You are on page 1of 15

Como assegurar a qualidade de vida dos animais

pode garantir o futuro dos seus negócios

Introdução Eficiência Qualidade Participação Acesso Conclusão


no mercado a mercados

02 03 06 09 11 12
Trate bem os Como Animais menos O consumidor já está O bem-estar animal Motivos há de sobra.
animais – o bem-estar estressados dando preferência é um dos pilares O que mais
e abra os horizontes animal aumenta dão origem a carne, a alimentos da competitividade é preciso saber
para sua empresa, a produtividade leite e ovos melhores originados das empresas sobre o bem-estar
sítio ou fazenda nos sítios e fazendas de animais criados do setor animal?
com bem-estar – de alimentos
e pode estar disposto
a pagar mais por isso

COMO ASSEGURAR A QUALIDADE DE VIDA DOS ANIMAIS PODE GARANTIR O FUTURO DOS SEUS NEGÓCIOS 1
Trate bem os animais – e abra os horizontes para sua empresa, sítio ou fazenda

Há um fundamento ético bastante claro na adoção de práticas A pertinência desse tipo de questionamento pode ser discutível,
de bem-estar animal nas fazendas e nos sítios. Afinal de contas, mas é possível compreender a preocupação: aparentemente,
não é difícil convencer a maioria das pessoas o quanto é condenável parece haver um dilema entre a sustentabilidade do negócio e a
causar sofrimento a um ser vivo. qualidade de vida dos animais. Ocorre que esse é um falso dilema.
Há uma série de estudos mostrando justamente o contrário:
O problema, porém, surge quando aspectos financeiros entram as empresas dispostas a oferecer qualidade de vida e tratamento
na equação. Sob a luz fria dos números, será que continua a fazer humanizados às suas criações são as que realmente estão trilhando
sentido, do ponto de vista econômico e financeiro, abandonar um caminho mais sustentável, criando valor para seus acionistas,
os métodos convencionais de criação para adotar um sistema gerando empregos e produzindo com qualidade para o mercado.
que proporcione conforto, qualidade de vida e a possibilidade
de um animal expressar seus comportamentos naturais ao dormir, Nas próximas páginas, mostraremos como as empresas e criadores
se movimentar, se alimentar e se relacionar com outros indivíduos podem ganhar vantagens econômicas e comerciais ao tratar bem
de sua espécie? os animais.

As empresas dispostas a oferecer qualidade de vida aos animais


são as que realmente estão abrindo caminhos para o futuro.

COMO ASSEGURAR A QUALIDADE DE VIDA DOS ANIMAIS PODE GARANTIR O FUTURO DOS SEUS NEGÓCIOS 2
Como o bem-estar animal aumenta a produtividade nos sítios e fazendas

Vamos imaginar um produtor que não dê a mínima para o bem-estar animal.


Digamos que, para ele, tanto faz que os métodos de produção utilizados
em sua propriedade sejam cruéis e causem sofrimento. E se o único aspecto
capaz de o motivar fosse o financeiro? Será que esse mesmo produtor – um perfil
que do fundo do coração desejamos ser raríssimo nos dias de hoje – teria
razões suficientes para melhorar a qualidade de vida dos animais?

A resposta é um ressonante “sim”. Animais que vivem sob condições de vida


adequadas e confortáveis tornam-se mais produtivos. Vamos combinar
que não é preciso pensar muito para ver o quanto essa afirmação faz sentido.
Pense, por exemplo, na sua própria experiência de vida: você produz mais e melhor
num ambiente com temperatura confortável, com água e alimentação suficiente
para lhe dar a energia necessária – ou numa sala apertada e quente, com o estômago
revirando de fome e a boca sedenta por um copo d’água?
Pelo menos para as pessoas normais, a resposta óbvia é a primeira alternativa.
A falta de conforto vai deixá-lo mais irritado, menos concentrado e sujeito a cometer erros.
Embora situações adversas possam ser suportadas por um curto período de tempo,
o sofrimento constante provavelmente vai aumentar os riscos de problemas
que o afastem do trabalho e de doenças que, em casos extremos, podem ser fatais.

