTES DONS (charisma) segundo a GRAÇA que nos
foi dada - versículo 6.
4. Nós temos a nossa parte para cumprir.
a. Nós temos de TRABALHAR de acordo com a graça que recebemos - I
Coríntios 15:10; Colossenses 1:29.
b. Nós temos de SER FIEIS para ministrar conforme o dom que nós rece-
bemos, como BONS DESPENSEIROS DA MULTIFORME GRAÇA DE DEUS - I Pedro
4:10-11.

50
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

(1) Um despenseiro (mordomo) é alguém a quem foi confiado algo


que pertence a outra pessoa.
(2) Como despenseiros (mordomos) Deus requer que nós sejamos
achados fieis - I Coríntios 4:2.
(3) Nós devemos ministrar segundo a capacidade que Deus dá (I
Pedro 4:11).
Nós devemos ministrar segundo a graça que nós temos recebi-
do.
c. Nós temos de DESPERTAR o dom de Deus que está em nós - II Timóteo
1:6.
(1) A Amplified Bible traduz esta frase assim: "...despertai (reacen-
dei as brasas, soprai a chama, e mantei aceso) o dom [gracioso]
de Deus..."
(2) Uma forma de despertar o dom de Deus que está em nós é pre-
parando-nos a nós mesmos através da oração, estudo e medita-
ção na Palavra.
(3) Outra forma de despertar o dom de Deus que está em nós é
exercitando a nossa fé.
Se nós cumprirmos a nossa parte, podemos esperar e contar
com a graça de Deus operando em nós e capacitando-nos para
cumprirmos sobrenaturalmente a chamada de Deus nas nossas
vidas.

C. MINISTRAR GRAÇA AOS OUTROS ATRAVÉS DAS NOSSAS PALAVRAS.


"Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, mas só a que for boa
para promover a edificação, PARA QUE DÊ GRAÇA AOS QUE A OUVEM" - Efésios
4:29.
1. As nossas palavras podem ministrar graça às pessoas.

51
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

a. As nossas palavras podem ser vasos da graça de Deus.


Podemos ter graça nos nossos lábios - Provérbios 22:11.
b. Pelas nossas palavras, Deus pode ministrar graça aos outros através
de nós.
c. As palavras (quer sejam positivas ou negativas) controlarão a at-
mosfera que nos cerca.
d. Falando palavras de amor, perdão e fé, podemos liberar o poder de
Deus na atmosfera que cerca as pessoas e ministrar-lhes graça.
Isto irá fortalecê-las e edificá-las.
2. "Deixa que o teu falar seja sempre com graça, temperado, tal como
era, com sal, para que tu possas saber como deves responder a cada
pessoa" - Colossenses 4:6 (The New American Standard Bible).

D. O FAVOR DIVINO PARA COM OS HOMENS.


1. Um aspecto da graça de Deus é o favor Divino que Ele nos dá aos
olhos dos homens.
a. Jesus crescia em graça (favor) para com Deus e os homens - Lucas
2:52.
b. A Igreja tinha favor com todas as pessoas - Atos 2:46-47.
c. Deus deu a Daniel favor diante do chefe dos eunucos - Daniel 1:8-9.
2. Favor Divino para com os homens é a graça de Deus que nos conduz a
uma posição na qual as pessoas estão sobrenaturalmente "inclinadas"
para nós.
a. As pessoas gostam de nós mas não sabem o porquê.
b. Este aspecto da graça de Deus nas nossas vidas abrir-nos-á portas,
para que possamos cumprir o Seu plano, e fará com que sejamos
bem sucedidos mesmo face à oposição.

52
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

c. Deus dá-nos o Seu favor para com os homens para que possamos
realizar a Sua vontade na terra (não para que possamos ganhar um
concurso de popularidade ou para que possamos buscar honra para
nós próprios).
Por exemplo, Ester, devido ao favor Divino, foi capaz de salvar a ra-
ça Judaica - Ester 2:15-17; 5:2.
d. Ter o favor Divino na nossa vida não significa que nunca iremos so-
frer perseguição.
(1) O servo de Deus que está andando com Deus irá experimentar
os dois extremos - o favor Divino com os homens e a persegui-
ção.
(2) Contudo o favor de Deus nas nossas vidas é maior do que a per-
seguição.
3. Como crescer no favor Divino para com os homens.
Favor diante dos homens, não é automático. Há algumas coisas que
precisamos de fazer para liberar esse favor nas nossas vidas.
a. Andar intimamente com o Senhor em obediência à Sua Palavra.
(1) Provérbios 3:1-4 - À medida que andamos nos mandamentos de
Deus (versículo 1) e à medida que andamos em misericórdia
(benignidade) e na verdade (fidelidade) (versículo 3), acharemos
favor e bom entendimento aos olhos de Deus e dos homens
(versículo 4).
(2) Provérbios 11:27 - O que procura diligentemente o bem achará
favor.
(3) Provérbios 12:2 - O homem de bem alcançará o favor do Senhor.
(4) Provérbios 13:15 - O bom entendimento dá favor.
(5) Provérbios 14:9 - Entre os justos há favor (King James Version).
(6) Provérbios 22:1 - É preferível escolher o bom nome e o favor do

