You are on page 1of 2

Método axiomático

Teoria

Uma teoria é um dado conjunto de proposições consideradas verdadeiras, incluindo todas as


proposições que delas forem dedutíveis logicamente.

Axioma

Axioma é uma proposição que se considera verdadeira sem se deduzir de outras.

Axiomática

A axiomática de uma teoria é um conjunto de objetos primitivos, relações primitivas e axiomas, a


partir dos quais todos os objetos e relações da teoria possam ser definidos e todas as proposições
demonstradas.

Definição

Uma definição é uma explicação do significado de um novo termo que se introduz pela primeira
vez. Essa explicação deve ser efetuada recorrendo exclusivamente a outros termos já conhecidos.

Teorema

Um teorema é uma afirmação que é verdadeira mas que não é um axioma. Por não se tratar de um
axioma, a veracidade de um teorema tem de ser demonstrada a partir de outras afirmações que já se
sabe serem verdadeiras.

Lema

Lema é uma proposição auxiliar utilizada para demonstração de um teorema considerado mais
relevante.

Corolário

A um resultado que é consequência direta de um teorema chama-se corolário e, de modo geral, é de


demonstração imediata.

Hipótese, tese e teorema recíproco

A hipótese exprime aquilo que se supõe verificado.

A tese exprime aquilo que se pretende demonstrar.

A demonstração é o raciocínio que permite concluir a veracidade da tese a partir da veracidade da


hipótese.
Teorema recíproco

Um teorema é recíproco de outro quando a hipótese de um é a tese do outro e vice-versa.

Condição necessária, condição suficiente e condição necessária e suficiente

Condição suficiente e condição necessária

Se uma condição aa implicar uma condição bb (a⇒b)(a⇒b), isto é, sempre que aa é


verdadeira, bb também é verdadeira, então diz-se que aa é uma condição suficiente para bb e
que bb é uma condição necessária para aa.

Axioma euclidiano de paralelismo

Se duas retas num plano, intersetadas por uma terceira, determinam com esta ângulos internos do
mesmo lado da secante cuja soma é inferior a um ângulo raso, então as duas retas intersetam-se no
semiplano determinado pela secante que contém esses dois ângulos.

Por um ponto PP fora de uma reta rr passa, no máximo, uma reta a ela paralela

Posições relativas de retas no plano

Teorema 1: Se uma reta tt interseta uma de duas retas paralelas, rr ou ss, e é com elas complanar,
então interseta a outra.

Teorema 2: Dois ângulos correspondentes determinados por uma secante em duas retas paralelas
são iguais.