You are on page 1of 7

UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PERNAMBUCO

CENTRO DE TEOLÓGIA E CIÊNCIAS HUMANAS
LICENCIATURA PLENA EM HISTÓRIA
METODOLÓGIA DA HISTÓRIA

THALLES HENRIQUE BATISTA DOS SANTOS
JEFFERSON JOSÉ DE MOURA BARBOSA

FICHAMENTO IPSIS LITTERIS DO LIVRO: SAPIENS, UMA
BREVE HISTÓRIA DA HUMANIDADE – CAP. III.

RECIFE – PE
2018

III. Professor: Luís Carlos RECIFE – PE 2018 . Fichamento apresentado ao curso de Licenciatura plena em História da Universidade Católica de Pernambuco. como requisito parcial à obtenção de nota. UMA BREVE HISTÓRIA DA HUMANIDADE – CAP. 2 THALLES HENRIQUE BATISTA DOS SANTOS JEFFERSON JOSÉ DE MOURA BARBOSA FICHAMENTO IPSIS LITTERIS DO LIVRO: SAPIENS. na área de Pré- história.

relações monogâmicas ou mesmo paternidade. [.” (HARARI. Se a mulher da Idade da Pedra se deparasse com uma arvore repleta de figos. antes que um bando de babuínos comesse tudo. alguns psicólogos evolutivos afirmam que bandos antigos de caçadores-coletores não eram compostos de famílias nucleares centradas em casais monogâmicos. [. insistindo que a monogamia e a formação de famílias são comportamentos essencialmente humanos. uma serie de culturas humanas nos dias de hoje em que se pratica a paternidade coletiva. podemos morar em apartamentos com geladeiras abarrotadas. 1976. III.. nosso cérebro e nossa mente são adaptados para uma vida de caça e coleta.] forçar os humanos a viver em famílias nucleares e relações monogâmicas. “Essa teoria de “gene gulosos” é amplamente aceita. Em vez disso. 50). eles viviam em comunidades onde não havia propriedade privada. mas nosso DNA ainda pensa que estamos em uma savana. Outras teorias são muito mais controversas. inclusive.] todos os adultos cooperavam para cuidar das crianças.. devemos entrar na cabeça de nossos ancestrais caçador-coletores. Por exemplo.] homens e mulheres tendem a ser muito possessivos com relação . É bem documentada entre animais. É isso o que nos motiva a comer um pote inteiro de sorvete quando encontramos um no freezer e fazê-lo descer com uma Coca-Cola grande.. 51).. “Para entender nossa natureza. UMA BREVE HISTÓRIA DA HUMANIDADE – CAP.” (HARARI. 1976. “O campo prospero da psicologia evolutiva afirma que muitas de nossas características psicológicas e sociais do presente foram moldadas durante essa longa era pré-agricola. p. entre os índios barés.. 1976. uma vez que nenhum sabia ao certo quais eram definitivamente filhos seus” (HRARI. a coisa mais razoável a fazer era ingerir o máximo que pudesse imediatamente. 49). 50). afirmam especialistas da área. 3 FICHAMENTO IPSIS LITTERIS DO LIVRO: SAPIENS. 1976. os sapiens viveram como caçadores coletores. p. “Um caçador-coletor típico de 30 mil anos atrás só tinha acesso a um tipo de comida doce: Frutas maduras. p. Há. notadamente entre nossos parentes mais próximos. Ainda hoje. Os homens mostravam igual preocupação por todas as crianças. p.49). “[. Hoje. 1976.. p. “Muitos acadêmicos rejeitam veementemente esta teoria.” (HARARI. 1976. p. como por exemplo. “Tal estrutura social não é uma utopia aquariana. que são incompatíveis com nosso programa biológico” (HARARI.” (HARARI. 50). Durante toda historia da nossa espécie. nossa história e nossa psicologia. os chimpanzés e os bonobos.

