You are on page 1of 9

GABARITO DE AUTOATIVIDADES DE QUÍMICA GERAL E ORGÂNICA

UNIDADE 1

TÓPICO 1

1 O titânio já foi conhecido como o “metal maravilha”, devido às suas qualidades. É mais
resistente à corrosão que o aço inoxidável, suas ligas metálicas são empregadas na indústria
aeronáutica, em próteses e em implantes dentários. A produção mundial anual de titânio é de
cerca de 10 milhões de toneladas e as principais reservas estão no Canadá e na Austrália.
Sobre o Titânio (Z=22), determine:

a) A configuração eletrônica dos elétrons.

b) O número de elétrons em cada camada (nível).

R.: Para realizar a configuração eletrônica utilize o Diagrama de Linus Paulling.

a) 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d2

b) K=2 L=8 M=10 N=2 (note que cada camada corresponde ao número quântico
principal)

2 Faça a distribuição eletrônica dos seguintes elementos: .: Para realizar a configuração


eletrônica utilize o Diagrama de Linus Paulling.

a) Na (Z=11) b) Br (Z=35) c) K (Z=19)

R.: a) Na 1s2 2s2 2p6 3s1

b) Br 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p5

c) K 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s1

3 Faça a distribuição eletrônica dos seguintes ânions: .: Para realizar a configuração eletrônica
utilize o Diagrama de Linus Pauling. Lembre-se que os ânions ganham elétrons na camada de
valência e os cátions perdem elétrons.

a) I- (Z=53) b) Cl- (Z=17) c) P3- (Z=15)

R.: a) I- 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p6 5s2 4d10 5p6

b) Cl- 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6

c) P3- 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6

4 Faça a distribuição eletrônica dos seguintes cátions, considerando que os elétrons serão
retirados do subnível mais energético da última camada. Para realizar a configuração eletrônica
utilize o Diagrama de Linus Paulling. Lembre-se que os cátions perdem elétrons na camada de
valência.

a) Rb+ (Z=37) b) Sr+2 (Z=38) c) B3+ (Z=5)

R.: a) Rb+ 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p6

b) Na+ 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p6

c) B3+ 1s2
5 Calcule o número atômico e o número de massa de um átomo que apresenta 30 nêutrons e
26 prótons.

R.: A = p + n A = 26 + 30  A = 56.

6 Tem-se os seguintes átomos: 20A40 18 B40 20 C42 D44


20 18 E38

a) quais são isótopos? b) quais são isóbaros? c) quais são isótonos?

R.: Lembre-se que a massa atômica é numericamente maior que o número atômico.

a) A e C AeD

b) A e B

c) A e E BeC

7 Para o elemento Ouro, representado 79 AU197, pede-se: .: Lembre-se que a massa atômica é
numericamente maior que o número atômico. Para elemento químico: Z = p = é. Para calcular o
número de nêutrons: n = A - Z

R.: a) O número atômico:

R.: 79

b) O número de massa:

R.: 197

c) O número de prótons:

R.: 79

d) O número de elétrons:

R.: 79

e) O número de nêutrons:

R.: 118

8 Qual o número máximo de elétrons que podem apresentar as camadas eletrônicas ou níveis
de energia abaixo:

a) n=2 b) n=4 c) n=6

R.: Verifique junto ao Digrama de Linus Pauling.

a) Quando n = 2 a camada referida é a camada L, logo pode apresentar no máximo 8 elétrons.

b) Quando n = 4 a camada referida é a camada N, logo pode apresentar no máximo 32


elétrons.

c) Quando n = 6 a camada referida é a camada P, logo pode apresentar no máximo 18 elétrons.

9 Indique o número quântico secundário dos subníveis de energia a seguir.

a) f b) p c) d d) s
R.: Consulte o conteúdo.

a) Subnível f tem número quântico secundário igual a 3.

b) Subnível p tem número quântico secundário igual a 1.

c) Subnível d tem número quântico secundário igual a 2.

d) Subnível s tem número quântico secundário igual a 0.

10 Quantos elétrons possuem o átomo de enxofre na camada de valência?

R.: Para realizar a configuração eletrônica utilize o Diagrama de Linus Paulling

(S  Z=16) 1s2 2s2 2p6 3s2 3p4 camada de valência é a 3, então o S tem 6 elétrons na
camada de valência.

