You are on page 1of 4

INSTITUTO TECNOLÓGICO DE AERONÁUTICA

PROVA DE QUÍMICA - 1990

01. Entre as opções abaixo, assinale aquela que contém a (C) Albumina
afirmação CERTA: (D) Nome dado pelos alquimistas ao alumínio
(A) Tanto oxigênio gasoso como ozônio gasoso são exemplos (E) Composto contendo dois tipos de ânions.
de substâncias simples.
(B) Substância pura é aquela que não pode ser decomposta 06. Entre as opções abaixo, assinale aquela que contém a
em outras mais simples. molécula que apresenta MENOR dipolo elétrico.
(C) A conceituação de elemento só foi possível depois que (A) fluoreto de iodo
Dalton propôs sua teoria atômica. (B) trans-dicloro eteno.
(D) Uma mistura de água e etanol, nas condições ambientais, (C) orto-dicloro benzeno
pode ser decomposta em seus componentes por (D) para-cloro iodo benzeno.
decantação. (E) cis-dicloro eteno.
(E) A substituição do hidrogênio por deutério não altera as
propriedades da água. 07. A adição de 1 mol de cloro a 1 mol de alcino forneceu
uma mistura dos isômeros cis e trans do mesmo alceno
02. Entre as opções a seguir, assinale aquela que contém a diclorado. Entre as opções abaixo, qual é aquela que contém
afirmação ERRADA: o alcino que NÃO foi utilizado nesta adição ?
(A) Um sistema monofásico tanto pode ser uma substância (A) Acetileno
pura quanto uma solução. (B) metil acetileno.
(B) Existem tanto soluções gasosas, como líquidas, como (C) dimetil acetileno
ainda soluções sólidas. (D) cloro-acetileno
(C) Temperatura de fusão constante não implica em que a (E) di-etil acetileno.
amostra seja de uma substância pura.
(D) A transição H2O(s) → H2O(g) ocorre somente na 08. Um alcano pode ser isômero de:
temperatura de ebulição da água. (A) um alceno com mesmo número de átomos de carbono;
(E) Dispersões coloidais situam-se no limiar entre o que se (B) um ciclo-alcano com a mesma fórmula estrutural;
costuma chamar de mistura heterogênea e o que se (C) outro alcano de mesma fórmula molecular;
costuma chamar de mistura homogênea. (D) um alcino com apenas uma ligação tripla;
(E) um alcadieno com o mesmo número de átomos de
03. Entre as afirmações seguintes, todas relacionadas aos hidrogênio.
elementos pertencentes ao grupo IA (Li, Na, etc.) e ao grupo
IB (Cu, Ag, etc.) da tabela periódica, assinale a ERRADA: 09. Na reação de 2-metil-1-propeno com hidreto de bromo,
(A) Os elementos de ambos os grupos têm “elétrons de forma-se:
valência” em subníveis do tipo s. (A) 2-bromo-2metil-propano
(B) Os elementos de ambos os grupos são capazes de formar (B) 1-bromo-2-metil-propano.
compostos do tipo M1X1, onde M representa um átomo (C) Isobutano
dos elementos citados e X um átomo de halogênio. (D) 1-bromo-2-metil-1-propeno.
(C) A energia de ionização de um elemento do grupo IA é (E) 2-buteno.
menor do que a do elemento do grupo IB situado na
mesma linha da tabela periódica. 10. Partindo de 8,2 g de um brometo de alquila, obtém-se o
(D) Na tabela original de Mendeleev, os grupos IA e IB eram respectivo composto de Grignard que, por hidrólise, fornece
agrupados na primeira coluna da tabela. 4,3 g de um hidrocarboneto. Quantos átomos de carbono deve
(E) Tanto os elementos do grupo IA como os elementos do possuir esse hidrocarboneto?
grupo IB formam óxidos, todos coloridos. (A) 2
(B) 4
04. Entre as opções abaixo, todas relativas a orbitais (C) 6
atômicos, assinale aquela que contém a afirmação ERRADA: (D) 8
(A) O valor do número quântico principal (n) indica o total de (E) 10
superfícies nodais.
(B) Orbitais s são aqueles em que o número quântico 11. (Não encontrada)
secundário, l, vale um.
(C) Orbitais do ripo p têm uma superfície nodal plana 12. Considere as seguintes misturas de quantidades (mols)
passando pelo núcleo. iguais de dois reagentes, ambos inicialmente nas condições
(D) Orbitais do tipo s têm simetria esférica. ambientes:
(E) Em orbitais do tipo s há um ventre de densidade de I. CaCl2 (aq) + Na2CO3 (aq)
probabilidade de encontrar elétrons, lá onde está o núcleo. II. CaCl2 (aq) + CO2 (g)
III. Ca(NO3)2 (aq) + CH3COONa(aq)
05. Alúmen é exemplo de IV. CaO(c) + H2O(l)
(A) Sal duplo V. CaC2 (c) + H2O(l)
(B) Hidróxido de um metal Em relação a estas misturas, qual das opções abaixo contém a
ITA – PROVA DE QUÍMICA – 1990 ........................................................... 1
www.sassabetudo.cjb.net sassabetudo@bol.com.br
INSTITUTO TECNOLÓGICO DE AERONÁUTICA
PROVA DE QUÍMICA - 1990

afirmação CERTA? (D) 1,60; 0,40


(A) Haverá a formação de precipitado nos casos I, II e III. (E) 1,80; 0,20.
(B) No caso III a fase líquida ficará colorida.
(C) Nos casos IV e V irão ocorrer reações endotérmicas. 17. Qual das equações abaixo está CORRETAMENTE
(D) Nos casos IV e V serão formados compostos de cálcio balanceada?
muito solúveis em água. (A) CONH2NHCH3 + H2O → CO2 + 2CH3NH2
(E) Só no caso V haverá formação de gás. (B) Fe2+ + H2O + 1/2O2 → Fe (OH)2
(C) PbSO4 + 2H2O → PbO2 + 4H+ + SO 24− + 2e-
13. Considere a reação representada pela equação seguinte:
[Fe(H2O)6]3+(aq) → H+(aq) + [Fe(H2O)5 (OH)]2+(aq) (D) Cr(H2O)3 (OH)3 + OH- → Cr(H2O)3(OH) −4 + H2O
Em relação a esta reação são feitas as afirmações seguintes: (E) 13
→ 13
+ - 1e
7N 6C
I- Nenhum dos átomos envolvidos sofre alteração do seu
número de oxidação.
II- Em ambos os membros da equação, o número de 18. Considere a seguinte seqüência ordenada de pares de
coordenação do ferro é 6. oxidorredução:
III- Nesta reação, o cátion [Fe(H2O)6 ]3+(aq)age como um Zn (c) 2e– + Zn2+ (aq)
ácido segundo Lowry e Brünsted. Fe (c) 2e– + Fe2+ (aq)
IV-Trata-se de uma reação de dissolução de precipitado. H2 (g) 2e– + 2H+ (aq)
V- Esta reação deve tender a um equilíbrio com constante Cu (c) 2e– + Cu2+ (aq)
2+
finita. 2Fe (aq) 2e– + 2Fe3+ (aq)
Em relação a estas afirmações, podemos dizer que: NO2 (g) + H2O (l) e– + NO 3- (aq) + 2H- (aq)
(A) Todas são CERTAS. Em relação a esta seqüência, são feitas as afirmações
(B) Todas são ERRADAS. seguintes, supondo sempre reagentes no seu estado padrão.
(C) Só as de número par são CERTAS. I. O íon ferroso é oxidante frente ao zinco metálico mas não é
(D) Apenas IV é ERRADA. frente ao cobre metálico.
(E) Apenas II e III são ERRADAS. II. Cobre metálico pode ser dissolvido por uma solução de
ácido férrico.
14. Num recipiente inerte, hermeticamente fechado, existem III. Cobre metálico pode ser atacado por uma solução de
disponíveis 100g de ferro, 100 g de água e 100g de oxigênio. ácido nítrico.
Supondo que ocorra a reação representada por: 2Fe + 3H2O IV. Zinco metálico é menos nobre do que ferro metálico.
+ 3/2O2 ( 2 Fe(OH)3 e que a reação prossiga até o consumo V. Colocando ferro metálico, em excesso, dentro de uma
completo do(s) reagente(s) minoritário(s), podemos prever solução de sal férrico, acabaremos tendo uma solução de sal
que irá(irão) sobrar: ferroso.
(A) Fe e H2O - Em relação a essas afirmações, podemos dizer que:
(B) Fe e O2 (A) Toda são corretas.
(C) H2O e O2 . (B) Todas são erradas.
(D) Apenas Fe (C) Só as de número par são corretas.
(E) Apenas H2O. (D) Apenas IV é errada
(E) Apenas II e III são erradas.
15. Entre os solutos a seguir assinale aquele que, quando
dissolvido em água, a 25(C, confere à sua solução milimolar 19. Considere os dois recipientes cilíndricos, 1 e 2, providos
a maior condutividade elétrica: de manômetro e interligados por um tubo com torneira, de
(A) Etanol volume desprezível, conforme figura abaixo.
(B) Iodeto de etila.
(C) Etilamina
(D) Amônia.
(E) Cloreto de tetrametilamônio.
n1, i = 0,0 mol n2, i = 4,9mol
16. Dispomos de dois lotes de ligas distintas de ouro e cobre.
O primeiro , chamado A, contém 90% (em massa) de ouro, o p1, i = 0,0 p2, i = 2,0
restante sendo cobre. O segundo, chamado B, contém 40% atm atm
(em massa) de ouro, o restante sendo cobre. Fundindo,
juntos, x kg de liga A com y kg da liga B, somos capazes de
v = 40 l v = 60 l
obter 2,00 kg de uma nova liga, contendo 70% (em massa) de
ouro. Das opções abaixo, qual é aquela que contém os valores T1, i = T2, i = T1, f = T2, f = 298 kelvin
CERTOS de x e y? x (kg) y (kg)
(A) 0,50; 1,50 O primeiro índice, nas grandezas abordadas, se refere ao
(B) 0,80; 1,20 recipiente 1 ou 2. O segundo índice, i ou f, refere-se
(C) 1,20; 0,80. respectivamente, ao que ocorre inicialmente, antes de abrir a
ITA – PROVA DE QUÍMICA – 1990 ........................................................... 2
www.sassabetudo.cjb.net sassabetudo@bol.com.br
INSTITUTO TECNOLÓGICO DE AERONÁUTICA
PROVA DE QUÍMICA - 1990

