You are on page 1of 9

Manual de Sinais de Negociação

Metodologia

Os sinais de negociação seguem uma metodologia específica de swing trading através da análise da
ação dos preços.

Os sinais são divididos em prazos. Cada prazo age como um operador (trader) virtual independente
que segue os sinais mostrados. A realização de operações (trades) em múltiplos prazos pode ser
concretizada através do seguimento de todos os sinais em todos os prazos, em cada instrumento.

Os sinais podem ser utilizados para identificar possíveis cenários de negociação e são um exemplo
de um método de negociação executado em condições de mercado em tempo real. De acordo com
as suas preferências, os operadores podem decidir o prazo a utilizar nas suas operações. Os prazos
menores requerem mais horas para monitorizar posições ativas no mercado. Quanto menor o prazo,
maior a frequência de possíveis operações. Quanto maior o prazo em que o sinal é apresentado,
maior a quantidade de tempo em que o cenário de negociação é desenvolvido e concluído. A
negociação em vários prazos pode ser efetuada ao seguir todos os sinais em todos os prazos, em
cada instrumento. Em cada caso, a execução de sinais de negociação tem que ser acompanhada por
técnicas de gestão monetária para controlar a exposição ativa.

Os sinais de negociação também podem ser utilizados para ver uma análise de mercado, identificar a
direção de cada prazo e verificar onde as metas são descritas, em conjunto com condições extremas
de preços, e reconhecer tendências. As caraterísticas das tendências de todos os prazos num
determinado instrumento podem dar aos operadores uma perspetiva sobre o estado do mercado e
o desempenho das tendências alinhadas em vários prazos.

Durante os tempos de saída de sinais, cenários de negociação com níveis de entrada preparados são
descritos nas chamadas matinal e vespertina. Quando um sinal previamente delineado é ativado, o
relatório seguinte continua a acompanhar a operação existente, gerindo níveis de saída ao longo do
caminho, até o cenário de negociação alcançar níveis de saída. Quando um cenário de negociação
termina, o prazo específico procura o cenário de negociação seguinte.

Ao seguir uma metodologia específica, em alguns casos, níveis de entrada são formados e ativados
entre tempos de saída de sinais. Nestes casos, o sinal ativado ou a próxima oportunidade para entrar
é descrita no relatório seguinte.

Cada prazo age como um operador virtual separado, mas resultados menos voláteis podem ser
alcançados com a gestão monetária, a fim de seguir todos os sinais em todos os prazos e em todos
os instrumentos.

Cada cenário de negociação é marcado com duas metas de take profit, em que as posições abertas
são fechadas 50% na primeira meta e 50% na segunda meta. Isto pode ser concretizado ao fechar
manualmente 50% da posição no momento em que o mercado alcança a primeira meta, ou
inserindo duas ordens de negociação (trade orders) a partir do início, mas descrevendo diferentes
metas de lucro. Ambas as posições utilizam o mesmo stop-loss e o movimento de um stop-loss em
direção ao nível de entrada implica que ambos os stops devem ser movidos quando ambas as
metades das posições ainda estão ativas.
Tempos de Saída

Os sinais são lançados entre as 10h00 e as 10h30, e entre as 16h00 e as 16h30 EET no inverno e EEST
no verão.

Gráfico

Se uma operação no prazo de um gráfico estiver a ser preparada, o gráfico que aparece no relatório
terá delineado os níveis de entrada e saída. Se nenhum nível de entrada estiver pronto, os níveis de
suporte e resistência deste prazo irão aparecer. Uma linha ponteada no gráfico a partir do nível de
entrada destaca a próxima entrada possível, enquanto uma linha sólida no gráfico destaca um
cenário de negociação ativo existente.

Pré-entrada Ativação da Operação Pós-entrada

O gráfico que aparece nos sinais da XM é o gráfico 1H.

Indicadores

Duas ferramentas proprietárias da Tradepedia utilizadas na análise estarão visíveis no gráfico.

Indicador Swing por Avramis - Linha preta sólida que descreve topos e fundos.

O Indicador Swing por Avramis foi concebido para identificar matemática e objetivamente os topos e
fundos confirmados em qualquer mercado. Com base nas leis de monitorização de tendências, ao
utilizar sequências de topos e fundos, as operações são delineadas com a utilização do Indicador
Swing por Avramis para identificar padrões de preços que podem originar cenários de negociação.
Para obter mais informações sobre este indicador e sobre padrões de reversão de tendências,
inscreva-se no webinar Reversão de Tendências em XM.COM.

Indicador River por Avramis – Cor azul, castanha e amarela.

O Indicador River por Avramis utiliza uma variedade de combinações de médias móveis, em
conjunto com parâmetros acionados pela volatilidade do mercado. Isto ajuda os operadores a obter
uma imagem clara das caraterísticas das tendências de mercado. Além disso, ao comparar a ação
dos preços com o Indicador River por Avramis, os operadores podem identificar as tendências que
são mais fortes e fracas.

Um preço abaixo dos rios Avramis implica uma tendência de baixa, enquanto um preço acima dos
rios Avramis implica uma tendência de alta. Um espaço vazio (ou seja, um rio branco) entre um rio
castanho e um rio dourado é um sinal de uma tendência mais forte. Quando o rio dourado se
mistura com o rio azul, uma tendência de mercado mais fraca e uma possível variação de preços
podem ser esperadas.

Para obter mais informações sobre o Indicador River por Avramis, inscreva-se no webinar Avramis
River em XM.COM.

Prazo: a cada hora, a cada 4 horas, diário, semanal

Isto refere-se ao prazo que está a ser analisado e seguido. Cada prazo age como um operador virtual
separado que segue os sinais de tendências emitidos nesse prazo específico.

Sinais de vários prazos podem ser obtidos através do seguimento de sinais de todos os prazos num
determinado instrumento.

Próximos 3 Dias, Próximas 3 Semanas, Próximos 3 Meses

Esta é uma estimativa do prazo máximo para cenários futuros e correntes. Por exemplo, estima-se
que uma operação ativada hoje no prazo 1H deva alcançar níveis de saída dentro dos próximos 3
dias de negociação.

Tendência: alta forte, alta fraca, baixa forte, baixa fraca, neutra, variável

Nesta secção, dá-se uma leitura geral da força da tendência em relação ao prazo analisado, assim
como uma distinção entre tendências fortes e fracas com base na quantidade de indicadores
técnicos em conformidade com o que se reflete através da ação dos preços.

Ao utilizar um grupo de indicadores de seguimento de tendências através das ferramentas


automatizadas da Tradepedia, a força e a direção da seta da tendência estão visíveis, representando
o resultado agregado do grupo de indicadores. A força da tendência implica o nível de estruturação
das caraterísticas da tendência nos padrões de preços recentes.

Para obter mais informações sobre indicadores de tendências, inscreva-se no webinar Indicadores
de Tendências em XM.COM.
Condições da tendência: sobrecomprada 1 e 2, sobrevendida 1 e 2, neutra

Isto refere-se às condições da tendência e à medida de um movimento extrapolado.

As condições extremas - tais como sobrecomprada (overbought) e sobrevendida (oversold) - são


utilizadas como advertência antecipada de uma onda corretiva na direção oposta. Quando uma
tendência de mercado está sobrecomprada, isto implica uma maior probabilidade de ocorrência de
uma onda corretiva, mas não necessariamente de forma instantânea. Entre sobrevendida 1 e 2,
podemos distinguir as caraterísticas da tendência entre ligeiramente sobrevendida e extremamente
sobrecomprada.

Para obter mais informações sobre condições extremas de preços, inscreva-se no webinar
Osciladores de Dinâmica em XM.COM.

Suporte e Resistência

Os principais níveis de suporte e resistência são as áreas cruciais num determinado gráfico que
podem causar uma alteração na direção, ou onde um avanço pode dar origem a um movimento
significativo rumo ao próximo nível nessa direção. Estes níveis são estimados com base em
caraterísticas de preços recentes e têm que ser combinados com o restante do relatório de sinais
para formar possíveis cenários de negociação.

Quando se espera que um sinal se reposicione na direção da tendência, os sinais destacam as


estimativas dos principais níveis de suporte e resistência que podem conter a correção e indicar um
sinal de continuação da tendência. Nestes casos, os sinais de confirmação são necessários antes de
ativar um cenário de negociação. Uma rutura do primeiro nível principal pode aumentar a atenção
sobre o próximo nível para conter a correção ativa.

Cada relatório nesta secção destaca os três principais níveis de suporte e três principais níveis de
resistência de cada prazo.
Os níveis de suporte e resistência são estimados através da utilização de uma variedade de métodos
técnicos, incluindo os níveis de Fibonacci, os níveis de Gann e os pivôs de Avramis. Os níveis são
elaborados com a ajuda de indicadores automáticos e estão sujeitos à última palavra do analista. Em
muitos casos, os níveis significativos coincidem com os níveis de entrada e saída do cenário de
negociação. Contudo, quando o cenário de negociação é ativado e desenvolvido, os níveis
significativos podem ser diferentes daqueles dos níveis de entrada e saída.

Para obter mais informações sobre os níveis de suporte e resistência, inscreva-se no webinar
Suporte e Resistência em XM.COM.