11 Um átomo possui Z = 24 e A = 52. Calcule o número de prótons, elétrons e nêutrons


existentes nesse átomo.

R.: Lembre-se para elemento químico Z = p = é. O número de nêutrons se obtém da diferença


entre o número de massa e o número atômico (A – Z), portanto n = A – Z ----- n = 52 – 24 = 28
nêutrons.

12 Um átomo neutro possui 28 elétrons e número de massa 59. Determine-lhe o número de


nêutrons e o número atômico.

R.: Lembre-se para elemento químico Z = p = é.. O número de nêutrons é igual à diferença do
número de massa e o número atômico, logo, n = A – Z ------- n = 59 – 28= 31nêutrons.

13 Dois átomos X e Y possuem o mesmo número de massa. Sabendo que o nº atômico de X é


64 e que o átomo Y possui 60 prótons e 94 nêutrons em seu núcleo, calcule o nº de
nêutrons do átomo X.

R.: Com os dados fornecidos pelo problema podemos, em primeiro lugar, determinar o número
de massa de Y, (A = Z + n); A = 60 + 94 = 154, como X e Y possuem o mesmo número de
massa, determinamos o número de nêutrons de X fazendo uso da relação: n = A – Z, ou seja, n
= 154 – 64 → n = 90.

14 Um átomo M possui Z = 17 e número de massa igual ao do átomo N, que apresenta 18


prótons e 19 nêutrons em seu núcleo. Calcule o número de nêutrons existentes no núcleo
do átomo M.

R.: Para calcular a massa de N ---- A = Z + n ------ A = 18 + 19 = 37. Para calcular o número de
nêutrons de M ---- n = A – Z ----- n = 37 – 17 = 20.

15 O elemento 20 A 42 é isótopo de B, que tem 20 nêutrons. B é isóbaro do elemento C.


Sabendo-se que C tem 18 prótons, diga:

a) O número atômico dos três elementos;


b) Número de massa e número de nêutrons dos três elementos;
c) Qual é isótono de C.

R.: Sabendo que A e B são isótopos, podemos determinar o número de massa de B, pois
20 é o número atômico também de B e ainda que apresenta 20 nêutrons, (A = Z + n),
chegamos à conclusão de que o número de massa de B é 40. Como átomo B é isóbaro do
átomo C, o átomo C apresenta número de massa também igual a 40.
a) Z = 20; 20 e 18

b) A = 42; 40 e 40 n = 22; 20 e 22

c) Os átomos que apresentam o mesmo número de nêutrons são A e C. Pois C possui 22


nêutrons. n = A – Z ----- n = 40 – 18 = 22.

16 Qual o número atômico de um átomo que apresenta, no último nível, os seguintes números
quânticos: n = 5 L=2 m = -1 m s = -1/2

R.: Fazendo a distribuição eletrônica até o subnível desejado temos:

1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p6 5s2 4d10 5p6 6s2 4f145d7 Z = 77

17 A camada de valência de um átomo possui a configuração eletrônica 4s24p3. Qual o número


atômico desse elemento?

R.: Fazemos a distribuição eletrônica até no subnível indicado e contamos os elétrons


envolvidos, este será o número atômico do elemento em questão:

1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p3 Z = 33

18 Para um elemento genérico X de número atômico 34, faça o que se pede:

a) Utilizando o Diagrama de Linus Pauling, realize a distribuição eletrônica.

b) Indique os quatro números quânticos (n, ℓ, m ℓ e ms) para o último elétron distribuído.

c) Quantos orbitais desemparelhados existem no elemento neutro?

d) Realize a distribuição eletrônica para o íon 34X2+

R.: a) 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p4

b) 4p4 n=4 ℓ=1 m=1 ms = - ½

c) 2 orbitais desemparelhados.

d) 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p2 (a distribuição vai até 32 pois perdeu-se dois elétrons na
camada de valência).

19 Os átomos K e L são isóbaros e apresentam as seguintes características:

10 + x K 5x 11 + x L 4x + 8

Determine os números atômicos e os números de massa de K e L.

Como K e L são isóbaros 5x = 4x + 8, logo: 5x – 4x = 8 ---- x = 8. Em seguida substitui-se os X


por 8 e acha-se os valores de massa e número atômico.

R.: K ---- z = 18 e A = 40

L ------ z = 19 e A = 40.

20 São dadas as seguintes informações relativas aos átomos A, B e C:

a) A é isóbaro de B e isótono de C.
b) B tem número atômico 56, número de massa 137 e é isótopo de C.

c) O número de massa de C é 138.

Qual o número atômico de A?

R.: Como A é isóbaro de B, A tem massa = 137. Como A é isótono de C, e B é isótopo de C,


C tem Z = 56 e n = A – Z ---- n = 138 – 56 = 82. Logo, o número atômico de A:

n = A – Z ---- 82 = 137 – Z ------ Z = 137 - 82 ----- Z = 55.

TÓPICO 2

1 Quantos períodos ou séries e quantas famílias ou grupos constituem a tabela periódica?

R.: Existem 7 períodos (linhas horizontais) e 18 colunas (linhas verticais).

1o Período – Muito Curto.

2o e 3o Períodos – Curtos.

4o e 5o Períodos – Longos.

6o Período – Muito Longo.

7o Período – Incompleto.

Família 1 (1 A) – Família dos Metais Alcalinos.

Família 2 (2 A) – Família dos Metais Alcalinos Terrosos.

Família 13 (3 A) – Família do Boro.

Família 14 (4 A) – Família do Carbono.

Família 15 (5 A) – Família do Nitrogênio.

Família 16 (6 A) – Família dos Calcogênios.

Família 17 (7 A) – Família dos Halogênios.

Família 18 (8 A) – Família dos Gases Nobres.

2 Identifique o elemento químico que se encontra na Família 3A e no 3° período.

R.: Alumínio (Al13).

3 Atualmente, quantos elementos químicos estão presentes na Tabela Periódica?


R.: 118 elementos.

4 Associe os itens, utilizando o código a seguir:

I-Metais alcalinos. ( ) Coluna 0.


II-Metais alcalino-terrosos. ( ) Coluna 6A.

III-Calcogênios. ( ) Coluna 7A.

IV- Halogênios. ( ) Coluna 2A.

V- Gases nobres. ( ) Coluna 1A.

Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:

a) ( ) V- II – III – IV – I.

b) ( X)V – III – IV – II – I.

c) ( ) I – IV – III – II – V.

d) ( ) IV – III – II – V – I.

5 Assinale a sentença CORRETA:

a) (x) Rb é um metal alcalino.

b) ( ) Pd é um halogênio.

c) ( ) F é um gás nobre.

d) ( ) Xe é um metal de transição.

e) ( ) Sr pertence a família do boro.

6 Localize na Tabela Periódica o elemento químico de Z= 15 e assinale a(s) alternativa(s)


verdadeira(s).
a) ( ) Carbono.

b) (X ) Seu símbolo é P.

c) ( X ) Pertence ao grupo 5A.

d) ( ) No estado fundamental a sua configuração é: 1s 2 2s2 3s2 2p6 4s2.

7 Procure na Tabela Periódica e indique a classificação dos elementos abaixo em típico, de


transição ou transição interna:
a) Ca - 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 – Elemento Típico, pois o elétron de maior energia está
localizado no subnível “s”.

b) Mn - 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d5 – Elemento de Transição ou Transição Externa, pois o
elétron de maior energia está localizado no subnível “d”.

c) As - 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p3 – Elemento Típico, pois o elétron de maior energia está
localizado no subnível “p”.

d) Ce - 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p6 5s2 4d10 5p6 6s2 4f2 – Elemento de Transição Interna,
pois o elétron de maior energia está localizado no subnível “f”.
8 Realize a distribuição eletrônica, indique o número de elétrons na camada de valência dos
elementos abaixo e diga a qual família eles pertencem.
a) Rb - 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p6 5s1 – Elemento Típico, pois o elétron de maior energia
está localizado no subnível “s”, família 1A.

b) O- 1s2 2s2 2p4 – Elemento de Típico - pois o elétron de maior energia está localizado no
subnível “p”, família 6A.
c) Mn - 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d5 – Elemento de Transição Interna, pois o elétron de maior
energia está localizado no subnível “d”, família 7B.

d) Br- 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p5 – Elemento Típico - pois o elétron de maior energia está
localizado no subnível “p”, família 7A.

TÓPICO 3

1 A junção dos íons Ca2+ e O2- formará a substância a seguir. Assinale a alternativa

CORRETA: Como as cargas possuem valores iguais e com sinais contrários, ambas se
anulam.

a) ( x) CaO.

b) ( )Ca2O2.

c) ( ) CaO2.

d) ( ) Ca2O.

2 Confira as distribuições eletrônicas dos átomos neutros X e Y:

A: 1s2 2s2 2p6 3s1

B: 1s2 2s2 2p6 3s2 3p5

Escreva a fórmula molecular do composto.

R.: Como A tem 1 é na camada de valência: X+1 e B tem 7 é na camada de valência: Y-1. Como
as cargas possuem valores iguais e com sinais contrários, ambas se anulam.

3 Monte a fórmula molecular formada pela junção dos íons a seguir: Inversão de cargas de
cima para baixo. Quando as cargas possuem valores iguais e com sinais contrários, ambas se
anulam.

a) Al3+ e Cl - AlCl3

b) Ca2+ e I - CaI2

c) Li+ e F - LiF

d) Na+ e O2 - Na2O

4 Apresente a fórmula eletrônica e a fórmula estrutural do composto molecular: CH 2Cl2.


R.: O átomo central é o que realiza o maior número de ligações. Neste caso é o carbono, pois
realiza 4 ligações.

. .C..
x H
xx x x
x x
x Cl x x
Cl x Cl C Cl
x x x x
x
H
H

5 Dois elementos, A e B, apresentam valores de números atômicos 20 e 17,


respectivamente. A fórmula molecular e o tipo de ligação do composto formado é:
Assinale alternativa CORRETA:

R: Consulte os elementos, conforme seus números atômicos, na tabela periódica.

a) ( ) AB2 ligação covalente.

b) ( ) A2B ligação iônica.

c) (X) AB2 ligação iônica.

d) ( ) A2B ligação covalente.

e) ( ) A2B2 ligação iônica.

6 Justifique por que o íon coreto (Cl-) é mais estável que o átomo de cloro.
R.: Porque o ânion (Cl-) possui somente 18 elétrons para efetuarmos a distribuição eletrônica e
constata-se que já possui 8 elétrons na camada de valência.

7 Tem-se dois elementos químicos, W e Z, com números atômicos iguais a 11 e 35,


respectivamente.

a) Realize as configurações eletrônicas dos dois elementos e diga a que grupo da Tabela
Periódica pertence cada um dos elementos.
R.: Consulte os elementos, conforme seus números atômicos, na tabela periódica.

a) W - 1s2 2s2 2p6 3s1 - Família 1 A – Metais Alcalinos.

Z - 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p5 - Família 7 A – Halogênios.

b) Monte a fórmula dos compostos, indique que tipo de ligação eles realizaram e justifique sua
resposta.
R.: Como o elemento W tem 1 elétron na camada de valência e o Z 7 elétrons na camada de
valência, informação conseguida através da distribuição eletrônica, então a fórmula do
composto será WY e como houve transferência de elétrons, o tipo de ligação é iônica.

8 Represente a fórmula do composto resultante da união de um elemento da família 2A, e


outro, da Família 6A.
R.: X+2 Y-2 ---- XY (Como as cargas possuem valores iguais e com sinais contrários, ambas se
anulam).

9 Através da fórmula molecular X2Y3 indique quantos elétrons na camada de valência estão
presentes no X e no Y.
R.: Analisando a fórmula genérica do composto, podemos concluir que o elemento X apresenta
3 elétrons na camada de valência e o elemento Y tem 6 elétrons na camada de valência, pois o
índice (atomicidade) apresentado pelo cátion indica o total de elétrons que o ânion precisa
receber para se estabilizar e o índice apresentado pelo ânion indica a quantidade de elétrons
que o cátion precisa transferir para se estabilizar.

10 Monte as fórmulas eletrônica e estrutural dos seguintes compostos:

a) Br2

b) C2H6

c) H2SO4

d) SO2

R.: a) Br * * Br Br – Br

H H

* * H H

# # │ │

b) H*#C##C#*H H–C–C–H

# # │ │

* * H H

H H

c)

a)