You are on page 1of 3

MEDIAÇÃO DE CONFLITOS

Lupa
1a aula
Vídeo PPT MP3

Exercício: CCJ0057_EX_A1_201801090904_V1 05/08/2018 15:08:40 (Finalizada)


Aluno(a): EVANDRO LUIZ XAVIER COSTA 2018.2
Disciplina: CCJ0057 - MEDIAÇÃO DE CONFLITOS 201801090904

Ref.: 201801242191

1a Questão

Assinale a característica correta dos meios alternativos de resolução de controvérsias:

Valem-se dos princípios do positivismo na aplicação das normas.


Definem como essencial a participação do Estado no litígio.
Utilizam procedimentos mais simples e informais.
Adotam as formas tradicionais do direito processual.
Estabelecem a ênfase na postura adversarial das partes.

Explicação:

Os meios alternativos de resolução de conflitos buscam fortalecer a capacidade de


se alcançar a composição entre as partes envolvidas, reduzindo a postura
adversarial das partes e/ou valorizando procedimentos menos rígidos ou mesmo
tradicionais, do ponto de vista processual. Outro aspecto é o de se evitar a
formação de processos judiciais, o que torna não essencial a participação do Estado
no litígio.
Por isso, a resposta da questão é a opção que diz: "Utilizam procedimentos mais
simples e informais."

Ref.: 201801672383

2a Questão

Dentre as necessidades contemporâneas do homem estão o aprendizado e a prática do diálogo produtivo na composição
de diferenças. Tornam-se fundamentais, nesse momento, os métodos que facilitam e favorecem esse diálogo e buscam a
participação responsável pelo que se vive e se proporciona ao outro viver. Assim, os meios extrajudiciais de solução de
conflitos apresentam como característica:

ensinar e orientar as pessoas nas ações judiciais


estabelecer e reforçar as metas de recebimento de processos judiciais
privilegiar e manter o conflito para ser resolvido por terceiros
criar e reproduzir a ordem estabelecida no Judiciário
facilitar e favorecer o diálogo na composição das diferenças

Ref.: 201804061326

3a Questão

Acerca dos meios extrajudiciais de solução de conflitos, é correto afirmar:


Cabe à Defensoria Pública convocar audiências públicas para discutir matérias relacionadas às suas funções
institucionai
A atuação da Defensoria Pública restringe-se à orientação e atuação em processo administrativo.
A atuação extrajudicial restringe-se à orientação jurídica do assistido, descabendo a participação da Defensoria
Pública na elaboração de políticas públicas.
Por falta de previsão legal e, portanto, de atribuição institucional, a Defensoria Pública não pode se valer da
arbitragem como meio de solução de conflito.
Eventual instrumento de transação ou conciliação referendado por Defensor Público vale como título executivo
judicial.

Explicação:

GABARITO: E - Cabe à Defensoria Pública convocar audiências públicas para discutir matérias relacionadas às suas
funções institucionais.

LEI 80/94

Art. 4º São funções institucionais da Defensoria Pública, dentre outras:

XXII ¿ convocar audiências públicas para discutir matérias relacionadas às suas funções institucionais.

Ref.: 201801672368

4a Questão

Ao invés de privilegiar os processos litigiosos, deve-se buscar o entendimento entre as partes, sempre, visando à
manutenção e responsabilização correlatas. Desta maneira, percebe-se claramente a importância desta nova postura a
qual privilegia a formação de novos paradigmas em substituição ao do ganhar/perder. Assim, como seria a solução
encontrada?

A solução encontrada para o conflito será sempre encontrada na aplicação da lei.


Haverá sempre um privilégio aos processos litigiosos em detrimento de um entendimento entre as partes.
A solução encontrada quando da utilização dos meios alternativos terá sempre a figura de um ganhador e um
perdedor.
A solução encontrada será fruto de entendimento entre as partes, tendo como paradigmas a cooperação e a
construção conjunta de soluções.
A solução encontrada para o conflito não considera o entendimento entre as partes, objetiva sempre uma decisão
a ser imposta.

Ref.: 201801275643

5a Questão

Os meios extrajudiciais de solução de conflitos apresentam como característica:

ensinar e orientar as pessoas nas ações judiciais


criar e reproduzir a ordem estabelecida no Judiciário
estabelecer e reforçar as metas de recebimento de processos judiciais
privilegiar e manter o conflito para ser resolvido por terceiros
facilitar e favorecer o diálogo na composição das diferenças

Ref.: 201801273913

6a Questão

Atualmente, buscamos uma mudança de paradigmas para o manejo dos conflitos entre as pessoas. Podemos afirmar que
esta mudança pode ser representada pelo (a):
busca do entendimento entre as partes
privilégio dos processos litigiosos
valorização das decisões de terceiros
estabelecimento de julgamentos judiciais
aumento dos processos no Judiciário

Explicação:

A alternativa correta complementa a noção trazida no comando da questão. Isto é, a mudança de paradigmas no manejo
dos conflitos entre as pessoas conduz à compreensão e à valorização das vantagens da “busca do entendimento entre as
partes”. O “privilégio dos processos litigiosos” é justamente uma cultura que se quer mudar, visando a, entre outros
efeitos, reduzir a sobrecarga do Poder Judiciário. A mudança de paradigmas implica a valorização das partes e não “as
decisões de terceiros”. O novo paradigma se insere numa mudança de cultura, visando a que não haja um exponencial
“aumento dos processos no Judiciário”, para que este não venha a eficácia. Ademais, o “ estabelecimento de julgamentos
judiciais” implica desdobramentos que podem alongar a obtenção da solução de controvérsias.

Ref.: 201801695766

7a Questão

Analise o texto a seguir apresentado e marque a opção correta.Vivemos uma realidade complexa e de transformações
sociais cada vez mais aceleradas, em que o operador do direito não deve se restringir ao simples enquadramento dos
fatos dentro da legislação.O formalismo dos procedimentos processuais jurídicos demandam tempo para solução dos
litígios e o tempo pode ser um inimigo da função pacificadora.

O texto está integralmente certo


O texto está parcialmente certo.
A primeira frase do texto está errada e a segunda frase do texto está correta.
A primeira frase do texto está certa e a segunda frase do texto está errada.
O texto está integralmente errado

Ref.: 201801275644

8a Questão

Os Métodos Extrajudiciais de Solução de Conflitos surgem em nossa cultura e tem a função :

pacificadora
intimidadora
empreendedora
avaliadora
questionadora

Explicação:

Mediação, conciliação e arbitragem são métodos de solução de conflitos e controvérsias que, nas últimas décadas, vêm
sendo cada vez mais assimilados como capazes de pacificar conflitos, sem que seja necessário recorrer ao Poder
Judiciário. A função dos métodos extrajudiciais de soluções de conflitos, portanto, é pacificadora. Na visa a empreender,
avaliar, questionar tampouco intimidar as partes envolvidas num conflito. A alternativa correta é, deste modo, a
função pacificadora.