You are on page 1of 3

Ho’oponopono para cura de Relacionamentos Não duradouros!

A mulher que não consegue um amor ou que não consegue ter um relacionamento
duradouro: para ela, o problema é esse. Mas, de acordo com o Ho oponopono, o
problema pode ser mais profundo, e ter sido originado por uma situação de rejeição na
infância ou até mesmo em outra vida. Você pode se libertar de uma crença limitante
como essa um sentimento de afastamento, rejeição e solidão se conseguir identificá-la.
Um indicativo de que existe uma crença limitante a ser trabalhada é quando uma
determinada situação sempre se repete na sua vida, e no no caso de relacionamentos
que não duram muito tempo é um indicativo. Se voce começa um novo relacionamento
e não dura muito tempo, e depois começa um novo relacionamento e isso se repete da
mesma forma que o antereior, isso é um padrão repetitivo, possivelmente herdado
através do seu DNA de seus ancestrais. Os sentimentos geralmente são de solidão, de
traição ou mesmo de ser a outra. Essa situação a de se envolver com alguém casado é
muito triste, e traz sofrimento para a pessoa, para o parceiro... e para a outra pessoa
da relação, que está sendo traída. É comum, nesses casos, que a crença limitante seja
a de que, por estar com uma baixa autoestima, não merece nada melhor, e acaba se
autodestruindo, prejudicando a si própria e aos outros. Lembre-se: se você não se
ama, ninguém vai te amar de verdade. Outra situação bem comum: a pessoa que se
sente invisível. Por mais bonita que seja, por mais que se produza, não é vista.
Simplesmente não consegue ser notada. Essa situação mostra que a pessoa pode
estar sozinha há muito mais tempo do que imagina: desde a adolescência, ou infância,
ou mesmo em outras vidas. E, por conta disso, desenvolveu uma crença limitante de
que não é compreendida, não é aceita, por ninguém. Existe também a solidão
acompanhada. É quando se está em um relacionamento, mas não há troca. Não há
entrosamento. Na superfície, o problema parece ser o próprio relacionamento... mas a
crença limitante pode ser que a pessoa não se ache boa o bastante para o outro. Não
se ache interessante o suficiente. E aí se cria uma distância com o parceiro.
Inconsciente, e limitante!

Uma vez compreendida a crença, é o momento de fazer o Ho oponopono para limpá-la.

Então agora, vamos limpar todas essas memórias toxicas e padroes repetitivos de seus
ancestrais que estão te impedindo de voce ter um relacionamento duradouro.

Olha agora para dentro de si, relaxe, respire fundo. Feche os olhos.

Olhe para você mesmo. Preste atenção em você. Concentre-se. Diga para você
mesmo: Eu sinto muito. Diga, olhando para si mesmo na sua tela mental: Eu sinto
muito por você estar vivendo o que está vivendo. Peça perdão para você mesmo por
ter mergulhado nessa situação de dor.
Diga para você: Por favor me perdoe por estar na situação triste em que me encontro.
Perdão, perdão, perdão.. Expresse o amor que sente por você mesmo. Independente
do sentimento de reprovação, mágoa, culpa ou qualquer outra emoção que também
esteja sentindo...

Imagine que você está se olhando no espelho. Peça perdão para esta pessoa que está
sofrendo. Diga: Eu te amo. Eu amo você.. Agora agradeça a chance desse auto
resgate. Agradeça a oportunidade de acolher a si mesmo... com sinceridade. Do fundo
do seu coração. Diga: Obrigado. Obrigado. Obrigado..

Imagine agora todas as memorias de afastamento, de solidão, de mágoas, de
abandono, memorias toxicas de rejeição, olhe para cada uma delas na sua tela mental,
e diga assim: EU SINTO MUITO. Eu sinto muito por ter mantido voces presas a mim e
a minha criança interior todos esses anos. Eu quero dizer que eu AMO voces do jeito
que vocês são, sem tirar nem por. E eu quero dizer que sinto muito por ter
negligenciado voces e nao ter olhado para voces. Eu peço agora a DIVINDIDADE que
me ajude a perdoar, a libertar cada uma de voces, memorias de rejeição, de abandono,
memorias de indiferença, memorias de solidão, de afastamento, todas as memorias
toxicas que eu herdei na minha ancestralidade ou ate mesmo de vidas passadas, que
estão me impedindo de ter uma relacionamento afetivo duradouro, DIVINDADE, limpa
em mim todas essas memorias, deixe que isso limpe, purifique, cancela, anule e
transmute todas essas memorias que estão me impedindo de ter uma vida afetiva
plena com outra pessoa. Assim é.

ESTOU LIVRE, ESTOU LIVRE, ESTOU LIVRE, ESTOU LIVRE

Minha querida alma, emoções e sentimentos pertubadores na forma de
relacionamentos ACABARAM!

Meu querido espírito, minha consciência escolhe: exercito meu amor próprio ao vivenciar minha
essência e respeitar meus limites.

Repita a prática conduzida quantas vezes for necessário, até que você sinta que essa
dor tenha passado.