You are on page 1of 7

Meditações sobre a Via SEGUNDA ESTAÇÃO:

JESUS RECEBE A SUA CRUZ


Sacra
V. Adoramus te, Christe, et benedicimus
PRIMEIRA ESTAÇÃO: tibi.
JESUS É CONDENADO À MORTE R. Quia per santam Crucem tuam
redemisti mundum
V. Adoramus te, Christe, et benedicimus
tibi. Jesus sustenta todo o mundo pelo seu
R. Quia per santam Crucem tuam divino poder, pois Ele é Deus; mas o
redemisti mundum fardo era menos pesado do que a Cruz
que nossos pecados talharam para Ele.
O santo, justo e verdadeiro foi julgado Nossos pecados lhe custaram essa
por pecadores, e condenado à morte. humilhação. Ele teve de assumir a nossa
No entanto, quando julgaram, foram natureza, e aparecer entre nós como
compelidos a absolvê-lo. Judas, que o homem, e oferecer por nós um grande
traiu, disse: “Pequei, entregando o sacrifício. Ele teve de passar uma
sangue de um justo”, Pilatos, que o vida em penitência, e suportar a sua
sentenciou, disse: “Eu sou inocente do Paixão e morte ao final dela. O Senhor
sangue deste justo”, e jogou a culpa Deus Todo-poderoso, que suportastes o
sobre os judeus. O centurião que o viu peso do mundo todo sem fadiga, que
crucificado disse: “Na verdade, este suportastes o peso de todos os nossos
homem era justo”. Assim, sempre, ó pecados por mais que vos cansassem,
Senhor, sois justificado em Vossas como sois o sustentador de nossos
palavras, e vencestes quando fostes corpos por vossa Providência, sede o
julgado. E assim, muito mais, no último Salvador das nossas almas por vosso
dia “Olharão para Aquele a quem sangue precioso.
trespassaram”; e Ele, que foi condenado
na fragilidade julgará o mundo no P: Miserere nostri, Domine.
poder, e mesmo aqueles que forem T: Miserere nostri.
condenados confessarão que Vosso T: Fidelium animae per misericordiam Dei
julgamento é justo. requiescant in pace.

Pater Noster...; Ave Maria... TERCEIRA ESTAÇÃO:


P: Miserere nostri, Domine. JESUS CAI PELA PRIMEIRA VEZ
T: Miserere nostri.
T: Fidelium animae per misericordiam Dei V. Adoramus te, Christe, et benedicimus
requiescant in pace. tibi.