. “A maioria dos membros de sociedades agrícolas e industriais são animais domesticados.53).” (HARARI. [. 1976. todo dia.55). pois a maioria das ferramentas usadas pelos antigos caçadores-coletores era feita de madeira. p.56).] Os cachorros eram usados para caçar e guerrear e também como sistema de alarme contra animais selvagens e intrusos humanos. “Membros de um mesmo bando se conheciam intimamente e eram cercados por amigos e parentes durante a vida inteira.” (HARARI.] as sociedades caçadoras-coletoras modernas sobreviveram principalmente em áreas com condições climáticas difíceis e terreno inóspito.” (HARARI. p. [. p. p. 53).] Não havia empresas de mudança [. inadequado para a agricultura.] todas as sociedades caçadoras-coletoras que sobreviveram até nossos dias foram influenciadas por sociedades agrícolas e industriais adjacentes. 1976. “[. podem muito bem fornecer um modelo um tanto enganoso para entender sociedades antigas em áreas férteis como o vale do rio Yangtzé.” (HARARI.” (HARARI.. As sociedades que se adaptaram as condições extremas de luares como o deserto de Kalahari. 1976. Diferem não só de uma parte do mundo a outra como inclusive na mesma região. mas também tinham contatos amigáveis.51)..” (HARARI.] Consequentemente. Seria mais adequado chamar a Idade da Pedra de Idade da Madeira. 1976.. e isso ocorreu antes da Revolução Agrícola. 4 a seus parceiros e filhos e que até mesmo em Estados modernos como a Coreia do Norte e a Síria a autoridade politica passa de pai para filho.. 1976. p.” (HARARI. . no sul da África. p. “A impressão comum de que os humanos pré-agricola viveram em uma idade da pedra é um conceito equivocado baseado nessa tendência arqueológica.. [.. é arriscado presumir que o que é verdade sobre elas também foi verdade há dezenas de milhares de anos.53-54). “[..] O cachorro foi o primeiro animal domesticado pelo Homo Sapiens..53). A solidão e a privacidade eram raras.” (HARARI.. p. p...] a característica mais notável das sociedades caçadoras-coletoras é o quanto elas são diferentes umas das outras. 1976. eles tinham de se virar apenas com as posses essenciais.. Bandos vizinhos provavelmente competiam por recursos e até lutavam uns com o outro. 51). [. “Os caçadores-coletores se mudavam todo mês. 1976. “É razoável pensar que a variedade étnica e cultural entre os antigos caçadores-coletores fosse igualmente impressionante e que os 5-8 milhões de caçadores-coletores que povoaram o mundo à véspera da Revolução Agrícola se dividissem em milhares de tribos com milhares de idiomas e culturas diferentes.] indícios incontroversos de domesticação de cachorros que datam de 15 mil anos atrás. toda semana e. p. 1976.. Portanto. 52)..” (HARARI. 1976. carregando nas costas o que quer que possuíssem. às vezes.. “[.

