You are on page 1of 2

GESTÃO DE DESENVOLVIMENTO DE PRODUTOS – PPGEP 2018

LUCIANO ITIO OKIMURA

O papel da integração interfuncional no desenvolvimento de novos produtos:


Título do artigo
diferenças entre projetos de inovação incremental e radical

Daniel Jugend, Tiago Ribeiro de Araujo, Márcio Lopes Pimenta, José Alcides
Autores
Gobbo Jr. e Per Hilletofth
Revista, número, volume e
INNOVATION: ORGANIZATION & MANAGEMENT, 2018, VOL. 20, NO. 1, 42–60
ano
JCR Fator de impacto 0.95
Alguns pesquisadores observaram que os benefícios da integração interfuncional
dependem de fatores contingentes, como o ambiente de negócios, a turbulência
tecnológica e o grau de inovação necessário para empresas de desenvolvimento
Problema de pesquisa
de novos produtos. Porém, não está claro se as práticas de integração devem ser
aplicadas em projetos de desenvolvimento de novos produtos de inovação
incremental e radical.
Realizar pesquisas qualitativas no ambiente fabril brasileiro em empresas que
Objetivo possuem esforços substanciais em P&D (interna ou externamente) para
desenvolver novos produtos.
Revisão da temática integração interfuncional no desenvolvimento de produtos.
Construção de um framework com base na literatura de integração interfuncional
no desenvolvimento de produtos.
A fim de analisar em profundidade como as práticas de integração interfuncional
ocorrem em projetos NPD que lidam com inovação radical e incremental, foi
realizado um estudo qualitativo, usando uma abordagem de estudo de casos
múltiplos.
A coleta de dados foi dividida em três etapas:
Breve descrição da
 Desenvolvimento de um questionário, sendo composto por:
metodologia utilizada
Desenvolvimento de um guia de entrevista com objetivo de validação
interna; Teste piloto do questionário (revisado por dois professores da área
de gestão da inovação) com um profissional da área de NPD da empresa;
Formatação da versão final com as alterações sugeridas ou necessárias.
 Contato telefônico e envio dos questionários e briefing da pesquisa.
 Realização de entrevistas com gerentes de projetos, CEO e diretores.
De modo a corroborar com o estudos, documentos fornecidos pelas quatro
empresas são evidencias para triangulação dos dados.
As análises realizadas nesta pesquisa reforçam os resultados de outros estudos
que sugerem que os esforços de integração podem proporcionar melhor
desempenho no PDP, uma vez que este é analisado sob o ponto de vista
contingencial, ou seja, considerando os fatores ambientais e tecnológicos nos quais
Síntese dos Resultados a empresa está inserida.
encontrados A complexidade do projeto também impulsiona a necessidade de maior integração
entre as equipes. Projetos radicais, devido à sua maior complexidade e maiores
incertezas, exigem a formação de equipes maiores e, consequentemente, maiores
esforços de integração. Em projetos incrementais, no entanto, a necessidade de
diferentes especialistas e integração é menor.
Avanços:
Proposição 1) um menor turnover em equipes técnicas afetará positivamente o
desempenho em projetos de NPD radicais.
Proposição 2) equipes com um perfil técnico afetarão positivamente o desempenho
em projetos de NPD radicais.
Proposição: 3) projetos commaior participação de equipes comerciais afetará
positivamente o desempenho em projetos incrementais de NPD.
Principais avanços e
Limitações do trabalho:
limitações do trabalho
Número de casos estudados (quatro), e limitação da pesquisa em integração
interfuncional interna, não considerando integração externa.
Conclusões:
Os resultados mostram que, em projetos de inovação radical em NPD, pode ser
relevante adotar práticas incluindo: (1) intenso envolvimento de equipes técnicas,
(2) menor rotatividade dentro da equipe de projeto do NPD, (3) separação
geográfica entre o desenvolvimento a equipe e os outros departamentos da
empresa (evite a co-localização) e (4) a adoção do líder do "peso pesado" para os
projetos de NPD. Os resultados também indicam que a aplicação dessas mesmas
práticas em projetos de inovação incremental no NPD pode não trazer resultados
positivos para o desempenho, podendo também representar um desperdício de
recursos. Os estudos de caso mostram que, para projetos de NPD incrementais, é
possível delegar liderança e responsabilidade aos departamentos de marketing e
vendas. Nesses tipos de projetos, equipes técnicas, como equipes de P & D e
engenharia, podem assumir tarefas de suporte, evitando esforços desnecessários
de integração, que podem otimizar o uso de recursos. Assim, nossos resultados
sugerem que o grau de integração para projetos de NPD requer uma análise de
contingência.