1
R. Quia per santam Crucem tuam ser servos de Cristo, que pensam que a
redemisti mundum missão dela foi encerrada quando deu à
luz, e que depois não tinha nada mais
Satanás caiu do Céu no início; pela justa que fazer além de desaparecer e ser
sentença do seu Criador ele caiu em esquecida. Mas nós, ó Senhor, vossos
oposição a quem havia se rebelado. E filhos na Igreja Católica, não pensamos
quando conseguiu que o homem se assim de vossa mãe. Ela levou o seu
juntasse a ele em sua rebelião, e seu querido bebê para dentro do Templo,
Criador veio para salvá-lo, então sua ela ergueu-o nos braços quando os
breve hora do triunfo chegou, e ele fez magos vieram adorá-lo. Fugiu com Ele
o melhor uso possível. Quando o Santo para o Egito, procurou-o em Jerusalém
dos Santos se fez carne, e estava em quando Jesus tinha doze anos de idade.
seu poder, então, em sua vingança e Ele viveu com ela em Nazaré durante
malícia determinou, assim como ele trinta anos. Maria estava com Ele na
próprio havia sido derrubado pelo festa de casamento. Mesmo quando a
braço Todo-poderoso, desferir por sua deixou para pregar, ficou perto Dele. E
vez um duro golpe nele que o atingiu. Maria aparece agora que Ele se move
Foi por isso que Jesus caiu tão de penosamente ao longo da Via Sacra
repente. Ó amado Senhor, por esta com a sua cruz sobre os ombros. Doce
vossa primeira queda tirai-nos do Mãe, que sempre pensemos em ti
pecado sob cujo poder tão quando pensamos em Jesus, e quando
miseravelmente caímos. orarmos
a Ele, sempre ajuda-nos com a tua
P: Miserere nostri, Domine. poderosa intercessão.
T: Miserere nostri.
T: Fidelium animae per misericordiam Dei P: Miserere nostri, Domine.
requiescant in pace. T: Miserere nostri.
T: Fidelium animae per misericordiam Dei
QUARTA ESTAÇÃO: requiescant in pace.
JESUS ENCONTRA SUA MÃE
QUINTA ESTAÇÃO:
V. Adoramus te, Christe, et benedicimus SIMÃO DE CIRENE AJUDA JESUS A
tibi. CARREGAR A CRUZ
R. Quia per santam Crucem tuam
redemisti mundum V. Adoramus te, Christe, et benedicimus
tibi.
Não há parte alguma da história de R. Quia per santam Crucem tuam
Jesus que Maria não tenha redemisti mundum
participação. Há aqueles que afirmam
2
Jesus podia levar a sua cruz sozinho, e sempre ficar estampada em todos os
assim o desejava; mas Ele permite que nossos corações. Quem quer que
Simão o ajude, a fim de nos lembrar que sejamos, em qualquer parte da terra, em
devemos tomar parte em seus qualquer época do mundo, Jesus deve
sofrimentos, e ter uma comunhão com viver em nossos corações. Podemos
Sua obra. Seu mérito é infinito, mas Ele diferir uns dos outros em muitas coisas,
condescende para deixar o seu povo mas isso temos de concordar, se somos
participar desse mérito. A santidade da seus verdadeiros filhos: devemos
Virgem, o sangue dos mártires, as carregar conosco o pano de Santa
orações e penitências dos santos, as Verônica, devemos sempre meditar
boas ações de todos os fiéis, participam sobre a Morte e Ressurreição de Cristo,
dessa obra, que, no entanto, é perfeita devemos sempre imitar sua excelência
sem eles. Ele nos salva pelo Seu sangue, divina, segundo a nossa medida.
mas é por nós e conosco que Ele nos Senhor, que nosso semblante seja
salva. Meu Senhor, ensinai-nos a sofrer sempre agradável aos vossos olhos, não
convosco, tornai agradável para nós contaminado com o pecado, mas
sofrer vosso amor, e santificar todos os banhado e lavado em vosso sangue
nossos sofrimentos por vossos próprios precioso.
méritos.
P: Miserere nostri, Domine.
P: Miserere nostri, Domine. T: Miserere nostri.
T: Miserere nostri. T: Fidelium animae per misericordiam Dei
T: Fidelium animae per misericordiam Dei requiescant in pace.
requiescant in pace.
SÉTIMA ESTAÇÃO:
SEXTA ESTAÇÃO: JESUS CAI PELA SEGUNDA VEZ
O ROSTO DE JESUS É ENXUGADO
POR VERÔNICA V. Adoramus te, Christe, et benedicimus
tibi.
V. Adoramus te, Christe, et benedicimus R. Quia per santam Crucem tuam
tibi. redemisti mundum
R. Quia per santam Crucem tuam Satanás teve uma segunda queda,
redemisti mundum quando nosso Senhor veio sobre a terra.
Nesta época, usurpou o domínio do
Jesus deixa a mulher piedosa levar mundo inteiro — e chamou a si mesmo
consigo uma marca do seu Sagrado de seu rei. E se atreveu a abordar o
Semblante, que era para durar às Santo Salvador, e mostrar-lhe todos os
futuras gerações. Ele fez isso para reinos, e blasfemando prometeu dá-los
recordar a todos que a sua imagem deve a Ele, seu Criador, se Ele o adorasse.
3
Jesus respondeu: ‘Afasta-te, Satanás!”. amamentaram!”. Ah, Senhor, não
E Satanás caiu do alto da montanha. E sabemos o que é bom para nós, e nem o
Jesus deu testemunho quando Ele disse: que é ruim. Não podemos prever o
“Eu via Satanás, como raio, cair do futuro, nem podemos saber, quando
Céu.” O maligno se lembrou desta vindes visitar-nos, de que forma vindes.
segunda derrota, e agora feriu o E, portanto, deixamos tudo para Vós.
Inocente Senhor uma segunda vez, Fazei o que quereis para nós e em nós.
agora que o tinha em seu poder. Ó Sempre vos olharemos à espera de que
Senhor, ensinai-nos a sofrer contigo, e lanceis vosso olhar sobre nós; dai-nos a
não ter medo das agressões de Satanás, graça da Cruz e amarga Paixão, e
quando vierem a nós ao resistirmos a consolai-nos à vossa maneira e no
ele. próprio tempo que considerardes
oportuno.
P: Miserere nostri, Domine.
T: Miserere nostri. P: Miserere nostri, Domine.
T: Fidelium animae per misericordiam Dei T: Miserere nostri.
requiescant in pace. T: Fidelium animae per misericordiam Dei
requiescant in pace.
OITAVA ESTAÇÃO:
AS MULHERES DE JERUSALÉM NONA ESTAÇÃO:
CHORAM POR NOSSO SENHOR JESUS CAI PELA TERCEIRA VEZ