Animais bem alimentados, vivendo em ambientes confortáveis e com alimento e água na


medida certa são mais produtivos do que se estivessem passando fome, sede e aperto

COMO ASSEGURAR A QUALIDADE DE VIDA DOS ANIMAIS PODE GARANTIR O FUTURO DOS SEUS NEGÓCIOS 3
Assim acontece também com os animais de criação. Essa comparação Animais irritados brigam mais entre si e se machucam com
não tem nada de exagerada. Animais bem alimentados, vivendo mais frequência e os gastos com veterinários e medicamentos
em ambientes confortáveis e com alimento e água na medida certa aumentam. O número de mortes é elevado. Em outras palavras,
são mais produtivos do que se estivessem em locais superpovoados, evaporam-se os supostos ganhos econômicos que seriam
exageradamente quentes ou excessivamente frios, com pouca água obtidos ao elevar a população por metro quadrado acima
e comida. Sob condições estressantes, bois, aves e suínos ganham do recomendável e o dinheiro poupado com comida, água
peso mais lentamente. Vacas leiteiras produzem menos leite e galinhas e energia na manutenção do conforto térmico.
poedeiras põem menos ovos.
Alguém ainda acha que a crueldade com os animais compensa?

COMO ASSEGURAR A QUALIDADE DE VIDA DOS ANIMAIS PODE GARANTIR O FUTURO DOS SEUS NEGÓCIOS 4
Nos últimos anos, alguns estudos As conclusões foram bastante
têm ajudado a demonstrar melhor a convincentes. O sistema de baias
relação entre eficiência econômica e coletivas aumentou o número
bem-estar animal, positiva de leitões nascidos vivos em 3,5%.
em praticamente todas as fases O peso no desmame foi 14% maior
da produção. No Brasil, um dos do que no sistema de gaiolas
exemplos vêm da comparação individuais. O aumento no
numa etapa bastante específica bem-estar elevou a receita
da criação de suínos – o alojamento obtida por matriz em 16,5%,
de matrizes em gestação. enquanto os custos por matriz
A Granja Miunça, do Distrito Federal, caíram mais de 30%.
comparou dois sistemas diferentes
utilizados em suas operações. Na prática, os bons resultados O berço dos bons resultados
Num deles, os leitões nascem que se obtêm ao assegurar a
e são amamentados em baias qualidade de vida dos animais vão se Comparação entre a produtividade das baias de
de gestação coletiva, a forma mais acumulando ao longo de gestação coletiva e as gaiolas individuais para o
recomendada pelas boas práticas todo o processo de produção – alojamento de matrizes suínas
de bem-estar animal, uma vez que do nascimento ao abate dos animais
Baias Gaiolas
nessas baias matrizes e filhotes e até a chegada dos produtos coletivas individuais
encontram um ambiente adequado às mãos do consumidor.
para se movimentar e expressar seu Funciona assim: o criador garante Leitões nascidos vivos 14,24 13,76
comportamento natural. o bem-estar aos animais, e eles Peso desmamado (kg) 5,76 5,02
O segundo sistema é o devolvem em forma de uma
convencional, no qual a matriz contribuição para que a empresa, Receita bruta por matriz (R$) 3.363 2.885
dá à luz e amamenta os filhotes a fazenda ou o sítio tenham um Custo por matriz (R$) 271 378
numa gaiola individual, onde a futuro mais tranquilo e capacidade
Fonte: WAP (World Animal Protection).
impossibilidade de se movimentar financeira para enfrentar os desafios
causa estresse e sofrimento aos do mercado.
animais.

