You are on page 1of 1

AULA PRÁTICA NÚMERO 3

Serão montados 3 grupos no experimento. Para cada grupo


1- Material
1- erlenmeyer de 125 mL 2- bureta de 25 mL
3- pipetas de 5 e de 10 mL 4- 6 tubos de ensaio
5- estante para tubos de ensaio

2-PROCEDIMENTO
I.
Solubilidade do i-butanol em água e solubilidade da água no i-butanol

1- Colocar 10 mL de água em um erlenmeyer de 125 mL.


2- Colocar 10 mL de butanol em uma bureta de 25 mL.
3- Adicionar o butanol à água do erlenmeyer, gota a gota, mantendo agitação constante,
até que se forme uma solução turva ou um sistema de 2 fases.
4- Anotar o volume de butanol gasto.
5- Repetir o experimento invertendo a posição dos dois líquidos (butanol no erlenmeyer
e água na bureta).
6- Calcular a solubilidade em g do soluto/100 g do solvente para ambos os casos,
sabendo-se que as densidades da água e do butanol são: 1,0 g. mL-1 e 0,81 g.mL-1,
respectivamente.
II.
Solubilidade de um soluto em dois tipos de solventes diferentes

1- Em uma estante, colocar 6 tubos de ensaio. Colocar uma ponta de espátula de NaCl
nos tubos 1 e 2, naftaleno nos tubos 3 e 4 e enxofre nos tubos 5 e 6.
2- Aos tubos 1, 3 e 5 acrescentar 3 mL de água e aos tubos 2, 4 e 6, acrescentar 3 mL de
acetona.
3- Agitar cada tubo com pequenas batidas na palma da mão.
4- Observar e anotar na tabela.