You are on page 1of 1

Ouro negro e verdadeiro valor

O ouro negro

Os últimos dias nos fizeram refletir sobre o velho ouro negro, o petróleo e seus
derivados, que estão em preço alto e motivando paralisações e manifestações. Um fato
que deveria ser levado em conta é que internacionalmente vemos interesse nos
acontecimentos recentes, seja com a questão de crise na Venezuela, ataque na Síria, crise
na Petrobrás, aumentos e tantos outros fatos. O ouro negro não é de hoje que vem
provocando crise nacional e internacional, mas desde guerras no Oriente Médio e
internacionais vêm sendo pelo ouro negro motivados. Guerras do Iraque, Afeganistão,
Golfo, Kuwait etc. Por outro lado, se deve isentar e favorecer caminhoneiros e interesses
econômicos nacionais, sob pena de ampliar o problema. Ainda, isso nos leva a lembrar do
transporte ferroviário, que se torna mais viável em muitos casos, que o rodoviário. Por
questão de governo e interesses particulares se evitou essa opção no passado, mas o
interesse nacional falaria mais alto. Também o petróleo estar cotado em dólar é fator bem
relevante nesse processo. Não sabemos quais são os interesses maiores por trás desse
ouro negro, e muita confusão no mundo já foi gerada por esse produto do subsolo.

Símbolos em igrejas

A simbologia religiosa é rica e curiosa. Mas ela tem um significado e geralmente ele
não é compreendido por quem não participa de forma mais efetiva. O primeiro detalhe
que se tem de lembrar é que em uma religião cristã os símbolos devem levar para Cristo.
Assim, no caso em um cordeiro, o mesmo representa o cordeiro de Deus. Já a pomba é a
descrita também na Bíblia, que é o Espírito Santo, no encontro de Jesus com João Batista.
Mais figuras existem, e não se trata de idolatria, mas de uma forma artística de lembrar ou
levar até a fé, que é o principal. Uma breve leitura da Bíblia também leva a se compreender
esses símbolos de forma mais clara e ampla, e dentro do contexto cristão e do Evangelho.
Também com a Bíblia se pode ver o que é e o que não é legítimo, como circos que vêm
sendo armados com cara de religião cristã, como nos últimos tempos se observa em redes
sociais, com verdadeiro comércio descarado ou mesmo desrespeito para com as pessoas.
Mais do que a prosperidade econômica, a Salvação em Cristo deve ser a verdadeira busca,
sob pena de se estar vendendo por ouro de tolo e metais que se corrompem frente à
verdade e ao tempo, o verdadeiro. O verdadeiro valor é Jesus e a sabedoria e caminho por
ele deixados. Verdadeiro valor é Deus.