XADREZ NA ESCOLA O xadrez não é só um jogo, não é só uma arte e nem é só uma ciência.

O xadrez é a mistura de todos estes elementos com um pouco de tempero, aliás, com BASTANTE tempero. E é por esse e por muitos outros motivos que o xadrez é considerado uma ótima matéria para ser aplicada na escola. A criança e as atividades lúdicas Em princípio, devemos entender o jogo como uma atividade que obedece ao impulso mais profundo e básico da essência animal. Essa atividade se inicia em nossas vidas com os mais elementares movimentos, complicando-se até dominar a enorme complexidade do corpo humano. Os primeiros jogos que a criança faz são os chamados jogos de exercício, utilizando como principal objetivo seu próprio corpo. Os bebês chupam suas mãos, emitem sons e repetem diversos movimentos sem finalidade utilitária. A transição dos jogos de exercícios para os simbólicos marca o início de percepção de representações exteriores e a reprodução de um esquema sensório-motor fora de seus contextos. Podemos dizer que o jogo simbólico é um jogo de exercício em que o que é exercitada é a imaginação. Ao chegar ao período das operações concretas (por volta dos 7 anos de idade) a criança, pelas aquisições que fez, pode jogar atendo-se a normas. Surgem então os jogos de regras, e ela terá que abandonar a arbitrariedade que governava seus jogos para adaptar-se a um código comum, podendo ser criado por iniciativa própria ou por outras pessoas, mas que deverá acatar limites porque a violação das regras traz consigo uma consequência. Isso ajudará as crianças a aceitar o ponto de vista das demais, a limitar sua própria liberdade em favor dos outros, a ceder, a discutir e a compreender. Quando se praticam jogos de grupo a experiência se engrandece, já que a sociabilidade é agregada à vida da criança, surgindo assim os primeiros sentimentos morais e a consciência de grupo. Quando a criança joga compromete toda sua personalidade, não o faz para passar o tempo. Pode-se dizer, sem dúvida, que o jogo é o "trabalho da infância" ao qual a criança dedica-se com prazer. É fácil perceber, diante disso, o inegável valor educativo que a prática lúdica possui.

E hoje é um esporte que pode ser jogado não presencialmente. e por isso o que mais cresce em adeptos. Victor Hugo. Por que jogar xadrez? O Xadrez é o segundo esporte mais praticado no mundo. O Xadrez é uma arte de grande beleza e apresenta imensa riqueza de possibilidades. Resumindo os resultados. conclui-se o Xadrez contribui para o desenvolvimento das faculdades mentais. que terá obrigações a cumprir.. Podemos sentir na criança que seu ingresso na escola é algo muito diferente de tudo que ela fez até então. utilizando conceitos de plano inclinado. Temos que aprender a diferenciar o que significa o jogo para o adulto e para a criança. É um passatempo agradável e instrutivo que entreteve grandes personalidades de nossa história como Napoleão. estando o adversário em qualquer lugar do planeta. É notável o que se pode aprender construindo seus próprios jogos.Muitos psicólogos afirmam que os primeiros anos são os mais importantes na vida do homem. da capacidade de concentração e da velocidade de raciocínio. que não tenham sido previamente calculadas e. Se quisermos também uma explicação científica que mostre os benefícios práticos que podem ser alcançados pela prática desse esporte. velocidades etc. . intelectuais e instrutores de xadrez. mostrando que a derrota não é sinônimo de fracasso nem vitória é sinônimo de sucesso. por ensinar a lidar com a derrota e com a vitória. coisas que só serão ensinadas muito depois no período escolar. sendo já considerado o esporte do novo milênio. estimula o hábito de refletir antes de agir. Montesquieu. O erro que muitos professores cometem é não valorizar em toda sua extensão essa atividade. Para nós adultos. Foi constatado que o Xadrez desempenha um importante papel socializante. Para as crianças é todo um compromisso no qual lutam e se esforçam se algo não sai como querem. Benjamin Franklin. que também contribui para o desenvolvimento da memória. Goethe. Einstein. O Xadrez é capaz de mostrar as conseqüências de atitudes displicentes. polias. por conseguinte. psicólogos. sendo que a atividade central manifestada é o jogo. poderíamos apresentar opiniões e pesquisas de pedagogos. que sua vida dedicada ao jogo terá uma mudança brusca. o jogo é o que fazemos quando não se tem alguma coisa mais importante e desejamos preencher horas vazias com algum lazer. abaixo apenas do futebol. além de ensinar a arcar com as responsabilidades dos próprios atos. através de redes de computadores como a Internet. extraindo o que ela contém de educativo. Machado de Assis e Monteiro Lobato ± para citar apenas alguns. É um grande impulsionador da imaginação. Voltaire. porque assim nos educaram.

