You are on page 1of 41

TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

Caderno de Questões

Direito Urbanístico

Questão 1: FCC - Proc (PGE TO)/PGE TO/2018


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
No bojo de um projeto de loteamento, o Município entendeu por adequada a criação de uma unidade de conservação sobre o perímetro destinado a área verde. Para
tanto, a Municipalidade

a) depende da doação dos lotes destinados a áreas verdes no projeto de loteamento para após providenciar a edição do decreto de criação da unidade de
conservação.

b) pode editar o decreto de criação da unidade de conservação antes do registro do loteamento às margens da matrícula, tendo em vista que o projeto não
poderá ser alterado após a aprovação da Municipalidade.

c) deverá observar o procedimento legal para criação de unidades de conservação após o recebimento do domínio da área, este que dispensa ato ou negócio
jurídico de transferência, decorrendo diretamente da lei.

d) pode optar por instituir a unidade de conservação no perímetro coincidente com a área verde assim destinada quando do registro do loteamento,
prescindindo de estudos técnicos e consulta pública por se tratar de área pública.

e) precisa adquirir o domínio da área mediante desapropriação ou recebimento de doação, sendo prescindível observar o procedimento para instituir uma
unidade de conservação, considerando que inexiste risco de imposição de indenização.
Gabarito: C Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/593044

Questão 2: VUNESP - Proc (CM Indaiatuba)/CM Indaiatuba/2018


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Sobre os loteamentos, assinale a alternativa correta.

a) Não será permitido o parcelamento do solo em terrenos com declividade igual ou superior a 20% (vinte por cento), salvo se atendidas as exigências
específicas das autoridades competentes.

b) No loteamento de acesso controlado, é vedado o impedimento de acesso a pedestres ou a condutores de veículos, não residentes, devidamente
identificados ou cadastrados.

c) Os lotes terão área mínima de 150 m 2 (cento e cinquenta metros quadrados) e frente mínima de 5 (cinco) metros, salvo se o loteamento se destinar a
urbanização específica ou edificação de conjuntos habitacionais de interesse social.

d) Ao longo das águas correntes e dormentes e das faixas de domínio público das rodovias e ferrovias, será obrigatória a reserva de uma faixa não edificável
de 30 (trinta) metros de cada lado.

e) Deverá ser reservado o percentual mínimo de 5% das áreas para os sistemas de circulação, a implantação de equipamento urbano e comunitário, bem
como a espaços livres de uso público.
Gabarito: B Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/625107

Questão 3: VUNESP - Proc (CM Indaiatuba)/CM Indaiatuba/2018


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
O parcelamento do solo urbano poderá ser feito mediante loteamento ou desmembramento, observadas as disposições da Lei nº 6.766, de 19 de dezembro de 1979,
e do quanto constante nas legislações estaduais e municipais pertinentes.

Em relação ao projeto de loteamento urbano, segundo o que consta na legislação federal mencionada, cabe asseverar que

a) o loteador deverá submetê-lo ao registro imobiliário dentro de 120 (cento e vinte) dias, contados da sua aprovação, sob pena de caducidade desta.

b) a partir de sua aprovação, passam a integrar o domínio do Município as vias e praças, os espaços livres e as áreas destinadas a edifícios públicos e outros
equipamentos urbanos lá constantes.

c) os espaços livres de uso comum, as vias e praças, as áreas destinadas a edifícios públicos e outros equipamentos urbanos, poderão ter sua destinação
alterada pelo loteador, mesmo depois de aprovado o loteamento, por justa motivação social, desde que ainda não tenha sido registrado o empreendimento junto ao
cartório de imóveis.

d) nos Municípios inseridos no cadastro nacional de municípios com áreas suscetíveis à ocorrência de deslizamentos de grande impacto, a sua aprovação
ficará vinculada ao atendimento dos requisitos constantes da carta geotécnica de aptidão à urbanização.

e) é vedada a aprovação de projeto de loteamento e desmembramento em áreas de risco, definidas como não edificáveis, no plano diretor, exceto se for para
viabilizar expansão urbana.
Gabarito: D Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/625126

Questão 4: IESES - NeR (TJ AM)/TJ AM/Provimento/2018


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Quanto às disposições da Lei n. 6.766/79:

Uma vez aprovado o projeto de loteamento ou de desmembramento, o loteador deverá submetê-lo ao registro imobiliário no prazo fixado no art. 18 da Lei de
Parcelamento do Solo Urbano, acompanhado dos documentos e providências listados nos incisos e parágrafos desse artigo, sob pena de caducidade da aprovação.

Quanto o prazo fixado na Lei e aqui referido, assinale a alternativa correta:

a) O loteador deverá submetê-lo ao registro imobiliário dentro de 180 (cento e oitenta) dias.

b) O loteador deverá submetê-lo ao registro imobiliário dentro de 90 (noventa) dias.

c) O loteador deverá submetê-lo ao registro imobiliário dentro de 120 (cento e vinte) dias.

1 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

d) O loteador deverá submetê-lo ao registro imobiliário dentro de 60 (sessenta) dias.


Gabarito: A Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/636906

Questão 5: VUNESP - Proc Jur (CM Jabo)/CM Jaboticabal/2018


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Sobre loteamento e parcelamento do solo, assinale a alternativa correta.

a) Nos loteamentos de acesso controlado, cujo controle de acesso será regulamentado por ato do poder público Municipal, é vedado o impedimento de
acesso a pedestres ou a condutores de veículos, não residentes, devidamente identificados ou cadastrados.

b) Não será permitido o parcelamento do solo em terrenos com declividade igual ou superior a 25%, salvo se atendidas exigências específicas das
autoridades competentes.

c) Os espaços livres de uso comum, as vias e praças, as áreas destinadas a edifícios públicos e outros equipamentos urbanos, constantes do projeto e do
memorial descritivo do loteamento aprovado, poderão ter sua destinação alterada pelo loteador, desde que mediante prévia autorização do Município.

d) Os lotes terão área mínima de 150 m² (cento e cinquenta metros quadrados) e frente mínima de 5 (cinco) metros, mesmo nos casos de lotes destinados a
conjuntos habitacionais de interesse social.

e) Ao longo das águas correntes e dormentes e das faixas de domínio público das rodovias e ferrovias, será obrigatória a reserva de uma faixa não edificável
de 50 (cinquenta) metros de cada lado, salvo maiores exigências da legislação específica.
Gabarito: A Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/639069

Questão 6: FCC - Adv (SABESP)/SABESP/2018


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Considere os seguintes requisitos:

I. Os lotes terão área mínima de 100 m 2 e frente mínima de 3 metros, salvo quando o loteamento se destinar a urbanização específica ou edificação de
conjuntos habitacionais de interesse social, previamente aprovados pelos órgãos públicos competentes.

II. Ao longo das águas correntes e dormentes e das faixas de domínio público das rodovias e ferrovias, será obrigatória a reserva de uma faixa não edificável
de 15 metros de cada lado, salvo maiores exigências da legislação específica.

III. As vias de loteamento deverão articular-se com as vias adjacentes oficiais, existentes ou projetadas, e harmonizar-se com a topografia local.

De acordo com a Lei nº 6.766/79 (Parcelamento de Solo), os loteamentos deverão atender, dentre outros, os requisitos indicados APENAS em

a) I e II.

b) II e III.

c) I e III.

d) I.

e) III.
Gabarito: B Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/644491

Questão 7: FCC - Adv (SABESP)/SABESP/2018


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Após cumpridas as exigências legais e aprovado o projeto de loteamento, o loteador deverá submetê-lo, de acordo com a Lei nº 6.766/79 (Parcelamento do Solo
Urbano),

a) ao registro imobiliário dentro de 30 dias e, examinada a documentação e encontrada em ordem, o Oficial do Registro de Imóveis encaminhará comunicação
à Prefeitura e fará publicar, em resumo e com pequeno desenho de localização da área, edital do pedido de registro em 5 dias consecutivos, podendo este ser
impugnado no prazo de 15 dias contados da data da última publicação.

b) à Prefeitura, dentro de 180 dias, que analisará a documentação e, encontrada em ordem, fará publicar, em resumo e com pequeno desenho de localização
da área, edital do pedido de registro em 3 dias consecutivos, podendo este ser impugnado no prazo de 15 dias contados da data da última publicação, enviando
após o registro imobiliário para que proceda ao registro.

c) ao registro imobiliário dentro de 180 dias e, examinada a documentação e encontrada em ordem, o Oficial do Registro de Imóveis encaminhará
comunicação à Prefeitura e fará publicar, em resumo e com pequeno desenho de localização da área, edital do pedido de registro em 3 dias consecutivos, podendo
este ser impugnado no prazo de 15 dias contados da data da última publicação.

d) ao Ministério Público, dentro de 180 dias, para que analise a documentação apresentada e se manifeste no prazo de 5 dias, enviando após o registro
imobiliário para que proceda ao registro e em seguida à Prefeitura que fará publicar, em resumo e com pequeno desenho de localização da área, edital do pedido de
registro em 3 dias consecutivos.

e) ao Ministério Público, dentro de 30 dias, para que analise a documentação apresentada e se manifeste no prazo de 15 dias, enviando após o registro
imobiliário para que proceda ao registro e, em seguida, à Prefeitura, que fará publicar, em resumo e com pequeno desenho de localização da área, edital do pedido
de registro em 5 dias consecutivos.
Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/644498

Questão 8: FCC - Ana Exec (SEGEP MA)/SEGEP MA/Engenheiro Civil/2018


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Os estados e municípios brasileiros podem estabelecer normas complementares relativas ao parcelamento do solo. De acordo com a lei que trata sobre o
parcelamento do solo urbano,

a) considera-se loteamento a subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação desde que não se permita o prolongamento ou a ampliação das vias
existentes.

b) considera-se desmembramento a subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação, com o aproveitamento do sistema viário existente, desde que não
implique a abertura de novas vias e logradouros públicos.

2 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

c) no parcelamento de zonas habitacionais de interesse social, a infraestrutura básica deve consistir, no mínimo, de escoamento das águas pluviais,
iluminação pública, rede para o abastecimento de água potável e esgotamento sanitário.

d) o parcelamento do solo em terrenos alagadiços e sujeitos a inundações é permitido desde que posteriormente sejam tomadas as providências para
assegurar o escoamento.

e) o projeto de desmembramento, quando aprovado, deverá ser submetido ao registro imobiliário dentro de 90 dias, sob pena de caducidade da aprovação.
Gabarito: B Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/655801

Questão 9: CESPE - Esp Port (EMAP)/EMAP/Arquitetura/2018


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A respeito de planejamento e projeto urbano, julgue o item seguinte com base na Lei de Parcelamento do Solo Urbano e no Estatuto das Cidades.

Salvo maiores exigências da legislação específica, será obrigatória, ao longo das águas correntes e dormentes, a reserva de uma faixa não edificável de trinta
metros de cada lado, e, ao longo das faixas de domínio público das rodovias e ferrovias, a reserva de uma faixa não edificável de quinze metros de cada lado.

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/666395

Questão 10: CESPE - Esp Port (EMAP)/EMAP/Arquitetura/2018


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A respeito de planejamento e projeto urbano, julgue o item seguinte com base na Lei de Parcelamento do Solo Urbano e no Estatuto das Cidades.

A prefeitura deverá fornecer ao interessado a locação das faixas sanitárias do terreno, necessárias ao escoamento das águas pluviais, e as faixas não edificáveis,
para permitir a elaboração do projeto de loteamento.

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/666396

Questão 11: CEV UECE - An Inf (Pref Sobral)/Pref Sobral/Arquitetura e Urbanismo/2018


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Antes da elaboração de um projeto de loteamento, o interessado deverá solicitar à Prefeitura Municipal, ou ao Distrito Federal, quando for o caso, a definição das
diretrizes para o uso do solo, o traçado dos lotes, do sistema viário, dos espaços livres e das áreas reservadas para equipamento urbano e comunitário,
apresentando, para este fim, requerimento e planta do imóvel.Considerando as diretrizes exigidas para projeto de loteamento, atente aos itens listados a seguir e
assinale com V o que for verdadeiro e com F o que for falso.

( ) Divisas da gleba a ser loteada;

( ) Curvas de nível à distância adequada, quando exigidas por lei estadual ou municipal;

( ) Indicação da divisão de lotes pretendida na área;

( ) Indicação dos arruamentos contíguos a todo o perímetro, localização das vias de comunicação, das áreas livres, dos equipamentos urbanos e comunitários
existentes no local ou em suas adjacências, com as respectivas distâncias da área a ser loteada.

A sequência correta, de cima para baixo, é:

a) V, F, F, V.

b) F, F, V, F.

c) F, V, V, F.

d) V, V, F, V.
Gabarito: D Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/671354

Questão 12: CEV UECE - An Inf (Pref Sobral)/Pref Sobral/Arquitetura e Urbanismo/2018


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
No que diz respeito ao parcelamento do solo urbano, assinale a afirmação verdadeira.

a) Loteamento é a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, desde que não implique a abertura
de novas vias e logradouros públicos, nem o prolongamento, modificação ou ampliação dos já existentes.

b) Desmembramento é a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos ou
prolongamento, modificação ou ampliação das vias existentes.

c) Aprovado o projeto de loteamento ou de desmembramento, o loteador deverá submetê-lo ao registro imobiliário dentro de 180 (cento e oitenta) dias, sob
pena de caducidade da aprovação.

d) É permitida a aprovação de projeto de loteamento e desmembramento em áreas de risco definidas como não edificáveis, no plano diretor ou em legislação
dele derivada.
Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/671358

Questão 13: COPESE-UFT - Proc (CM Palmas)/CM Palmas/2018


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Nos termos da Lei Federal nº 6.766/1979, assinale a alternativa INCORRETA.

a) Considera-se loteamento a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos ou

3 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

prolongamento, modificação ou ampliação das vias existentes.

b) Considera-se desmembramento a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, desde que não
implique na abertura de novas vias e logradouros públicos, nem no prolongamento, modificação ou ampliação dos já existentes.

c) A infraestrutura básica dos parcelamentos é constituída somente pelos equipamentos urbanos de escoamento das águas pluviais, iluminação pública e vias
de circulação.

d) Considera-se lote o terreno servido de infraestrutura básica cujas dimensões atendam aos índices urbanísticos definidos pelo plano diretor ou lei municipal
para a zona em que se situe.
Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/677007

Questão 14: CESPE - TNS (Pref SL)/Pref SL/Arquitetura/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
De acordo com a Lei n.º 6.766/1979 e suas alterações, que dispõe sobre o parcelamento do solo urbano, admite-se o parcelamento do solo

a) em zonas urbanas, de expansão urbana ou de urbanização específica, assim definidas pelo plano diretor ou aprovadas por lei municipal.

b) em áreas de preservação ecológica ou naquelas onde a poluição impeça condições sanitárias suportáveis, até a sua correção.

c) em terrenos alagadiços e sujeitos a inundações, antes de tomadas as providências para assegurar o escoamento das águas.

d) em terrenos que tenham sido aterrados com material nocivo à saúde pública, sem que sejam previamente saneados.

e) em terrenos onde as condições geológicas não aconselham a edificação.


Gabarito: A Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/449170

Questão 15: CESPE - TNS (Pref SL)/Pref SL/Arquitetura/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Ainda com base na Lei n.º 6.766/1979 e suas alterações, o parcelamento do solo urbano poderá ser feito mediante desmembramento, o qual possibilita

a) a abertura de novas vias de circulação.

b) a abertura de novos logradouros públicos.

c) a modificação ou a ampliação de vias existentes.

d) o prolongamento de vias existentes.

e) o aproveitamento do sistema viário existente.


Gabarito: E Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/449171

Questão 16: IBFC - Per Of (PCie PR)/PCie PR/Perito Criminal/Área 6/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Assinale a alternativa correta, considerando as disposições da Lei Federal nº 6.766, de 19/12/1979, sobre o que é considerada a subdivisão de gleba em lotes
destinados à edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, desde que não implique a abertura de novas vias e logradouros públicos, nem o
prolongamento, a modificação ou a ampliação dos já existentes.

a) Desmembramento

b) Loteamento

c) Condomínio

d) Demarcação

e) Retificação urbana
Gabarito: A Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/467461

Questão 17: IBFC - Per Of (PCie PR)/PCie PR/Perito Criminal/Área 6/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Assinale a alternativa correta, considerando as disposições da Lei Federal nº 6.766, de 19/12/1979, sobre como deve ser considerado o terreno servido de
infraestrutura básica cujas dimensões atendam aos índices urbanísticos definidos pelo plano diretor ou Lei Municipal para a zona em que se situe.

a) Unidade de registro

b) Unidade imóvel

c) Parcela de desmembramento

d) Lote

e) Unidade condominial
Gabarito: D Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/467462

Questão 18: IBFC - Per Of (PCie PR)/PCie PR/Perito Criminal/Área 6/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Assinale a alternativa correta, considerando as disposições da Lei Federal nº 6.766, de 19/12/1979, sobre o parcelamento de solo em terrenos alagadiços e sujeitos
a inundações.

a) Não será permitido o parcelamento do solo em hipótese alguma

b) Não será permitido o parcelamento do solo exceto para edificações especiais

4 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

c) Não será permitido o parcelamento do solo antes de tomadas as providências para assegurar o escoamento das águas

d) Será permitido o parcelamento de solo que preservar as áreas alagadas

e) Será permitido o parcelamento do solo de forma livre ficando a cargo do loteador informar os futuros proprietários sobre as peculiaridades do local
Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/467463

Questão 19: IBFC - Per Of (PCie PR)/PCie PR/Perito Criminal/Área 6/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Assinale a alternativa correta, considerando as disposições da Lei Federal nº 6.766, de 19/12/1979, sobre requisitos urbanísticos para loteamento.

a) Os lotes terão área mínima de 125m² (cento e vinte e cinco metros quadrados) e frente mínima de 5 (cinco) metros, salvo quando o loteamento se destinar
à urbanização específica ou à edificação de conjuntos habitacionais de interesse social, previamente aprovados pelos órgãos públicos competentes

b) Os lotes terão área mínima de 125m² (cento e vinte e cinco metros quadrados) e frente mínima de 5 (cinco) metros, inclusive quando o loteamento se
destinar à urbanização específica ou à edificação de conjuntos habitacionais de interesse social, previamente aprovados pelos órgãos públicos competentes

c) Os lotes terão área mínima de 150m² (cento e cinquenta metros quadrados) e frente mínima de 5 (cinco) metros, salvo quando o loteamento se destinar à
urbanização específica ou à edificação de conjuntos habitacionais de interesse social, previamente aprovados pelos órgãos públicos competentes

d) Os lotes terão área mínima de 100m² (cem metros quadrados) e frente mínima de 4 (quatro) metros, salvo quando o loteamento se destinar à urbanização
específica ou à edificação de conjuntos habitacionais de interesse social, previamente aprovados pelos órgãos públicos competentes

e) Os lotes terão área mínima de 150m² (cento e cinquenta metros quadrados) e frente mínima de 5 (cinco) metros, inclusive quando o loteamento se destinar
à urbanização específica ou à edificação de conjuntos habitacionais de interesse social, previamente aprovados pelos órgãos públicos competentes
Gabarito: A Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/467464

Questão 20: IBFC - Per Of (PCie PR)/PCie PR/Perito Criminal/Área 6/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Assinale a alternativa correta, considerando as disposições da Lei Federal nº 6.766, de 19/12/1979, sobre os compromissos de compra e venda, cessões e
promessas de cessão.

a) São retratáveis e só poderão ser feitos por escritura pública

b) São irretratáveis e só poderão ser feitos por instrumento particular

c) São retratáveis e poderão ser feitos por escritura pública ou por instrumento particular

d) São retratáveis e só poderão ser feitos por instrumento particular

e) São irretratáveis e poderão ser feitos por escritura pública ou por instrumento particular
Gabarito: E Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/467465

Questão 21: CONSULPLAN - AJ TRF2/TRF 2/Apoio Especializado/Arquitetura/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A Lei nº 6.766/79, em seu Art. 2º do Capítulo I – das Disposições Preliminares, define as maneiras como poderá ser feito o parcelamento do solo urbano. Uma
destas modalidades de parcelamento refere-se à “subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, desde que
não implique na abertura de novas vias e logradouros públicos, nem no prolongamento, modificação ou ampliação dos já existentes”. A qual tipo de subdivisão se
refere a descrição apresentada anteriormente?

a) Desdobro.

b) Loteamento.

c) Remembramento.

d) Desmembramento.
Gabarito: D Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/468135

Questão 22: CONSULPLAN - AJ TRF2/TRF 2/Apoio Especializado/Arquitetura/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A Lei nº 6.766, de 19 de dezembro de 1979, “dispõe sobre o Parcelamento do Solo Urbano e dá outras Providências”. É um importante marco na legislação
urbanística brasileira. Seu Artigo 4º (Capítulo II – dos Requisitos Urbanísticos para Loteamento) estabelece os requisitos mínimos que os loteamentos deverão
atender. Considerando os requisitos mínimos para loteamento, definidos pela Lei nº 6.766/79, assinale a afirmativa correta.

a) Ao longo das águas correntes e dormentes e das faixas de domínio público das rodovias e ferrovias, será obrigatória a reserva de uma faixa não edificável
de trinta metros de cada lado, salvo maiores exigências da legislação específica.

b) As vias de loteamento deverão articular-se com as vias adjacentes oficiais, existentes ou projetadas, e harmonizar-se com a topografia local; os
equipamentos públicos de educação, cultura, saúde, lazer e similares são considerados comunitários.

c) Os lotes terão área mínima de 250 m² e frente mínima de dez metros, salvo quando o loteamento se destinar a urbanização específica ou edificação de
conjuntos habitacionais de interesse social, previamente aprovados pelos órgãos públicos competentes.

d) As áreas destinadas a sistemas de circulação, a implantação de equipamento urbano e comunitário, bem como a espaços livres de uso público deverão
integrar um mínimo de 60% da densidade de ocupação prevista pelo plano diretor ou aprovada por lei municipal para a zona em que se situem.
Gabarito: B Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/468139

Questão 23: CESPE - Proc Mun (Fortaleza)/Pref Fortaleza/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Com relação a direitos reais, parcelamento do solo urbano, locação e registros públicos, julgue o item seguinte.