V. Adoramus te, Christe, et benedicimus V. Adoramus te, Christe, et benedicimus


tibi. tibi.
R. Quia per santam Crucem tuam R. Quia per santam Crucem tuam
redemisti mundum redemisti mundum

Desde a profecia de tempo antigos, que Satanás terá uma terceira e última
o Salvador do homem deveria nascer de queda no fim do mundo, quando será
uma mulher da descendência de lançado para sempre na prisão de fogo
Abraão, as mulheres judias haviam eterno. Ele sabia que o seu fim seria esse
desejado gerá-lo. No entanto, agora que — ele não tem esperança, mas só
Ele realmente veio, quão diferente do desespero. Ele sabia que nenhum
que esperavam foi o acontecimento, sofrimento que pudesse naquele
como o Evangelho nos diz. Ele lhes momento infligir ao Salvador dos
disse: “Porque virão dias em que se homens serviria para salvá-lo da
dirá: desgraça inevitável. Mas, em raiva e
'Felizes as estéreis, os ventres que não ódio horríveis, levou ao insulto e
geraram e os peitos que não tortura até onde pudesse contra o
4
grande Rei cujo trono é eterno. Senhor, não nos importarmos nada por
Portanto, uma terceira vez, lançou-o qualquer coisa terrena, suportar a perda
ferozmente à terra. Ó Jesus, Filho de todas as coisas, e aguentar até
Unigênito de Deus, mesmo a vergonha, a reprovação, o
Verbo Encarnado, adoramos com desprezo e o escárnio, ao invés de
temor, tremor e gratidão profunda deixar que vos envergonheis de nós no
vossa terrível humilhação que Vós, que último dia.
sois o Maior de todos, permitistes para
Vós mesmo: ser ao menos por uma hora P: Miserere nostri, Domine.
o escárnio e a vítima do Maligno. T: Miserere nostri.
T: Fidelium animae per misericordiam Dei
P: Miserere nostri, Domine. requiescant in pace.
T: Miserere nostri. DÉCIMA PRIMEIRA ESTAÇÃO:
T: Fidelium animae per misericordiam Dei JESUS É PREGADO NA CRUZ
requiescant in pace.
V. Adoramus te, Christe, et benedicimus
DÉCIMA ESTAÇÃO: tibi.
JESUS É DESPOJADO DE SUAS R. Quia per santam Crucem tuam
VESTES redemisti mundum

V. Adoramus te, Christe, et benedicimus Jesus é perfurado em cada mão e cada


tibi. pé com um cravo afiado. Seus olhos
R. Quia per santam Crucem tuam ficam cobertos de sangue, fechados
redemisti mundum pelas pálpebras inchadas e
sobrancelhas lívidas que os golpes dos
Jesus abandonou tudo neste mundo seus algozes causaram. Sua boca está
antes de partir. Ele exerceu a pobreza cheia de vinagre e fel. Sua cabeça está
mais perfeita. Quando deixou a Santa rodeada de espinhos afiados. Seu
Casa de Nazaré, e saiu a pregar, não coração é perfurado com a lança.
tinha onde reclinar a cabeça. Ele se Assim, todos os seus sentidos são
sustentava com o alimento mais pobre, mortificados e crucificados, para que
e com o que lhe era dado por aqueles Ele possa expiar por todo tipo de
que o amavam e serviam. E, portanto, pecado humano. Ó Jesus, mortificai-nos
escolheu uma morte em que nem e crucificai-nos convosco. Que nunca
mesmo roupas lhe fossem deixadas. pequemos por nossas mãos ou pés,
Partiu somente com o que parecia olhos ou boca, cabeça ou coração. Que
mais necessário, parte Dele pela lei da todos os nossos sentidos sejam um só
natureza humana desde a queda. sacrifício a Vós; que cada membro
Concedei-nos de igual modo, ó amado proclame vosso louvor. Que o sangue
5
sagrado que fluiu das vossas cinco deveremos amar-vos e escolher-vos
feridas nos possa ungir com tanta graça acima de todas as coisas, como o único
santificante que possamos morrer para bem necessário?
o mundo e viver somente para Vós.
P: Miserere nostri, Domine.
P: Miserere nostri, Domine. T: Miserere nostri.
T: Miserere nostri. T: Fidelium animae per misericordiam Dei
T: Fidelium animae per misericordiam Dei requiescant in pace.
requiescant in pace.
DÉCIMA TERCEIRA ESTAÇÃO:
DÉCIMA SEGUNDA ESTAÇÃO: JESUS É COLOCADO NOS BRAÇOS
JESUS MORRE NA CRUZ DE SUA SANTÍSSIMA MÃE

