You are on page 1of 4

CONTRATO DE COBRANÇA GARANTIDA

DE TAXAS DE CONDOMÍNIO

que entre si fazem, de um lado CONDOMÍNIO ____________________________


_________________________________________________ situado nesta Capital, na
_____________________________________________________________________,
N.º _______, Bairro _________________________, constituído de ______ unidades,
neste ato representado por seu Síndico: __________________________________
_______________________________________________________________________
qualificação: _____________________________________________________________
endereço: _______________________________________________________________
telefone: _________________________________, adiante denominado simplesmente
CONDOMÍNIO, e de outro lado GARANTE SERVIÇOS DE APOIO S/C LTDA, pessoa
jurídica de direito privado, com sede na rua ____________________________
____________________________________________________________, Curitiba,
inscrita no CGC/MF sob n.º _________________________________, neste ato
representada por seu sócio-gerente Luiz Fernando de Queiroz, adiante denominada
simplesmente GARANTE, o que fazem de acordo com as seguintes cláusulas e
condições:

1ª - O presente contrato tem por objeto a cobrança de taxas de condomínio, mediante o sistema
de antecipação de contas pela GARANTE, independente do pagamento do débito pelos
condôminos, na forma abaixo indicada.

2ª - A GARANTE obriga-se a garantir ao CONDOMÍNIO, até o limite de 06 (seis) taxas atrasadas


por condômino, a cobrança integral das taxas de condomínio, efetuando o adiantamento total dos
valores a serem recebidos, independente do pagamento pelos condôminos.

Parág. 1º - A antecipação de contas será feita no 2º dia útil após o vencimento


independente se o pagamento for feito na GARANTE, ou via bancária, advir medidas
econômicas emergenciais, motivo de força maior, depressão econômica ou convulsões
sociais, a antecipação poderá ser feita, a critério da GARANTE, até o 5º dia útil após o
vencimento.

Parág. 2º - Os adiantamentos ao CONDOMÍNIO serão efetuados pelo valor líquido das


taxas, sem multa ou qualquer acréscimo, em cheques nominais e cruzados ao
CONDOMÍNIO.

Parág. 3º - Não serão antecipados valores correspondentes a multas por infração à


Convenção ou ao Regimento Interno do Condomínio.

Parág. 4º - Vencido o prazo de 06 (seis) meses, mencionado no "caput", se a GARANTE


por mera liberalidade continuar a adiantar ao CONDOMÍNIO as taxas com mais de 06
(seis) meses de atraso, tal procedimento não constituirá novação, podendo ser suspenso
a qualquer momento, sem qualquer aviso prévio.

Rubricas:
3ª - Mensalmente, com antecedência mínima de 5 (cinco) dias úteis do vencimento, o
CONDOMÍNIO encaminhará à GARANTE, o rateio das taxas de condomínio, para que efetue a
emissão dos boletos.

Parág. 1° - Caso a emissão seja feita pela GARANTE, no mesmo prazo o CONDOMÍNIO
deverá informar os valores a serem inseridos nas taxas de condomínio, para a devida
emissão.

Parág. 2º - Se o CONDOMÍNIO não encaminhar ou não prestar informações no prazo


mencionado, ficará sujeito ao adiamento da antecipação de contas, pelos mesmos dias
de atraso.

Parág. 3º - A antecipação de contas ficará suspensa por prazo indeterminado se houver


dúvida quanto à legitimidade do síndico eleito ou se mais de uma pessoa reivindicar para
si a condição de síndico do CONDOMÍNIO.

4ª - A antecipação de contas não provocará a cessão de crédito, com sub-rogação de todos os


direitos, ações, privilégios e garantias do CONDOMÍNIO em favor da GARANTE (Cód. Civil, Art.
349). A sub-rogação somente ocorrerá nas seguintes hipóteses:

a) pagamento das taxas de condomínio pelos condôminos;

b) rescisão do presente contrato, por qualquer causa ou motivo.

Parág. 1º - As despesas judiciais e extrajudiciais que forem necessárias serão


antecipadas pela GARANTE e reembolsadas pelo CONDOMÍNIO, até o limite mensal de
2% (dois por cento) do valor bruto total da receita do CONDOMÍNIO.

Parág. 2º - As multas, juros, correção monetária e demais encargos incidentes sobre o


débito constituem retribuição da GARANTE, a título de retorno do capital aplicado e de
ressarcimento dos riscos de cobrança.

5ª - Até o décimo dia após o vencimento, as taxas serão cobradas em uma das Centrais de
Pagamento da GARANTE somente com multa; do 11º ao 30º, a cobrança será feita com
acréscimo de juros de mora e 10% de encargos de cobrança; a partir do 31º dia, com 20% de
honorários, juros, correção e demais encargos.

