You are on page 1of 2

Engenharia Civil – Materiais de Construção

Prof.: Luciano Renato

Concretos
Traços e aplicação das leis de dosagem
Lista de exercícios I

Traços de concreto (7) O concreto D apresenta densidade maior que o


concreto E.
(1) Calcular as quantidades de materiais, em massa,
(8) Os concretos A e D apresentam mesma
a serem adquiridos para a execução de uma
resistência à compressão, entretanto o concreto D
estrutura de concreto cujo volume é 55 m³. O traço
apresenta consistência mais seca.
que será empregado na obra é 1,00: 2,20: 1,15: 2,52:
(9) O custo com materiais para a produção do
0,56 (cimento CP II E: areia X: brita 19: brita 25:
concreto A é superior ao custo para a produção do
água).
concreto C.
(2) Uma obra produzia concreto utilizando o traço Para a concretagem de peças pré-moldadas
1,00: 1,90: 3,65: 0,49 (cimento: areia: brita 19: água) especificou-se o traço: 1,00: 1,48: 3,34: 0,46
para a execução de um pavimento de 600 m² com (cimento: areia X: brita 19: água). Determinar:
espessura de 20 cm. No decorrer da execução do (10) A quantidade de água a ser adicionada na
serviço o encarregado pediu mais 40 sacos de betoneira sabendo-se que os agregados estão
cimento para concluir a obra. Haviam sido úmidos na obra (ver Tabela 1) e são utilizados dois
comprados 840 sacos. Verifique se o pedido pode sacos de cimento por betonada.
ser justificado.
Para o traço 1,00: 1,80: 1,10: 2,12: 0,45 (cimento:
(3) Encontre o traço utilizado em uma obra em que areia : brita 19: brita 25: água), calcular:
para cada saco de cimento se coloca: a) 2 padiolas (11) A quantidade de caçambas (de 8 m³) de brita
de areia X com largura de 40 cm, altura de 35 cm e 19 necessárias para concretar um pavimento com
bases de 28 e 43 cm; b) 3 padiolas de brita 19 com 200 m de comprimento, 7 m de largura e 12 cm de
largura de 40 cm, altura de 35 cm e bases de 25 e 40 espessura (ver dados da Tabela 1).
cm e c) 19 litros de água. Para a execução de uma estrutura de concreto, em
uma obra em que a medição dos materiais é feita
(4) Fornecer as quantidades de materiais (cimento em volume com controle de umidade e
CP II - E em sacos, areia, brita e água em volume) que inchamento (Sd=5,5), especificou-se o traço: 1,00:
devem ser adquiridas para concretar uma estrutura 1,32: 1,82: 1,82: 0,57 (cimento CP II E – 32, areia,
de 20 m³ de concreto, sabendo-se que em cada brita 19 mm: brita 25 mm: água). Pede-se
betonada são utilizadas as seguintes quantidades de determinar:
materiais: 1 saco de cimento, 87 kg de areia úmida, (12) O consumo de cimento em kg/m³ de concreto,
36 kg de brita 19 úmida, 118 kg de brita 25 úmida e para um traço com a mesma consistência do traço
25 L de água. especificado e que apresente fck igual a 35 MPa (ver
curva de Abrams).
(5) Para a produção de peças pré-moldadas de
Um engenheiro solicitou dos fornecedores 1000
concreto com área da seção transversal e
sacos de cimento, 3 caçambas de areia Y, 4
comprimento, respectivamente iguais a 2400 cm² e
caçambas de brita 19 mm e 4 caçambas de brita 25
8 m, especificou-se o traço: 1,00: 1,38: 3,42: 0,47
mm. Considerando que não há problemas com o
(Cimento CP II - E: areia X: brita 19: água).
fornecimento de água e que a capacidade das
Determinar a quantidade de sacos de cimento
caçambas é igual a 12 m³, determine:
necessária para concretar 100 peças.
(13) O volume máximo de concreto que pode ser
produzido, sabendo-se que o traço empregado na
Considerando os traços A a G apresentados na
obra é 1,00: 1,56: 1,79: 1,79: 0,48 (cimento CP II E-
Tabela 1 Colocar F (Falso) ou V (verdadeiro):
32: areia Y: brita 19: brita 25: água). (Obs.: utilize os
(6) Os concretos F e G apresentam a mesma
consistência. dados da Tabela 1).

1
Engenharia Civil – Materiais de Construção
Prof.: Luciano Renato

Para a execução de uma estrutura de concreto Uma central forneceu 20000 m³ de concreto com
especificou-se o traço: 1,00: 1,32: 1,82: 1,82: 0,48 fck de 25 MPa a uma importante obra na RMS. O
(cimento: areia: brita 19: brita 25: água). Para obter traço empregado foi 1,00: 1,32: 3,64: 0,47 (cimento
a consistência desejada do concreto para uma viga CP II E-32: areia X: brita 25: água). A análise
pré-moldada que deve ter a mesma resistência, foi estatística dos dados arquivados na usina, relativos
necessário adicionar 2,5 litros de água por à resistência à compressão dos corpos-de-prova,
betonada de um saco de cimento. Determinar: mostrou que o desvio padrão da resistência era
(14) O consumo de cimento do traço ajustado, em Sd=2,5 MPa, o que foi atribuído ao controle
kg/m³; rigoroso da qualidade na empresa.
(15) A massa seca de areia em toneladas necessária
(17) Estime o valor, em R$, que a empresa teria
para concretar uma estrutura com volume de 50 m³
economizado se conhecesse o desvio antes de
utilizando o traço ajustado.
iniciar a obra, tivesse utilizado um traço dosado
(16) O número de caçambas com capacidade de 12
considerando este desvio e que apresentasse a
m³, carregadas de areia úmida, necessário para
mesma consistência do traço que foi empregado
concretar uma estrutura com volume de 50 m³
(1,00: 1,23: 1,72: 1,72: 0,47). Considere os preços
utilizando o traço ajustado.
dos materiais apresentados na Tabela 1.

Tabela 1 - Características dos materiais e traços para estudo.

Traços de concretos Massa Massa


Teor de
específica unitária Inchamento Preço
Materiais umidade
A B C D E F G real seca I(%) (R$/kg)
h(%)
(kg/dm³) (kg/dm³)

Cimento CP II E- 32 1,000 1,000 1,000 1,000 1,000 --- --- 3,10 --- --- --- 0,42

Cimento CP V ARI --- --- --- --- --- 1,000 1,000 3,15 --- --- --- 0,48

Areia X (M.F. = 2,40) 1,200 1,350 1,500 1,500 1,620 1,350 --- 2,63 1,50 3,2 23 0,05

Areia Y (M.F. = 1,80) --- --- --- --- --- --- 1,350 2,65 1,52 3,5 27 0,05

Brita 19 mm 1,400 1,575 1,750 1,750 1,440 1,575 1,575 2,78 1,42 1,5 --- 0,04

Brita 25 mm 1,400 1,575 1,750 1,750 1,440 1,575 1,575 2,78 1,47 1,0 --- 0,04

Água 0,450 0,480 0,540 0,450 0,495 0,480 0,480 1,00 --- --- --- 0,015

Figura 1 – Curva de Abrams.