V. Adoramus te, Christe, et benedicimus V. Adoramus te, Christe, et benedicimus


tibi. tibi.
R. Quia per santam Crucem tuam R. Quia per santam Crucem tuam
redemisti mundum redemisti mundum
Consummatum est. Está consumado —
chegou até o fim, completamente. O Ele é tua propriedade agora, ó Virgem
mistério do amor de Deus para conosco Mãe, mais uma vez, pois Ele e o mundo
realizou-se. O preço está pago, e se encontraram e se separaram. Ele saiu
estamos redimidos. O Pai Eterno de ti para fazer a obra de seu Pai — Ele
determinou não nos perdoar sem um a realizou e sofreu. Satanás e os homens
preço, a fim de nos mostrar favor maus não têm agora mais nenhum
especial. Ele condescendeu-se com direito — Ele ficou demasiado tempo
fazer-nos valiosos para Ele. Estabeleceu em poder deles. Satanás o levou para o
o preço pelo qual fomos comprados. Ele alto da montanha; homens maus o
poderia nos ter salvado sem um preço ergueram na cruz. Ele não esteve nos
— pelo simples decreto de sua vontade. teus braços, ó Mãe de Deus, desde
Mas, para mostrar o seu amor por nós que era criança, mas agora tens direito
Ele estabeleceu um preço que não sobre Ele, quando o mundo fez o pior
podíamos pagar; se tinha de haver um que podia. Pois tu és a mais favorecida,
resgate pela culpa dos nossos pecados, bem-aventurada, cheia de graça, Mãe
não podia ser menos do que a morte do do Altíssimo. Alegramo-nos com este
seu Filho em nossa natureza. Ó meu grande mistério. Ele se escondeu em teu
Deus e Pai, Vós nos destes tanto valor ventre, deitou-se no teu colo, foi
chegastes ao ponto de pagar o mais alto amamentado no teu seio, foi carregado
de todos os preços possíveis pelas nos teus braços, e agora que está morto
nossas almas pecadoras. Não
6
novamente posto sobre os teus joelhos. mais Vós quereis nos exaltar. Quanto
Virgem Mãe de Deus, roga por nós. mais eles nos esquecem, mais o Senhor
nos mantém no pensamento. Quanto
Salve Regina... mais eles nos abandonam, mais quereis
nos trazer
P: Miserere nostri, Domine. para perto de Vós mesmo.
T: Miserere nostri.
T: Fidelium animae per misericordiam Dei P: Miserere nostri, Domine.
requiescant in pace. T: Miserere nostri.
T: Fidelium animae per misericordiam Dei
requiescant in pace.
DÉCIMA QUARTA ESTAÇÃO:
JESUS É COLOCADO NO SEPULCRO Oremos
Deus, que pelo precioso sangue de
V. Adoramus te, Christe, et benedicimus Vosso Filho unigênito santificastes o
tibi. estandarte da Cruz, concedei-nos, nós
R. Quia per santam Crucem tuam vos pedimos, que nós, os que s alegram
redemisti mundum na glória da mesma Santa Cruz,
possamos em todos os tempos e lugares
Jesus, quanto mais próximo do seu regozijar-nos em vossa proteção. Pelo
triunfo eterno, mais parecia estar mesmo Cristo, nosso Senhor.
distante de triunfar. Quando estava
mais próximo de entrar no seu Reino, e Terminar com um Pai-nosso, Ave Maria,
exercer todo o poder no Céu e na Terra, e Glória, pelas intenções do Sumo
Ele jazia em uma sepultura. Tinha sido Pontífice.
envolto em linhos funéreos e confinado
dentro de um sepulcro de pedra, onde
se encontrava na iminência de ter o seu
corpo glorificado, que poderia penetrar
todas as realidades físicas mais rápido
do que o pensamento e estava pronto
para subir ao alto. Fazei-nos confiar em
Vós, ó Jesus, mostrai-nos uma
providência similar. Fazei-nos ter a
certeza de que, quanto maior é a nossa
aflição, mais perto estamos de Vós.
Quanto mais os homens nos
desprezam, mais Vós nos honrais.
Quanto mais os homens nos insultam,
7