6ª - Constituem obrigações do CONDOMÍNIO, cujo inadimplemento poderá dar causa à rescisão


do presente contrato:

a) Enviar à GARANTE as taxas de condomínio ou as informações necessárias à sua emissão no


prazo indicado na cláusula 3ª;

b) Não efetuar diretamente a cobrança de qualquer taxa de condomínio que esteja em cobrança
na GARANTE, antes, durante e após o vencimento;

c) Manter a multa moratória em 20% (vinte por cento) do valor da taxa do condomínio;

d) Auxiliar a GARANTE na cobrança das taxas em atraso, empregando todos os esforços e meios
suasórios permitidos por lei;

e) Não dar quitação ou qualquer declaração de quitação a condômino que esteja em atraso,
mesmo que o CONDOMÍNIO já tenha recebido o valor das taxas por antecipação da GARANTE,
salvo se a GARANTE declarar por escrito que não há mais débito pendente do condômino;

Rubricas:
f) Fornecer à GARANTE, ou seu Departamento Jurídico, em tempo hábil, os documentos e rol de
testemunhas que necessitar para promover a defesa dos interesses do CONDOMÍNIO ou ajuizar
a ação contra o condômino;

g) Comparecer, pela pessoa do Síndico, às audiências de conciliação, instrução e julgamento, nas


ações em que o CONDOMÍNIO for parte.

h) Guardar sigilo do conteúdo do presente contrato, não fornecendo cópia a terceiros, sob
qualquer hipótese.

7ª - O CONDOMÍNIO pagará à GARANTE, como remuneração pelos serviços de emissão e


cobrança das taxas, a importância mensal correspondente a_________%
(______________________________________________________________________________
____________________por cento) do valor bruto total de cada antecipação de contas.

Parág. 1º - Caso a inadimplência seja superior a 20% (vinte por cento) dos condôminos,
o CONDOMÍNIO pagará um adicional de indenização de 1% (hum por cento); se
superior a 25% (vinte e cinco por cento), um adicional de 2% (dois por cento); se
superior a 30% (trinta por cento), um adicional de 3% (três por cento) e assim
sucessivamente, até o limite de 6% (seis por cento).

Parág. 2º - Se a inadimplência for superior a 40% (quarenta por cento) do número de


condôminos ou se o somatório das taxas antecipadas pela GARANTE atingir o montante
equivalente ou maior que uma receita mensal do CONDOMÍNIO, a GARANTE poderá
rescindir o presente contrato por justa causa, independente do pagamento de qualquer
cláusula penal.

8ª - O presente contrato tem o prazo de 01 (um) ano, iniciando-se no dia ____________ de


____________________________ de _____________ e vencendo-se no dia _________ de
____________________________ de _____________, e ficará automaticamente prorrogado por
períodos iguais e sucessivos caso não denunciado, por escrito, por qualquer uma das partes,
com antecedência mínima de 60 (sessenta) dias do seu vencimento ou do vencimento de
qualquer dos períodos de prorrogação.

9ª - Qualquer das partes poderá dar por rescindido o presente contrato, independente do prazo
acima mencionado, se a outra não cumprir suas obrigações.

Parág. 1º - Havendo rescisão do presente contrato, por decurso de prazo ou por


manifestação de vontade de qualquer das partes, a GARANTE ficará automaticamente
sub-rogada pelas importâncias adiantadas ao CONDOMÍNIO, bem como seus
acréscimos, podendo cobrá-las dos condôminos em seu próprio nome ou fazê-lo em
nome do CONDOMÍNIO.

Parág. 2º - Se o CONDOMÍNIO rescindir o presente contrato sem justa causa, ou der


motivo à sua rescisão, ficará obrigado a reembolsar à GARANTE, no prazo de 10 (dez)
dias, os valores que recebeu antecipadamente, acrescidos de todos seus encargos
(multa, juros, correção monetária, etc.), cláusula penal de 10% (dez por cento), custas
judiciais e extrajudiciais e honorários advocatícios de 20% (vinte por cento) sobre o total
do débito.

Rubricas:
Parág. 3º - Se o CONDOMÍNIO vier a sucumbir na cobrança judicial de qualquer taxa de
condomínio, por motivo decorrente de culpa ou dolo do Síndico ou Administrador, ou por
fato independente da vontade ou diligência da GARANTE ou seu Departamento Jurídico,
o CONDOMÍNIO também ficará obrigado a reembolsar à GARANTE os valores desta
recebidos e não cobrados, com os acréscimos previstos no parágrafo anterior.

Parág. 4º - O reembolso acima referido também será devido nas seguintes hipóteses:

I - Se o condômino contestar a ação de cobrança alegando ilegitimidade do


CONDOMÍNIO para cobrar as taxas, por entender erroneamente que houve
sub-rogação do crédito.

II - Se o condômino propuser ação de consignação em pagamento ou outra


que coloque o crédito “sub judice”, tornando-o, em conseqüência, de difícil
recuperação.

III – Se o condômino for beneficiário da justiça gratuita, reembolsará as


custas e honorários advocatícios.

10ª - Para que a GARANTE possa cumprir o estipulado neste contrato, o CONDOMÍNIO lhe
outorga, neste ato, procuração com poderes da cláusula "ad judicia", em caráter irrevogável no
prazo de vigência do presente contrato, ou dos períodos de sua prorrogação, devendo ser
renovada sempre que eleito novo Síndico no condomínio.

11ª - Fica eleito o foro da Comarca de Curitiba, com privilégio sobre qualquer outro, para dirimir
qualquer questão oriunda do presente contrato.

E por estarem justos e contratados, firmam o presente contrato em 02 (duas) vias, na


presença de duas testemunhas (preferencialmente membros do Conselho Consultivo do
Condomínio), obrigando-se a cumprí-lo fielmente por si, seus herdeiros e sucessores.

Curitiba, _______ de ______________________ de __________.

...........................................................................................
CONDOMÍNIO

...........................................................................................
GARANTE

Testemunhas / Membros do Conselho:

...........................................................................................
Nome:

...........................................................................................
Nome: