You are on page 1of 10

Sumário

1. Resumo........................................................................................................................1
1.1. Palavras Chaves....................................................................................................1
2. Contextualização e Justificativa...................................................................................2
3. Instituição de Execução................................................................................................2
4. Coordenador do Projeto............................................................................................... 3
5. Proposta do Projeto......................................................................................................3
6. Objetivo geral do Projeto.............................................................................................3
6.1. Objetivos Específicos do Projeto..........................................................................3
7. Metodologia.................................................................................................................4
8. Cronograma do Projeto................................................................................................4
9. Definição do Escopo do Projeto...................................................................................5
9.1. Escopo do Projeto.................................................................................................5
9.2. Não Escopo do Projeto..........................................................................................6
9.3. Produtos do Projeto...............................................................................................6
10. Especialidade Envolvidas............................................................................................ 6
11. Estrutura Analítica do Projeto......................................................................................7
12. Diagrama de de gant.....................................................................................................7
13. Rede do Projeto............................................................................................................7
14. Metas e Indicadores......................................................................................................7
15. Orçamento................................................................................................................... 7
15.1 Material Consumido.............................................................................................7
15.2 Material humano.................................................................................................. 8
16. Resultados, Avanços, Produtos e Aplicações esperadas...............................................8
17. Bibliografia..................................................................................................................9
1. Resumo
O presente trabalho trata-se de um projeto de climatização doméstica alimentada
por um sistema fotovoltaico. Esse projeto foi desenvolvido a fim de se tornar uma solução
para o problema do ato consumo de energia elétrica para a alimentação de sistemas de
climatização em locais que possuem o clima quente.
Ventiladores, umidificadores e ar condicionados Split são aparelhos que geram
um maior conforto para uma residência, no entanto demandam um alto consumo
energético gerando, assim, um algo gasto com energia elétrica. Dessa um sistema
fotovoltaico dimensionado para suprir essa demanda energética é uma ótima solução ara
esse problema pois, um sistema fotovoltaico desse porte não demanda um alto
investimento financeiro, é de fácil instalação e manutenção além de apresentar um bom
tempo de vida e, ainda, proporcionar uma imensa economia ao proprietário da residência.

Palavras Chaves
Energias renováveis, Sistema Fotovoltaico, Sistema de Climatização, Economia,
Sustentabilidade.

1
2. Contextualização e Justificativa
Devido às altas temperaturas da região nordeste em especial, o Piauí, um sistema
de climatização num ambiente doméstico deixa de ser algo frívolo passando a ser
necessário para um melhor bem-estar. Entretanto com o aumento de impostos cobrados
sobre a energia elétrica, bem como o aumento da escassez da mesma, novas formas de
energias capazes de alimentar sistemas como a climatização doméstica de forma eficiente
e barata, são cada vez mais atraentes.
Hoje, as energias renováveis são uma excelente saída para contornar esse
problema, em especial a energia solar fotovoltaica oferece soluções que não só atenuar
como, de fato, resolver o problema. Por se tratar de um sistema que pode ser instalado em
grandes centros urbanos e que não gera nenhum tipo de poluição durante o seu uso, o
sistema fotovoltaico é ideal para o problema apresentado.
Hoje, a energia solar fotovoltaica, como todas as outras energias renováveis ainda
não possui uma eficiência tão alta quanto a energia elétrica gerada nas hidroelétricas, o
que faz com seu preço se torne pouco acessível para boa parte da população. Além disso
existe também o problema do armazenamento dessa energia produzida. Atualmente a
tecnologia usada para armazenamento desse tipo de energia é a de bancos de bateria, que
na maioria das vezes não possuem muita carga e nem uma vida útil elevada o que tende
a encarecer ainda mais o sistema fotovoltaico.
Com tudo, existem formas de contornar esses problemas. Uma delas é a utilização
de um sistema on-grid ou ligado à rede. Nesse tipo de sistema a energia gerada pelos
painéis que não foi utilizada vai para rede de distribuição passando a servir posteriormente
como crédito de energia, dessa forma elimina-se a utilização de bancos de baterias
barateando o sistema.
Outra forma de obter economia com esse tipo de energia é utilizar um sistema
fotovoltaico on-grid dimensionado apenas para uma parte da residência como um sistema
de climatização, pois o valor do investimento inicial não seria tão alto e, com o tempo,
ainda haveria um retorno financeiro, pois, a energia economizada durante os primeiros
anos de utilização do sistema seria equivalente ao valor do sistema, ou seja, com o passar
dos anos, o sistema acaba se pagando gerando assim, além de eletricidade, lucro.

3. Instituição de Execução
A principal responsável pela qualidade de um projeto na área de energias
renováveis é a empresa que o executa. É extremamente importante que todos os
profissionais sejam altamente qualificados em suas áreas para que o projeto seja
desenvolvido com máxima eficiência. Além disso é imprescindível, também, que essa
empresa seja altamente qualificada em gerenciamento de projetos para que, desta forma
tudo ocorra de maneira adequada, de forma eficiente e eficaz gerando, ao final de tudo,
os resultados esperados.
O presente trabalho é desenvolvido pela empresa Tudo Energia Solar, que atua na
área de soluções em energia solar fotovoltaica tanto com sistema on-grid como of-grid.

2
A empresa tudo Energia Solar Engenharia apresenta uma gama de projetos e protótipos
de sistemas envolvendo energia solar fotovoltaica tanto para grandes centros urbanos com
sistemas on-grid para a alimentação de residências e instituições comerciais de grande
médio e pequeno porte, como também em localidades afastadas com sistemas of-grid para
residências, estabelecimentos comerciais, instituições, escolar, hospitais e também com
sistemas para a alimentação de bombas de poços artesianos.

4. Coordenador do Projeto
O presente projeto foi desenvolvido como uma solução para um problema
envolvendo o consumo de energia elétrica. Tal projeto visa a substituição parcial da
energia elétrica produzida em hidrelétricas por energia de fontes renováveis como a solar
fotovoltaica, gerando economia e desenvolvendo a sustentabilidade.
Para esse tipo de trabalho um projeto bem desenvolvido é de suma importância,
pois é necessário que o desenvolvedor desse projeto tenha capacidade de encontrar
soluções baratas e alternativas para problemas como o de consumo de energia elétrica, é
preciso conhecimento teórico é prático sobre energias renováveis, sistemas térmicos
instalações elétricas e conhecimento em diversas outras áreas.
Estre projeto foi idealizado, desenvolvido e executar por Raul Pessoa e Silva,
aluno do curso de Engenharia Mecânica na Universidade Federal do Piauí, com formação
e Técnico em Edificações pelo Instituto Federal do Piauí e com Cursos em Energia Solar
Fotovoltaica Pelo Programa de Capacitação em Energias Renováveis da ONUDI. Dessa
forma o coordenador do projeto mostra-se capaz de, com as ferramentas da gestão de
projetos, desenvolver esse projeto de maneira eficiente, econômica e sustentável.

5. Proposta do Projeto
A proposta do projeto apresentada consiste no dimensionamento de um sistema
fotovoltaico on-grid, ou seja, um conjunto de painéis solares interconectados entre si e
conectados a rede de distribuição indiretamente por uma rede elétrica doméstica, capaz
de alimentar um sistema de climatização doméstica com a finalidade de aumentar o
conforto da residência e gerando uma boa economia.

6. Objetivo geral
Projetar um sistema fotovoltaico On-grid capaz de alimentar um sistema de
climatização doméstico, gerando conforto aos moradores da residência de forma
sustentável e econômica.
6.1 Objetivos Específicos
• Dimensionar um sistema de climatização domestico uma residência de três
quartos.

3
• Projetar um sistema fotovoltaico capaz de compensar a energia consumida
por um determinado sistema de climatização domestica
• Projetar um sistema elétrico capaz de integrar um sistema fotovoltaico a
uma instalação elétrica de uma residência monofásica.

7. Metodologia
Este projeto prevê uma duração de 6,375 dias úteis ou 51 horas úteis e está
subdivididos em etapas que vão desde o estudo do ambiente da residência a fim de se
determinar quais aparelhos estarão no sistema de climatização até as instalações elétricas
finais.
A primeira etapa consiste no estudo da residência que receberá os sistemas, com
base na área dos cômodos da residência que serão climatizados, é definido o tipo de
aparelho e a potência necessária ao aparelho. Em seguida é feito um estudo na geografia
em que a residência, com base em dados de latitude e longitude são encontrados através
de softwares online a incidência solar e a irradiação media daquela localidade, é analisado
também se a residência se encontro sob a sobra de prédios ou arvores.
A etapa seguinte consiste na determinação do sistema fotovoltaico, com base na
incidência solar e irradiação média da localidade é descoberta a energia que pode ser
gerada por um sistema fotovoltaico, logo em seguida é escolhido, com base na potência
diária dos aparelhos de climatização é definida a potência de pico do sistema e assim são
definidas as potências dos painéis solares e do inversor e depois a quantidade de painéis
solares.
A etapa seguinte consiste na escolha das componentes do sistema elétrico que
integrará sistema fotovoltaico e sistema de climatização à rede elétrica da residência. São
adquiridos, então os aparelhos de climatização, os tipos de equipamentos do sistema
fotovoltaico e sistema elétrico, e por final, ocorrerá a instalação dos sistemas na
residência.

8. Cronograma do Projeto
Segue abaixo a cronograma do projeto desenvolvido no software de
gerenciamento de projeto OpenProj®

4
9. Escopo, Não Escopo e Produtos do Projeto
9.1 Para o escopo do projeto teremos:
• Estudo e dimensionamento, correto, para o projeto do sistema de climatização e
da quantidade de energia elétrica necessária para alimentar esse sistema.

5
• Estudo da geografia e topografia do ambiente que irá receber o sistema
fotovoltaico.
• Projeto do sistema fotovoltaico baseados na nos estudos já citados
• Projeto de um circuito elétrico que integre meu sistema fotovoltaico à rede de
distribuição.
• Aquisição dos equipamentos a serem usados nos três projetos, bem como a mão
de obra responsável pela instalação.
• Aquisição dos produtos a serem instalados.

9.2 Não escopo

• Licenças da prefeitura para a instalação


• Licenças e autorização por parte da concessionária municipal para o
funcionamento do sistema
• Termo de negociação de créditos de energia com a concessionária de energia
elétrica estadual
9.3 Produtos do Projeto
• Planta de instalação dos equipamentos de climatização doméstica.
• Planta de instalação dos painéis fotovoltaicos.
• Sistema de integração malha dos painéis à malha elétrica da residência.
• Material para a instalação dos painéis, equipamentos e para conexão na rede
elétrica

10. Especialidade Envolvidas


Nº Nome Função
1 Victor Goncalves Cardoso Engenheiro Mecânico

2 Larissa Melo Sousa Engenheiro Eletricista

3 Douglas Ribeiro Souza Técnico em Refrigeração

4 Renan Pereira Ribeiro Empreiteiro

5 Pedro Ribeiro Pereira Pedreiro

6 Diogo Almeida Pereira Eletricista

7 Arthur Almeida Correia Carpinteiro

8 Samuel Martins Cunha Responsável pela Instalação de Split

9 Maria Souza Castro Responsável pela instalação de Painéis Solares

10 Raul Pessoa e Silva Responsável Geral do Projeto

6
11. Estrutura Analítica do Projeto EAP
A EAP do projeto se encontra no anexo I

12. Diagrama de Gant


O gráfico de gant referente a esse projeto se encontra no anexo II

13. Rede do Projeto


A rede do Projeto se encontra no anexo III

14. Metas e Indicadores


Metas Indicadores
Aumento do conforto na residência Temperaturas mais agradáveis nos quartos
climatizados da casa.
Economia Redução no valor da conta de luz
Lucros a médio e longo prazo O projeto deve se auto pagar em 4,5 anos
e após esse período todo o valor
economizado na conta de luz da residência
será lucro para o proprietário
Sustentabilidade Conseguir produzir a própria energia
elétrica através de painéis solares e utilizar
essa energia para abastecer parte da casa

15. Orçamento
15.1 Material Consumido
Equipamento Quantidade Preço Unitário Preço Total Onde
Ar condicionado Split 3 R$ 1100,00 R$ 3300,00 Americanas
Painéis Solares Fotovoltaicos 2 R$ 650,00 R$ 1300,00 Neosolar
Inversor 1 R$ 150,00 R$ 150,00 Neosolar
Conectores de Painéis Fotovoltaicos 8 R$ 5,00 R$ 40,00 Neosolar
Fixadores de Painéis Fotovoltaicos 1 R$ 1000,00 R$ 1000,00 Neosolar
Fios 30 m R$ 3,00 R$ 90,00 Engecopi
Disjuntor 1 R$ 140,00 R$ 140,00 Engecop
Conectores Elétricos 20 R$ 2,50 R$ 50,00 Engecopi
Eletro Dutos 20 m R$ 4,50 R$ 90,00 Engecopi
Quadro de Distribuição 1 R$ 400,00 R$ 400,00 Engecopi
TOTAL R$ 6560,00

7
15.2 Material Humano
Profissionais Horas Valor/ Hora Valor Total
Engenheiro Mecânico 8 46,11 368,88
Engenheiro Eletricista 28 46,11 1291,08
Eletricista 14 28 392
Pedreiro 6 6,25 37,5
Carpinteiro 5 6,90 34,5
Técnico em Refrigeração 12 75 900
Gerente de projetos 30 46,11 1383,3
Valor Total 4445,26

16. Resultados, Avanços, Produtos e Aplicações Esperadas


Com esse projeto obteve-se um sistema fotovoltaico On-grid capaz de alimentar
um sistema de climatização doméstico composto por três ar condicionados Split de 11000
BTUs funcionando num período de 9 horas por dia. Dessa forma os moradores da
residência obtiveram um maior conforto uma vez que as temperaturas no interior da casa
passaram a ser mais agradáveis.
Observou-se, também, que o sistema fotovoltaico proporcional uma grande
economia à residência uma vez que a energia consumida nos aparelhos era produzida
pelos painéis solares. Essa economia foi calculada e descontada no valor do sistema de
climatização e fotovoltaico, assim percebemos que o projeto terá se auto pagado em 4,5
anos após o início de seu funcionamento.
Outro resultado importante foi a confirmação da eficiência de um sistema
fotovoltaico como solução para problemas envolvendo o consumo de energia elétrica
dando, assim uma chance à sustentabilidade e ao desenvolvimento econômico
sustentável, termos que a cada dia que passam se tornam mais importantes para a
humanidade.

8
17. Referências
Manual de Engenharia para Sistemas Fotovoltaicos 2014. CESESB
YOUG, Trevor L. manual de Gerenciamento de Projetos: Um Guia Completo de Políticas
e Procedimentos Práticos para o Desenvolvimento de Habilidades em Gerenciamento de
Projetos. São Paulo: Clio Editora, 2008
Material Sobre Gerenciamento de Projetos Disponibilizado Pelo professor Geordy Sousa
Pereira.