memória e concentração. tornando-as mais prudentes e responsáveis. sempre que possível. com destaque particularmente notável nos casos da Física e da Matemática. aprendem fórmulas de memória. os alunos que jogam Xadrez apresentam nítida superioridade em força de vontade. Ter a percepção de flexibilidade e reversibilidade do pensamento que ordena o jogo. Isso é evidente. produzindo excelentes resultados no desempenho escolar. que é saber olhar e entender a realidade que se apresenta. o Xadrez estimula o desenvolvimento intelectual. O Xadrez ensina a criança a avaliar as conseqüências dos seus atos. para isso. Também em pesquisas realizadas na Inglaterra. quando encontram textos diferentes não acham a resposta correta. tanto as próprias quanto as do adversário. Educar o raciocínio O Xadrez merece crédito. as soluções mecanizadas. tem-se que evitar. que se deve controlar a posição das demais peças. Quantas vezes podemos notar crianças fracassando em matemática. y Em aspectos gerais.Num estudo realizado na ex-Alemanha Oriental. que é o jogo da vida. tenacidade. separando-os em dois grupos: os que jogavam e os que não jogavam Xadrez. sobretudo. ao não entenderem o que o enunciado do problema lhes diz? Não sabem analisá-lo. para armar uma estratégia. . comparando o desenvolvimento de grupos de estudantes de diversas idades. aprender que as peças no Xadrez não têm valores absolutos. E além disso. No caso das crianças e jovens. porque ensina às crianças o mais importante na solução de um problema. o Xadrez contribui preservando por mais tempo a agilidade mental. no caso dos adultos e idosos. y O raciocínio lógico e a capacidade de cálculo são estimulados. Deve-se conseguir que as crianças encontrem seu próprio sistema de ação e. concluiu-se que: y O Xadrez estimula a atividade intelectual e estabiliza a personalidade de crianças e jovens durante seu crescimento. por exemplo. chegou-se à conclusão de que a concentração e a habilidade em formular e posteriormente concretizar planos no tabuleiro contribui significativamente para a tomada de decisões e execução das mesmas no jogo muito mais importante. na puberdade: crianças que jogam Xadrez apresentam menos crises decorrentes das transformações dessa fase etária do que as que não jogam.