COMO ASSEGURAR A QUALIDADE DE VIDA DOS ANIMAIS PODE GARANTIR O FUTURO DOS SEUS NEGÓCIOS 5
Animais menos estressados dão origem a carne, leite e ovos melhores

Diz um ditado bastante conhecido que a voz do Isso é bastante claro, por exemplo,
“91% dos consumidores povo é a voz de Deus. Talvez seja bom levar a sério no caso de suínos e bovinos,
brasileiros acreditam que essa afirmação, ao menos no que diz respeito à cujo estresse nas horas que
relação entre bem-estar animal e a qualidade dos antecedem o abate pode resultar
animais produzidos alimentos. De acordo com uma pesquisa divulgada em características pouco agradáveis
em um sistema de bem- em dezembro de 2016, 91% dos consumidores para o consumo. A dor e o sofrimento
estar resultam brasileiros acreditam que animais produzidos em desencadeiam, no organismo desses
em carne de melhor um sistema de bem-estar resultam em carne de animais, reações importantes.
melhor qualidade – o estudo foi realizado pelo Por isso é importante evitar maus
qualidade” instituto de pesquisas Ipsos e pela organização tratos e crueldade, especialmente
não-governamental World Animal Protection, nas horas que antecedem o abate,
voltada à defesa dos direitos dos animais. quando eles são embarcados,
A percepção de que existe uma relação entre transportados e abatidos.
a qualidade da carne e a qualidade de vida das (Não só nesses momentos, é claro:
criações é elevada também no México, no Chile os estudos a respeito indicam que
e na Colômbia, outros três países que fizeram animais criados durante toda
parte da pesquisa. E, de fato, os consumidores a sua vida com menos estresse
têm razão. A literatura técnica é farta em e mais conforto percorrem com
demonstrar que animais bem tratados mais tranquilidade o caminho até
produzem proteínas de qualidade superior. o frigorífico).

COMO ASSEGURAR A QUALIDADE DE VIDA DOS ANIMAIS PODE GARANTIR O FUTURO DOS SEUS NEGÓCIOS 6
Animais menos estressados dão origem a carne, leite e ovos melhores

Concretamente, o estresse elevado provoca e Extensão), ligada à Universidade Estadual


A dor e o sofrimento alterações físicas e químicas que resultam Paulista. Mas a qualidade de vida desde o
numa carne bovina e suína mais dura, nascimento tem um peso importante
desencadeiam reações com uma coloração e uma textura menos nos momentos finais de um animal:
físicas e químicas agradáveis ao paladar. essas mesmas pesquisas também
no organismo dos Em muitos casos, essas características apontam que os animais submetidos
animais, piorando são penalizadas – seja pelas indústrias de a uma criação humanizada desde
alimentos, que pagam com descontos a o nascimento desenvolvem um
as características carne comprada dos criadores, seja pelo temperamento mais tranquilo, o que
da carne, do leite consumidor, que rejeita o produto nas os faz atravessar com menos estresse
e dos ovos. gôndolas dos supermercados. Essa relação os momentos que antecedem o abate.
entre estresse elevado e má qualidade da
carne é particularmente reforçada durante
o transporte e o período imediatamente
anterior ao abate, como mostram diversos
estudos incluídos no livro Bem-estar
animal como valor agregado nas
cadeias produtivas de carnes,
recentemente publicado pela Funep
(Fundação de Apoio à Pesquisa, Ensino

Que não se perca de vista um fato indiscutível – num negócio como o da produção de
alimentos, a percepção de qualidade por parte do consumidor tem um poder imenso sobre
os destinos de uma empresa.

COMO ASSEGURAR A QUALIDADE DE VIDA DOS ANIMAIS PODE GARANTIR O FUTURO DOS SEUS NEGÓCIOS 7
Não são os únicos problemas de qualidade causados pelo estresse e pelo sofrimento.
Brigas entre animais são mais frequentes quando eles precisam disputar espaço, comida
ou água insuficientes. Isso vale tanto para aves, quanto para suínos, bovinos ou qualquer
outra espécie criada em confinamento. As disputas resultam em machucados e hematomas.
Dependendo da natureza dos ferimentos, a recuperação dos animais pode tirá-los de
produção, fazê-los perder peso ou resultar em cicatrizes que, no momento do abate, fará
parte da carne ter de ser descartada.