Embora o município tenha o dever de fiscalizar para impedir a realização de loteamento irregular, ante a responsabilidade pelo uso e pela ocupação do solo urbano,

5 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

a regularização está no âmbito da discricionariedade, conforme entendimento pacificado no STJ.

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/474348

Questão 24: CESPE - Proc Mun (Fortaleza)/Pref Fortaleza/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A respeito de parcelamento do solo, impacto de vizinhança, regularização fundiária de interesse social, desapropriação e tombamento, julgue o item a seguir com
base na legislação urbanística.

No âmbito do parcelamento do solo urbano, desmembramento corresponde à subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação, com abertura de novas vias de
circulação e criação de logradouros públicos.

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/474517

Questão 25: CESPE - Proc Mun (Fortaleza)/Pref Fortaleza/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Considerando a jurisprudência majoritária e atual dos tribunais superiores, julgue o item subsequente.

Para o STJ, se parte de um imóvel urbano for declarada pelo poder público área de preservação permanente, ficará afastada a titularidade do proprietário em relação
a essa porção do imóvel. Uma vez transformada em área de preservação permanente, a porção é retirada do domínio privado e passa a ser considerada bem
público para todos os efeitos, incluindo-se os tributários.

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/474518

Questão 26: FEPESE - Arqt (CIM Catarina)/CIM Catarina/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
As normas de parcelamento do solo consideram:

1. Loteamento: a subdivisão de uma gleba urbana em lotes destinados à edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, sem abertura de novas
vias ou logradouros públicos, nem prolongamento, modificação ou ampliação das vias existentes.

2. Desmembramento: a subdivisão de uma gleba urbana em lotes destinados à edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos,
ou prolongamento, modificação ou ampliação das vias existentes.

3. Remembramento: a junção de dois ou mais lotes para formarem apenas um imóvel, respeitadas as dimensões mínimas previstas na Lei.

Assinale a alternativa que indica todas as afirmativas corretas.

a) É correta apenas a afirmativa 3.

b) São corretas apenas as afirmativas 1 e 2.

c) São corretas apenas as afirmativas 1 e 3.

d) São corretas apenas as afirmativas 2 e 3.

e) São corretas as afirmativas 1, 2 e 3.


Gabarito: A Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/491800

Questão 27: Com. Exam. (MPE RS) - PJ (MPE RS)/MPE RS/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Assinale com V (verdadeiro) ou com F (falso) as seguintes afirmações sobre o tema do parcelamento do solo urbano, na forma da Lei n. 6.766, de 19 de dezembro
de 1979, com suas posteriores alterações legislativas.

( ) Os lotes terão área mínima de 125m² (cento e vinte e cinco metros quadrados) e frente mínima de 5 (cinco) metros, salvo quando o loteamento se destinar
a urbanização específica ou edificação de conjuntos habitacionais de interesse social, previamente aprovados pelos órgãos públicos competentes.

( ) Não será permitido o parcelamento do solo em terrenos com declividade igual ou superior a 35% (trinta e cinco por cento), salvo se atendidas exigências
específicas das autoridades competentes.

( ) A Prefeitura Municipal, ou o Distrito Federal quando for o caso, se desatendida pelo loteador a notificação, poderá regularizar loteamento ou
desmembramento não autorizado ou executado sem observância das determinações do ato administrativo de licença, para evitar lesão aos seus padrões de
desenvolvimento urbano e na defesa dos direitos dos adquirentes de lotes.

( ) São irretratáveis os compromissos de compra e venda, cessões e promessas de cessão, os que atribuam direito a adjudicação compulsória e, estando
registrados, confiram direito real oponível a terceiros.

A sequência correta de preenchimento dos parênteses, de cima para baixo, é

a) F – V – F – F.

b) F – V – F – V.

c) V – V – F – F.

d) V – F – V – V.

6 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

e) V – F – V – F.
Gabarito: D Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/496399

Questão 28: CESPE - Proc Mun (BH)/Pref BH/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Chamado para analisar projetos de parcelamento de solo urbano em áreas impróprias, determinado procurador municipal verificou hipótese de proibição absoluta.

Com base nas disposições da Lei n.º 6.766/1979, é correto afirmar tratar-se, na situação, de parcelamento do solo em terrenos

a) onde as condições geológicas não aconselham a edificação.

b) alagadiços e sujeitos a inundações.

c) aterrados com material nocivo à saúde pública.

d) com declividade igual ou superior a 30%.


Gabarito: A Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/503817

Questão 29: VUNESP - Proc Jur (CM Sumaré)/CM Sumaré/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
O registro de loteamento poderá ser cancelado

a) a pedido de qualquer adquirente de um lote.

b) por decisão judicial.

c) por homologação.

d) por requerimento do loteador, antes da venda de todos os lotes.

e) por decisão do Registro Imobiliário.


Gabarito: B Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/525534

Questão 30: CPCON UEPB - Ag (Portalegre)/Pref Portalegre/Fiscal de Obras/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Sobre a Lei Federal Nº 6.766/1979, que dispõe sobre o Parcelamento do Solo Urbano, é INCORRETO afirmar que

a) são equipamentos públicos comunitários aqueles vinculados à educação, cultura, saúde e lazer.

b) é vedado vender ou prometer vender parcela de loteamento ou desmembramento não registrado.

c) somente as vias de circulação são infraestruturas básicas dos parcelamentos situados nas zonas habitacionais declaradas como de interesse social (ZHIS).

d) considera-se o gás canalizado, equipamento público urbano.

e) é pré-requisito para um loteamento a harmonia entre as vias do loteamento e a topografia local.


Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/527980

Questão 31: CPCON UEPB - Ag (Portalegre)/Pref Portalegre/Fiscal de Obras/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
O adequado ordenamento territorial do solo urbano é um meio pelo qual é possível garantir um planejamento urbanístico adequado considerando aspectos
ambientais e locais. Especificamente sobre o parcelamento do solo, julgue os itens a seguir:

I - Não será permitido o parcelamento do solo em terrenos onde as condições geológicas não aconselham a edificação.

II - Não será permitido o parcelamento do solo em terrenos alagadiços e sujeitos a inundações, mesmo que tomadas todas as providências para assegurar o
escoamento das águas.

III - Não será permitido o parcelamento do solo em terrenos com declividade igual ou superior a 30% (trinta por cento), salvo se atendidas exigências
específicas das autoridades competentes.

IV - Não será permitido o parcelamento do solo em áreas de preservação ecológica.

Conclui-se que

a) todos estão corretos

b) todos estão corretos, exceto II

c) todos estão incorretos

d) todos estão corretos, exceto III

e) todos estão incorretos, exceto III


Gabarito: B Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/527984

Questão 32: CPCON UEPB - Ag (Pref R Cruz)/Pref Riacho da Cruz/Fiscal/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Sobre a Lei Federal Nº 6.766/1979, que dispõe sobre o Parcelamento do Solo Urbano, é INCORRETO afirmar que

a) são equipamentos públicos comunitários aqueles vinculados à educação, cultura, saúde e lazer.

7 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

b) é vedado vender ou prometer vender parcela de loteamento ou desmembramento não registrado.

c) somente as vias de circulação são infraestruturas básicas dos parcelamentos situados nas zonas habitacionais declaradas como de interesse social (ZHIS).

d) considera-se o gás canalizado, equipamento público urbano.

e) é pré-requisito para um loteamento a harmonia entre as vias do loteamento e a topografia local.


Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/537604

Questão 33: CPCON UEPB - Ag (Pref R Cruz)/Pref Riacho da Cruz/Fiscal/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
O adequado ordenamento territorial do solo urbano é um meio pelo qual é possível garantir um planejamento urbanístico adequado considerando aspectos
ambientais e locais. Especificamente sobre o parcelamento do solo, julgue os itens a seguir:

I - Não será permitido o parcelamento do solo em terrenos onde as condições geológicas não aconselham a edificação.

II - Não será permitido o parcelamento do solo em terrenos alagadiços e sujeitos a inundações, mesmo que tomadas todas as providências
para assegurar o escoamento das águas.

III - Não será permitido o parcelamento do solo em terrenos com declividade igual ou superior a 30% (trinta por cento), salvo se atendidas exigências
específicas das autoridades competentes.

IV - Não será permitido o parcelamento do solo em áreas de preservação ecológica.

Conclui-se que

a) todos estão corretos

b) todos estão corretos, exceto II

c) todos estão incorretos

d) todos estão corretos, exceto III

e) todos estão incorretos, exceto III


Gabarito: B Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/537606

Questão 34: CESPE - Proc (PGE SE)/PGE SE/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Uma construtora realizou parcelamento de solo urbano, mediante loteamento, sem observância das disposições legais.

Nesse caso, de acordo com o entendimento do STJ,

a) o município tem responsabilidade solidária pela regularização do loteamento, devendo pagá-la ainda que o loteador possa fazê-lo.

b) a responsabilidade do município em regularizar o loteamento, embora discricionária, é de execução imediata.

c) a regularização do loteamento deverá ser decidida em ação civil pública.

d) o poder da administração pública de regularizar o loteamento é discricionário.

e) o município terá o poder-dever para regularizar o loteamento.


Gabarito: E Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/539989

Questão 35: CONSULPLAN - NeR (TJ MG)/TJ MG/Remoção/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A respeito da Lei nº 6.766/1979, que trata do Parcelamento do Solo Urbano, todas as assertivas estão corretas, EXCETO:

a) Desde a data de registro do loteamento, passam a integrar o domínio do Município as vias e praças constantes do projeto e do memorial descritivo.

b) Quando a área loteada estiver situada em mais de uma circunscrição imobiliária, o registro deverá ser requerido primeiramente, indistintamente, em
qualquer delas.

c) É possível o cancelamento do registro do loteamento a pedido do loteador, para o que será necessário que os adquirentes de lotes subscrevam também tal
requerimento e que exista anuência do Poder Público afetado.

d) Determina a lei em questão quanto aos contratos nela previstos, que são irretratáveis os compromissos de compra e venda, cessões e promessas cessão,
os que atribuam direito a adjudicação compulsória e, estando registrados, confiram direito real oponível a terceiros.
Gabarito: B Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/541220

Questão 36: FUNDEP - PJ (MPE MG)/MPE MG/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Assinale a alternativa INCORRETA. A fiscalização da regularidade do uso do solo urbano deverá observar as seguintes exigências previstas na Lei nº 6.766, de
1979:

a) Lei municipal específica para área incluída no Plano Diretor poderá determinar o parcelamento compulsório do solo urbano não edificado, subutilizado ou
não utilizado, devendo fixar as condições e os prazos para implementação da referida obrigação.

b) Considera-se loteamento a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos ou
prolongamento, modificação ou ampliação das vias existentes.

c) Os loteamentos deverão incluir áreas destinadas a sistemas de circulação, à implantação de equipamento urbano e comunitário, bem como a espaços
livres de uso público, proporcionais à densidade de ocupação prevista pelo Plano Diretor ou aprovada por lei municipal para a zona em que se situem.

d) O Poder Público poderá exigir, em cada loteamento, a reserva de faixa non aedificandi destinada a equipamentos públicos de abastecimento de água,

8 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

serviços de esgotos, energia elétrica, coletas de águas pluviais, rede telefônica e gás canalizado.
Gabarito: A Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/560986

Questão 37: UFMT - Arqt (Pref Cáceres)/Pref Cáceres/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A Lei Federal nº 6.766 dispõe sobre o Parcelamento do Solo Urbano e dá outras providências.

Sobre o conteúdo dessa lei, analise as afirmativas a seguir.

I - Os Estados, o Distrito Federal e os Municípios não poderão estabelecer normas complementares relativas ao parcelamento do solo municipal para adequar
o previsto nessa Lei às peculiaridades regionais e locais.

II - Considera-se loteamento a subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos ou
prolongamento, modificação ou ampliação das vias existentes.

III - Considera-se desmembramento a subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, desde que não
implique abertura de novas vias e logradouros públicos, nem prolongamento, modificação ou ampliação dos já existentes.

IV - Não será permitido o parcelamento do solo em terrenos alagadiços e sujeitos a inundações, mesmo que tomadas as providências para assegurar o
escoamento das águas.

V - A infraestrutura básica dos parcelamentos é constituída pelos equipamentos urbanos de escoamento das águas pluviais, iluminação pública, esgotamento
sanitário, abastecimento de água potável, energia elétrica pública e domiciliar e vias de circulação.

Está correto o que se afirma em

a) I e IV, apenas.

b) I, III e IV, apenas

c) II e V, apenas.

d) II, III e V, apenas.


Gabarito: D Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/585749

Questão 38: CEV UECE - Arqt (FUNECE)/FUNECE/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
O parcelamento do solo urbano tem por finalidade precípua ordenar o espaço urbano destinado a habitação. NÃO será permitido o parcelamento do solo

I. em terrenos alagadiços e sujeitos a inundações, antes de tomadas as providências para assegurar o escoamento das águas.

II. em terrenos que tenham sido aterrados com material nocivo à saúde pública, sem que sejam previamente saneados.

III. em terrenos com declividade igual ou superior a 20% (vinte por cento), salvo se atendidas as exigências específicas das autoridades competentes.

Estão corretas as complementações contidas em

a) I e III apenas.

b) I e II apenas.

c) II e III apenas.

d) I, II, e III.
Gabarito: B Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/587674

Questão 39: FAFIPA - Arqt (Bandeirantes)/Pref Bandeirantes PR/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Além da preocupação com o uso do solo, o planejamento urbano deve compatibilizar o sistema viário da cidade com o sistema rodoviário municipal, como também
com os meios de locomoção dos indivíduos, buscando assegurar aos cidadãos:

a) Acesso a todos os serviços públicos, independentemente de transporte especifico, proporcionando uma cidade organizada, funcional e habitável, além de
dotá-la de espaços para o lazer e a diversão.

b) Um modo de vida saudável, proporcionando uma cidade organizada, funcional e habitável, além de dotá-la de espaços para o lazer e a diversão, e o
acesso de todos os cidadãos aos serviços públicos urbanos.

c) Os serviços públicos indispensáveis através de núcleos setorizados, possibilitando, assim, menor tempo de deslocamento para a população ter acesso a
esses serviços, como saúde e educação.

d) Uma vida que proporcione dificuldades mínimas para o transporte e acesso rápido para os núcleos setorizados de saúde e educação.
Gabarito: B Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/592009

Questão 40: FAFIPA - Arqt (Bandeirantes)/Pref Bandeirantes PR/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
O uso do solo urbano destinado a atividades como educação, lazer, cultura, saúde, assistência social e culto religioso é relacionado à categoria:

a) Habitacional.

b) Comercial e de serviços.

c) Comunitário.

d) De preservação.
Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/592010

9 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

Questão 41: VUNESP - Adv (CM Barretos)/CM Barretos/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
O parcelamento do solo urbano destina-se a ordenar o espaço urbano para habitação. Sua divisão ou redivisão deve obedecer aos parâmetros da legislação
específica. Em relação a essa legislação, que dispõe sobre o parcelamento do solo urbano, é correto afirmar:

a) o parcelamento do solo urbano poderá ser feito mediante loteamento ou desmembramento, observadas as disposições da Lei de Parcelamento do Solo
Urbano e das legislações estaduais e municipais pertinentes.

b) considera-se loteamento as glebas de terras em área maior, destinadas a edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos ou
prolongamento, modificação ou ampliação das vias existentes.

c) considera-se desmembramento a unificação de lotes em glebas destinadas a edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, desde que
implique na abertura de novas vias e logradouros públicos, encerrando o prolongamento, modificação e ampliação das já existentes.

d) considera-se lote o terreno aquele ainda não servido de infraestrutura básica, cujas dimensões atendam ou não aos índices urbanísticos definidos pelo
plano diretor ou lei municipal para a zona em que se situe.

e) para efeito de loteamento urbano, a infraestrutura básica dos parcelamentos ainda não deve estar constituída pelos equipamentos urbanos de escoamento
das águas pluviais, iluminação pública, esgotamento sanitário, abastecimento de água potável, energia elétrica pública e domiciliar ou vias de circulação.
Gabarito: A Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/602608

Questão 42: VUNESP - Proc (Pref Marília)/Pref Marília/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A Prefeitura de determinado Município do Estado de São Paulo, em janeiro de 1995, desapropriou um terreno de 1 000 m² para a construção de um Hospital.
Contudo, quando do início das obras, verificou-se que o solo estava contaminado com produtos prejudiciais à saúde, razão pela qual a obra foi abandonada. No mês
de maio do mesmo ano (1995), 4 (quatro) famílias carentes vindas de outro Estado, que não possuíam outro imóvel de sua propriedade, invadiram o terreno e
construíram suas moradias no local, sem qualquer oposição. No ano de 2017, o novo Prefeito, alertado da situação, pretende promover a desocupação do terreno.

Assinale a alternativa correta.

a) O terreno não poderá ser desocupado, tendo em vista que as famílias adquiriram a propriedade do imóvel pela usucapião extraordinária, em razão do
princípio da função social da propriedade pública.

b) O terreno poderá ser desocupado, tendo em vista que é de propriedade do Município, incidindo o princípio da imprescritibilidade dos bens públicos, não
havendo qualquer direito dos possuidores decorrente da longa ocupação.

c) O terreno não pode ser desocupado, tendo em vista que as famílias atenderam aos requisitos para a aquisição da concessão de uso especial para fins de
moradia, não podendo ser removidas, salvo se forem desapropriadas de seu direito.

d) O terreno deverá ser desocupado, tendo em vista o risco à saúde, devendo a Municipalidade garantir aos possuidores o direito à concessão de uso
especial para fins de moradia em outro local.

e) A Municipalidade deverá distribuir passagens de ônibus para que as famílias que ocupam o imóvel possam retornar ao seu Estado de origem e assim
desocupem a área, tendo em vista o princípio da melhor alocação dos cidadãos.
Gabarito: D Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/642557

Questão 43: VUNESP - Proc (Pref Marília)/Pref Marília/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Pedro obteve a aprovação, pela Prefeitura Municipal, de um projeto de loteamento, bem como promoveu o registro do mesmo perante o Cartório de Registro de
Imóveis. Houve o início das vendas, que foram um sucesso: em menos de 5 meses, 90% dos lotes foram vendidos. Em razão do sucesso das vendas, Pedro
apresentou uma proposta de alteração do loteamento, visando reduzir em 50% as áreas antes previstas para equipamentos urbanos, com o intuito de aumentar o
número de lotes para venda.

É correto que a municipalidade

a) poderá concordar com a proposta de alteração apresentada por Pedro, tendo em vista que irá aumentar o número de moradores e melhorar a arrecadação
do IPTU.

b) somente poderá concordar se ainda não efetuou o registro em seu nome dos equipamentos urbanos constantes do projeto e do memorial descritivo.

c) poderá concordar com a proposta, mesmo que tenha feito o registro em seu nome dos equipamentos urbanos constantes do projeto e do memorial
descritivo.

d) poderá concordar, desde que sejam previstas medidas compensatórias, independentemente de ter realizado ou não o registro dos equipamentos urbanos.

e) não poderá concordar com a proposta porque, desde a aprovação do loteamento, as áreas dos equipamentos urbanos passaram a ser bens públicos,
independentemente do registro.
Gabarito: E Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/642561

Questão 44: PUC PR - AJ (TJ MS)/TJ MS/Fim/Bacharel em Direito/2017


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Sobre o parcelamento do solo urbano, em conformidade com a Lei nº 6.766/1979, leia as assertivas a seguir e, depois, assinale a alternativa CORRETA.

I. O lote poderá ser constituído sob a forma de imóvel autônomo ou de unidade imobiliária integrante de condomínio de lotes.

II. Se um determinado lote situar-se em mais de uma circunscrição, caberá ao interessado processar simultaneamente, perante as diferentes circunscrições,
diferentes pedidos de registro do mesmo loteamento.

III. São irretratáveis os compromissos de compra e venda, devidamente registrados, que atribuam direito à adjudicação compulsória e confiram direito real
oponível a terceiros.

IV. Nas desapropriações, não serão considerados como loteados ou loteáveis, para fins de indenização, os terrenos ainda não vendidos ou compromissados,
objeto de loteamento ou desmembramento não registrado.

V. É permita a venda ou a promessa de venda de parcela de loteamento ou desmembramento não registrado, desde que haja expressa menção do fato no
contrato.

10 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

a) Apenas as assertivas I, III e IV estão corretas.

b) Apenas as assertivas I, II, III estão corretas.

c) Apenas as assertivas I, III e V estão corretas.

d) Apenas as assertivas II, IV e V estão corretas.

e) Apenas as assertivas III, IV e V estão corretas.


Gabarito: A Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/668162

Questão 45: VUNESP - Proc Mun (Rosana)/Pref Rosana/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Os lotes urbanos, para fins de loteamento e parcelamento do solo, conforme estabelecido na Lei nº 6.766/79, quando o loteamento se destinar a edificação de
conjuntos habitacionais de interesse social, previamente aprovados pelos órgãos públicos competentes, poderão ter área mínima

a) de 150 m2.

b) menor que 125 m2.

c) entre 130 e 150 m2.

d) entre 150 e 250 m2.

e) de 250 m2.
Gabarito: B Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/323146

Questão 46: CESPE - AJ TRT8/TRT 8/Apoio Especializado/Arquitetura/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Acerca da gestão urbana, no que diz respeito ao parcelamento do solo e à política ambiental, assinale a opção correta.

a) Gleba é uma área de terreno rural que não pode ser objeto de loteamento ou desmembramento.

b) O tamanho legal mínimo do lote deverá corresponder à área de pelo menos 120 m 2 e frente de 4 m, salvo maior restrição da legislação ou o loteamento se
destinar à urbanização específica ou à edificação de conjuntos habitacionais de interesse social previamente aprovados.

c) O parcelamento de solo urbano poderá ocorrer mediante duas modalidades: loteamento ou desmembramento, sendo para este exigido prolongamento,
modificação ou ampliação das vias existentes ou abertura de novas vias.

d) O Estudo de Impacto Ambiental (EIA) e o Relatório de Impacto Ambiental (RIMA) são elaborados por equipe multidisciplinar com o objetivo de determinar o
impacto ambiental de um empreendimento sobre os diversos meios: físico, biológico, socioeconômico. O EIA é de acesso restrito, ao passo que o RIMA, respeitado
o sigilo industrial, é aberto ao público.

e) Para fins de implantação de área verde de domínio público em zona urbana, é admissível a sobreposição em área de preservação permanente (APP),
desde que prevista no plano diretor e que resulte no máximo em 10% de impermeabilização da APP.
Gabarito: D Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/336052

Questão 47: FCC - Proc (São Luís)/Pref SL/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Sobre o parcelamento do solo urbano, é correto afirmar que:

a) são tipos de parcelamento o loteamento, o remembramento, o desdobro e o desmembramento.

b) o Poder Público municipal poderá indeferir por discricionariedade o projeto de loteamento.

c) é crime contra Administração Pública, com pena de reclusão, lotear sem as devidas autorizações municipais.

d) gleba ocupada por moradia social desordenadamente não pode ser objeto de parcelamento.

e) em qualquer parcelamento, os lotes serão de, no mínimo, 100 metros quadrados.


Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/337517

Questão 48: CESPE - JE TJAM/TJ AM/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Acerca dos registros públicos e do parcelamento do solo urbano, assinale a opção correta.

a) Por violar o princípio da competência territorial, não é válida a notificação extrajudicial realizada por via postal, com aviso de recebimento, no endereço do
devedor, ainda que o título tenha sido apresentado em cartório de títulos e documentos situado em comarca diversa do domicílio do devedor.

b) Nos casos de desmembramento de imóvel rural, a identificação do imóvel será obtida a partir de memorial descritivo, com as coordenadas
georreferenciadas ao Sistema Geodésico Brasileiro, cabendo ao Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA) certificar que a poligonal objeto do
memorial descritivo não se sobrepõe a nenhuma outra constante de seu cadastro georreferenciado.

c) É inválida cláusula contratual que permite ao loteador repassar aos compromissários compradores os custos expendidos por ele com a efetivação das
obras elementares de implantação do empreendimento residencial.

d) Admite-se a usucapião extraordinária de área urbana que possua área inferior ao módulo mínimo estabelecido pela lei de parcelamento do solo urbano, em
obediência ao princípio da função social da propriedade.

e) Independentemente de ação judicial, é admissível a averbação, no registro de nascimento do filho, da alteração do sobrenome de um dos genitores que,
em decorrência do divórcio, optar por utilizar novamente o nome de solteiro.
Gabarito: Anulada Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/360293

Questão 49: FCC - Proc (Campinas)/Pref Campinas/2016

11 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano


Um empreendedor decidiu investir em uma grande área de sua propriedade para a implantação de um residencial. Elaborou projeto de loteamento e o submeteu às
autoridades municipais para aprovação prévia. Além da competência municipal para ordenamento do solo e, portanto, aprovação dos projetos de loteamento, cabe
ao Município

a) a definição das Áreas de Proteção Permanente − APP e a autorização para sua utilização.

b) receber as áreas institucionais assim definidas em processos de loteamento, vedada a alteração de destinação e a instalação de equipamentos públicos de
outras esferas de governo.

c) o licenciamento ambiental dos projetos de loteamento, tendo em vista a predominância do interesse local e a competência urbanística do município.

d) a definição, em lei, do percentual de áreas públicas obrigatórias para os loteamentos, observados os critérios lançados na lei de parcelamento do solo e
respeitada a legislação ambiental específica quanto às áreas verdes.

e) autorizar a alteração de destinação das áreas verdes e institucionais dos loteamentos registrados há menos de 10 anos, para conformação à situação
urbanística atual.
Gabarito: D Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/362255

Questão 50: FUNDEP - Fisc Pos (Ibirité)/Pref Ibirité/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A Lei Nº 6.766 de 19 de dezembro de 1979 dispõe sobre o parcelamento do solo urbano no Brasil. No seu Art. 4º, são apresentados os requisitos urbanísticos para
loteamento.

Segundo essa Lei, assinale a alternativa que apresenta o requisito que deverá ser definido pela legislação municipal.

a) A legislação municipal definirá, para cada zona em que se divida o território do município, os usos permitidos e os índices urbanísticos de parcelamento e
ocupação do solo, que incluirão, obrigatoriamente, as áreas mínimas e máximas de lotes e os coeficientes máximos de aproveitamento.

b) A legislação municipal definirá, para cada zona em que se divida o território do município, a infraestrutura básica mínima necessária a ser atendida nos
parcelamentos.

c) A legislação municipal definirá os requisitos mínimos a serem atendidos para o parcelamento em áreas de preservação ecológica.

d) A legislação municipal definirá, por decreto, as áreas de proteção especial previstas em legislação estadual ou federal.
Gabarito: A Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/375928

Questão 51: CONSULPLAN - NeR (TJ MG)/TJ MG/Provimento/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Considerando o que está estatuído na Lei nº 6.766, de 19/12/1979, que dispõe sobre o parcelamento do solo urbano, avalie as alternativas que seguem:

I. Examinada a documentação e encontrada em ordem, o oficial do registro de imóveis encaminhará comunicação à Prefeitura e fará publicar, em resumo e
com pequeno desenho de localização da área, edital do pedido de registro em 3 (três) dias consecutivos, podendo este ser impugnado no prazo de 20 (vinte)
dias contados da data da última publicação.

II. Considera-se desmembramento a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, desde que não
implique a abertura de novas vias e logradouros, nem prolongamento, modificação ou ampliação dos já existentes.

III. O Poder Público competente poderá complementarmente exigir, em cada loteamento, a reserva de faixa non aedificandi destinada a equipamentos
urbanos.

IV. Desde a data de registro do loteamento, passam a integrar o domínio do Município as vias e praças, os espaços livres e as áreas destinadas a edifícios
públicos e outros equipamentos urbanos, constantes do projeto e do memorial descritivo.

Está correto o que se afirma em:

a) I, II, III e IV.

b) III e IV, apenas.

c) II, III e IV, apenas.

d) II e IV, apenas.
Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/380057

Questão 52: Instituto AOCP - Proc (CM RB)/CM RB/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
De acordo com a Lei n.º 6.766/1979, somente será admitido o parcelamento do solo para fins urbanos em zonas urbanas, de expansão urbana ou de urbanização
específica, assim definidas pelo plano diretor ou aprovadas por lei municipal, no entanto será proibido o parcelamento do solo

a) em terrenos com declividade igual ou superior a 10%, salvo se atendidas exigências específicas das autoridades competentes.

b) em terrenos onde as condições geológicas não aconselham a edificação, salvo se atendidas exigências específicas das autoridades competentes.

c) em áreas de preservação ecológica ou naquelas onde a poluição impeça condições sanitárias suportáveis, até a sua correção.

d) em terrenos alagadiços e sujeitos a inundações, independentemente das providências para assegurar o escoamento das águas.

e) em terrenos que tenham sido aterrados com material inadequado, sem que sejam previamente obtidos laudos técnicos a respeito da condição do solo.
Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/391203

Questão 53: Instituto AOCP - Proc (CM RB)/CM RB/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Via de regra, o parcelamento do solo é de competência dos Municípios, no entanto caberá aos Estados disciplinar a aprovação pelos Municípios de loteamentos e
desmembramentos

12 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

a) quando o loteamento ou desmembramento localizar-se em área limítrofe do município, ou que pertença a mais de dois municípios, nas regiões
metropolitanas das Capitais, ou em aglomerações rurais, definidas em lei estadual ou federal.

b) quando o loteamento abranger área superior a 500.000 m².

c) nos casos em que houver intervenção estadual em Município.

d) quando o loteamento ou desmembramento estiverem localizados em áreas de interesse especial, tais como as de proteção aos mananciais ou ao
patrimônio cultural, histórico, paisagístico e arqueológico, assim definidas por legislação estadual ou federal.

e) nos casos previstos em Lei Complementar Estadual, desde que com autorização da maioria simples dos membros da Assembleia Legislativa do Estado.
Gabarito: D Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/391204

Questão 54: IESES - NeR (TJ PA)/TJ PA/Provimento/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Sobre a regularização fundiária urbana, NÃO ESTÁ CORRETO afirmar que:

a) Cabe ao Município estabelecer regras sobre procedimento ou regulamentação de regularização fundiária, sendo indispensável este regramento da sua
implementação.

b) Embora não conste expressamente na norma legal, o loteador clandestino ou irregular está legitimado para inicial o procedimento de regularização
fundiária.

c) O Ministério Público tem legitimidade ativa para propor ação civil pública visando à regularização de loteamentos urbanos destinados à moradia popular.

d) O artigo 40 da Lei 6766/79 confere ao Município o dever-poder de promover a regularização ou desmembramento dos loteamentos irregulares.
Gabarito: A Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/392060

Questão 55: FCC - Ana Amb (SEMA MA)/SEMA MA/Biólogo/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Com relação ao esgotamento sanitário e energia elétrica, a infraestrutura básica dos parcelamentos de solo situados nas Zonas Habitacionais de Interesse Social −
ZHIS, declaradas por lei, de que trata a Lei nº 6.766/1979, sobre o parcelamento do solo urbano, é exigido que

a) a rede de coleta de esgoto e a de energia elétrica já estejam implantadas e com instalação domiciliar.

b) o esgotamento sanitário, assim como a energia elétrica domiciliar, já possuam soluções.

c) a rede de energia elétrica esteja implantada e instalada e se tenham soluções para o esgotamento sanitário.

d) o esgotamento sanitário esteja implantado e instalado e se tenham soluções para a energia elétrica domiciliar.

e) o esgotamento sanitário e a energia elétrica domiciliar estejam implantados, mesmo sem estarem instalados.
Gabarito: B Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/406753

Questão 56: FCC - TNS (SEMAM)/Pref Teresina/Analista Ambiental/Biologia/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Observando o disposto no Art. 6o da Lei no 6.766/1979, que dispõe sobre o parcelamento do solo urbano, na apresentação de um Projeto de Loteamento junto ao
município, o interessado deverá solicitar às autoridades locais as diretrizes para uso do solo, traçado dos lotes, do sistema viário, dos espaços livres e das áreas
reservadas para equipamento urbano e comunitário, apresentando para tanto, a planta do imóvel contendo:

I. as divisas da gleba a ser loteada e as características das zonas de uso contíguas.

II. as faixas sanitárias do terreno para escoamento das águas pluviais e não edificáveis.

III. as curvas de nível à distância adequada, quando exigidas por lei estadual ou municipal.

IV. a localização dos cursos d’água, bosques e construções existentes.

Está correto o que consta em

a) I, II e III, apenas.

b) II, III e IV, apenas.

c) I, III e IV, apenas.

d) I, II, IV, apenas.

e) I, II, III e IV.


Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/412479

Questão 57: FCC - TNS (PGM Teresina)/Pref Teresina/Engenheiro Agrimensor/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Na operação de parcelamento do solo urbano pode-se aproveitar ou não o sistema viário existente quando da subdivisão de glebas. Quando o sistema adotado NÃO
implica na abertura de novas vias, nem no prolongamento de vias existentes, o processo de parcelamento é conhecido como

a) arruamento.

b) loteamento.

c) logradouro.

d) desmembramento.

e) remembramento.

13 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

Gabarito: D Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/414051

Questão 58: FCC - TNS (PGM Teresina)/Pref Teresina/Engenheiro Agrimensor/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Conforme a lei para o parcelamento do solo urbano determina para as zonas habitacionais declaradas como de interesse social, as conhecidas ZHIS a rede de
infraestrutura básica mínima NÃO está prevista a implantação de

a) escoamento das águas pluviais.

b) vias de circulação.

c) iluminação pública.

d) rede de abastecimento de água potável.

e) energia elétrica domiciliar.


Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/414053

Questão 59: FUNDATEC - Proc Mun (Pref POA)/Pref POA/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Sobre o parcelamento do solo urbano e tendo por base a Lei nº 6.766/1979, analise as assertivas abaixo e assinale V, se verdadeiras, ou F, se falsas.

( ) Considera-se loteamento a subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos ou
prolongamentos, modificação ou ampliação das vias existentes.

( ) A responsabilidade pela execução da infraestrutura básica dos parcelamentos é do empreendedor, que deverá reservar 35% de área do parcelamento
para equipamentos públicos.

( ) Os espaços livres de uso comum, as vias e praças, as áreas destinadas a edifícios públicos e outros equipamentos urbanos constantes do projeto e do
memorial descritivo poderão ter sua destinação alterada pelo loteador, após a aprovação do projeto, desde que ocorra prévia publicidade e informação aos
adquirentes dos lotes.

( ) A transferência para o domínio do Município das vias, das praças, dos espaços livres, das áreas destinadas a edifícios públicos e de outros equipamentos
públicos denomina-se concurso voluntário.

( ) Mediante termo de compromisso firmado com o Município e mediante o pagamento de contrapartidas, o empreendedor poderá promover o parcelamento
do solo em áreas gravadas pelo Plano Diretor como Áreas de Proteção do Ambiente Natural – APAN.

A ordem correta de preenchimento dos parênteses, de cima para baixo, é:

a) V – F – F – V – F.

b) V – F – V – V – F.

c) F – V – F – F – V.

d) F – V – V – F – F.

e) V – V – F – V – V.
Gabarito: A Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/425102

Questão 60: FUNDATEC - Proc Mun (Pref POA)/Pref POA/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Um grupo formado por pessoas de baixa renda, há 10 anos, implantou um loteamento clandestino em imóvel urbano, de domínio privado, no qual há,
aproximadamente, 200 famílias vivendo em condições precárias em termos de saneamento básico. Na área, há nascentes e um córrego que cruza o imóvel, no qual
são lançados esgotos in natura e resíduos sólidos. Essa comunidade constitui uma Associação de Moradores e deseja a regularização fundiária do loteamento como
de interesse social. Dentre as providências a serem adotadas pela Associação e/ou pelo Município, assinale a INCORRETA.

a) Como requisito para a regularização fundiária de interesse social, a Associação deverá demonstrar que a ocupação é consolidada, o que se caracteriza por
densidade demográfica superior a 50 habitantes por hectare e pela presença de pelo menos dois dos seguintes equipamentos de infraestrutura urbana implantados:
a) drenagem de águas pluviais urbanas; b) esgotamento sanitário; c) abastecimento de água potável; d) distribuição de energia elétrica ou e) limpeza urbana, coleta
e manejo de resíduos sólidos.

b) O Município deverá instituir, por lei, uma Zona Especial de Interesse Social – ZEIS, a fim de que o regime urbanístico contemple a utilização da gleba por
população de baixa renda.

c) Por se tratar de regularização fundiária de interesse social consolidada, o Município poderá admitir a regularização em área de preservação permanente,
desde que o estudo técnico comprove que essa intervenção implica a melhoria das condições ambientais em relação à situação de ocupação irregular anterior.

d) A Associação de moradores poderá promover ação de usucapião especial urbano diante da impossibilidade da identificação dos terrenos ocupados por
cada possuidor.

e) A Associação de moradores poderá promover a alienação de lotes ainda não ocupados no loteamento a fim de custear os estudos técnicos necessários à
regularização fundiária e à realização das obras de infraestrutura básica e à implantação dos equipamentos comunitários.
Gabarito: E Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/425103

Questão 61: VUNESP - Proc Jur (CM VP)/CM V Paulista/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Os loteamentos deverão atender, pelo menos, ao seguinte requisito:

a) áreas destinadas a sistemas de circulação, a implantação de equipamento urbano e comunitário, bem como a espaços livres de uso público e privado,
proporcionais à densidade de ocupação prevista pelo plano diretor ou aprovadas por lei municipal para a zona em que se situem.

b) os lotes terão área mínima de 150 m² (cento e cinquenta metros quadrados) e frente mínima de 5 (cinco) metros, salvo quando o loteamento se destinar a
urbanização específica ou edificação de conjuntos habitacionais de interesse social, previamente aprovados pelos órgãos públicos competentes.

14 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

c) ao longo das águas correntes e dormentes e das faixas de domínio público das rodovias e ferrovias, será obrigatória a reserva de uma faixa não-edificável
de 10 (dez) metros de cada lado.

d) as vias de loteamento deverão articular-se com as vias adjacentes oficiais, existentes ou projetadas, e harmonizar-se com a topografia local.

e) a legislação municipal definirá, para cada zona em que se divida o território do Município, os usos permitidos e os índices urbanísticos de parcelamento e
ocupação do solo, que incluirão, obrigatoriamente, as áreas mínimas de lotes e os coeficientes mínimos e máximos de aproveitamento.
Gabarito: D Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/428226

Questão 62: VUNESP - Proc M (Sertãozinho)/Pref Sertãozinho/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A Lei nº 6.766/79 trata sobre o Parcelamento do Solo. Destina um dos seus capítulos a tutelar os contratos que tenham por objeto a venda de bens imóveis. Sob
esse aspecto, é correto afirmar que

a) aquele que adquirir a propriedade loteada mediante ato inter vivos, ou por sucessão causa mortis, sucederá o transmitente em todos os seus direitos e
obrigações, ficando obrigado a respeitar os compromissos de compra e venda ou as promessas de cessão, em todas as suas cláusulas, sendo anulável qualquer
disposição em contrário, ressalvado o direito do herdeiro ou legatário de renunciar à herança ou ao legado.

b) o contrato particular pode ser transferido por simples trespasse, lançado no verso das vias em poder das partes, ou por instrumento em separado,
declarando-se o número do registro do loteamento, o valor da cessão e a qualificação do cessionário para o devido registro.

c) em qualquer caso de rescisão por inadimplemento do adquirente, as benfeitorias necessárias ou úteis por ele levadas a efeito no imóvel não deverão ser
indenizadas, sendo de nenhum efeito qualquer disposição contratual em contrário.

d) qualquer alteração ou cancelamento parcial do loteamento registrado dependerá de acordo entre o loteador e os adquirentes de lotes atingidos pela
alteração, independentemente da aprovação pela Prefeitura Municipal, ou do Distrito Federal quando for o caso, devendo ser depositada no Registro de Imóveis.

e) são retratáveis os compromissos de compra e venda, cessões e promessas de cessão, os que atribuam direito à adjudicação compulsória e, estando
registrados, confiram direito real oponível a terceiros.
Gabarito: B Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/432259

Questão 63: FCC - Ana (PGE MT)/PGE MT/Engenheiro Cartográfico e Agrimensor/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
O tipo de parcelamento do solo que se caracteriza por edificação ou conjunto de edificações de um ou mais pavimentos construídos sob a forma de unidades
isoladas entre si, residenciais ou não, cujo terreno, bem como as fundações, paredes e tudo o mais que sirva a qualquer dependência de uso comum dos
proprietários, como as vias de circulação interna, equipamentos comunitários, permanecem na esfera privada e constituem propriedade de todos, insuscetíveis de
divisão, é

a) loteamento.

b) condomínio.

c) desmembramento.

d) amembramento.

e) parcela.
Gabarito: B Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/435651

Questão 64: VUNESP - Proc Jur(CM Marília)/CM Marília/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Sobre a legislação federal que dispõe sobre o parcelamento do solo, é correto afirmar que

a) se considera desmembramento a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos
ou prolongamento, modificação ou ampliação das vias existentes.

b) a legislação estadual definirá, para cada zona em que se divida o território dos Municípios, os usos permitidos e os índices urbanísticos de parcelamento e
ocupação do solo, que incluirão, obrigatoriamente, as áreas mínimas e máximas de lotes e os coeficientes máximos de aproveitamento.

c) nos Municípios cuja legislação for omissa, os prazos serão de noventa dias para a aprovação ou rejeição de um projeto de parcelamento e de sessenta dias
para a aceitação ou recusa fundamentada das obras de urbanização executadas.

d) é possível que um mesmo lote situe-se em mais de uma circunscrição.

e) é permitida a venda ou promessa de venda de parcela de loteamento ou desmembramento ainda que não registrado.
Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/442193

Questão 65: VUNESP - Adv (CM Registro)/CM Registro/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Quanto ao parcelamento do solo, assinale a alternativa correta.

a) Considera-se loteamento a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, desde que não implique
na abertura de novas vias e logradouros públicos.

b) Poderá ser permitido o parcelamento do solo em terrenos alagadiços e sujeitos a inundações, após tomadas as providências para assegurar o escoamento
das águas.

c) Não será permitido o parcelamento do solo em áreas de preservação ecológica ou naquelas onde a poluição impeça condições sanitárias suportáveis,
mesmo após a sua correção.

d) O Poder Público competente não poderá exigir, no loteamento, a reserva de faixa non aedificandi destinada a equipamentos urbanos.

e) Não é possível à Prefeitura e ao Estado oporem-se ao cancelamento do registro do loteamento.


Gabarito: B Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/446930

15 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

Questão 66: VUNESP - Proc Jur (CM Poá)/CM Poá (SP)/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Assinale a alternativa que traz corretamente um dos requisitos urbanísticos que devam ser atendidos para ser feito um loteamento, nos termos da Lei nº 6.766/79.

a) As áreas destinadas a sistemas de circulação, a implantação de equipamento urbano e comunitário, bem como a espaços livres de uso público, serão
proporcionais à densidade de ocupação prevista pelo plano diretor ou aprovada por lei municipal para a zona em que se situem.

b) Os lotes terão área mínima de 125 m² (cento e vinte e cinco metros quadrados) e frente mínima de 6 (seis) metros, salvo quando o loteamento destinar-se a
urbanização específica ou edificação de conjuntos habitacionais de interesse social, previamente aprovados pelos órgãos públicos competentes.

c) Ao longo das águas correntes e dormentes e das faixas de domínio público das rodovias e ferrovias, será obrigatória a reserva de uma faixa não-edificável
de 10 (dez) metros de cada lado, salvo maiores exigências da legislação específica.

d) As vias de loteamento não necessariamente deverão articular-se com as vias adjacentes oficiais, existentes ou projetadas, mas com elas devem
harmonizar-se.

e) A legislação estadual definirá, para cada zona em que se divida o território do Município, os usos permitidos e os índices urbanísticos de parcelamento e
ocupação do solo, que incluirão, obrigatoriamente, as áreas mínimas e máximas de lotes e os coeficientes máximos de aproveitamento.
Gabarito: A Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/456836

Questão 67: VUNESP - AnaTC MPE SP/MPE SP/Arquiteto e Urbanista/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Um parcelamento do solo para fins urbanos, situado em município do Estado de São Paulo, implicará a abertura de via pública e subdivisão do terreno em dois lotes
privados com área média de 1 500 m2. Esse empreendimento deve ser caracterizado como

a) loteamento, obrigando-se à doação de 35% de áreas públicas, conforme determinado na legislação federal.

b) loteamento, obrigando-se à doação de áreas públicas nos termos da legislação municipal.

c) desmembramento, obrigando-se à doação de áreas públicas nos termos da legislação municipal.

d) desmembramento, obrigando-se à doação de 35% de áreas públicas, conforme determinado na legislação federal.

e) desdobro de lotes, obrigando-se à doação de 35% de áreas públicas, conforme determinado na legislação federal.
Gabarito: B Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/466107

Questão 68: VUNESP - AnaTC MPE SP/MPE SP/Engenharia Civil/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Segundo a Lei Federal nº 6.766/79, não será permitido o parcelamento do solo em

a) áreas federais classificadas como de uso estratégico.

b) áreas com situação fundiária regularizada.

c) terrenos com declividade igual ou superior a 30%, salvo se atendidas exigências específicas das autoridades competentes.

d) terrenos com declividade igual ou superior a 45%, dos quais tenha sido suprimida mata nativa.

e) terrenos que tenham sido aterrados com materiais de 2ª categoria.


Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/466378

Questão 69: AOCP - TNM I (Pref JF)/Pref JF/Estradas/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Com relação ao planejamento urbano de uma cidade, assinale a alternativa correta.

a) Um dos principais problemas relacionados à mobilidade urbana são os congestionamentos em horário de pico.

b) A falta de estacionamento em uma cidade não é caracterizada como um problema de planejamento urbano.

c) Um planejamento urbano eficaz deve focar em transportes individuais, não levando em conta os meios de transporte coletivos.

d) Os veículos de transporte público não devem possuir um local para transporte exclusivo.

e) O espaço viário por passageiro é menor quando se utiliza meios de transporte individuais.
Gabarito: A Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/478225

Questão 70: AOCP - TNS I (Pref JF)/Pref JF/Analista Ambiental/Engenharia Civil/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
De acordo com a Lei Federal 6.766/79, que dispõe sobre o Parcelamento do Solo Urbano, é correto afirmar que

a) o parcelamento do solo para fins urbanos é regido pela supracitada Lei Federal. A mesma norma também estabelece, de forma expressa, que é defeso aos
Estados, ao Distrito Federal e aos Municípios estabelecerem normas complementares relativas ao parcelamento do solo municipal para fins de adequação da Lei
geral com as peculiaridades regionais e locais.

b) somente será admitido o parcelamento do solo para fins urbanos em zonas urbanas, de expansão urbana ou de urbanização específica, assim definidas
pelo plano diretor e aprovadas por lei municipal.

c) entre os requisitos Urbanísticos para Loteamento, a referida Lei Federal reza que ao longo das águas correntes e dormentes e das faixas de domínio
público das rodovias e ferrovias será obrigatória a reserva de uma faixa não-edificável de 15 (quinze) metros de cada lado, salvo maiores exigências da legislação
específica.

d) considera-se desmembramento a subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos
ou prolongamento, modificação ou ampliação das vias existentes.

16 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

e) é permitido o parcelamento do solo em terrenos com declividade igual ou superior a 30% (trinta por cento), sob quaisquer condições.
Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/479583

Questão 71: Com. Exam. (MPE GO) - PJ (MPE GO)/MPE GO/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
No tocante à Lei Federal nº 6.766/79 (Lei do Parcelamento do Solo), assinale a alternativa falsa:

a) os espaços livres de uso comum, as vias e praças, as áreas destinadas a edifícios públicos e outros equipamentos urbanos, constantes do projeto e do
memorial descritivo, não poderão ter sua destinação alterada pelo loteador, desde a aprovação do loteamento, salvo as hipóteses de caducidade da licença ou
desistência do loteador, sendo, neste caso, observadas as exigências legais.

b) A existência de protestos, de ações pessoais ou de ações penais, exceto as referentes a crime contra o patrimônio e contra a administração, não Impedirá
o registro do loteamento se o requerente comprovar que esses protestos ou ações não poderão prejudicar os adquirentes dos lotes. Se o oficial do registro de
imóveis julgar insuficiente a comprovação feita, suscitará a dúvida perante o juiz competente.

c) a Infraestrutura básica dos parcelamentos situados nas zonas habitacionais declaradas por lei como de Interesse social (ZHIS) consistirá, no mínimo,
dentre outros requisitos, solução para o esgotamento sanitário e para energia elétrica pública e domiciliar.

d) a lei municipal definirá os prazos para que um projeto de parcelamento apresentado seja aprovado ou rejeitado e para que as obras executadas sejam
aceitas ou recusadas e, transcorridos os prazos sem a manifestação do Poder Público, o projeto será considerado rejeitado ou as obras recusadas, assegurada a
Indenização para eventuais danos derivados da omissão.
Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/497632

Questão 72: VUNESP - Proc (Pres Prudente)/Pref Pres Prudente/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
O parcelamento do solo urbano poderá ser feito mediante loteamento ou desmembramento, nos termos da Lei nº 6.766/1979, com suas devidas atualizações. Sobre
esse tema, é correto afirmar que

a) a infraestrutura básica dos parcelamentos é constituída pelos equipamentos urbanos de escoamento das águas pluviais, iluminação pública, esgotamento
sanitário, exceto abastecimento de água potável, energia elétrica pública e domiciliar e vias de circulação.

b) se considera desmembramento a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos
ou prolongamento, modificação ou ampliação das vias existentes.

c) se considera loteamento a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, desde que não implique
na abertura de novas vias e logradouros públicos, nem no prolongamento, modificação ou ampliação dos já existentes.

d) se considera lote o terreno servido de infraestrutura básica cujas dimensões atendam aos índices urbanísticos definidos pelo plano diretor ou lei municipal
para a zona em que se situe.

e) somente será admitido o parcelamento do solo para fins urbanos em zonas urbanas, de expansão urbana ou de urbanização específica, assim definida pelo
plano diretor ou aprovadas por lei estadual.
Gabarito: D Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/497717

Questão 73: VUNESP - Proc Jur (Alumínio)/Pref Alumínio/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Sobre o parcelamento do solo, considera-se

a) loteamento: a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com abertura de novas vias de circulação e logradouros públicos, desde que não
implique na modificação ou ampliação das vias existentes.

b) desmembramento: a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, ainda que implique na abertura
parcial de novas vias e logradouros públicos.

c) lote: o terreno servido de infraestrutura básica cujas dimensões atendam aos índices urbanísticos definidos pelo plano diretor ou lei municipal para a zona
em que se situe.

d) infraestrutura básica: os equipamentos urbanos de escoamento das águas pluviais; iluminação pública e das áreas comuns; esgotamento sanitário;
abastecimento de água potável; energia elétrica pública, das áreas comuns e domiciliar; e vias de circulação.

e) de interesse público: os parcelamentos vinculados a planos ou programas habitacionais de iniciativa das Prefeituras Municipais, da União, dos Estados e do
Distrito Federal, em especial as regularizações de parcelamentos e de assentamentos.
Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/498821

Questão 74: MPE SC - PJ (MPE SC)/MPE SC/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
De acordo com a Lei n. 6.766/79 (Parcelamento do Solo Urbano), aprovado o projeto de loteamento ou de desmembramento, o loteador deverá submetê-lo ao
registro imobiliário dentro de cento e oitenta dias, sob pena de caducidade da aprovação, acompanhado dos documentos referidos na apontada norma, entre os
quais, da certidão negativa de ações reais referentes ao imóvel, pelo período de dez anos, e da certidão negativa de tributos federais, estaduais e municipais
incidentes sobre o imóvel.

Certo

Errado
Gabarito: Certo Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/507702

Questão 75: MPE SC - PJ (MPE SC)/MPE SC/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
De acordo com a Lei n. 6.766/79, a existência de protestos, de ações pessoais ou de ações penais, com a única exceção dos crimes contra o patrimônio, não
impedirá o registro do loteamento se o requerente comprovar que esses protestos ou ações não poderão prejudicar os adquirentes dos lotes.

Certo

17 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

Errado
Gabarito: Errado Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/507703

Questão 76: MPE SC - PJ (MPE SC)/MPE SC/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Segundo a Lei n. 6.766/79, a infraestrutura básica dos parcelamentos situados nas zonas habitacionais declaradas por lei como de interesse social (ZHIS) consistirá,
no mínimo, de: vias de circulação; escoamento das águas pluviais; rede para o abastecimento de água potável; soluções para o esgotamento sanitário e para a
energia elétrica domiciliar; sistema de iluminação pública.

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/507704

Questão 77: CPCON UEPB - Arqt (Alagoinha)/Pref Alagoinha-PB/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
O parcelamento do solo urbano poderá ser feito mediante loteamento ou desmembramento. Considera-se loteamento a subdivisão de gleba em lotes destinados à
edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos ou prolongamento, modificação ou ampliação das vias existentes. Ressalvadas as
hipóteses de loteamentos destinados à urbanização específica ou à edificação de conjuntos habitacionais de interesse social, os lotes terão área mínima de:

a) 125 m².

b) 120 m².

c) 115 m².

d) 110 m².

e) 105 m².
Gabarito: A Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/524812

Questão 78: CPCON UEPB - Arqt (Alagoinha)/Pref Alagoinha-PB/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Acerca do parcelamento do solo urbano, analise as seguintes assertivas:

I - Considera-se desmembramento a subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, ainda que
implique na abertura de novas vias e logradouros públicos, e no prolongamento, modificação ou ampliação dos já existentes.

II - A infraestrutura básica dos parcelamentos é constituída pelos equipamentos urbanos de escoamento das águas pluviais, iluminação pública, esgotamento
sanitário, abastecimento de água potável, energia elétrica pública e domiciliar e vias de circulação.

III - O projeto de loteamento e desmembramento deverá ser aprovado pela Prefeitura Municipal.

IV - O projeto aprovado poderá ser executado a qualquer tempo.

Somente está CORRETO o que se afirma em:

a) II, III, e IV

b) I, II e III.

c) II e III.

d) I e IV.

e) III.
Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/524821

Questão 79: CPCON UEPB - Eng Civ (Alagoinha)/Pref Alagoinha-PB/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A respeito da Lei N° 6.766/1979, que dispõe sobre o Parcelamento do Solo Urbano, indique a alternativa INCORRETA.

a) A infraestrutura básica do parcelamento do solo urbano é constituída exclusivamente por equipamentos urbanos de escoamento das águas pluviais,
esgotamento sanitário e abastecimento de água potável.

b) Não será permitido o parcelamento do solo em áreas de preservação ecológica.

c) A infraestrutura básica do parcelamento do solo urbano é constituída inclusive por iluminação pública e domiciliar e vias de circulação.

d) Ao longo das águas correntes e das ferrovias, será obrigatória a reserva de uma faixa não-edificável de 15 (quinze) metros de cada lado.

e) Consideram-se urbanos os equipamentos públicos de abastecimento de água, serviços de esgotos, energia elétrica, coletas de águas pluviais, rede
telefônica e gás canalizado.
Gabarito: A Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/524901

Questão 80: CPCON UEPB - Fisc O (Soledade PB)/Pref Soledade (PB)/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Sobre a Lei Federal Nº 6.766/1979, a qual dispõe sobre o Parcelamento do Solo Urbano, é INCORRETO afirmar que:

a) O parcelamento do solo urbano poderá ser feito mediante loteamento ou desmembramento.

b) A infraestrutura básica dos parcelamentos é constituída unicamente pelos equipamentos urbanos de escoamento das águas pluviais, esgotamento sanitário

18 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

e abastecimento de água potável.

c) Consideram-se comunitários, os equipamentos públicos de educação, cultura, saúde e lazer.

d) Não será permitido o parcelamento do solo em terrenos alagadiços e sujeitos a inundações, antes de tomadas as providências para assegurar o
escoamento das águas.

e) Os Municípios poderão estabelecer normas complementares relativas ao parcelamento do solo municipal para adequar-se às peculiaridades locais.
Gabarito: B Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/529438

Questão 81: COPESE-UFT - Proc (Pref Palmas)/Pref Palmas/2016


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Considerando o estabelecido na Lei de Parcelamento do solo urbano (Lei Federal nº 6.766/1979), analise as afirmativas a seguir.

I. Considera-se loteamento a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos ou
prolongamento, modificação ou ampliação das vias existentes.

II. Considera-se ainda loteamento a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, desde que não
implique na abertura de novas vias e logradouros públicos, nem no prolongamento, modificação ou ampliação dos já existentes.

III. Somente será admitido o parcelamento do solo para fins urbanos em zonas urbanas, de expansão urbana ou de urbanização específica, assim definidas
pelo plano diretor ou aprovadas por lei municipal.

IV. Em terrenos com declividade igual ou superior a 30%, salvo se atendidas exigências específicas das autoridades competentes e em terrenos onde as
condições geológicas não aconselham a edificação, não será permitido o parcelamento do solo.

Indique a alternativa CORRETA:

a) Somente as afirmativas I, II e III estão corretas.

b) Somente as afirmativas II, III e IV estão corretas


.

c) Somente as afirmativas I, II e IV estão corretas.

d) Somente as afirmativas I, III e IV estão corretas.


Gabarito: D Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/540255

Questão 82: VUNESP - Asse Jur (Caieiras)/CM Caieiras/2015


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Quanto ao parcelamento do Solo Urbano, é correta a seguinte afirmação:

a) Considera-se desmembramento a subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos
ou prolongamento, modificação ou ampliação das vias existentes.

b) Considera-se loteamento a subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, desde que não implique
na abertura de novas vias, logradouros públicos, nem no prolongamento, modificação ou ampliação dos já existentes.

c) Não será permitido o parcelamento do solo para fins urbanos em terrenos alagadiços e sujeitos a inundações, ainda que tomadas as providências para
assegurar o escoamento das águas.

d) Não será permitido o parcelamento de solo para fins urbanos em terrenos que tenham sido aterrados com material nocivo à saúde pública, ainda que
previamente saneados.

e) Somente será admitido o parcelamento do solo para fins urbanos em zonas urbanas, de expansão urbana ou de urbanização específica, assim definidas
pelo plano diretor ou aprovadas por lei municipal.
Gabarito: E Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/260074

Questão 83: CESPE - Arqt e Urb (FUB)/FUB/2015


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Em referência a planejamento e projeto de espaços urbanos, julgue o próximo item.

É defeso por lei o parcelamento do solo em terrenos, com declividade igual ou superior a 40% como também os alagadiços, ainda que seja providenciado o
escoamento prévio de suas águas, visto que, em épocas de chuvas, esses locais estarão sujeitos a inundações.

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/288816

Questão 84: CESPE - Eng (FUB)/FUB/Civil/2015


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
De acordo com a legislação federal vigente aplicada ao parcelamento do solo urbano, julgue o item subsequente.

A lei considera como estrutura básica dos parcelamentos do solo urbano os equipamentos urbanos de escoamento de águas pluviais, as redes de esgoto sanitário,
de abastecimento de água potável e de energia elétrica pública e domiciliar, a iluminação pública, bem como as vias de circulação, pavimentadas ou não.

Certo

Errado
Gabarito: Certo Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/289495

Questão 85: CESPE - Eng (FUB)/FUB/Civil/2015


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano

19 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

De acordo com a legislação federal vigente aplicada ao parcelamento do solo urbano, julgue o item subsequente.

O devido licenciamento ambiental e as restrições de edificação referentes às áreas de preservação permanente (APP) são aplicáveis aos parcelamentos do solo
urbano.

Certo

Errado
Gabarito: Certo Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/289496

Questão 86: CESPE - Eng (FUB)/FUB/Civil/2015


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
De acordo com a legislação federal vigente aplicada ao parcelamento do solo urbano, julgue o item subsequente.

O loteamento de solo urbano será considerado viável, desde que a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com aproveitamento do sistema viário
existente, não acarrete abertura de novas vias e logradouros públicos ou mesmo prolongamento, modificação ou ampliação dos já existentes.

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/289498

Questão 87: FGV - Ag Fisc (TCM SP)/TCM-SP/Engenharia Civil/2015


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A Lei Federal nº 6.766 de 1979 dispõe sobre o Parcelamento do Solo Urbano. Segundo esse instrumento legal, o projeto de loteamento e desmembramento deverá
ser aprovado pela Prefeitura Municipal ou pelo Distrito Federal. Compete também aos municípios a fixação das diretrizes para o uso do solo, traçado dos lotes, do
sistema viário, dos espaços livres e das áreas reservadas para equipamento urbano e comunitário quando:

a) a gleba for localizada em área de proteção ao patrimônio cultural, histórico, paisagístico e arqueológico definida por legislação estadual ou federal;

b) o loteamento ou desmembramento localizar-se em área limítrofe do município;

c) a gleba for localizada em área de proteção aos mananciais definida por legislação estadual ou federal;

d) o loteamento ou desmembramento pertencer a mais de um município;

e) o loteamento pertencer somente a um município, mas tiver uma área de 500.000 m² a 1.000.000 m².
Gabarito: E Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/297025

Questão 88: SMA-RJ (antiga FJG) - Cons Leg (CM RJ)/CM RJ/Obras Públicas, Infraestrutura e Urbanismo/2015
Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A Lei (Federal) no 6.766, de 19 de dezembro de 1979, incluídas suas atualizações, dispõe sobre o parcelamento do solo urbano. De acordo com essa Lei, a
subdivisão de uma gleba em lotes destinados a edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, que não implique a abertura de novas vias e logradouros
públicos, nem o prolongamento, modificação ou ampliação dos já existentes é denominada:

a) loteamento

b) desmembramento

c) arruamento

d) parqueamento
Gabarito: B Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/302283

Questão 89: SMA-RJ (antiga FJG) - Cons Leg (CM RJ)/CM RJ/Obras Públicas, Infraestrutura e Urbanismo/2015
Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Em uma discussão sobre a possibilidade de aumento do prazo para averbação, junto ao Registro de Imóveis competente, de projeto aprovado de loteamento,
conforme estabelecido na Resolução SMU no 728 de 10 de julho de 2007, da Secretaria Municipal de Urbanismo do Município do Rio de Janeiro, um consultor
lembrou que esse prazo não pode ser superior ao estabelecido na Lei (Federal) nº 6.766, de 19 de dezembro de 1979 e suas atualizações, ou seja, não pode ser
superior a:

a) 60 dias

b) 90 dias

c) 120 dias

d) 180 dias
Gabarito: D Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/302285

Questão 90: Com. Exam. (MPE SP) - PJ (MPE SP)/MPE SP/2015


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
À luz da Lei nº 6.766/79 (Lei de Parcelamento do Solo Urbano), assinale a alternativa que contém afirmação incorreta:

a) Em caso de rescisão por inadimplemento do adquirente, as benfeitorias necessárias ou úteis por ele levadas a efeito no imóvel deverão ser indenizadas,
salvo disposição contratual em contrário.

b) É vedado vender ou prometer vender parcela de loteamento ou desmembramento não registrado.

c) O loteador, ainda que já tenha vendido todos os lotes, ou os vizinhos, são partes legítimas para promover ação destinada a impedir construção em
desacordo com restrições legais ou contratuais.

20 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

d) Os compromissos de compra e venda, as cessões e as promessas de cessão valerão como título para o registro da propriedade do lote adquirido, quando
acompanhados da respectiva prova de quitação.

e) Será nula de pleno direito a cláusula de rescisão de contrato por inadimplemento do adquirente, quando o loteamento não estiver regularmente inscrito.
Gabarito: A Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/307025

Questão 91: VUNESP - Proc Jur (Suzano)/Pref Suzano/2015


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Sobre o que dispõe a lei do parcelamento do solo, é correto afirmar que

a) a Prefeitura Municipal, ou o Distrito Federal quando for o caso, indicará, nas plantas apresentadas junto com o requerimento, de acordo com as diretrizes
de planejamento estadual e municipal, diretrizes essas que depois de expedidas valerão pelo prazo máximo de dois anos.

b) o registro do loteamento só poderá ser cancelado por ordem judicial e independentemente da sentença ter transitado em julgado.

c) o projeto de loteamento e desmembramento deverá ser aprovado pela Prefeitura Municipal, ou pelo Distrito Federal quando for o caso, a quem compete
também a fixação das diretrizes, devendo porém, para ter validade, ter anuência expressa do Poder Público Estadual.

d) será nula de pleno direito a cláusula de rescisão de contrato por inadimplemento do adquirente, quando o loteamento não estiver regularmente inscrito.

e) os espaços livres de uso comum, as vias e praças, as áreas destinadas a edifícios públicos e outros equipamentos urbanos, constantes do projeto e do
memorial descritivo, não poderão ter sua destinação alterada pelo loteador, em nenhuma hipótese, a partir da aprovação do loteamento pelos órgãos competentes.
Gabarito: D Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/311241

Questão 92: Com. Exam. (MPE RS) - Eng Civ (MPE RS)/MPE RS/2015
Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A Lei nº 6.766 (1979), que trata do parcelamento do solo, estabelece que

a) o desmembramento é a subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos ou
prolongamento, modificação ou ampliação das vias existentes.

b) o loteamento é a subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, desde que não implique a abertura
de novas vias e logradouros públicos, nem no prolongamento, modificação ou ampliação dos já existentes.

c) a gleba é o terreno servido de infraestrutura básica cujas dimensões atendam aos índices urbanísticos definidos pelo plano diretor ou lei municipal para a
zona em que se situe.

d) a infraestrutura básica dos parcelamentos é constituída pelos equipamentos urbanos de escoamento das águas pluviais, iluminação pública, esgotamento
sanitário, abastecimento de água potável, energia elétrica pública e domiciliar e vias de circulação.

e) o parcelamento do solo poderá ser admitido para fins urbanos em zonas urbanas, zonas rurais e reservas, de expansão urbana ou de urbanização
específica, assim definidas pelo plano diretor ou aprovadas por lei municipal.
Gabarito: D Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/371245

Questão 93: Instituto AOCP - Ana Tec (MPE BA)/MPE BA/Meio Ambiente/Urbanismo/2014
Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
São modalidades de parcelamento, de acordo com a lei 6766/79:

a) loteamento rural e chácaras de lazer.

b) loteamentos fechados e abertos.

c) desmembramento e remembramento.

d) condomínios residenciais e desmembramento.

e) chácaras de lazer e remembramento.


Gabarito: C Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/177849

Questão 94: Instituto AOCP - Ana Tec (MPE BA)/MPE BA/Meio Ambiente/Urbanismo/2014
Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
De acordo com a Lei Federal 6.766/79, que dispõe sobre o Parcelamento do Solo Urbano e dá outras providências, é correto afirmar que

a) seu conceito é a subdivisão de um terreno urbano ou rural em lotes, envolvido por uma rede viária ou sem ela.

b) o parcelamento do solo urbano poderá ser feito mediante loteamento ou desmembramento, observadas as disposições desta Lei e as das legislações
estaduais e municipais pertinentes.

c) a infraestrutura básica dos parcelamentos é constituída por iluminação pública, esgotamento sanitário, abastecimento de água potável e energia elétrica
pública.

d) a infraestrutura básica dos parcelamentos situados nas zonas habitacionais declaradas como zona social (ZHIS) consistirá, no mínimo, de vias de
circulação e rede para o abastecimento de água potável.

e) ao longo das águas correntes será obrigatória a reserva de uma faixa não-edificável que dependerá de sua importância, variando de 30 (trinta) metros a 50
(cinquenta) metros de cada lado, salvo maiores exigências da legislação específica.
Gabarito: B Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/177850

Questão 95: FCC - Proc (Cuiabá)/Pref Cuiabá/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
São atos sujeitos ao registro na matrícula do imóvel:

21 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

a) notificação para parcelamento, edificação ou utilização compulsórios de imóvel urbano.

b) servidões em geral.

c) mudança de denominação e de numeração dos prédios, edificação, reconstrução, demolição, desmembramento e loteamento de imóveis.

d) caução e cessão fiduciária de direitos relativos a imóveis.

e) cláusulas de inalienabilidade, impenhorabilidade e incomunicabilidade impostas a imóveis, bem como a constituição de fideicomisso.
Gabarito: B Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/178376

Questão 96: FCC - Proc (Cuiabá)/Pref Cuiabá/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A respeito dos requisitos urbanísticos para loteamentos, considere:

I. As áreas destinadas a sistemas de circulação, a implantação de equipamento urbano e comunitário, bem como a espaços livres de uso público, serão
proporcionais à densidade de ocupação prevista pelo plano diretor ou aprovada por lei municipal para a zona em que se situem.

II. Os lotes terão área mínima de 250 m2 (duzentos e cinquenta metros quadrados) e frente mínima de 10 (dez) metros, salvo quando o loteamento se
destinar a urbanização específica ou edificação de conjuntos habitacionais de interesse social, previamente aprovados pelos órgãos públicos competentes.

III. Ao longo das águas correntes e dormentes e das faixas de domínio público das rodovias e ferrovias, será obrigatória a reserva de uma faixa não edificável
de 30 (trinta) metros de cada lado, salvo maiores exigências da legislação específica.

Está correto o que se afirma APENAS em

a) III.

b) I e III.

c) I e II.

d) I.

e) II e III.
Gabarito: D Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/178387

Questão 97: CESPE - Proc (PGE BA)/PGE BA/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
No que se refere ao parcelamento do solo urbano e aos registros públicos, julgue o item seguinte.

Aprovado o projeto de loteamento pelo município, o loteador deverá submetê-lo ao registro imobiliário, acompanhado dos documentos indicados na lei, dentro de
cento e oitenta dias, sob pena de caducidade da aprovação.

Certo

Errado
Gabarito: Certo Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/178561

Questão 98: CESPE - Proc (MPTCE-PB)/TCE-PB/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Acerca do regramento legal sobre o parcelamento do solo para fins urbanos, conforme a Lei n.º 6.766/1979, assinale a opção correta.

a) Como regra geral, a infraestrutura mínima com a qual deve contar qualquer parcelamento do solo urbano restringe-se à existência de rede de abastecimento
de água potável e de esgotamento sanitário, bem como energia elétrica domiciliar.

b) A partir do registro do loteamento, passam a integrar o domínio do município as vias e praças, os espaços livres e as áreas destinadas a edifícios públicos e
outros equipamentos urbanos constantes do projeto e do memorial descritivo.

c) Será admitido o parcelamento do solo para fins urbanos apenas em zonas urbanas ou de urbanização específica, e que assim forem definidas pelo plano
diretor.

d) O registro de loteamento poderá ser cancelado mediante requerimento do loteador, desde que conte com anuência da prefeitura e tenham sido
comercializados no máximo 10% dos lotes, garantido aos compradores o direito à indenização.

e) Tanto o loteamento quanto o desmembramento consistem na subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação, admitindo-se, em ambas as
modalidades de parcelamento do solo urbano indicadas, o prolongamento dos logradouros públicos já existentes, embora a abertura de novas vias de circulação
somente seja admitida no loteamento.
Gabarito: B Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/179415

Questão 99: VUNESP - NeR (TJ SP)/TJ SP/Provimento/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A Lei n.º 6.766/79 (Lei sobre o parcelamento do solo urbano) prevê como crime, no art. 50, I: “Dar início, de qualquer modo, ou efetuar loteamento ou
desmembramento do solo para fins urbanos sem autorização do órgão público competente, ou em desacordo com as disposições desta Lei ou de outras normas
pertinentes do Distrito Federal, Estados e Municípios”. Tal crime pode ser classificado como:

a) material, de dano e permanente, no qual o sujeito passivo é o Estado.

b) formal, de perigo e instantâneo de efeitos permanentes, no qual o sujeito passivo é a Administração Pública.

c) formal, de dano e instantâneo de efeitos permanentes, no qual o sujeito passivo é o Município.

d) formal, de perigo e permanente, no qual o sujeito passivo é a Administração Pública.


Gabarito: B Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/198390

22 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

Questão 100: VUNESP - Proc (Pref. Poá)/Pref Poá/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Quanto ao parcelamento do solo, nos termos da Lei n.º 6.766, de 19 de dezembro de 1979, é correta a seguinte afirmação:

a) O loteamento somente poderá ser realizado por pessoa jurídica de natureza privada.

b) Não será permitido o parcelamento do solo em terrenos alagadiços e sujeitos a inundações, ainda que tomadas as providências para assegurar o
escoamento das águas.

c) Considera-se desmembramento a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, ainda que implique
na abertura de novas vias e logradouros públicos, ou prolongamento, modificação ou ampliação dos já existentes.

d) Considera-se loteamento a subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos ou
prolongamentos, modificação ou ampliação das vias existentes.

e) Não será permitido o parcelamento do solo em áreas de preservação ecológica ou naquelas onde a poluição impeça condições sanitárias suportáveis, ainda
que já corrigidas.
Gabarito: D Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/211305

Questão 101: FGV - TSE (DPE RJ)/DPE RJ/Engenharia de Agrimensura/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A Lei Federal nº 6.766, de 19 de dezembro de 1979, dispõe sobre o parcelamento do solo urbano e determina que os parcelamentos nas zonas habitacionais
declaradas por lei como de interesse social (ZHIS) devem conter obras de infraestrutura básica mínima. As obras de infraestrutura básica devem conter

a) vias de circulação.

b) iluminação pública.

c) rede telefônica.

d) gás canalizado.

e) áreas livres de uso comum.


Gabarito: A Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/215997

Questão 102: FGV - TSE (DPE RJ)/DPE RJ/Engenharia de Agrimensura/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Com relação à Lei Federal nº 6.766, de 19 de dezembro de 1979, que dispõe sobre o parcelamento do solo urbano e dá outras providências, analise as afirmativas a
seguir:

I. Não será permitido o parcelamento do solo em terrenos alagadiços e sujeitos a inundações, antes de tomadas as providências para assegurar o
escoamento das águas.

II. Não será permitido o parcelamento do solo em terrenos que tenham sido aterrados com material nocivo à saúde pública, sem que sejam previamente
saneados.

III. Não será permitido o parcelamento do solo em terrenos onde as condições geológicas não aconselham a edificação, salvo se atendidas exigências
específicas das autoridades competentes.

Assinale se

a) somente a afirmativa I estiver correta.

b) somente a afirmativa II estiver correta.

c) somente a afirmativa III estiver correta.

d) somente as afirmativas I e II estiverem corretas.

e) todas as afirmativas estiverem corretas.


Gabarito: D Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/215998

Questão 103: CESPE - Eng (CEF)/CEF/Engenharia Civil/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
No Brasil, legislação federal regula o parcelamento do solo urbano desde os anos 70 do século passado, com definição das devidas restrições em relação à
ocupação de áreas frágeis e insalubres, além das obrigações do poder público, dos loteadores e dos compradores. Acerca desse assunto, julgue o item que se
segue.

Não se permite o parcelamento do solo em terrenos alagadiços e sujeitos a inundações antes que sejam tomadas as providências para assegurar o escoamento das
águas.

Certo

Errado
Gabarito: Certo Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/240430

Questão 104: FCC - APE (TCE-RS)/TCE-RS/Arquitetura/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
De acordo com a Lei Federal nº 6.766/79, são, entre outros, documentos que o loteador deve submeter ao registro imobiliário após aprovado o projeto de loteamento
ou de desmembramento:

a) histórico dos títulos de propriedade do imóvel, abrangendo os últimos vinte anos, acompanhados dos respectivos comprovantes; certidões negativas de
ações reais referentes ao imóvel, pelo período de dez anos; declaração do cônjuge do requerente de que consente no registro do loteamento.

23 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

b) certidões dos cartórios de protestos de títulos, em nome do loteador, pelo período de vinte anos; histórico dos títulos de propriedade do imóvel, abrangendo
os últimos dez anos, acompanhados dos respectivos comprovantes; declaração do cônjuge do requerente de que consente no registro do loteamento.

c) histórico dos títulos de propriedade do imóvel, abrangendo os últimos dez anos, acompanhados dos respectivos comprovantes; certidões negativas de
ações reais referentes ao imóvel, pelo período de dez anos; certidões dos cartórios de protestos de títulos, em nome do loteador, pelo período de vinte anos.

d) histórico dos títulos de propriedade do imóvel, abrangendo os últimos vinte anos, acompanhados dos respectivos comprovantes; certidões dos cartórios de
protestos de títulos, em nome do loteador, pelo período de vinte anos; certidões negativas de ações reais referentes ao imóvel, pelo período de vinte anos.

e) certidões dos cartórios de protestos de títulos, em nome do loteador, pelo período de dez anos; histórico dos títulos de propriedade do imóvel, abrangendo
os últimos dez anos, acompanhados dos respectivos comprovantes; certidões negativas de ações reais referentes ao imóvel, pelo período de dez anos.
Gabarito: A Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/253229

Questão 105: CESPE - AL (CAM DEP)/CAM DEP/Área XI/Consultor Legislativo/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Com relação ao desenvolvimento urbano e aos aspectos legais relacionados a esse assunto, julgue o item subsecutivo.

Na figura a seguir, um desmembramento é representado pela letra A, enquanto que pela letra B é um exemplo de loteamento.

Certo

Errado
Gabarito: Anulada Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/254458

Questão 106: CESPE - AL (CAM DEP)/CAM DEP/Área XI/Consultor Legislativo/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Com relação ao desenvolvimento urbano e aos aspectos legais relacionados a esse assunto, julgue o item subsecutivo.

Um lote, segundo a legislação, deve ter área mínima de 125 m 2.

Certo

Errado
Gabarito: Certo Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/254460

Questão 107: CESPE - AL (CAM DEP)/CAM DEP/Área XI/Consultor Legislativo/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Com relação ao desenvolvimento urbano e aos aspectos legais relacionados a esse assunto, julgue o item subsecutivo.

Realiza desmembramento aquele que subdivide a gleba em lotes com a finalidade de edificação, se tal subdivisão não implicar na abertura de novas vias e
logradouros públicos. O projeto de desmembramento deverá ser apresentado junto à prefeitura municipal ou ao Distrito Federal, quando for o caso, de modo a
indicar as vias existentes, os loteamentos próximos, o tipo de uso predominante no local e a divisão de lotes pretendida na área.

Certo

Errado
Gabarito: Certo Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/254461

Questão 108: CESPE - AL (CAM DEP)/CAM DEP/Área XIII/Consultor Legislativo/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Considerando a Lei n.º 6.766/1979, que dispõe sobre o parcelamento do solo urbano, julgue o item subsequente.

Antes da elaboração do projeto de loteamento, o interessado deverá solicitar à prefeitura municipal, ou ao Distrito Federal, quando for o caso, a definição das
diretrizes para o uso do solo.

Certo

Errado
Gabarito: Certo Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/254874

Questão 109: CESPE - AL (CAM DEP)/CAM DEP/Área XIII/Consultor Legislativo/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Considerando a Lei n.º 6.766/1979, que dispõe sobre o parcelamento do solo urbano, julgue o item subsequente.

Caso a área de um loteamento pertença a dois municípios, a definição das diretrizes para o traçado dos lotes e do sistema viário caberá ao município onde estiver

24 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

localizada a maior área desse loteamento.

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/254876

Questão 110: CESPE - AL (CAM DEP)/CAM DEP/Área XIII/Consultor Legislativo/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Considerando a Lei n.º 6.766/1979, que dispõe sobre o parcelamento do solo urbano, julgue o item subsequente.

Os lotes destinados à urbanização específica ou a edificações de conjuntos habitacionais de interesse público poderão ter área inferior a 125 m².

Certo

Errado
Gabarito: Anulada Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/254877

Questão 111: VUNESP - Proc Mun (Pref SJRP)/Pref SJRP/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Com relação ao parcelamento do solo urbano, previsto na Lei Federal n.º 6.766, de 19 de dezembro de 1979 (Lei Lehmann), é correto afirmar que os loteamentos
deverão atender, pelo menos, ao seguinte requisito:

a) mesmo na hipótese do loteamento destinar-se a urbanização específica ou edificação de conjuntos habitacionais de interesse social, previamente
aprovados pelos órgãos públicos competentes, os lotes não poderão ter área mínima inferior a 125 m 2 (cento e vinte e cinco metros quadrados).

b) ao longo das águas correntes e dormentes e das faixas de domínio público das rodovias e ferrovias, será facultativa a reserva de uma faixa não-edificável
de 15 (quinze) metros de cada lado, salvo maiores exigências da legislação específica.

c) ao longo das águas correntes e dormentes e das faixas de domínio público das rodovias e ferrovias, será obrigatória a reserva de uma faixa não-edificável
de 15 (quinze) metros de cada lado, salvo maiores exigências da legislação específica.

d) as vias de loteamento não necessitam, obrigatoriamente, articular-se com as vias adjacentes oficiais, existentes ou projetadas, e harmonizar-se com a
topografia local.

e) a legislação estadual definirá, para cada zona em que se divida o território do Município, os usos permitidos e os índices urbanísticos de parcelamento e
ocupação do solo.
Gabarito: C Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/254961

Questão 112: VUNESP - Proc Mun (Pref SJRP)/Pref SJRP/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A Lei n.º 6.766, de 19 de dezembro de 1979, que dispõe sobre o Parcelamento do Solo Urbano e dá outras providências, estabelece sobre os contratos que

a) são retratáveis os compromissos de compra e venda e as cessões que, registrados, confiram direito real oposto a terceiros.

b) as promessas de cessão e as cessões deverão ser feitas por escritura pública.

c) os firmados por procurador de uma das partes terão a respectiva procuração arquivada em cartório de registro de documentos com dois translados para o
registro imobiliário.

d) a sentença declaratória de falência ou da insolvência de qualquer das partes não rescindirá os contratos e compromisso de compra e venda ou de promessa
de cessão que tenham por objeto a área loteada ou lotes da mesma.

e) o contrato particular pode ser transferido por trespasse, mas a cessão depende da anuência do loteador.
Gabarito: D Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/254997

Questão 113: VUNESP - Proc Mun (Pref SJRP)/Pref SJRP/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
O parcelamento do solo urbano, segundo a Lei n.º 6.766/79, poderá ser feito mediante loteamento ou desmembramento. A referida Lei considera

a) zona habitacional o terreno servido de infraestrutura básica cujas dimensões atendam aos índices urbanísticos definidos por lei estadual para a zona
regional em que esteja situado.

b) loteamento a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com abertura de vias de circulação já existentes e modificação de equipamentos
públicos.

c) desmembramento a divisão de gleba em lotes destinados à edificação, com abertura de novas vias e aproveitamento do sistema viário já existente.

d) infraestrutura básica dos parcelamentos, a constituída pelos equipamentos de caráter misto de escoamento das águas pluviais, esgotamento sanitário e vias
de canalização de água para dessedentação de animais.

e) lote o terreno servido de infraestrutura básica cujas dimensões atendam aos índices urbanísticos definidos pelo plano diretor ou lei municipal para a zona
em que se situe.
Gabarito: E Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/254998

Questão 114: FGV - Age Fisc (Osasco)/Pref Osasco/Meio Ambiente/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Com relação à Lei Federal nº 6.766, de 19 de dezembro de 1979, que dispõe sobre o parcelamento do solo urbano e dá outras providências, analise as afirmativas a
seguir, considerando V para a(s) afirmativa(s) verdadeira(s) e F para a(s) falsa(s).

O parcelamento do solo urbano deverá ser feito exclusivamente mediante loteamento, observadas as disposições da Lei em comento, e as das legislações estaduais
e municipais pertinentes.

25 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

Considera-se lote o terreno servido de infraestrutura básica cujas dimensões atendam aos índices urbanísticos definidos pelo plano diretor ou lei municipal para a
zona em que se situe.

Não será permitido o parcelamento do solo em terrenos alagadiços e sujeitos a inundações, antes de tomadas as providências para assegurar o escoamento das
águas.

A sequência correta é:

a) F-F-V;

b) V-V-F;

c) F-V-V;

d) F-V-F;

e) V-F-F.
Gabarito: C Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/282692

Questão 115: CESGRANRIO - Adv (EPE)/EPE/Jurídica/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A Prefeitura do Município Ômega concedeu alvará de licença à Construtora T Ltda para implantação do Loteamento W, com a exigência de que fossem feitas obras
para abertura de vias de circulação, demarcação de quadras e lotes e escoamento de águas pluviais. Feita a vistoria, 10 anos após a concessão do alvará,
verificou-se que as obras de abertura de vias e demarcação de lotes haviam sido parcialmente realizadas, mas não aquela de escoamento de águas pluviais. Ocorre
que a legislação ambiental fora alterada, com novas exigências, entre as quais a vedação da supressão de vegetação primária de Mata Atlântica, o que impediu a
regularização do loteamento, tendo em vista que os terrenos são todos ocupados por mata deste tipo.

Nesse caso, o loteamento

a) deverá ser regularizado, com base na legislação de regência à época em que a licença fora concedida.

b) deverá ser regularizado, já que a obtenção do alvará constitui, para a empresa loteadora, ato jurídico perfeito.

c) deverá ser adaptado à nova legislação, ou seu titular deverá indenizar o município pelos eventuais danos causados ao meio ambiente.

d) não está sujeito à nova legislação, já que decorridos 10 anos estará protegido pelo manto da imutabilidade, ante a prescrição.

e) não poderá ser regularizado ante a superveniência da nova legislação ambiental e do interesse público em sua observância, podendo haver indenização.
Gabarito: E Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/286361

Questão 116: Com. Exam. (MPE PR) - PJ (MPE PR)/MPE PR/2014


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
O parcelamento do solo para fins urbanos é regulamentado pela Lei nº 6.766/79. Em relação ao mencionado diploma legal, assinale a alternativa correta:

a) Considera-se desmembramento a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos
ou prolongamento, modificação ou ampliação das vias existentes;

b) Não será permitido, em qualquer hipótese, o parcelamento do solo em terrenos que tenham sido aterrados com material nocivo à saúde pública;

c) O registro do loteamento só poderá ser cancelado por decisão judicial ou a requerimento conjunto do loteador e de todos os adquirentes de lotes, com
anuência da Prefeitura, ou do Distrito Federal quando for o caso, e do Estado;

d) São irretratáveis os compromissos de compra e venda, cessões e promessas de cessão, os que atribuam direito a adjudicação compulsória e, estando
registrados, confiram direito real oponível a terceiros;

e) Desde a aprovação do projeto de loteamento, passam a integrar o domínio do Município as vias e praças, os espaços livres e as áreas destinadas a
edifícios públicos e outros equipamentos urbanos, constantes do projeto e do memorial descritivo.
Gabarito: D Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/492464

Questão 117: CESPE - AJ TRT10/TRT 10/Judiciária/"Sem Especialidade"/2013


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Com relação aos direitos reais, julgue o item subsecutivo.

Na promessa de compra e venda de imóvel não loteado, pode-se inserir cláusula de arrependimento, contudo o exercício do direito de retratação só será cabível
antes do pagamento total do preço.

Certo

Errado
Gabarito: Certo Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/110271

Questão 118: CESPE - NeR (TJ RR)/TJ RR/2013


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Com base no que dispõe a Lei do Parcelamento Urbano, assinale a opção correta.

a) É desnecessária a oitiva do MP no procedimento previsto em lei para a efetivação do registro do loteamento.

b) As vias e as praças, os espaços livres e as áreas destinadas a edifícios públicos e outros equipamentos urbanos constantes do projeto e do memorial
descritivo passam a integrar o domínio do poder público a partir da data do requerimento administrativo, possuindo o registro do loteamento efeitos ex tunc.

c) Considera-se desmembramento a subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, desde que isso
não implique abertura de novas vias e logradouros públicos nem prolongamento, modificação ou ampliação dos já existentes.

d) Admite-se excepcionalmente, o parcelamento do solo em terrenos alagadiços e sujeitos a inundações antes de tomadas as providências para assegurar o
escoamento das águas.

26 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

e) Entre os requisitos exigidos para a criação de loteamentos, inclui-se a necessidade de que os lotes tenham área mínima de 300 m² e frente mínima de 15 m,
salvo quando o loteamento se destinar à urbanização específica ou à edificação de conjuntos habitacionais de interesse social previamente aprovados pelos órgãos
públicos competentes.
Gabarito: C Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/117893

Questão 119: CESPE - AA (TCE-ES)/TCE-ES/Arquitetura/2013


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Com relação ao parcelamento do solo urbano no Brasil, assinale a opção correta.

a) Lote é legalmente definido como o terreno servido de infraestrutura básica cujas dimensões atendam aos índices urbanísticos definidos pelo plano diretor ou
pela lei municipal para a zona em que se situa.

b) A existência de rede de gás liquefeito de petróleo é um dos requisitos de infraestrutura básica para os parcelamentos situados em zonas habitacionais de
interesse social.

c) Em loteamentos de urbanização específica, a área mínima estabelecida para o lote é de 125 m2.

d) A definição das diretrizes de uso do solo para parcelamento é de responsabilidade do arquiteto e urbanista, em parceria com o proprietário da área.

e) Cabe à União formular as diretrizes para a aprovação dos loteamentos em regiões metropolitanas.
Gabarito: A Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/143523

Questão 120: FCC - Eng (CEF)/CEF/Engenharia Civil/2013


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
O parcelamento do solo para fins urbanos é feito de acordo com leis federais, estaduais e municipais. Sobre o parcelamento do solo, considere:

I. O loteamento e o desmembramento são subdivisões de gleba em lotes destinados à edificação.

II. O loteamento e o desmembramento permitem a abertura de novas vias de circulação e logradouros públicos.

III. A infraestrutura básica de um parcelamento do solo é constituída por equipamentos urbanos, como por exemplo: escoamento das águas pluviais,
iluminação pública, esgotamento sanitário, abastecimento de água potável, entre outros.

IV. O desmembramento possibilita o prolongamento e a ampliação dos logradouros existentes.

Está correto o que se afirma APENAS em

a) I, II e IV.

b) II e III.

c) I e III.

d) II e IV.

e) I e IV.
Gabarito: C Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/146937

Questão 121: CESPE - PJ (MPE RO)/MPE RO/2013


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
À luz do disposto na Lei n.º 6.766/1979, assinale a opção correta a respeito do parcelamento do solo urbano.

a) É lícita a inclusão, nos contratos de alienação de lotes em loteamento de terras, de cláusula contratual que imponha aos adquirentes do bem o repasse dos
custos realizados com obras de redes de água e esgoto.

b) A competência do município para regularizar o parcelamento, as edificações, o uso e a ocupação do solo é discricionária, não podendo o Poder Judiciário
proferir decisão para compeli-lo ao cumprimento de tal dever.

c) A referida norma faz distinção entre os parcelamentos destinados à indústria, ao comércio, às residências de luxo ou às casas populares, dando primazia
aos valores urbanísticos e ecológicos.

d) Em se tratando de desapropriação por interesse social, para fins de reforma agrária, de área onde se encontre loteamento não registrado, devem-se
considerar, para a determinação do valor da indenização devida pelo poder público ao dono da área, os terrenos ainda não vendidos ou compromissados.

e) Em ACP em que se discuta a execução de parcelamento de solo urbano com alienação de lotes sem aprovação dos órgãos públicos competentes, pode o
MP, como autor, formular pedido de indenização em prol daqueles que adquiriram os lotes irregulares.
Gabarito: Anulada Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/181256

Questão 122: CESPE - Ana MPU/MPU/Perícia/Engenharia Ambiental/2013


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
No que diz respeito ao planejamento territorial, julgue o item seguinte.

A taxa de ocupação, um instrumento de controle do uso e da ocupação do solo urbano, indica o número de vezes que o terreno foi aproveitado em termos de área
construída total.

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/230620

Questão 123: CESPE - Ana MPU/MPU/Perícia/Engenharia Ambiental/2013


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
No que diz respeito ao planejamento territorial, julgue o item seguinte.

27 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

Mediante o gabarito, um instrumento físico útil ao controle da ventilação, da insolação e da densidade populacional, estabelece-se a altura máxima das edificações, a
qual pode ser expressa em número de pavimentos ou em metros.

Certo

Errado
Gabarito: Certo Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/230621

Questão 124: IBFC - Per Crim (PC RJ)/PC RJ/Biologia/2013


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
O Artigo 3º da Lei 6.766/79 discorre sobre a admissão do parcelamento do solo para fins urbanos em zonas urbanas, de extensão urbana ou de urbanização
específica, definidas pelo plano diretor ou aprovadas por lei municipal. Portanto, não é permitido o parcelamento do solo em áreas ou terrenos com características
específicas.

Assinale qual das áreas citadas abaixo, terá admitido o parcelamento do solo:

a) Terrenos alagadiços e sujeitos a inundações, antes de tomadas as providências para assegurar o escoamento das águas.

b) Terrenos que tenham sido aterrados com material nocivo à saúde pública previamente saneados.

c) Terrenos com declividade igual ou superior a 30%.

d) Terrenos onde as condições geológicas não aconselham a edificação.

e) Áreas de preservação ecológica ou aquelas onde a poluição impeça condições sanitárias suportáveis.
Gabarito: B Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/268988

Questão 125: IBFC - Per Crim (PC RJ)/PC RJ/Engenharia Ambiental, Florestal, Agrícola e Agronomia/2013
Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
O parcelamento do solo para fins urbanos é regido pela Lei Federal nº 6766/1979, que não impede dos Estados, o Distrito Federal e os Municípios estabelecerem
normas complementares relativas ao parcelamento do solo municipal para adequar o previsto na Lei às peculiaridades regionais e locais. A citada lei indica que o
parcelamento do solo urbano poderá ser feito mediante loteamento ou desmembramento, observadas as disposições da mesma e as das legislações estaduais e
municipais pertinentes. Nestes termos, considerando legislação em epígrafe, a infra-estrutura básica dos parcelamentos situados nas zonas habitacionais
declaradas por lei como de interesse social (ZHIS) consistirá, no mínimo, de:

a) Vias de circulação e rede para o abastecimento de água potável.

b) Rede para o abastecimento de água potável e soluções para o esgotamento sanitário.

c) Vias de circulação, escoamento das águas pluviais e rede para o abastecimento de água potável.

d) Escoamento das águas pluviais, rede para o abastecimento de água potável e soluções para o esgotamento sanitário e para a energia elétrica domiciliar.

e) Vias de circulação, escoamento das águas pluviais, rede para o abastecimento de água potável e soluções para o esgotamento sanitário e para a energia
elétrica domiciliar.
Gabarito: E Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/270976

Questão 126: IBFC - Per Crim (PC RJ)/PC RJ/Engenharia Ambiental, Florestal, Agrícola e Agronomia/2013
Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Os loteamentos irregulares proliferam no Brasil, causando sérios transtornos para os compromissários-compradores de terrenos formados a parti de projetos nessa
situação. Os reflexos são sensíveis também para os que tenham comprado à vista os lotes e para aqueles que se tenham tornado promitentes cessionários dos
primitivos compromissos. Por primeiro há que se conceituar o que seja loteamento urbano irregular e, nessa tarefa, cabe verificar que, basicamente, há dois tipos de
irregularidades: a técnica e a jurídica. Nestes termos, um loteamento é tecnicamente irregular se:

a) Somente for executado sem aprovação da prefeitura municipal.

b) Somente for executado sem aprovação da prefeitura municipal ou executado com aprovação da prefeitura municipal, mas em desacordo com o projeto.

c) Somente for executado com aprovação da prefeitura municipal, mas em desacordo com o projeto.

d) Somente não for assinado por um engenheiro.

e) For executado sem aprovação da prefeitura municipal ou executado com aprovação da prefeitura municipal, mas em desacordo com o projeto ou executado
de acordo com o projeto aprovado, mas sem obediência ao cronograma de obras.
Gabarito: E Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/270978

Questão 127: IBFC - Per Crim (PC RJ)/PC RJ/Engenharia Civil/2013


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Considere a Lei Nº 6.766, de 19 de dezembro de 1979, que dispõe sobre o Parcelamento do Solo Urbano e dá outras Providências e assinale a situação incorreta
em casos de perícias.

a) Ao analisar a documentação e plantas de um projeto de edificação, havia um parcelamento do solo implantado e não registrado. Foi constatado que o
Município já havia requerido, por meio da apresentação de planta de parcelamento elaborada pelo loteador e de declaração de que o parcelamento se encontra
implantado, o registro das áreas destinadas a uso público. O perito deve então, certificar-se se de fato existe esse requerimento, pois, caso exista, tais áreas
passarão, dessa forma, a integrar o domínio do município e não haverá irregularidade.

b) Em um projeto de parcelamento, verificou-se que as vias implantadas não estão articuladas com as vias adjacentes existentes. Ainda que tais vias tenham
sido projetadas corretamente de acordo com a topografia local, deve constar no relatório da perícia que não estão conformes.

c) Ao verificar a infraestrutura básica dos parcelamentos, verificou-se que havia iluminação pública, esgotamento sanitário, abastecimento de água potável,
energia elétrica pública e vias de circulação. No entanto, não foram identificados equipamentos urbanos de escoamento das águas pluviais e energia elétrica
domiciliar. Como a vistoria é apenas da infraestrutura básica, esses itens faltantes podem ser desconsiderados e não há necessidade de identificá-los no relatório de
vistoria.

28 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

d) Não oi encontrada na análise do processo de parcelamento, a fase de fixação de diretrizes de planejamento. No entanto, o Município possui um plano
diretor contendo diretrizes de urbanização para a zona em que se situa tal parcelamento. Com isso, não há irregularidade.

e) Ao analisar um projeto de loteamento, verificou-se que havia instabilidade geológica. A atitude correta seria atestar o risco iminente para a construção de
uma edificação e vedar a aprovação do projeto.
Gabarito: C Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/273688

Questão 128: IBFC - Per Crim (PC RJ)/PC RJ/Engenharia Elétrica e Eletrônica/2013
Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
De acordo com a Lei nº 6766/79, somente será admitido o parcelamento do solo para fins urbanos em zonas urbanas, de expansão urbana ou de urbanização
específica, assim definidas pelo plano diretor, ou aprovadas por lei municipal. Em parágrafo único é definido que não será permitido o parcelamento do solo em
terrenos com declividade igual ou superior a:

a) 25% (vinte e cinco por cento), salvo se atendida exigências específicas das autoridades competentes;

b) 10% (dez por cento), salvo se atendidas exigências específicas das autoridades competentes;

c) 20% (vinte por cento), salvo se atendidas exigências específicas das autoridades competentes;

d) 15% (quinze por cento), salvo se atendidas exigências específicas das autoridades competentes;

e) 30% (trinta por cento), salvo se atendidas exigências específicas das autoridades competentes
Gabarito: E Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/275151

Questão 129: IBFC - Per Crim (PC RJ)/PC RJ/Medicina Veterinária/2013


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Assinale a alternativa que completa o artigo 6º da Lei nº 6.766 de dezembro de 1979 assinada pelo então presidente João Figueiredo:

"Art. 6º. Antes da elaboração do projeto de loteamento, o interessado deverá solicitar à _________________, ou ao _________________quando for o caso, que
defina as diretrizes para o uso do solo, traçado dos lotes, do sistema viário, dos espaços livres e das áreas reservadas para equipamento urbano e comunitário,
apresentando, para este fim, requerimento e planta do imóvel..."

a) União; órgão competente.

b) Prefeitura Municipal; Distrito Federal.

c) Entidade responsável; Governador do Estado.

d) União; Estado.

e) Prefeitura Municipal; Estado.


Gabarito: B Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/286143

Questão 130: Com. Exam. (MPE SP) - PJ (MPE SP)/MPE SP/2013


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Assinale a alternativa INCORRETA.

Segundo a Lei n.º 6.766, de 19 de dezembro de 1979, que dispõe sobre o Parcelamento do Solo Urbano e dá outras Providências,

a) a infraestrutura básica dos parcelamentos é constituída pelos equipamentos urbanos de escoamento das águas pluviais, iluminação pública, esgotamento
sanitário, abastecimento de água potável, energia elétrica pública e domiciliar e vias de circulação.

b) considera-se loteamento a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos ou
prolongamento, modificação ou ampliação das vias existentes.

c) considera-se desmembramento a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, desde que não
implique na abertura de novas vias e logradouros públicos, nem no prolongamento, modificação ou ampliação dos já existentes.

d) considera-se lote o terreno cujas dimensões atendam aos índices urbanísticos definidos pelo plano diretor ou lei municipal para a zona em que se situe, bem
como às diretrizes especificadas pelo loteador no que diz respeito à sua destinação.

e) somente será admitido o parcelamento do solo para fins urbanos em zonas urbanas, de expansão urbana ou de urbanização específica, assim definidas
pelo plano diretor ou aprovadas por lei municipal.
Gabarito: D Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/306960

Questão 131: CESPE - JE TJPI/TJ PI/2012


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Joana adquiriu lote para pagar em vinte e quatro prestações mensais. Após o pagamento da quinta parcela, descobriu que o loteamento não estava registrado.

Considerando essa situação hipotética, assinale a opção correta.

a) Não será lícita a suspensão do pagamento das prestações restantes sem ordem judicial.

b) A lei veda que a prefeitura regularize o loteamento, mas determina que notifique o loteador para fazê-lo.

c) A prefeitura deve promover a desapropriação da área para evitar lesão ao padrão de desenvolvimento urbano.

d) Vendida mais da metade dos lotes, a prefeitura poderá afastar o requisito de área mínima para a regularização do loteamento.

e) Deverá ser considerada nula, no caso, cláusula de rescisão de contrato por inadimplemento do adquirente.
Gabarito: E Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/67644

Questão 132: CESPE - AIE (MPOG)/MPOG/Área II/2012

29 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano


O processo mundial de reestruturação urbana verificado no início desse século pode ser propriamente chamado de reforma urbana. À semelhança dos processos
ocorridos na virada do século XIX para o século XX, embora em proporções e profundidade muito superiores às daquele momento, está sendo reconfigurado o
conjunto de elementos que impulsionam e caracterizam a rede urbana mundial e sua hierarquia. Nesse sentido, as profundas transformações da economia, das
relações sociais e do aparelho de Estado têm dado lugar, em termos urbanos e urbanísticos, à produção de novas centralidades, ao aumento gigantesco da
mobilidade de pessoas, à competição acirrada entre cidades e à readequação de seus espaços a esses novos processos.

Ana Fernandes. Urbanismo contemporâneo no brasil: entre o negócio e o direito. In: Urbanismo em questão. Prourb, 2003, p. 263.

Com base no texto acima e na Lei de Parcelamento do Solo Urbano, julgue o item a seguir, que tratam de planejamento urbano e redes de transporte urbano.

A produção de novas centralidades de regiões metropolitanas tem por consequência direta o aumento significativo da circulação de pessoas, onerando as redes de
transporte urbano e exigindo dimensionamento maior de seu excedente.

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/68130

Questão 133: CESPE - AIE (MPOG)/MPOG/Área II/2012


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
O processo mundial de reestruturação urbana verificado no início desse século pode ser propriamente chamado de reforma urbana. À semelhança dos processos
ocorridos na virada do século XIX para o século XX, embora em proporções e profundidade muito superiores às daquele momento, está sendo reconfigurado o
conjunto de elementos que impulsionam e caracterizam a rede urbana mundial e sua hierarquia. Nesse sentido, as profundas transformações da economia, das
relações sociais e do aparelho de Estado têm dado lugar, em termos urbanos e urbanísticos, à produção de novas centralidades, ao aumento gigantesco da
mobilidade de pessoas, à competição acirrada entre cidades e à readequação de seus espaços a esses novos processos.

Ana Fernandes. Urbanismo contemporâneo no brasil: entre o negócio e o direito. In: Urbanismo em questão. Prourb, 2003, p. 263.

Com base no texto acima e na Lei de Parcelamento do Solo Urbano, julgue o item a seguir, que tratam de planejamento urbano e redes de transporte urbano.

Nos termos da legislação vigente, deve ser elaborado o Relatório de Impacto Ambiental (RIMA) para um projeto urbanístico de 200 hectares ou que esteja em área
de relevante interesse ambiental, a critério da Secretaria de Meio Ambiente e dos órgãos estaduais ou municipais.

Certo

Errado
Gabarito: Certo Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/68133

Questão 134: CESPE - AIE (MPOG)/MPOG/Área II/2012


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
O processo mundial de reestruturação urbana verificado no início desse século pode ser propriamente chamado de reforma urbana. À semelhança dos processos
ocorridos na virada do século XIX para o século XX, embora em proporções e profundidade muito superiores às daquele momento, está sendo reconfigurado o
conjunto de elementos que impulsionam e caracterizam a rede urbana mundial e sua hierarquia. Nesse sentido, as profundas transformações da economia, das
relações sociais e do aparelho de Estado têm dado lugar, em termos urbanos e urbanísticos, à produção de novas centralidades, ao aumento gigantesco da
mobilidade de pessoas, à competição acirrada entre cidades e à readequação de seus espaços a esses novos processos.

Ana Fernandes. Urbanismo contemporâneo no brasil: entre o negócio e o direito. In: Urbanismo em questão. Prourb, 2003, p. 263.

Com base no texto acima e na Lei de Parcelamento do Solo Urbano, julgue o item a seguir, que tratam de planejamento urbano e redes de transporte urbano.

Para reforçar a divisão das responsabilidades governamentais, as áreas de proteção especial devem ser definidas pelos municípios, juntamente com os estados, no
plano diretor ou em legislação dele derivada.

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/68134

Questão 135: CESPE - AIE (MPOG)/MPOG/Área II/2012


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Os instrumentos de controle urbano definidos por nossos planos diretores têm sido duramente postos à prova − alguns diriam, com imensas dificuldades − face a
desafios urbanos, como a explosão de crescimento urbano desde a segunda metade do século XX, ainda em progressão em algumas regiões do país. Estes
instrumentos consistem de guias normativos de prescrição de usos e condicionantes para as formas arquitetônicas. A questão que se apresenta é: como modelos
normativos podem guiar as dinâmicas cada vez mais complexas (e potencialmente contraditórias) da cidade brasileira?

Vinícius Netto e Renato Saboya. A urgência do planejamento: a revisão dos instrumentos normativos de ocupação urbana. Internet: <www.vitruvius.com.br>.