é importante um certo treino na escola fundamental. reproduzindo em escala diminuta o que poderia acontecer em uma batalha. j. cuja origem e história perdem-se no tempo. o interesse pelas línguas estrangeiras. a demonstração pode ser encontrada pelo aluno. a inteligência. Deve-se ter em mente que o Xadrez reproduz uma situação de guerra. criar seqüências artísticas do jogo. mas num contexto lúdico. a organização metódica do estudo. mestre internacional suíço. a imaginação e a antecipação. enquanto arte estimula a imaginação de. Nesse aspecto. i. mas a possibilidade de valorizar o raciocínio através de um exercício lúdico. para que isso aconteça. pois enquanto esporte desenvolve habilidades. e. c. Nossa idéia é que em uma época na qual os conhecimentos nos ultrapassam em quantidade e a vida é efêmera. d. b. ser tão importante quanto as disciplinas artítisticas e científicas. a criatividade. a vontade de vencer. a memória. enquanto ciência. Suas decisões são fundamentais para ganhar ou perder a partida. o Xadrez tem demonstrado. O valor educativo do xadrez artindo da premissa de que o desenvolvimento do raciocínio é elemento fundamental para que a cidadania se efetive. a transcendentalidade no currículo escolar tem sido um dos aspectos mais positivos para a educação integral. o espírito de decisão e a coragem. o julgamento e o planejamento. k. porém.Assim. g. o raciocínio analítico e sintético. o aprendizado e a prática do xadrez desenvolvem as seguintes habilidades: a. a atenção e a concentração. a paciência e o autocontrole. h. exige acurado estudo teórico e a elaboração de cálculos precisos. Atualmente no Brasil. com os dados de um teorema e sua idéia. bem como democratizar este jogo-arte-ciência. Segundo Charles Partos. a lógica matemática. Esta atividade proporciona não apenas mais uma opção de lazer. QUADRO COMPARATIVO DAS CARACTERÍSTICAS DO XADREZ E SUAS IMPLICAÇÕES EDUCATIVAS . nos países em que é adotado como disciplina curricular. f. a melhor ferramenta que a criança pode obter em sua escolaridade é um pensamento organizado. diante de inúmeras possibilidades que se apresentam. Cada jogador funciona como um general na condução de um exército. na escola secundária. apresentamos o jogo de Xadrez como complemento à educação escolar. Acreditamos que o projeto Xadrez na Escola pode desenvolver as habilidades cognitivas citadas.

auxiliando no desenvolvimento das demais disciplinas curriculares. aliados a outros tantos. além de inúmeras no estado de São Paulo e também em diversas regiões do país. devendo apresentar o seguinte. O imenso mérito do xadrez é que ele responde a uma das preocupações fundamentais do ensino moderno: dar a possibilidade de cada aluno progredir segundo seu próprio ritmo. direcionar a uma conclusão brilhante (combinação) y O resultado indica quem tinha o melhor plano y Entre várias possibilidades. Implicações nos aspectos educacionais e de formação do caráter y Desenvolvimento do autocontrole psico-físico y Avaliação da hierarquia do problema e a locação do tempo disponível y Desenvolvimento da capacidade para pensamento abrangente e profundo y Empenho no progresso contínuo y Criatividade e imaginação y Respeito à opinião do interlocutor y Capacidade para o processo de tomar decisões com autonomia y Capacidade para o pensamento e execução lógicos. Esses fatores. . escolher uma única. Bowman (físico) O xadrez como disciplina escolar A idéia básica de se levar o xadrez até as escolas reside no fato de ele ser um esporte pedagógico. valorizando assim a motivação pessoal do escolar. adquirir uma boa memória para guardar acontecimentos e datas quando está em uma aula de história? Qual de nós não tem necessidade de ter precisão nos cálculos matemáticos? Sem contar que o xadrez oferece um ambiente ímpar para desenvolvermos nossa criatividade. adotem o xadrez como disciplina obrigatória ou opcional. sem ajuda externa y Um movimento deve ser conseqüência lógica do anterior. por exemplo.Características do xadrez: y Concentração enquanto imóvel na cadeira y Fornecer um número de movimentos num determinado tempo y Movimentar peças após exaustiva análise de lances seguintes y Encontrado um lance. Quem não precisa." John R. auto-consistência e fluidez de raciocínio. sendo ainda um excelente meio de recreação e de formação do caráter dos jovens. "A impossibilidade de conhecer o melhor lance em uma partida de xadrez é que eleva o xadrez de um jogo científico para uma forma de arte. procura outro melhor y De uma posição em princípio igual. um meio de expressão individual. têm contribuído para que grande parte das escolas do sul do Brasil.

auxilia ao desenvolvimento do sentimento de autoconfiança visto que apresenta uma situação na qual os alunos têm a oportunidade de descobrir uma atividade onde podem se destacar e paralelamente progredir em outras disciplinas acadêmicas.). que é assimilável a um sistema de equações com ³n´ incógnitas. O ensino enxadrístico pode inverter a relação professor-aluno. pode-se utilizar inicialmente a motivação quase espontânea do aluno em relação ao xadrez visando provocar ou facilitar a sua compreensão em outras disciplinas. No que concerne à pedagogia. controle de casas.. o que permite concluir da importância de se aplicar uma pedagogia de níveis preferencialmente a uma pedagogia orientada para classes da mesma idade. .. No que concerne à matemática.. à sociologia. podemos afirmar que o xadrez é um dispositivo eficaz para a aprendizagem da aritmética (noções de troca. enquanto exemplos de operações numéricas elementares.). Enfim. é preciso reconhecer no xadrez esta virtude: ele não aceita nem o respeito da idade nem aquele da notoriedade. numa época onde o sonho confesso de uma revolução pedagógica é aquele de eliminar a barreira professor-aluno. ao direito.. Experiências realizadas em diversos países demonstram que o xadrez. valor comparado das peças. pois dialética e autocrítica ocupam um lugar primordial e o vencido se enriquece mais que o vencedor. quando ele é introduzido nas classes de baixo rendimento escolar. extrapola-se o universo artificial criado pelas regras do jogo como modelo de estudos de situações concretas. o xadrez permite repensar a relação professoraluno.e sobretudo à matemática e à pedagogia.Piaget mostrou quais eram as etapas da formação da inteligência da criança.à história. de horizontalidade. Isto pode aplicar-se a todos os campos do conhecimento .. Em uma segunda etapa. e até psicológico.. Além disso. adolescentes e mesmo adultos infratores ou em liberdade assistida. Assim. colocando em xeque as hierarquias instituídas na sala de aula. à epistemologia entre outros . à literatura. Observando-se grupos de crianças jogando xadrez constata-se que os progressos atingidos nestas etapas seguem ritmos extremamente diferentes. à jurisprudência. a representação do tabuleiro é estabelecida como um sistema cartesiano. quando utilizado como terapia ocupacional. O xadrez como suporte pedagógico para outras disciplinas Trabalhos em psicopedagogia demonstram que o xadrez é um precioso coadjuvante escolar. da álgebra (cálculo do índice de desempenho dos jogadores.) e da geometria (o movimento das peças é uma introdução às noções de verticalidade. A estratégia do ensino é bem próxima da estratégia do xadrez. contribui para a reinserção familiar e social de crianças. Além disso. o que desenvolve a adequacidade de transmissão dos conhecimentos aos seus alunos. o xadrez apresenta-se como um excelente instrumento na formação de futuros professores das mais diversas disciplinas uma vez que ele favorece a compreensão da estrutura do pensamento lógico.

é no domínio da hemística que o futuro parece ser mais promissor. na medida em que ele fornece uma reserva inesgotável de situações variadas de resolução de problemas . A teoria dos jogos de estratégia. A estatística. Assim. A informática. A análise combinatória e o cálculo de probabilidades. d. Entretanto. Se grandes matemáticos como Euler (1707-1783) e Gauss (1777-1855) trabalharam matematicamente problemas originários do xadrez . já que elas podem concernir: a.As aplicações xadrez-matemática são bastante vastas e não são necessariamente de nível elementar. as regras e os métodos que conduzem à descoberta da solução de um problema enxadrístico podem ser aplicadas didaticamente à resolução de um problema de matemática. c. e isto em dois níveis: aquele da gestão dos torneios e aquele da programação propriamente dita do jogo. Isto permite qualificar tal esporte como um instrumento motivador de primeira grandeza para a educação matemática. b.é possível adotar-se uma postura inversa.respectivamente o percurso do cavalo sobre as 64 casas do tabuleiro e o problema da colocação de oito damas sobre o tabuleiro .

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful