You are on page 1of 7

22/03/2018 A utilização consciente dos pesticidas: o cálculo correto das doses a aplicar – Jornal de Monchique

quinta-feira, março 22, 2018 Últimos: Revista de Imprensa – 22 de Março de 2018


A bl i M i i l d M hi t t b tã d fl t i
   
Ficha técnica
Estatuto editorial
Lei da Transparência
Contactos

pub

Ciência Destaque Edição n.º 392 Edições Local

A utilização consciente dos


pesticidas: o cálculo correto das Posts mais recentes
doses a aplicar
 12 de julho de 2016  jornaldemonchique  0 Comentário  Américo Telo.Cooperativa Chapéus de lembrar – Aqui
Agrícola de Monchique.Fitofarmacêuticos.Glifosato.Marta Neves acontece

O destaque na comunicação social conferido à substância ativa mais Revista de Imprensa – 22 de


utilizada nos herbicidas designada por glifosato é um alerta importante para Março de 2018
que todos nós, sem exceção, estejamos atentos aos efeitos decorrentes da Assembleia Municipal de
aplicação dos pesticidas para o meio ambiente e para a saúde humana e Monchique aprova quatro
animal. propostas sobre gestão de espaços
florestais
Refere-nos, a propósito, a Ordem dos Médicos que “Na última década, a
Presidente da Região de Turismo
aplicação de glifosato em Portugal aumentou cerca de 50%, com 1400
do Algarve anuncia recandidatura
toneladas utilizadas só em 2010. O resultado é que já é detetado em
análises de rotina aos alimentos, ao ar, à água da chuva e dos rios, à urina, Município de Portimão promove
ao sangue e até ao leite materno.” ação de limpeza do espaço rural

Programação Cineplace Algarve

http://www.jornaldemonchique.pt/a-utilizacao-consciente-dos-pesticidas-o-calculo-correto-das-doses-a-aplicar/ 1/7
22/03/2018 A utilização consciente dos pesticidas: o cálculo correto das doses a aplicar – Jornal de Monchique

Para a Organização Mundial de Saúde aquela substância faz parte das Luís Grade eleito presidente da
potencialmente cancerígenas, conforme investigação científica, estando Comissão Política do PSD de
ligada ao aumento da incidência de cancro, doença celíaca, infertilidade, Monchique
malformações congénitas, doença renal e autismo. Mas para além desta
José Amarelinho suspende
muitas outras substância se encontram no mercado, cujos resultados são mandato
menos publicitados como seja o caso da deltametrina, um dos inseticidas da
Revista de Imprensa – 21 de
classe dos piretróides sintéticos mais largamente utilizados no combate a
Março de 2018
insetos e ácaros, inclusive na medicina veterinária, mas extremamente
perigoso para as abelhas e para os organismos aquáticos e que, nos Inluz – Na Floresta Mágica – Aqui
humanos, pode ser absorvido pelas vias respiratórias e através da pele, acontece
produzindo efeitos ao nível do sistema nervoso central.

Como calcular a dose de pesticida a aplicar? Papel digital


Não se escolhendo vias alternativas de combate às pragas e uma vez que
se opte por um pesticida, para além dos cuidados a ter com a escolha Edição n.º 413
correta do produto a aplicar, da leitura da informação existente sobre o
mesmo, tais como fichas técnicas e rótulos, a preocupação fundamental
deve ser a de se causar o mínimo de danos ou prejuízos em toda a cadeia
alimentar e animal calculando as doses corretas a aplicar em função das
concentrações indicadas no rótulo, da área onde vamos aplicar e do volume
de caldas ou preparados que vamos utilizar para o que será necessário fazer
alguns cálculos muito simples que passamos a divulgar com exemplos
práticos. Para que se saiba qual o volume a utilizar é necessário
conhecermos, em primeiro lugar, o equipamento que estamos a utilizar pelo
que, no caso concreto de um pulverizador de dorso (costas) poderá verificar-
se qual o seu débito numa área mínima de 10 metros quadrados fazendo
seguidamente a conversão para 10 000 metros (1 hectare).

Os exemplos dados são simples casos práticos pelo que o método de


« ‹ 1 de 16 ›
cálculo se aplica em qualquer outra situação.
»
Exercício 1
Pretendemos efetuar um tratamento com o herbicida Glyphogan, na junça
(infestante) que se encontra na cultura da vinha. Tempo

Na altura da compra do herbicida, não esquecer de verificar se o herbicida


Tempo em Monchique
está homologado para a cultura da vinha.
13°
A vinha a tratar tem uma área de 500m2. 4°
Sexta 14° 6°
O rótulo do Glyphogan aconselha 8 a 10 litros de produto por hectare. Como
Sábado 12° 7°
temos muita junça, iremos utilizar a quantidade máxima: 10 litros por
hectare. tiempo.com +info

A calibração do pulverizador de dorso resultou em 350 litros por hectare, ou


seja, o pulverizador debita 350 litros de calda num hectare. Cartoons
Objetivo: pretendemos saber qual a quantidade de água que vamos preparar
para tratar aquela área de vinha, e qual a quantidade de produto Glyphogan
que vamos precisar.
http://www.jornaldemonchique.pt/a-utilizacao-consciente-dos-pesticidas-o-calculo-correto-das-doses-a-aplicar/ 2/7
22/03/2018 A utilização consciente dos pesticidas: o cálculo correto das doses a aplicar – Jornal de Monchique

Nota: aplica-se a regra aritmética designada por “regra de três simples” ou


Edição n.º 413
das proporções em que conhecendo-se o consumo para uma determinada
área vamos a partir daqui calcular o consumo para a área a tratar.

Cálculo da quantidade de água:

Se o pulverizador gasta
350 l 10 000 m2 X 500 m2
(o cálculo de X permite sabermos a água que vamos gastar na vinha que
queremos tratar)

X = (350 x 500) : 10 000 Orientation: 1

Logo se conclui que X = 17,5 litros será a quantidade de água que vamos « ‹ 1 de 23 ›
gastar para tratar aquela vinha, com aquele pulverizador.
»

Cálculo da quantidade de herbicida:


O rótulo diz que aplicamos
Newsletter
10 l herbicida 10 000 m2
X (Qt. de produto para a junça) 500 m2 Email

X = (10 x 500): 10 000

Logo se conclui que X = 0,5 l = 500 ml será a quantidade de herbicida que


vamos gastar para tratar a junça presente naquela vinha. Subscrever

Em conclusão: para tratar a junça, presente na nossa vinha, com 500m2,


com o herbicida Glyphogan, de acordo com as instruções do rótulo, e com a
Calendário
calibração do pulverizador de dorso, precisamos de 17,5 litros de água, ao
qual juntamos 500ml (0,5 l) do herbicida. março 2018
S T Q Q S S
Exercício 2
1 2 3
Queremos tratar 20 laranjeiras, contra a mosca da fruta (mosca do
Mediterrâneo), espaçadas entre si de 3 metros na linha e 3 metros na 5 6 7 8 9 10
entrelinha, com o produto Fitofarmacêutico Karate Zeon. 12 13 14 15 16 17

Na altura da compra do inseticida, não esquecer de verificar se está 19 20 21 22 23 24


homologado para a cultura da laranjeira e para a mosca da fruta. 26 27 28 29 30 31
« fev
Cálculo da área de laranjeiras a tratar: 3m x 3m=9 m2 (área ocupada por
uma só árvore), logo como são 20 : 20 x 9 m2 = 180 m2 de área ocupada.

O rótulo do Karate Zeon aconselha 12,5ml de produto por cada 100 litros de Arquivo
água, mas para pulverizadores que gastam 1000 litros por hectare.
Selecionar o mês
A calibração do pulverizador de dorso resultou em 460 l/ha, ou seja, o
pulverizador debita 460 litros de calda num hectare, então não podemos
utilizar a concentração referida no rótulo, mas sim a dose. Tags

Cálculo da dose: é sempre, a quantidade de produto que iremos gastar, se


Alferce Algarve Aljezur
utilizarmos 1000 litros de água:
Aqui acontece Beja
http://www.jornaldemonchique.pt/a-utilizacao-consciente-dos-pesticidas-o-calculo-correto-das-doses-a-aplicar/ 3/7
22/03/2018 A utilização consciente dos pesticidas: o cálculo correto das doses a aplicar – Jornal de Monchique

Se colocamos Santos Biblioletras biblioteca


12,5ml 100 l de água escolar Ciência Clube Desportivo e
Colocamos 125ml 1000 l de água Cultural da Nave culinária Cultura

desporto Economia Edição n.º 408


E agora, independentemente do que a nossa máquina deita por hectare, Edição n.º 409 Edição n.º 412 Edição n.º
temos sempre que lhe colocar 125ml de Karate Zeon por hectare. 413 Eduardo Duarte Educação Exposição
futebol Gastronomia GNR história
Objetivo: saber qual a quantidade de água que vamos preparar para tratar Incêndio Incêndios investigação
Junta de Freguesia de Monchique Lagoa
aquela área de laranjeiras, e qual a quantidade de produto Karate Zeon que
Lagos Literatura Local Marmelete
colocamos nessa quantidade de água.
Monchique música
1. Cálculo da quantidade de água: património Portimão
Se o pulverizador gasta
Regional Revista de
460 l 10 000 m2 X 180 m2
(o cálculo de X permite sabermos a água que vamos gastar nas laranjeiras imprensa Saúde
que queremos tratar) Silves Sugestão de leitura
tradição turismo Universidade de
X = (460 x 1803): 10 000 Coimbra

Logo X = 8,3 litros será a quantidade de água que vamos gastar para tratar
aquelas laranjeiras, com aquele pulverizador.

2.Cálculo da quantidade de inseticida:


A dose é de
125 ml 10 000 m2
X (Qt. de produto p/ as laranjeiras) 180 m2

X= (125 x 180): 10 000

Logo X= 2.25ml será a quantidade de inseticida Karate Zeon que vamos


gastar para tratar a mosca presente nas laranjeiras.

Conclusões:
Para tratar as laranjeiras que ocupam 180m2, contra a mosca, com o
inseticida Karate Zeon, de acordo com as instruções do rótulo, e com a
calibração do pulverizador de dorso, precisamos de 8,3l de água, ao qual
juntamos 2.25ml do inseticida.

Para medir quantidades tão pequenas de produto, devemos usar sempre


uma seringa.

Se o nosso pulverizador, deitar 1000 litros por hectare, podemos usar a


concentração indicada no rótulo e fazer a conta direta para a quantidade de
água que pretendemos usar, mas SÓ SE O PULVERIZADOR DEITAR 1000

Litros POR HECTARE.DESTAQUE LOCAL REGIONAL  CULTURA  CIÊNCIA REVISTA DE IMPREN
Portanto se não soubermos o débito da nossa máquina, NUNCA sabemos
ao certo qual a quantidade de produto que devemos utilizar.r

Texto de Marta Neves*, adaptado por Américo Telo.


Gabinete Técnico de Apoio à Economia Rural/Cooperativa Agrícola de
Monchique

http://www.jornaldemonchique.pt/a-utilizacao-consciente-dos-pesticidas-o-calculo-correto-das-doses-a-aplicar/ 4/7
22/03/2018 A utilização consciente dos pesticidas: o cálculo correto das doses a aplicar – Jornal de Monchique

*(Formadora em Aplicação de Produtos Fitofarmacêuticos)

Ação de formação promovida pela Cooperativa Agrícola de Monchique

Partilhar

      0 Total
Shares

← Monte da Lameira – Terra, homem e fogo

A Antiga Exploração Mineira no Concelho de Monchique Ouro, Prata,


Cobre e Outros Metais →

 Você pode gostar também


Dona Melosa
 6 de novembro de 2017
 0

Pela nossa saúde Queimas e


e meio ambiente: queimadas de
meios de luta, resíduos e
alternativos à sobrantes da
utilização dos agricultura
pesticidas  7 de fevereiro de 2018 
 2 de setembro de 2016  0
0

http://www.jornaldemonchique.pt/a-utilizacao-consciente-dos-pesticidas-o-calculo-correto-das-doses-a-aplicar/ 5/7
22/03/2018 A utilização consciente dos pesticidas: o cálculo correto das doses a aplicar – Jornal de Monchique

Deixe uma resposta


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são
marcados com *

Comentário

Nome *

E-mail *

Site

Publicar comentário

Secções Informações Outros


artigos
Destaque Ficha técnica

Local Estatuto editorial 2016: 10.ª Semana da


Leitura
Regional Lei da Transparência
2016: Palestra
Ciência Contactos
«Alimentação
Cultura Educacional»

Opinião 2016: Concerto de


Pesquisa
Páscoa Dell'Acqua
Revista de Imprensa

http://www.jornaldemonchique.pt/a-utilizacao-consciente-dos-pesticidas-o-calculo-correto-das-doses-a-aplicar/ 6/7
22/03/2018 A utilização consciente dos pesticidas: o cálculo correto das doses a aplicar – Jornal de Monchique

Edições 2016: Revista de


Busca 
Imprensa - 17 de março
Opinião
de 2016

2016: Cidadania
inteligente

Copyright © 2018 Jornal de Monchique. Todos os direitos


reservados.
   
Tema: ColorMag de Themegrill. Desenvolvido por Wordpress.

http://www.jornaldemonchique.pt/a-utilizacao-consciente-dos-pesticidas-o-calculo-correto-das-doses-a-aplicar/ 7/7