Tendo como referência o texto acima e os múltiplos aspectos a ele relacionados, julgue o item que se segue.

Nos termos da Lei de Parcelamento vigente, considera-se desmembramento a subdivisão de glebas com ou sem abertura de vias, desde que haja criação de
logradouro público.

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/68137

Questão 136: CESPE - AIE (MPOG)/MPOG/Área II/2012


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Os instrumentos de controle urbano definidos por nossos planos diretores têm sido duramente postos à prova − alguns diriam, com imensas dificuldades − face a
desafios urbanos, como a explosão de crescimento urbano desde a segunda metade do século XX, ainda em progressão em algumas regiões do país. Estes
instrumentos consistem de guias normativos de prescrição de usos e condicionantes para as formas arquitetônicas. A questão que se apresenta é: como modelos
normativos podem guiar as dinâmicas cada vez mais complexas (e potencialmente contraditórias) da cidade brasileira?

30 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

Vinícius Netto e Renato Saboya. A urgência do planejamento: a revisão dos instrumentos normativos de ocupação urbana. Internet: <www.vitruvius.com.br>.

Tendo como referência o texto acima e os múltiplos aspectos a ele relacionados, julgue o item que se segue.

O poder público municipal, por meio da emissão de diretrizes, estabelece parâmetros para parcelamentos, como a frente mínima dos lotes, o comprimento máximo
das quadras e os tipos das infraestruturas urbanas exigidas.

Certo

Errado
Gabarito: Certo Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/68138

Questão 137: CESPE - AIE (MPOG)/MPOG/Área II/2012


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Os instrumentos de controle urbano definidos por nossos planos diretores têm sido duramente postos à prova − alguns diriam, com imensas dificuldades − face a
desafios urbanos, como a explosão de crescimento urbano desde a segunda metade do século XX, ainda em progressão em algumas regiões do país. Estes
instrumentos consistem de guias normativos de prescrição de usos e condicionantes para as formas arquitetônicas. A questão que se apresenta é: como modelos
normativos podem guiar as dinâmicas cada vez mais complexas (e potencialmente contraditórias) da cidade brasileira?

Vinícius Netto e Renato Saboya. A urgência do planejamento: a revisão dos instrumentos normativos de ocupação urbana. Internet: <www.vitruvius.com.br>.

Tendo como referência o texto acima e os múltiplos aspectos a ele relacionados, julgue o item que se segue.

A legislação acerca do parcelamento e uso do solo urbano foi atualizada nos anos 90 do século passado, incorporando mecanismos para dispor a respeito da
regularização de loteamentos suburbanos de pequeno valor.

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/68139

Questão 138: CESGRANRIO - Eng (CEF)/CEF/Engenharia Civil/2012


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Dentre as condições para o parcelamento do solo urbano, a Lei n o 6.766, de 19 de dezembro de 1979, estabelece a infraestrutura básica que deve compor os
parcelamentos.

De acordo com essa lei e suas atualizações, no caso de parcelamentos situados nas zonas habitacionais declaradas por lei como de interesse social (ZHIS), há
determinadas exigências que são feitas, à EXCEÇÃO de

a) rede de abastecimento de água potável

b) iluminação pública

c) escoamento de águas pluviais

d) vias de circulação

e) soluções para esgotamento sanitário


Gabarito: B Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/137916

Questão 139: CETRO - Proc Auta (Manaus)/Pref Manaus/2012


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Tendo em vista as disposições da Lei de Parcelamento do Solo Urbano, aos Estados caberá disciplinar a aprovação pelos Municípios de loteamentos e
desmembramentos nas seguintes condições:

I. quando localizados em áreas de interesse especial, tais como as de proteção aos mananciais ou ao patrimônio cultural, histórico, paisagístico e
arqueológico, assim definidas por legislação estadual ou municipal.

Il. quando o loteamento ou desmembramento localizar-se em área limítrofe do município, ou que pertença a mais de um município, nas regiões metropolitanas
ou em aglomerações urbanas, definidas em lei estadual ou federal.

III. quando o loteamento abranger área superior a 50.000m²

É correto o que está contido em

a) I, apenas.

b) II, apenas.

c) III, apenas.

d) I e II, apenas.

e) I, II e III.
Gabarito: B Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/163476

Questão 140: CETRO - Proc Auta (Manaus)/Pref Manaus/2012


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Leia o trecho abaixo e, em seguida, assinale a alternativa que preenche corretamente a lacuna.

Aprovado o projeto de loteamento ou de desmembramento, o loteador deverá submetê-lo ao registro imobiliário dentro de ___________ dias, sob pena de
caducidade da aprovação.

a) 30 (trinta)

31 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

b) 60 (sessenta)

c) 90 (noventa)

d) 120 (cento e vinte)

e) 180 (cento e oitenta)


Gabarito: E Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/163477

Questão 141: CETRO - Tec Mun (Manaus)/Pref Manaus/Civil/Edificações/2012


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
O parcelamento do solo urbano é vetado nas seguintes situações:

I. nos terrenos localizados abaixo da quota de nível inferior a 50 metros.

II. nos terrenos com declividades inferiores a 15% (quinze por cento).

III. nas áreas de Preservação Permanente.

É correto o que está contido em

a) I, apenas.

b) II, apenas.

c) III, apenas.

d) I e II, apenas.

e) I, II e III.
Gabarito: C Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/163587

Questão 142: CETRO - Ana Mun (Manaus)/Pref Manaus/Urbanismo/Engenharia Civil/2012


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Em relação ao parcelamento do solo urbano, analise as assertivas abaixo.

I. O parcelamento do solo urbano poderá ser feito mediante loteamento ou desmembramento, independentemente da Lei Federal de parcelamento do solo e
as diretrizes urbanísticas definidas por Lei Municipal.

II. O loteamento consiste na subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos ou
prolongamento, modificação ou ampliação das vias existentes.

III. O desmembramento consiste na subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, desde que não
implique na abertura de novas vias e logradouros públicos, nem no prolongamento, modificação ou ampliação dos já existentes.

É correto o que se afirma em

a) I, apenas.

b) II, apenas.

c) III, apenas.

d) II e III, apenas.

e) I, II e III.
Gabarito: D Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/164310

Questão 143: FAURGS - Arqt (TJ RS)/TJ RS/Classe R/2012


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
De acordo com a Lei Federal n.º 6766/79, que dispõe sobre o parcelamento do solo urbano, a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com
aproveitamento do sistema viário existente, desde que não implique na abertura de novas vias e logradouros públicos, nem no prolongamento, modificação ou
ampliação dos já existentes é considerada

a) loteamento.

b) parcelamento simples.

c) desmembramento.

d) adensamento.

e) densificação.
Gabarito: C Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/215261

Questão 144: VUNESP - Proc (Pref SJC)/Pref SJC/2012


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
De acordo com termos da Lei Federal n.º 6.766, de 19.12.1979, é correto afirmar que

a) lote é o terreno desprovido de infraestrutura básica cujas dimensões atendem, no mínimo, os índices urbanísticos definidos pelo Plano Diretor ou lei
municipal para a zona em que se situe.

b) desmembramento é a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com aproveitamento do sistema viário existente que implique na abertura de
novas vias e logradouros públicos e prolongamento, modificação ou ampliação dos já existentes.

32 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

c) loteamento é a subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos ou prolongamento,
modificação ou ampliação das vias existentes.

d) é requisito urbanístico para o loteamento que os lotes tenham área mínima de 105 m² (cento e cinco metros quadrados) e frente mínima de 5 (cinco) metros,
salvo quando o loteamento se destinar a urbanização específica ou edificação de conjuntos habitacionais de interesse social, previamente aprovados pelos órgãos
públicos competentes.

e) não se permite o parcelamento do solo em terreno com declividade igual ou superior a 20% (vinte por cento), salvo se atendidas exigências específicas das
autoridades competentes.
Gabarito: C Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/251510

Questão 145: UFMT - PJ (MPE MT)/MPE MT/2012


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Em relação à lei Lehmann, assinale a afirmativa correta.

a) Os proprietários podem fixar limitações urbanísticas distintas daquelas fixadas em lei, mas estas não podem ser mais restritivas.

b) O proprietário não pode fixar restrições urbanísticas, porque, em atenção ao princípio constitucional da legalidade, apenas lei em sentido formal pode impor
condicionamentos aos particulares.

c) Os proprietários não podem fixar restrições urbanísticas com o poder de atingir terceiros, uma vez que as convenções somente podem valer entre as partes
envolvidas.

d) Os proprietários podem fixar limitações urbanísticas que podem, inclusive, ser superiores e mais restritivas do que as que foram fixadas pela legislação.

e) As convenções entre particulares apenas podem ser fixadas quando houver lacunas na legislação.
Gabarito: D Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/386182

Questão 146: IESES - NeR (TJ RO)/TJ RO/Remoção/2012


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Considerando o que consta da Lei 6.766/79, que trata do Parcelamento do Solo Urbano, assinale a assertiva verdadeira:

a) Aprovado o projeto de loteamento ou de desmembramento, ao submetê-lo o loteador ao registro imobiliário, deverá apresentar, além de outros documentos,
certidões negativas de ações reais referentes ao imóvel, abrangendo os últimos vinte anos.

b) Aprovado o projeto de loteamento ou de desmembramento, ao submetê-lo o loteador ao registro imobiliário, deverá apresentar, além de outros documentos,
certidões dos cartórios de protestos de títulos, em nome do loteador, abrangendo os últimos vinte anos.

c) Aprovado o projeto de loteamento ou de desmembramento, ao submetê-lo o loteador ao registro imobiliário, deverá apresentar, além de outros documentos,
certidões negativas de ações penais com respeito ao crime contra o patrimônio e contra a Administração Pública.

d) Aprovado o projeto de loteamento ou de desmembramento, ao submetê-lo o loteador ao registro imobiliário, deverá apresentar, além de outros documentos,
histórico dos títulos de propriedade do imóvel, abrangendo os últimos trinta anos, acompanhados dos respectivos comprovantes.
Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/615143

Questão 147: IESES - NeR (TJ RO)/TJ RO/Remoção/2012


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Assinale a assertiva INCORRETA, a respeito do que consta da Lei 6.766/79, que trata do Parcelamento do Solo Urbano:

a) Desde a data de registro do loteamento, passam a integrar o domínio do Município as vias e praças constantes do projeto e do memorial descritivo.

b) Quando a área loteada estiver situada em mais de uma circunscrição imobiliária, o registro deverá ser requerido primeiramente, indistintamente, em
qualquer delas.

c) É possível o cancelamento do registro do loteamento a pedido do loteador, para o que será necessário que os adquirentes de lotes subscrevam também tal
requerimento e que exista anuência do Poder Público afetado.

d) Determina a lei em questão quanto aos contratos nela previstos, que são irretratáveis os compromissos de compra e venda, cessões e promessas de
cessão, os que atribuam direito a adjudicação compulsória e, estando registrados, confiram direito real oponível a terceiros.
Gabarito: B Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/615147

Questão 148: FCC - Proc (PGE MT)/PGE MT/2011


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
NÃO será permitido o parcelamento do solo

a) em terrenos alagadiços e sujeitos a inundações, em qualquer hipótese.

b) em terrenos que tenham sido aterrados com material nocivo à saúde pública, ainda que sejam previamente saneados.

c) em áreas de preservação ecológica ou naquelas onde a poluição impeça condições sanitárias suportáveis, até a sua correção.

d) em terrenos onde as condições geológicas aconselham a edificação.

e) em terreno com declividade igual ou superior a 20% (vinte por cento).


Gabarito: C Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/181511

Questão 149: VUNESP - JE TJSP/TJ SP/2011


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Loteamentos clandestinos ou irregulares vulneram não apenas a Lei n.º 6.766/1979, como causam lesão ao meio ambiente, seja mediante ocupação de Áreas de
Preservação Permanente, seja mediante devastação da cobertura vegetal. Discute-se a responsabilidade atribuível ao Município por esse parcelamento do solo em
desacordo com a lei, cabendo assinalar que o Município:

I. não tem responsabilidade, toda ela imputável ao empreendedor que não ajustou o seu empreendimento aos ditames legais;

33 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

II. não tem responsabilidade porque aplicou multa e embargou a obra e não lhe competia, além disso, qualquer outra providência;

III. tem responsabilidade pela regularização do loteamento clandestino, às suas expensas e de acordo com o poderdever disposto no art. 30, VIII, da CF/1988;

IV. tem responsabilidade por não impedir a consumação do dano ambiental e deve responder juntamente com o loteador pelos prejuízos advindos;

V. tem responsabilidade por sua negligência, está obrigado a promover a regularização do loteamento às expensas do loteador, contra o qual tem ação
regressiva.

Assinale a V (veracidade) ou a F (falsidade) dos assertos e indique a alternativa correta na sequência adequada.

a) V, F, V, F, V.

b) F, F, F, V, V.

c) F, V, F, V, V.

d) V, F, F, V, V.

e) F, V, F, F, V.
Gabarito: B Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/192686

Questão 150: IADES - AJ (PGDF)/PGDF/Arquitetura/2011


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Quanto ao parcelamento do solo urbano, assinale a alternativa correta.

a) Considera-se loteamento a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, desde que não implique
na abertura de novas vias e logradouros públicos, nem no prolongamento, modificação ou ampliação dos existentes.

b) O memorial descritivo da proposta de loteamento deve, obrigatoriamente, conter a descrição sucinta do loteamento, com as suas características e a fixação
da zona ou zonas de uso predominante; as condições urbanísticas do loteamento e as limitações que incidem sobre os lotes e suas construções; a indicação das
áreas públicas que passarão ao domínio do município ou Distrito Federal e a enumeração dos equipamentos urbanos, comunitários e dos serviços públicos ou de
utilidade pública, existentes no loteamento e adjacências.

c) Nos loteamentos, ao longo das águas correntes e dormentes; bem como das faixas de domínio público das rodovias e ferrovias, será obrigatória a reserva
de uma faixa non aedificandi de, no mínimo, 10 metros de cada lado.

d) O prazo de execução de um projeto de loteamento, devidamente aprovado pelas autoridades competentes, é considerado imprescritível, desde que as
obras de urbanização tenham sido iniciadas.

e) A lei municipal ou distrital definirá os prazos para que um projeto de parcelamento apresentado seja aprovado ou rejeitado e para que as obras executadas
sejam aceitas ou recusadas. Caso a legislação for omissa, os prazos serão de 120 dias para a aprovação ou rejeição e de 90 dias para a aceitação ou recusa
fundamentadas das obras de urbanização.
Gabarito: B Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/193190

Questão 151: IADES - AJ (PGDF)/PGDF/Arquitetura/2011


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Segundo a Lei Federal nº 6.766/1979, o parcelamento urbano em zona de interesse social deverá possuir a infraestrutura básica de

a) vias de circulação, escoamento de águas pluviais, rede para abastecimento de água potável e soluções para o esgotamento sanitário e para a energia
elétrica domiciliar.

b) vias circulação, escoamento de águas pluviais, rede para abastecimento de água potável e para a energia elétrica domiciliar.

c) vias de circulação, rede para abastecimento de água potável e soluções para o esgotamento sanitário e para a energia elétrica domiciliar.

d) vias de circulação duplicadas, rede para abastecimento de água potável e para a energia elétrica domiciliar.

e) vias de circulação duplicadas, escoamento de águas pluviais, rede para abastecimento de água potável e para a energia elétrica domiciliar.
Gabarito: A Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/193332

Questão 152: CONSULPLAN - Proc (Londrina)/Pref Londrina/2011


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
São requisitos urbanísticos para loteamento, dentre outros, EXCETO:

a) As áreas destinadas a sistemas de circulação, a implantação de equipamento urbano e comunitário, bem como a espaços livres de uso público, serão
proporcionais à densidade de ocupação prevista pelo plano diretor ou aprovada por lei municipal para a zona em que se situem.

b) Os lotes terão área mínima de 125m 2 e frente mínima de 5 metros, salvo quando a legislação estadual ou municipal determinar maiores exigências, ou
quando o loteamento se destinar a urbanização específica ou edificação de conjuntos habitacionais de interesse social, previamente aprovados pelos órgãos
públicos competentes.

c) A largura das vias deverá ser de, no mínimo, 6 metros.

d) Ao longo das águas correntes e dormentes e das faixas de domínio público das rodovias e ferrovias, será obrigatória a reserva de uma faixa não-edificável
de 15 metros de cada lado, salvo maiores exigências da legislação específica.

e) As vias de loteamento deverão articular-se com as vias adjacentes oficiais, existentes ou projetadas, e harmonizar-se com a topografia local.
Gabarito: C Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/226599

Questão 153: CESPE - Ana MPU/MPU/Perícia/Arquitetura/2010


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Julgue o item subsequente com base na Lei n.º 6.766/1979, que trata das diretrizes para parcelamento do solo urbano no Brasil.

Os adquirentes de lotes em parcelamento urbano executado em desacordo com o projeto original aprovado pelas instâncias públicas pertinentes são responsáveis

34 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

pela regularização do lote perante o poder público.

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/71121

Questão 154: CESPE - Ana MPU/MPU/Perícia/Arquitetura/2010


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Julgue o item subsequente com base na Lei n.º 6.766/1979, que trata das diretrizes para parcelamento do solo urbano no Brasil.

Em áreas municipais, o loteador deve apresentar as diretrizes de uso do solo à prefeitura antes da elaboração do projeto de loteamento.

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/71122

Questão 155: CESPE - Ana MPU/MPU/Perícia/Arquitetura/2010


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Julgue o item subsequente com base na Lei n.º 6.766/1979, que trata das diretrizes para parcelamento do solo urbano no Brasil.

A aprovação final de um parcelamento urbano depende da efetivação da venda, cessão ou ocupação de todos os lotes e de seu registro, pelo proprietário, em
cartório de registro de imóveis da circunscrição onde se encontra a gleba fracionada.

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/71123

Questão 156: FMP - DP RO/DPE RO/2010


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Tendo como base o regramento instituído pela Lei do Parcelamento do Solo Urbano – Lei Federal n.º 6.766/79, analise as assertivas que seguem.

I. Considera-se lote o terreno servido de infra-estrutura básica cujas dimensões não sejam menores do que o equivalente a setenta metros quadrados e, além
disso, atendam aos índices urbanísticos definidos pelo plano diretor ou lei municipal para a zona em que se situe.

II. A infraestrutura básica dos parcelamentos situados nas zonas habitacionais declaradas por lei como de interesse social (ZHIS) consistirá, no mínimo, de
vias de circulação, escoamento das águas pluviais, rede para o abastecimento de água potável e soluções para o esgotamento sanitário e para a energia
elétrica domiciliar.

III. Somente será admitido o parcelamento do solo para fins urbanos em zonas urbanas, de expansão urbana ou de urbanização específica, assim definidas
pelo plano diretor ou aprovadas por lei municipal.

IV. Consideram-se urbanos os equipamentos públicos de abastecimento de água, serviços de esgotos, energia elétrica, coletas de águas pluviais, rede
telefônica e gás canalizado.

Quais são corretas?

a) Apenas a I, a II e a III.

b) Apenas a I, a II e a IV.

c) Apenas a I, a III e a IV.

d) Apenas a II, a III e a IV.

e) Todas elas.
Gabarito: D Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/99705

Questão 157: FCC - AJ TRF4/TRF 4/Apoio Especializado/Engenharia Civil/2010


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Sobre parcelamento de solo, considere:

I. Loteamento é a subdivisão da gleba em lotes destinados à edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos ou prolongamento,
modificação ou ampliação das vias existentes.

II. Desmembramento é a subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação, com o aproveitamento do sistema viário existente, desde que não implique
abertura de novas vias e logradouros públicos, nem prolongamento, modificação ou ampliação das já existentes.

III. É necessário, mas não suficiente, que qualquer terreno que venha a receber um loteamento, e que, portanto, sofrerá divisão em lotes, tenha regularizada
sua matrícula junto ao cartório responsável ou de direito.

IV. Sem a liquidação de partilha de bens, referente a um determinado terreno, não é possível proceder ao desdobramento futuro de um loteamento ou terreno,
visto que a matrícula relativa aos lotes finais não poderá ser emitida.

É correto o que consta em

a) II e IV, apenas.

b) I e III, apenas.

c) I, II, III e IV.

d) I e II, apenas.

35 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

e) I, III e IV, apenas.


Gabarito: C Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/129278

Questão 158: FCC - Proc (Teresina)/Pref Teresina/2010


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Em relação aos loteamentos urbanos, é INCORRETO afirmar que

a) o Município não poderá expropriar áreas urbanas ou de expansão urbana para reloteamento, demolição, reconstrução e incorporação.

b) os interessados em elaborar projetos de loteamento deverão solicitar à Prefeitura Municipal que defina as diretrizes para o uso do solo, o traçado dos lotes,
do sistema viário, dos espaços livres e das áreas reservadas para equipamento urbano e comunitário.

c) os espaços livres de uso comum, as vias e praças e áreas destinadas a outros equipamentos urbanos constantes do projeto não poderão ter sua destinação
alterada pelo loteador, desde a aprovação do loteamento, salvo em caso de caducidade da licença ou desistência do loteador.

d) aprovado o projeto de loteamento ou de desmembramento, o loteador deverá submetê-lo ao Registro Imobiliário dentro de 180 (cento e oitenta) dias, sob
pena de caducidade da aprovação.

e) a Prefeitura Municipal poderá, para assegurar a regularização do loteamento ou desmembramento, bem como o ressarcimento integral de importâncias
despendidas ou a despender, promover judicialmente os procedimentos cautelares necessários a tais fins.
Gabarito: A Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/181910

Questão 159: FCC - ADP (DPE SP)/DPE SP/Arquiteto/2010


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Em loteamentos, considerando os requisitos urbanísticos exigidos pela Lei n o 6.766/76, os lotes terão área

a) mínima de 125 m2 e frente mínima de 5 metros.

b) mínima de 125 m2 e frente mínima de 5 metros, apenas para conjuntos habitacionais de interesse social.

c) mínima de 150 m2 e frente mínima de 5 metros.

d) proporcional à densidade de ocupação prevista nos planos diretores ou aprovada por lei municipal para a zona em que se situem.

e) mínima de 125 m2 e frente mínima de 8 metros.


Gabarito: A Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/182328

Questão 160: CONSULPLAN - Adv (SMM)/Pref Sta M Madalena/2010


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A Lei Federal nº. 6766, de 19 de dezembro de 1979, ao dispor sobre o parcelamento do solo urbano, estabeleceu que este poderá ser feito por meio de loteamento
ou desmembramento. Indique a afirmativa que NÃO diz respeito à modalidade de parcelamento decorrente de loteamento:

a) Para esta modalidade, as áreas destinadas a sistemas de circulação, a implantação de equipamento urbano e comunitário, bem como a espaços livres de
uso público, serão proporcionais à densidade de ocupação prevista pelo plano diretor ou aprovada por lei municipal para a zona em que se situem.

b) É considerado a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, desde que não implique na abertura
de novas vias e logradouros públicos, nem no prolongamento, modificação ou ampliação dos já existentes.

c) As vias de loteamento deverão articular-se com as vias adjacentes oficiais, existentes ou projetadas, e harmonizar-se com a topografia local.

d) Antes da elaboração de seu projeto, o interessado deverá solicitar à Prefeitura Municipal, ou ao Distrito Federal quando for o caso, que defina as diretrizes
para o uso do solo, traçado dos lotes, do sistema viário, dos espaços livres e das áreas reservadas para equipamento urbano e comunitário, apresentando, para este
fim, requerimento conforme especificações da lei.

e) Pode ser definido como a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos ou
prolongamento, modificação ou ampliação das vias existentes.
Gabarito: B Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/234655

Questão 161: CESPE - AJ TRE GO/TRE GO/Apoio Especializado/Arquitetura/2009


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Considerando a Lei n.º 6.766/1979, regulamentada pela Lei n.º 9.785/1999, que dispõe sobre o parcelamento do solo urbano, assinale a opção correta.

a) São considerados equipamentos comunitários as escolas de ensino fundamental e médio localizadas em cidades de até 30.000 habitantes.

b) As diretrizes para a elaboração de projetos de loteamentos expedidas pelo poder municipal vigorarão pelo prazo máximo de 4 anos.

c) Ao poder federal caberá disciplinar a aprovação pelos municípios de loteamentos e desmembramentos quando localizados em áreas de interesse histórico.

d) Os municípios com menos de 100.000 habitantes serão dispensados da fase de fixação de diretrizes de planejamento para a elaboração do projeto de
loteamento.
Gabarito: B Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/222310

Questão 162: CESPE - AJ (STF)/STF/Apoio Especializado/Arquitetura/2008


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
No que se refere a legislação ambiental e urbanística, julgue o item a seguir.

A Lei n.º 6.766/1979 - que trata do parcelamento do solo urbano e dá outras providências - define como loteamento a subdivisão de gleba em lotes destinados a
edificação, com aproveitamento do sistema viário existente, desde que não implique na abertura de novas vias e logradouros públicos, nem em prolongamento,
modificação ou ampliação dos já existentes.

Certo

36 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

Errado
Gabarito: Errado Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/22988

Questão 163: CESPE - AJ (STF)/STF/Apoio Especializado/Arquitetura/2008


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
No que se refere a legislação ambiental e urbanística, julgue o item a seguir.

A Lei n.º 6.766/1979 estabelece que, em zonas habitacionais declaradas como de interesse social (ZHIS), a infra-estrutura básica dos parcelamentos consistirá, no
mínimo, de vias de circulação, escoamento das águas pluviais, rede para o abastecimento de água potável e soluções para o esgotamento sanitário e para a energia
elétrica domiciliar.

Certo

Errado
Gabarito: Certo Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/22989

Questão 164: CESPE - AJ (STF)/STF/Apoio Especializado/Arquitetura/2008


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
No que se refere a legislação ambiental e urbanística, julgue o item a seguir.

No que concerne a loteamento, segundo a Lei n.º 6.766/1979, cabe à prefeitura municipal, ou ao Distrito Federal estabelecer em legislação específica a distância
obrigatória de reserva da faixa não-edificável ao longo das águas e dormentes com base em estudos e relatórios de impacto ambiental (EIMA/RIMA).

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/22990

Questão 165: CESPE - AJ (STF)/STF/Apoio Especializado/Arquitetura/2008


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
No que se refere a legislação ambiental e urbanística, julgue o item a seguir.

De acordo com a Lei n.º 6.766/1979, pratica crime contra a administração pública aquele que registra loteamento ou desmembramento não aprovado pelos órgãos
competentes, que registra o compromisso de compra e venda, a cessão ou promessa de cessão de direitos, ou efetua registro de contrato de venda de loteamento
ou desmembramento não registrado. Para esse tipo de crime, pena de detenção, por período de 1 a 2 anos, e multa de 5 a 50 salários mínimos no valor vigente no
país, sem prejuízo das sanções administrativas cabíveis.

Certo

Errado
Gabarito: Certo Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/22991

Questão 166: FGV - AL (SEN)/SEN/Apoio Técnico e Administrativo/Arquitetura/2008


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Segundo o artigo 4º da Lei 6.766/79, que dispõe sobre o Parcelamento do Solo Urbano, a destinação de áreas públicas sem ônus para a municipalidade, para a
implantação de equipamentos urbanos e comunitários, bem como espaços livres de uso público deveria ser proporcional à densidade populacional, estipulando para
essa finalidade um percentual mínimo de 35% da área do terreno.

A alteração estabelecida nesse artigo pela Lei 9785/99 mantém o critério da proporcionalidade à densidade populacional e altera o percentual mínimo para:

a) 10%.

b) 25%.

c) 15%.

d) zero.

e) 20%.
Gabarito: Anulada Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/25354

Questão 167: CESPE - PJ (MPE RR)/MPE RR/2008


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Quanto ao parcelamento do solo urbano, julgue o item subsequente.

São considerados infraestrutura básica os equipamentos urbanos de escoamento de águas pluviais, iluminação pública, redes de esgoto sanitário e abastecimento
de água potável, de energia elétrica pública e domiciliar, bem como as vias de circulação pavimentadas ou não.

Certo

Errado
Gabarito: Certo Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/133019

Questão 168: CESPE - PJ (MPE RR)/MPE RR/2008


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Quanto ao parcelamento do solo urbano, julgue o item subsequente.

Para as ZHIS, as exigências para o parcelamento restringem-se às vias de circulação, ao escoamento de águas pluviais, à rede de abastecimento de água potável e
às soluções para o esgotamento sanitário, para a biodigestão de resíduos sólidos e a energia elétrica domiciliar.

37 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/133020

Questão 169: CESPE - PJ (MPE RR)/MPE RR/2008


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Quanto ao parcelamento do solo urbano, julgue o item subsequente.

Os equipamentos públicos de educação, saúde e lazer não fazem parte obrigatória da infra-estrutura básica, salvo no que se refere às ZHIS, onde, por força de lei,
fica o poder público local obrigado a restabelecer as condições mínimas de inserção social das comunidades carentes.

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/133021

Questão 170: CESPE - PJ (MPE RR)/MPE RR/2008


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Quanto ao parcelamento do solo urbano, julgue o item subsequente.

As áreas públicas abrangem o sistema de circulação, os equipamentos urbanos e comunitários e os espaços livres de uso público. Estas não podem ser inferiores a
25% da gleba loteada, e caberá ao município definir, para cada zona em que se divida o seu território, os usos permitidos e os índices de parcelamento do solo, que
incluirão, obrigatoriamente, as áreas mínimas e máximas dos lotes e os coeficientes máximos de aproveitamento dos equipamentos públicos na proporção de 2:3
para cada km².

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/133022

Questão 171: FCC - AJ TRF3/TRF 3/Apoio Especializado/Arquitetura/2007


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Leis de Zoneamento são leis que dispõem sobre o parcelamento, disciplinam e ordenam o Uso e Ocupação do Solo. Para os efeitos destas leis, considere a
definição das seguintes expressões:

I. Pavimento térreo é aquele onde está situado o acesso principal da edificação, segundo critérios estabelecidos em lei.

II. Taxa de ocupação é a relação entre a área da projeção horizontal da edificação ou edificações e a área do lote.

III. Taxa de permeabilidade é a relação entre a área permeável, que permite a infiltração da água no solo, livre de qualquer edificação ou pavimentação não
drenante e a área não edificada do lote.

Está correto o que se afirma em

a) I e II, apenas.

b) I e III, apenas.

c) I, II e III.

d) II, apenas.

e) II e III, apenas.
Gabarito: A Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/122614

Questão 172: FCC - AJ TRF3/TRF 3/Apoio Especializado/Engenharia Civil/2007


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Em relação à Lei de Parcelamento do Solo, é correto afirmar:

a) Considera-se desmembramento a subdivisão de gleba em lotes destinados à edificação, com abertura de novas vias de circulação, de logradouros públicos
ou prolongamento, modificação ou ampliação das vias existentes.

b) O parcelamento do solo será admitido, ainda que para fins urbanos, em zonas rurais destinadas à expansão urbana, quando estas forem definidas por lei
municipal como de destinação comunitária, a exemplo dos condomínios residenciais, dos centros comerciais, das áreas de lazer, entre outras.

c) Antes da elaboração do projeto de loteamento, o interessado deverá solicitar à Prefeitura Municipal e ou Distrito Federal, se for o caso, que defina as
diretrizes para o uso do solo, traçado dos lotes, do sistema viário, dos espaços livres e das áreas reservadas para equipamento urbano e comunitário, apresentando,
para este fim, requerimento e planta contendo os documentos legais previstos na lei.

d) Toda área destinada à instalação de sistema de circulação, implantação de equipamentos urbanos e comunitários, assim como a disponibilização de
espaços livres de uso público, serão aprovadas considerando-se o projeto protocolado na Assembléia Legislativa com densidade de ocupação correspondente a 1/3
da área a ser loteada.

e) O parcelamento do solo em terrenos alagadiços e sujeitos a inundações somente será permitido quando autorizado pelo órgão competente, desde que haja
a assunção por parte do interessado, por meio de requerimento redigido de próprio punho e registrado em cartório.
Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/122866

Questão 173: CESPE - Eng (CEF)/CEF/Engenharia Civil/2006


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Julgue o item que se segue, relativo a legislação ambiental e urbanística.

Em loteamentos, os lotes devem ter área e dimensão de frente mínimas estabelecidas por legislação pertinente, salvo quando o loteamento se destinar a

38 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

urbanização específica ou edificação de conjuntos habitacionais de interesse social, previamente aprovados pelos órgãos públicos competentes.

Certo

Errado
Gabarito: Certo Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/139232

Questão 174: CESPE - Eng (CEF)/CEF/Engenharia Civil/2006


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Julgue o item que se segue, relativo a legislação ambiental e urbanística.

No que se refere a parcelamento do solo urbano, considera-se desmembramento a subdivisão de gleba em lotes destinados a edificação, com aproveitamento do
sistema viário existente, desde que não implique a abertura de novas vias e logradouros públicos, nem no prolongamento, modificação ou ampliação dos já
existentes.

Certo

Errado
Gabarito: Certo Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/139233

Questão 175: CETRO - Ag Fisc (TCM SP)/TCM-SP/Engenharia Civil/2006


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano

Questão: baseada na lei 6.766/79, que é a Lei de Uso e Parcelamento de Solo.

O parcelamento do solo urbano destinado a edificação, poderá ser feito mediante loteamento ou desmembramento. Dessa forma, é correto afirmar que

a) não há diferenças entre loteamento e desmembramento.

b) no loteamento não há alterações do sistema viário.

c) no desmembramento há modificações do sistema viário.

d) no loteamento há aberturas de novas vias de circulação.

e) nos dois tipos de parcelamento não é possível modificar o sistema viário.


Gabarito: D Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/174444

Questão 176: CETRO - Ag Fisc (TCM SP)/TCM-SP/Engenharia Civil/2006


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano

Questão: baseada na lei 6.766/79, que é a Lei de Uso e Parcelamento de Solo.

Em uma área a ser loteada, foram previstos 560 lotes residenciais. Pode-se afirmar que as dimensões mínimas são:

a) 5m de frente e 125 m 2 de área do lote.

b) 5m de frente e 150 m 2 de área do lote.

c) 6m de frente e 125 m 2 de área do lote.

d) 6m de frente e 150 m 2 de área do lote.

e) Não há limitações para o projeto em questão.


Gabarito: A Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/174445

Questão 177: OFFICIUM - NeR (TJ RS)/TJ RS/Notarial/2004


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
De acordo com as normas da Lei nº 6.766/79, que rege o parcelamento do solo urbano, observadas as legislações estaduais e municipais, a distinção entre
loteamento e desmembramento do solo decorre do fato de o loteamento

a) consistir na subdivisão de uma gleba em lotes urbanos, e o desmembramento, na subdivisão de uma gleba em lotes rurais.

b) promover a subdivisão de uma gleba com abertura de novas vias de circulação ou modificações ou ampliações das vias existentes, e o desmembramento
promover a subdivisão de uma gleba, sem a abertura, ampliação ou modificação de vias de circulação existentes.

c) consistir na subdivisão de uma área devidamente registrada no Registro Imobiliário, e o desmembramento poder efetuar a subdivisão de fato de uma gleba,
mesmo não registrada no Registro de Imóveis.

d) consistir no parcelamento de uma gleba em pequenas frações, que constituirão lotes urbanos, com as dimensões estabelecidas pela lei municipal, e o
desmembramento, no parcelamento de uma gleba em lotes maiores, com dimensão mínima de 1 (um) hectare.

e) necessitar de um projeto devidamente aprovado pelos órgãos administrativos competentes, e o desmembramento não carecer de prévia aprovação
administrativa.
Gabarito: B Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/465140

Questão 178: FCC - DP MA/DPE MA/2003


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
A Lei nº 6.766, de 19/12/1979, ao dispor que nos loteamentos urbanos "os lotes terão área mínima de 125 m 2 (cento e vinte e cinco metros quadrados)", estabelece
sobre estes

a) fungibilidade.

39 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

b) indivisibilidade convencional.

c) indivisibilidade legal.

d) intangibilidade.

e) a qualidade de imóveis para efeitos legais.


Gabarito: C Esta questão não possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/153600

Questão 179: CESPE - CL (SEN)/SEN/Transportes e Desenvolvimento Urbano/2002


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Durante muitos anos, a Lei n.o 6.766/1979, que trata do parcelamento urbano, foi criticada por estabelecer critérios excessivamente rigorosos de controle da
expansão urbana, o que teria acarretado a ampliação da irregularidade na ocupação do território. Ao se exigir do empreendedor do parcelamento um padrão de
urbanização, gerou-se, na prática, a contenção na oferta de lotes populares na periferia das cidades, que contribuiu para o crescimento de favelas, de cortiços e de
outras formas de habitação subnormal. Da mesma forma, as exigências da lei criaram dificuldades para a aprovação dos projetos de parcelamento, bem como para
a produção de moradias populares a baixo custo. A Constituição da República, em 1988, e, posteriormente, a Lei n. o 9.785/1999 introduziram modificações na
matéria.

Acerca desse assunto, julgue o item que se segue.

A definição do perímetro urbano, das exigências de infra-estrutura e da destinação de áreas públicas e de áreas de lotes é feita pelo município, no exercício de sua
competência para a ordenação do território urbano.

Certo

Errado
Gabarito: Certo Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/18083

Questão 180: CESPE - CL (SEN)/SEN/Transportes e Desenvolvimento Urbano/2002


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Durante muitos anos, a Lei n.o 6.766/1979, que trata do parcelamento urbano, foi criticada por estabelecer critérios excessivamente rigorosos de controle da
expansão urbana, o que teria acarretado a ampliação da irregularidade na ocupação do território. Ao se exigir do empreendedor do parcelamento um padrão de
urbanização, gerou-se, na prática, a contenção na oferta de lotes populares na periferia das cidades, que contribuiu para o crescimento de favelas, de cortiços e de
outras formas de habitação subnormal. Da mesma forma, as exigências da lei criaram dificuldades para a aprovação dos projetos de parcelamento, bem como para
a produção de moradias populares a baixo custo. A Constituição da República, em 1988, e, posteriormente, a Lei n. o 9.785/1999 introduziram modificações na
matéria.

Acerca desse assunto, julgue o item que se segue.

Entre as exigências da lei federal, estão a proibição de parcelamento em terrenos inseguros ou insalubres, a destinação de áreas para sistema viário e a
obrigatoriedade da existência de equipamentos comunitários e praças, na proporção mínima de 35% da gleba, exigência que se manteve na Lei n. o 9.785/1999.

Certo

Errado
Gabarito: Errado Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/18084

Questão 181: CESPE - CL (SEN)/SEN/Transportes e Desenvolvimento Urbano/2002


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Durante muitos anos, a Lei n.o 6.766/1979, que trata do parcelamento urbano, foi criticada por estabelecer critérios excessivamente rigorosos de controle da
expansão urbana, o que teria acarretado a ampliação da irregularidade na ocupação do território. Ao se exigir do empreendedor do parcelamento um padrão de
urbanização, gerou-se, na prática, a contenção na oferta de lotes populares na periferia das cidades, que contribuiu para o crescimento de favelas, de cortiços e de
outras formas de habitação subnormal. Da mesma forma, as exigências da lei criaram dificuldades para a aprovação dos projetos de parcelamento, bem como para
a produção de moradias populares a baixo custo. A Constituição da República, em 1988, e, posteriormente, a Lei n. o 9.785/1999 introduziram modificações na
matéria.

Acerca desse assunto, julgue o item que se segue.

Para a aprovação de projeto de parcelamento, é preciso que o município inclua a respectiva gleba em sua zona urbana ou de expansão urbana. É o poder público
local que define onde e quando poderá haver parcelamento do solo. A lei federal, entretanto, veda o parcelamento de áreas insalubres ou perigosas até que a
situação de risco esteja sanada.

Certo

Errado
Gabarito: Certo Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/18085

Questão 182: CESPE - CL (SEN)/SEN/Transportes e Desenvolvimento Urbano/2002


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Durante muitos anos, a Lei n.o 6.766/1979, que trata do parcelamento urbano, foi criticada por estabelecer critérios excessivamente rigorosos de controle da
expansão urbana, o que teria acarretado a ampliação da irregularidade na ocupação do território. Ao se exigir do empreendedor do parcelamento um padrão de
urbanização, gerou-se, na prática, a contenção na oferta de lotes populares na periferia das cidades, que contribuiu para o crescimento de favelas, de cortiços e de
outras formas de habitação subnormal. Da mesma forma, as exigências da lei criaram dificuldades para a aprovação dos projetos de parcelamento, bem como para
a produção de moradias populares a baixo custo. A Constituição da República, em 1988, e, posteriormente, a Lei n. o 9.785/1999 introduziram modificações na
matéria.

Acerca desse assunto, julgue o item que se segue.

No caso dos parcelamentos irregulares ou clandestinos, a prefeitura municipal pode regularizá-los mediante a elaboração de projeto urbanístico e execução das
obras de urbanização, ressarcindo os gastos junto aos compradores e parceladores. Dependendo da regularização, o parcelamento será ou não definido como crime
para o qual está prevista a pena de reclusão.

Certo

40 de 41 01/11/2018 15:37
TEC Concursos - Questões para concursos, prov... https://www.tecconcursos.com.br/questoes/cad...

Errado
Gabarito: Errado Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/18086

Questão 183: CESPE - CL (SEN)/SEN/Transportes e Desenvolvimento Urbano/2002


Assunto: Lei nº 6.766/1979 - Parcelamento do Solo Urbano
Durante muitos anos, a Lei n.o 6.766/1979, que trata do parcelamento urbano, foi criticada por estabelecer critérios excessivamente rigorosos de controle da
expansão urbana, o que teria acarretado a ampliação da irregularidade na ocupação do território. Ao se exigir do empreendedor do parcelamento um padrão de
urbanização, gerou-se, na prática, a contenção na oferta de lotes populares na periferia das cidades, que contribuiu para o crescimento de favelas, de cortiços e de
outras formas de habitação subnormal. Da mesma forma, as exigências da lei criaram dificuldades para a aprovação dos projetos de parcelamento, bem como para
a produção de moradias populares a baixo custo. A Constituição da República, em 1988, e, posteriormente, a Lei n. o 9.785/1999 introduziram modificações na
matéria.

Acerca desse assunto, julgue o item que se segue.

Ainda que a gleba se localize em zona urbana, ou de expansão urbana, nem por isso seu proprietário dispõe do direito de parcelá-la. Antes de apresentar o projeto
de parcelamento, o proprietário deve, necessariamente, aguardar e atender diretrizes específicas estabelecidas pela prefeitura municipal.

Certo

Errado
Gabarito: Certo Esta questão possui comentário do professor no site. www.tecconcursos.com.br/conteudo/questoes/18087

41 de 41 01/11/2018 15:37