torneira e ao que ocorre no estado final, depois de a torneira (D) Mantendo a temperatura e o pistão fixos, introduz-se pela
permanecer aberta muito tempo. Em face destas informações torneira 1,2 mols de Argônio.
podemos afirmar que: (E) Mantendo a torneira fechada, duplica-se a temperatura
(A) p1, f = (2/3)p2, f. absoluta e reduz-se o volume à metade por deslocamento
(B) n1, f = n2, f. do pistão.
(C) n1, f = (2/3) n2, f.
(D) n2, f = (1/3) n2, f. 23. Sabe-se que a solubilidade de certo sal em água descresce
(E) p1, f = p2, f = (2, 3) p2, i. com o aumento da temperatura. Em dois copos contendo a
mesma quantidade de água, introduz-se, num mesmo
20. O produto de Solubilidade, PS, do carbonato de cálcio em instante, o mesmo excesso deste sal pulverizado. O conteúdo
água vale 8,7 . 10-9, a 25ºC. Partindo desta informação é dos dois copos é agitado, simultaneamente, da mesma forma.
CORRETO concluir que: A única diferença entre os dois copos é que um é mantido
(A) O valor do PS indica que o carbonato de cálcio deve ser numa temperatura mais baixa, T1, enquanto o outro é mantido
um eletrólito fraco. numa temperatura mais elevada T2.
(B) Espera-se que o PS do carbonato de cálcio quando Qual dos gráficos abaixo, corresponde à evolução temporal
dissolvido em solução que já contenha íons de cálcio, da concentração do sal dissolvido na água?
sejam maior que 8,7 . 10-9.
(C) O valor do PS indica que deve ser muito pequena a
A) Conc. B) Conc.
velocidade com que consegue dissolver carbonato de T1 T1
cálcio em água. T2 T2
(D) Espera-se que o PS de carbonato de cálcio em etanol
também valha 8,7 . 10-9
(E) Espera-se precipitação de CaCO3 se, a uma solução 1,0 . Tempo Tempo
10-3 molar em íons de cálcio, se acrescenta volume igual
de solução de igual concentração de íons de carbonato.
C) Conc. D) Conc.
21. Assinale a opção que contém a afirmação ERRADA a T1 T1
respeito da velocidade de transformações físico-químicas. T2 T2
(A) As velocidades de desintegrações radioativas
espontâneas, independem da temperatura. Tempo Tempo
(B) O aumento de temperatura torna mais rápido tanto as
reações químicas exotérmicas como as endotérmicas.
(C) Reações entre íons com cargas opostas podem ser rápidas. E) Conc.
(D) Um é um bom catalisador para a reação num sentido T1
oposto.
(E) Se a solubilidade de um sólido num líquido decresce com T2
a temperatura, a dissolução do sólido no líquido é tanto Tempo
mais rápida quanto mais baixa for a temperatura.

22. Um cilindro provido de pistão móvel, e de uma torneira 24. Adicionando um pouco de indicador ácido/base a uma
para entrada de gases, conforme esquema abaixo, contendo solução aquisa inicialmente incolor, a solução irá adquirir
PCl3(g), Cl2(g) e PCl5(g), é mantido numa temperatura uma cor que depende da natureza do indicador e do pH da
constante T1. solução original, conforme esquema seguinte, válido para a
temperatura ambiente:
PCl3 (g) + Cl2 (g) ↔ PCl5 (g)
vermelho vir amarelo
METIL
ORANGE
Uma vez estabelecido o equilíbrio, temos dentro do cilindro: 0 3,1 4,4 14
0,4 mols de PCl3(g); 0,3mols de Cl2(g) e 0,5mols de PCl5(g). amarelo vir vermelho
VERMELHO DE
Das opções abaixo, qual é aquela que resultará numa pressão CLOROFENOL
total final dupla dentro do pistão? 0 4,8 6,4 14
(A) A torneira ficando fechada, mantido o pistão fixo, AZUL DE amarelo vir azul
duplica-se a temperatura absoluta. BROMOTIMOL
onde vir indica0 a faixa 6,de pH em que a cor varia
0 7,6 14
(B) A torneira ficando fechada, mantida a temperatura fixa, gradualmente entre as tonalidade extremas assinaladas.
desloca-se o pistão de tal forma que o volume total caia à Utilizando estas informações, tentou-se descobrir o pH de
metade. uma solução problema, inicialmente incolor, a partir dos
(C) Mantendo a temperatura e o pistão fixos, introduz-se pela ensaios seguintes:
torneira, 0,4 mols de PCl3(g); 0,3mols de Cl2(g) e 0,5mols • Ao primeiro terço da solução problema, foi adicionado um
de PCl5(g). pouco de metil orange e a coloração ficou amarela.
• A outro terço da solução problema, foi adicionado um

ITA – PROVA DE QUÍMICA – 1990 ........................................................... 3


www.sassabetudo.cjb.net sassabetudo@bol.com.br
INSTITUTO TECNOLÓGICO DE AERONÁUTICA
PROVA DE QUÍMICA - 1990

pouco de vermelho de clorofenole e a coloração ficou


laranja. PERGUNTA 3 – Por que o isolamento dos elementos do
• Ao último terço da solução problema, foi adicionado um grupo IA demorou tanto e com que processo estes elementos
pouco de azul de bromotimol e a coloração ficou amarela. foram obtidos na forma metálica pela primeira vez?
Com base nestas observações assinale, entre as opções
abaixo, aquela que tenha o limite superior e o limite inferior PERGUNTA 04 - Descreva o orbital 2s no que diz respeito à
mais próximos do pH da solução problema. forma, localização de superfícies nodais e à densidade de
(A) 1,0 < pH < 6,0 probabilidade de encontrar elétron, em relação ao núcleo do
(B) 4,4 < pH < 6,0 átomo.
(C) 4,4 < pH < 14
(D) 4,8 < pH < 6,0 PERGUNTA 06 – Escreva as fórmulas da molécula citada
(E) 4,8 < pH < 6,4 na opção C e dos seus isômeros de posição. Qual dessas
moléculas tem o maior momento de dipolo e por quê?
25. Em relação ao comportamento de gases supostos ideais,
constituídos de moléculas de dimensões finitas, são feitas as PERGUNTA 12 – Diga como se prepara carbeto de cálcio
seguintes afirmações: na prática, indicando matérias-primas, condições de
I. O aumento da temperatura, sob pressão constante, temperatura e equações químicas em jogo.
implica em decréscimo da densidade.
II. O aumento da temperatura, sob volume constante, não PERGUNTA 18 - Escreva a equação iônica, balanceada, da
afeta o caminho livre médio das moléculas. reação previsível, a partir da lista fornecida, quando se junta
III. Mantendo o volume constante, a freqüência das colisões uma solução de sal ferroso a uma solução de ácido nítrico.
entre moléculas é proporcional à raiz quadrada da
temperatura absoluta. PERGUNTA 24 - Supondo que a temperatura seja 25ºC e
IV. O coeficiente de dilatação volumétrico, para que as soluções tenham comportamento ideal, com que
aquecimentos sob pressão constante, independe da solutos, facilmente disponíveis, e com que concentrações,
natureza química do gás. respectivas, podemos obter:
V. O total de energia interna de uma amostra gasosa, a) uma solução cujo pH seja igual a - 0,5 (negativo)?
independe da pressão a que ela está sujeita. b) uma solução cujo pH seja igual a + 14,5?
VI. Nas mesmas condições de temperatura e pressão, as
densidades dos gases são diretamente proporcionais às PERGUNTA 25 - Numa amostra de ar úmido, a pressão
suas massas molares. parcial de vapor da água é 25mmHg, enquanto a pressão total
Em relação a estas afirmações, podemos dizer que: é de 725mmHg. A partir destas informações, calcule:
(A) Todas são CERTAS. a) a fração molar do vapor de água neste ar úmido.
(B) Só as de número par são CERTAS. b) a pressão parcial do nitrogênio neste ar úmido, sabendo
(C) Só as de número ímpar são CERTAS. que a concentração de nitrogênio no ar, após secagem, é
(D) Só V é ERRADA. 78,1% (em volume).
(E) Só I e II são, ERRADAS.

ITA – PROVA DE QUÍMICA – 1990 ........................................................... 4


www.sassabetudo.cjb.net sassabetudo@bol.com.br