Posições

Compra: À espera de condições para ativar uma posição de compra.

Venda: À espera de condições para ativar uma posição de venda.

Longa: Posição de compra já ativada.

Curta: Posição de venda já ativada.

À espera: À espera do desenvolvimento de uma operação ou da rutura de um intervalo.

Nesta secção, é possível ver operações novas ou correntes com os seus níveis de entrada e saída.

Quando um cenário de operação potencial está preparado para ser ativado, é destacada uma ordem
de compra ou venda com níveis de entrada e saída. Depois da ativação, o cenário de negociação
permanece ativo nos sinais de negociação até alcançar os níveis de saída. Durante o cenário de
negociação, os níveis de saída podem ser movidos ou estendidos, dependendo das condições de
mercado.
Uma compra ou venda sem um nível de entrada descrito implica a direção de uma possível nova
negociação, sem um nível de entrada preparado pelo preço no momento atual. Nesta fase, espera-
se que um nível de entrada seja formado antes de adicionar níveis de entrada e saída ao relatório de
sinais.

Uma ordem de compra ou venda sem um nível de entrada descrito também pode implicar uma
rutura alternativa se o mercado alterar antes da análise do sinal seguinte. Para tal, é preciso
procurar por instruções tais como “ou, alternativamente, a rutura do nível ####", o que implica que
se aguarda a formação de um nível de entrada. Porém, se tal nível não for formado antes da rutura
do nível ####, a operação de rutura será a próxima operação ativa.

As operações de ruturas são filtradas no momento da entrada para evitar falsas ruturas. Se ocorrer
uma rutura, o próximo sinal de saída irá atualizar a posição.

As posições de paragem (stop) e reversão implicam que, enquanto uma operação estiver ativa numa
direção, a ativação de uma saída num stop-loss irá imediatamente ativar uma posição na direção
oposta.

As posições de paragem (stop) e reversão podem ser destacadas pela leitura de uma instrução,
como por exemplo: “Um sinal de entrada de probabilidade média de adoção de uma posição longa
foi dado a 114.00, depois do mercado ter completado o padrão de reversão de uma tendência de
alta. Só a quebra descendente de 113,10 pode cancelar o cenário ascendente e nos fazer adotar uma
posição curta".

Em tais casos, apesar da operação longa estar ativa, a ativação de um stop-loss também ativa uma
nova posição curta. Nestes casos, os níveis de suporte e resistência destacados nos sinais podem ser
utilizados para metas de lucro, até a próxima saída de sinal atualizar a posição da operação e os
níveis de lucro.
Probabilidade da Operação (Alta/Média/Baixa)

O termo "probabilidade da operação" refere-se às caraterísticas técnicas da configuração da


operação. Este indica a quantidade de indicadores técnicos em sintonia com a configuração da
operação.

Uma operação de alta probabilidade implica um alto número de indicadores direcionados para o
resultado da configuração, enquanto uma operação de baixa probabilidade implica um baixo
número de indicadores em sintonia com a configuração da operação.

A probabilidade da operação pode ser vista como o nível de paciência com que o analista está
preparado para permitir que a configuração da operação se desenvolva. A configuração de uma
operação de baixa probabilidade pode ajustar os níveis-alvo ou mover uma ordem de stop-loss mais
cedo do que o habitual, permitindo que a configuração se desenvolva em menos tempo, ou que a
saída da posição seja feita de uma forma mais rápida. Uma operação de alta probabilidade indica um
tempo maior para o desenvolvimento da configuração da operação, o que pode permitir que os
níveis de paragem (stop) originais permaneçam ativos por mais tempo sem se mover para o nível de
entrada, ou que as metas sejam prorrogadas durante o desenvolvimento do cenário de negociação.

Método de Execução

Todas as operações são descritas com duas metas de take profit. Na maioria dos casos, quando a
meta 1 está perto de ser alcançada ou já está alcançada, o stop-loss para a operação existente ou
restante é movido para o nível de entrada, protegendo os lucros existentes das operações em curso.
Em alguns casos e determinadas circunstâncias, o stop pode ser movido para um nível maior ou
menor a partir do nível de entrada. As posições são fechadas 50% na primeira meta de lucro e 50%
na segunda meta de lucro. Os níveis de saída (stop-loss e take profit) podem ser alterados durante
um cenário de negociação em curso e estas atualizações aparecem na área de comentários e
posições no relatório seguinte.
Aviso legal: Todos os sinais de negociação fornecidos são recomendações gerais. Estes não são
preparados de acordo com os requisitos destinados a promover a independência da pesquisa de
investimento. Todos os materiais aqui apresentados só servem propósitos educativos.