Outro exemplo vem de um estudo da Como consequências, elas sujam os úberes


Universidade da Carolina do Norte, no chão, levando à contaminação do leite.
nos Estados Unidos. Os pesquisadores
descobriram que vacas leiteiras manejadas Para se ter uma ideia de quanto isso pode
de acordo com as boas práticas de bem- custar: no Uruguai, as perdas econômicas
estar animal produzem leite de melhor devido aos problemas de qualidade da
qualidade. A explicação para isso é carne bovina somam mais de 30 milhões
surpreendentemente simples. Empregados de dólares por ano, segundo um estudo
pouco preocupados com a qualidade do Instituto Nacional de Investigación
de vida do rebanho batem nos animais Agropecuaria, órgão de pesquisa
e os submetem a outros tipos de maus agropecuária do governo uruguaio.
tratos para acelerar a movimentação Estima-se que 86% desses prejuízos sejam
entre os estábulos e os locais de ordenha. provocados pelo manejo inadequado dos
Isso aumenta os riscos de que as vacas, animais.
escorreguem e caiam.

Com bem-estar é melhor

Parcela dos consumidores que relacionam a qualidade de vida dos animais


com a dos alimentos produzidos

Colômbia 94% México 94% Brasil 91% Chile 82%

Fonte: Instituto de Pesquisas IPSOS.

COMO ASSEGURAR A QUALIDADE DE VIDA DOS ANIMAIS PODE GARANTIR O FUTURO DOS SEUS NEGÓCIOS 8
O consumidor já está dando preferência a alimentos originados de animais criados
com bem-estar – e pode estar disposto a pagar mais por isso

O bem-estar animal já é, animais criados de acordo com as boas


definitivamente, um aspecto de práticas de bem-estar. De acordo com
dimensões estratégicas para criadores os autores do estudo, a parcela na qual
de animais e empresas inseridas na essas preocupações estão mais presentes
cadeia do agronegócio. Não restam é formada por pessoas de 18 a 29 anos
dúvidas de que o tema é fundamental – ou seja, os jovens consumidores, que
para conquistar e manter o elo nas décadas por vir vão ganhar peso no
da cadeia responsável pela saúde mercado, e cujas decisões de compra vão
financeira, pelo crescimento e, em determinar os destinos dos negócios.
última análise, pelo futuro de um
empreendimento: o consumidor. Nesse sentido, não se deve ignorar
a natureza das relações entre as
De fato, o estudo “Consumo às cegas” empresas e o público no mundo de hoje.
mostrou que o tratamento que se dá Vivemos num ambiente crescentemente
aos animais é um tema importante interconectado, no qual as relações sociais
para a maior parte dos brasileiros. entre as pessoas multiplicam a informação
Mais da metade dos entrevistados exponencialmente, para o bem e para
Num mundo interconectado, (55%, para ser mais exato) afirmaram o mal. Nesse cenário, imagine-se, por
a exposição de práticas cruéis se preocupar com os métodos de exemplo, os danos de imagem para uma
abate. Além disso, 82% disseram marca que seja associada aos maus tratos
e degradantes na criação de
que comprariam ou provavelmente com os animais. Um único vídeo viral
animais pode ser fatal para comprariam produtos que tivessem disseminado pelas redes sociais pode
uma empresa um selo assegurando sua origem em ser fatal para os negócios.

COMO ASSEGURAR A QUALIDADE DE VIDA DOS ANIMAIS PODE GARANTIR O FUTURO DOS SEUS NEGÓCIOS 9
O consumidor já está dando Os consumidores estão sensíveis a essas questões. Pode ser que boa parte do público
preferência a alimentos ainda não esteja plenamente consciente sobre as condições em que os animais são criados –
mas a exposição à realidade dura e cruel que ainda persiste em parte significativa dos sítios
originados de animais criados
e fazendas do país tem um efeito imediato sobre sua intenção de consumo.
com bem-estar –
e pode estar disposto a pagar Prova disso vem do trabalho realizado na escola de negócios carioca Coppead. No estudo,
mais por isso. os pesquisadores avaliaram a mudança na percepção dos entrevistados sobre o preço justo
de produtos de origem animal antes e depois da exibição de um vídeo mostrando condições
desumanas de criação. Os resultados mostraram um crescimento significativo na propensão
a pagar mais por produtos obtidos de acordo com as boas práticas de bem-estar.
Antes da exibição do vídeo, pouco mais de 30% das pessoas afirmaram estar dispostos
a pagar um adicional superior a 40% por carne, leite e ovos com selos assegurando que
os animais foram criados com qualidade de vida. Após o vídeo ser exibido, essa parcela
aumentou para perto de 50%.

Esses resultados mostram um bom mapa dos caminhos que o agronegócio precisa
percorrer para garantir um lugar no futuro. Cuidar dos animais não só vai ajudar a manter
o mercado, mas também pode elevar a rentabilidade das empresas.

O valor da certificação

Diante de um produto certificado quanto a produção com bem-estar os consumidores...

82% … comprariam, com certeza ou provavelmente

13% … não sabem se comprariam ou não



7% … Não comprariam, com certeza ou provavelmente

Fonte: “Consumo às cegas: percepção do consumidor sobre o bem-estar animal”

COMO ASSEGURAR A QUALIDADE DE VIDA DOS ANIMAIS PODE GARANTIR O FUTURO DOS SEUS NEGÓCIOS 10
O bem-estar animal é um dos pilares da competitividade
das empresas do setor de alimentos

Muitas empresas e criadores podem natural da espécie. Não é um caso isolado. No Brasil, a BRF, que engloba as marcas Sadia,
ser resistentes a aceitar a pressão dos Perdigão e Qualy, também já prometeu abolir o uso de gaiolas de gestação de suínos na
consumidores por uma alimentação companhia e nos seus fornecedores.
baseada em princípios éticos, como os
que envolvem o bem-estar animal. É Cuidar adequadamente das criações também é cada vez mais uma exigência para as
certamente um fato que as manifestações empresas e criadores dispostos a disputar o mercado internacional. A imposição de barreiras
dos consumidores às vezes podem comerciais a alimentos e matérias-primas de origem animal que não seguirem boas práticas
parecer difusas e desconexas – o que de produção está na agenda de muitos países. Enquanto isso, empresas internacionais de
é uma desculpa perfeita para quem alimentos ciosas de seus resultados e de sua reputação impõem os próprios padrões aos
quiser ignorá-las. Em vez de promover fornecedores.
mudanças, executivos, sitiantes e Em dezembro a Starbucks — uma das principais redes de cafeterias do planeta — decidiu
fazendeiros podem preferir “esperar para comprar carne de frango apenas de criadores que os produzam de acordo com boas
ver o que acontece”. práticas de bem-estar animal. O prazo para que a adaptação seja completa vai até 2024.
O McDonald’s também anunciou, recentemente, que irá deixar de comprar carne suína de
Ocorre que a tendência rumo a uma criação granjas brasileiras e mexicanas que não substituírem
mais humana tem sido reforçada pelos as gaiolas individuais de gestação por baias coletivas.
grandes compradores de carne, leite e ovos. Multinacionais como Nestlé e Unilever também têm
Um exemplo recente no Brasil vem de um programas consolidados de bem-estar animal.
dos maiores grupos de fast-food do país,
o Brazil Fast-Food Corporation, dono de De fato, os mercados internacionais são a força que se
marcas famosas no Brasil, como as redes mostra mais presente no atual momento do mercado
Bob’s, Pizza Hut, KFC, Yoggi e Doggis. Pouco brasileiro. Uma pesquisa feita em 2012 na Coppead
antes do Natal, seus executivos anunciaram mostra que a maioria das empresas inseridas na
um compromisso com qualidade de vida cadeia do agronegócio que incluem o tema do bem-
das galinhas poedeiras: até 2025, seus estar animal em seus relatórios de sustentabilidade
restaurantes vão comprar ovos apenas de são exportadoras. A pressão para agir de maneira
fornecedores que não submetam as aves ética e humana com a criação já é forte – e só tende a
a confinamento, de modo que elas possam crescer daqui por diante.
expressar nos aviários o comportamento

COMO ASSEGURAR A QUALIDADE DE VIDA DOS ANIMAIS PODE GARANTIR O FUTURO DOS SEUS NEGÓCIOS 11
Motivos há de sobra.
O que mais é preciso saber sobre o bem-estar animal?

Como se vê, há muitos motivos para cuidar do bem-estar animal. Antes de mais
GREENLAND
nada, tratam-se de princípios éticos aos quais qualquer pessoa com lucidez não (DENMARK)
teria nenhuma dificuldade em aderir. Se havia dúvidas sobre sua viabilidade ALASKA (USA)

financeira, esperamos que este e-book as tenha dissipado: os ganhos de eficiência


e qualidade e a ampliação da capacidade de conquistar consumidores e mercado
são bastante compensadores (veja o quadro-resumo neste capítulo).
CANADA

O que é importante, no caso, é que as mudanças em direção ao tratamento


humanizado aos animais devem ser baseadas num compromisso transparente.
É essa credibilidade que o selo Certified Humane proporciona. O programa
é mantido por uma organização não-governamental sem fins lucrativos, e UNITED STATES OF AMERICA AZORES

representa uma garantia para todas as partes envolvidas no negócio – investidores,


(PORTUGAL)

funcionários, clientes e a comunidade – que sua empresa mantém


um compromisso sério com as boas práticas de bem-estar das criações. MEXICO
PUERTO
RICO (USA
(USA)
A)
SAINT
IN KITTS AND NEVIS

MONSERRAT
O
GUADELOUPE
DOMINICA
MARTINIQUE

EL SA
SALV
ALVADOR
LV R
NICARAGUA
UA

COSTA RICA

É por isso que o selo Certified Humane já certifica 166 empresas e 5.600 fazendas RENCH
GUIAN
G
CH
UIAN
AN
NA
H

e granjas nos Estados Unidos, Canadá, Chile, Peru e, é claro, Brasil. Desde sua ECU

BRAZIL
criação, em 2003, mais de 515 milhões de animais foram criados em fazendas e
granjas certificadas, assegurando o respeito às necessidades de bem-estar de cada BOLIVIA

espécie. Uma das forças do programa Certified Humane é o seu comitê científico,
formado por 40 pesquisadores da área animal e veterinários do Canadá, Europa,
Brasil, Estados Unidos, Turquia e Austrália – todos entre os melhores do mundo ARGENTINA
UR
RUGUA
UA
AY

em suas áreas.

O objetivo, no fim das contas, é compartilhar com você algo muito simples: dar às pessoas o poder
de reconhecer e valorizar os produtores que respeitam o bem-estar animal.
FALKLAND
ISLANDS (UK)

COMO ASSEGURAR A QUALIDADE DE VIDA DOS ANIMAIS PODE GARANTIR O FUTURO DOS SEUS NEGÓCIOS 12
As vantagens do bem-estar
O que as empresas e criadores ganham assegurando o tratamento humanizado aos animais

01 02 03 04
EFICIÊNCIA QUALIDADE PARTICIPAÇÃO DE ACESSO A
MERCADO MERCADOS
Animais criados com Boas práticas na criação, Os consumidores estão Grandes grupos
conforto e bem-estar no embarque e mais dispostos a optar de alimentação
adoecem menos, ganham no transporte resultam por produtos que têm imposto aos
peso mais rápido, em carne, leite e ovos com respeitem às necessidades fornecedores a adesão
diminuindo custos um padrão de qualidade dos animais – e até mesmo às boas práticas de
e ampliando as receitas. mais elevado. a pagar mais por eles. bem-estar animal.

COMO ASSEGURAR A QUALIDADE DE VIDA DOS ANIMAIS PODE GARANTIR O FUTURO DOS SEUS NEGÓCIOS 13
www.certifiedhumanebrasil.org

Gostou? Compartilhe nas redes sociais:

Produção Primeira Via Comunicação Corporativa