You are on page 1of 1
RESENHAS QUEIROZ, Maria Isaura Pereira de — Bairros rurais paulistas; dindmica des relacdes bairro rural-cidade. S&o Paulo, Duas Cldades, 1973, 157 p, © trabalho em aprego € de inestimdvel valor para a compreensio do melo rural paulista, A autora comeca por conceltuar “bairro rurat” como sendo um grupo de vizinhanca, uma unidade soclal basica, cujos contornos se definem pelo “sentimento de locaildade" dos seus habltantes, retomando as consideractes feltas por Antonio Candido em Os pareciros do Rio Bonito (1964). Partindo da opinifio de outros autores de que os bairros rurais se vinculam as Areas de povoamento antigo do Estado de Séo Paulo, onde flpresceu a “clvilizacho caipira”, a pesquisadora escolhe, para seu estudo, alguns bairros dos municipios de ‘Taubaté, Paralbuna, Leme e Itapecerica da Serra. Os bairros so apresentados separadamente, sendo abordados os aspectos refe- rentes A sua dindmica e estrutura interna, focallzando-se ainda o seu relacionamento com o restante do municipio e com a regio em que se inserem. Apés essa aniillse, @ autora parte para um cotejamento entre os diversos balrros, elaborando novas definicdes e hipéteses ¢ levantando outras perspectivas de-pesquisa. Dentre as suas observagées finals, ressaltamos algumas que nos pareceram fun- damentals, como: “Os balrros rurais sio definidos pela sue forma especitica de implantacéo no solo — um “habitat” disperso centralizado por pequeno numero de habltagdes em torno de uma capela, — e pelos vinculos socials que unem seus membros” (p, 133); “O bairro se organiza de maneita tgualitarla, isto é, os individuos que 0 formam pertencem 20 mesmo nivel social” (p, 133), devendo-se ainda acres- eentar, como uma de suas conclusées, que “o balrro rural nfo se yincula especlal- mente A clvillzacKo calpira” (p. 184), rejeitando a hipétese apresentada no inicio do trabalho. A nosso ver essas observacées merecem ser revistas A luz de novas Pesquisas, pols o material de andlise apresentado pela autora € Insuficiente como ela propria reconhece, uma vez que a amostragem @ muito pequena, © trabalho em questio fo! anteriormente divulgado pela Revista do Musou Paulista (Nova série, volume XVII, 1967), sendo agora ‘publicado em Iivro, 0 que ‘permite um maior acesso A obra. — ADYR APPARECIDA BALASTRERI RODRIGUES,