] em áreas próximas de rios e mares ricos em frutos do mar e aves aquáticas. p. plantas e objetos à sua volta como também o mundo interno de seu próprio corpo e sensações. 1976.. “O uso constante e vaiado do corpo os tornava tão aptos quanto maratonistas. conflitos violentos.).” (HARARI. quais eram nocivos e quais podiam ser usados como remédio e de que forma..58). 1976. vagando de um lado para outro em busca de alimento.] Observavam cuidadosamente a folhagem das arvores [. além de matérias- primas como sílex. “ A maioria dos bandos sapiens vivia se deslocando. fosse por iniciativa de um líder carismático. 1976. . Hoje.. Eles tinham um nível de destreza física que as pessoas hoje são incapazes de alcançar.. Para sobreviver.57. Antes da Revolução Agrícola. “Apesar da imagem difundida de “caçador” a coleta era a atividade principal dos sapiens e lhe fornecia a maior parte de suas calorias. p. p.” (HARARI. 1976.” (HARARI. p.. “Também saiam à procura de conhecimento.58). 1976..” (HARARI. “Há alguns indícios de que o tamanho médio do cérebro de um sapiens efetivamente diminuiu desde a era dos caçadores-coletores. a população humana do planeta inteiro era menor do que a de São Paulo hoje. Precisavam saber quais alimentos eram nutritivos.56). pressões demográficas.57).57). p.” (HARARI.] o caçador-coletor médio tinha conhecimentos mais abrangentes. “[. “Os caçadores-coletores dominaram não só o mundo dos animais. Seus movimentos eram influenciados pela mudança das estações. bandos saiam de seu território e exploravam novas terras.56-57).. Essas perambulações foram o motor da expansão humana pelo mundo. p.” (HARARI.59).. p.” (HARARI.] Moviam-se com um mínimo de esforço e ruído e sabiam como sentar. 1976. madeira e bambu. Eles ouviam o menos movimento na grama [.57). p. p. 1976. caminhar e correr da maneira mais ágil e eficiente. “De vez em quando. A sobrevivência naquela época requeria de cada individuo habilidades mentais sofisticadas.” (HARARI. p.” (HARARI. 1976. precisavam de um detalhado mapa mental de seu território.” (HARARI.57). pela migração anual de animais e pelo ciclo de crescimento das plantas. 1976. os humanos fundaram aldeias permanentes de pescadores – os primeiros assentamentos permanentes na historiam muito antes da Revolução Agrícola. 5 “A população sapiens vivia espalhada por vastos territórios. mais profundos e mais variados de seu meio imediato do que a maioria de seus descendentes modernos. 1976. “[. a maioria das pessoas nas sociedades industriais não precisa saber muito para sobreviver. fosse devido a calamidades climáticas.

” (HARARI. . dão uma ideia do lado negro do sistema de caça e coleta. “Os antigos caçadores-coletores também eram menos afetados por doenças infecciosas. 6 “Os hábitos dos antigos caçadores-coletores diferiam significativamente de região para região e de uma estação do ano para outras. operários e funcionários administrativos que seguiram seus passos. A maioria das doenças infecciosas que acometeram as sociedades agrícolas e industriais. p. 1976.” (HARARI. idealizar a vida desses povos antigos. “Em quase todos os lugares e em quase todas as épocas. mas.61).61). “Essa variedade garantia que os antigos caçadores-coletores recebessem todos os nutrientes necessários. “A mortalidade infantil era alta e um acidente que hoje seria pouco significativo podia facilmente se tornar uma sentença de morte.61). p. p.60). 1976.” (HARARI. Como também eram os antigos caçadores- coletores. Os achés não eram anjos nem demônios – eram humanos. caçadores- coletores que viveram nas selvas do Paraguai até os anos 1960. 1976. os achés costumavam matar uma garotinha e enterrar os dois juntos.” (HARARI. 1976. no entanto. “A dieta completa e variada. a atividade caçadora-coletora fornecia a nutrição. 1976. Os achés.61).” (HARARI. p. 62). pastores.” (HARARI. como toda sociedade humana era muito complexa. Devemos tomar cuidado para não demonizar nem idealizá-los com base em um conhecimento superficial.63). p. a semana e trabalho relativamente curta e a raridade de doenças infeccionadas levaram muitos especialistas a definir as sociedades caçadoras-coletoras pré-agricola como “as sociedades afluentes originais” Seria um erro.” (HARARI. p. “Bebês e crianças indesejados podem ser assassinados.” (HARARI. 1976.59). Quando um membro valorizado do bando morria. em geral eles pareciam desfrutar de um estilo de vida mais confortável e compensador do que a maioria dos camponeses. p. 1976. “A verdade é que a sociedade aché. e há inclusive casos de religiosidade inspirados em sacrifício humano. 1976. p.

Yuval Noah. 1976. . 7 REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA HARARI. Sapiens – Uma breve história da humanidade.