53
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

que a riqueza e o ouro.


O bom nome é determinado pela forma como se vive a vida e
pelo caráter que está por detrás do nome.
b. Ter uma atitude certa acerca de nós mesmos.
(1) Nós precisamos de nos ver a nós próprios como Deus nos vê.
(a) Nós precisamos de nos ver a nós próprios em Cristo, na graça
de Deus, e não na base de quem somos em nós mesmos.
(b) Nós precisamos de nos aceitar a nós mesmos, e acreditar em
nós mesmos por causa do Espírito Santo que está em nós, a
unção e a graça de Deus.
(2) Devemos comportar-nos de forma que inspire a confiança dos
outros.
c. Semear favor.
(1) Nós iremos colher aquilo que semeamos.
(2) Nós precisamos de ministrar favor e bondade às pessoas através
de palavras e ações.
(3) O misericordioso alcançará misericórdia - Mateus 5:7.
(4) Nós temos de andar em amor para andarmos no favor Divino -
Lucas 6:27-38.
Até mesmo quando as pessoas não são amáveis conosco, deve-
mos aprender a andar em amor com elas e mostrarmos favor e
bondade em relação a elas.
d. "Misturar" a nossa fé com o favor.
(1) A nossa fé dá-nos acesso à graça de Deus (Romanos 5:2).
(2) Nós devemos "misturar" a nossa fé com o favor para liberar o
poder.
(3) Quando lidamos com pessoas, precisamos de aprender a não

54
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

esperar o pior delas, mas a esperar ter favor para com elas.
4. Deus pode dar-nos favor em situações específicas para cumprir a Sua
vontade e plano na terra.
a. O favor de Deus pode ser visto na vida de José - Gênesis 39:1-
6,20-23.
(1) José foi vendido como escravo pelos seus irmãos (versículo 1).
Contudo, quando um homem tem favor Divino, é impossível repri-
mi-lo.
(2) José achou favor aos olhos de Potifar (versículos 2-6).
(a) Repare que José serviu Potifar (versículo 4).
O favor de Deus não se manifestou na totalidade até José come-
çar a agir - ele começou a servir.
(b) Uma forma de liberar o favor Divino é servir bem com a ati-
tude de um servo (pensando sempre como filho).
(3) José manteve a sua integridade quando foi tentado pela mulher
de Potifar (versículos 7-19), e foi lançado na prisão (versículo
20).
(4) Deus deu a José o favor aos olhos do carcereiro-mor - versículos
21-23.
(5) Mais tarde Deus deu a José o favor e sabedoria diante do Faraó -
Atos 7:9-10.
b. Deus deu favor ao povo de Israel aos olhos dos Egípcios - Êxodo
3:20-22; 11:3; 12:36.
c. Podemos orar e pedir favor a Deus em relação a determinadas pes-
soas em situações especificas, e Deus influenciará os seus corações
para estarem inclinados em relação a nós.
5. Como manejar o favor.

55
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

a. Compreender de onde vem (qual a fonte) - vem DE DEUS.


b. Perceber a razão pela qual vem - para abrir um canal para o minis-
tério do evangelho.
c. Não ser afetado por isso - permanecer no teu caminho.
d. Recusar entrar em orgulho e auto-exaltação.
e. Quando os homens começam a regozijar-se por causa da graça que
te foi dada, lembra-te que isso é um resultado da graça que te foi
dada, não a razão para te ser dada.
Nós não vivemos para agradar aos homens ou ganhar elogio deles.
O favor é dado para que possamos agradar a Deus e ver a Sua von-
tade ser cumprida.
Dar a glória a Deus.

56
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

57
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY
A GRAÇA DE DEUS

58
THEOLOGIA ONLINE – LIVING STONES MINISTRY