You are on page 1of 3

Tema: É necessário andar no Espírito

Hoje em dia vemos muitas coisas acontecendo neste mundo que para nos cristãos são triste de ver, principalmente
quando se trata de coisas relacionadas ao povo de Deus e a sua igreja.

Trazendo mais para perto de cada um de nós, tem coisas que nós mesmos acabamos não acreditando que fazemos,
mas, crentes como somos, porque não conseguimos nos controlar?

Gálatas 5:16,17

16 Digo, porém: andai no Espírito e jamais satisfareis à concupiscência da carne.


17 Porque a carne milita contra o Espírito, e o Espírito, contra a carne, porque são opostos entre si; para que não façais o que,
porventura, seja do vosso querer.

Essa passagem nos mostra que se não andarmos no Espírito vamos satisfazer à concupiscência da carne, que é o
nosso querer natural, por sermos de natureza humana.

Concupiscência – desejo desenfreado, cobiça, ambição...

Exemplos das obras da carne – Gl 5:19-21

Refletindo sobre a palavra, então para sermos cristãos de verdade precisamos andar no Espírito que sempre estará
militando contra a carne e quando estamos andando no Espírito nós começamos a frutificar o fruto do Espírito.

Amor (Fruto principal)

Alegria (Amor regozijando)

Paz (Amor em repouso)

Longanimidade (Amor exercendo paciência)

Benignidade (Amor com o próximo)

Bondade (Amor fazendo bem ao próximo)

Fidelidade (Amor cumprindo a sua palavra)

Mansidão (Amor suportando as ofensas)

Domínio próprio (Amor se controlando)

Vejo muitos irmãos preocupados em buscar os dons do Espírito (Palavra da sabedoria, palavra do conhecimento, fé,
dons de curar, operações de milagres, profecia, discernimento de espíritos, variedades de línguas e capacidade para
interpreta-las), mas não veja preocupados em manifestar o fruto do Espírito.

O apóstolo Pedro é um bom exemplo para ensinarmos um pouco sobre ser um crente verdadeiro.

Pedro acompanhou todo o ministério de Jesus que durou aproximadamente 3 anos aqui na terra, ele foi um dos
primeiros discípulos a serem chamados para seguir Jesus.
Em muitas passagens, Pedro demostra seu jeito natural de ser, ele era uma pessoa simples, direta e impulsiva.

Mt 14:28-31 – Pedro mostra a sua liderança entre os discípulos devido a sua personalidade. Ele era aquele que “dava
a cara a tapa” fazendo aquilo que os discípulos tinham vontade, mas não tinham coragem para fazer.

28 Respondendo-lhe Pedro, disse: Se és tu, Senhor, manda-me ir ter contigo, por sobre as águas.
29 E ele disse: Vem! E Pedro, descendo do barco, andou por sobre as águas e foi ter com Jesus.
30 Reparando, porém, na força do vento, teve medo; e, começando a submergir, gritou: Salva-me, Senhor!
31 E, prontamente, Jesus, estendendo a mão, tomou-o e lhe disse: Homem de pequena fé, por que duvidaste?

Mt 16:23 – Jesus repreendeu Pedro que estava sendo usado por satanás.

23 Mas Jesus, voltando-se, disse a Pedro: Arreda, Satanás! Tu és para mim pedra de tropeço, porque não cogitas das coisas de
Deus, e sim das dos homens.

Mt 18:21,22 – Pedro questiona Jesus sobre o perdão.

21 Então, Pedro, aproximando-se, lhe perguntou: Senhor, até quantas vezes meu irmão pecará contra mim, que eu lhe
perdoe? Até sete vezes?
22 Respondeu-lhe Jesus: Não te digo que até sete vezes, mas até setenta vezes sete.

Mt 19:27,28 – Pedro perguntou a Jesus o que os discípulos receberiam por segui-lo.

27 Então, lhe falou Pedro: Eis que nós tudo deixamos e te seguimos; que será, pois, de nós?
28 Jesus lhes respondeu: Em verdade vos digo que vós, os que me seguistes, quando, na regeneração, o Filho do Homem se
assentar no trono da sua glória, também vos assentareis em doze tronos para julgar as doze tribos de Israel.

Jo 13:6-9 – Pedro achou que Jesus não deveria lavar os pés dos discípulos, porque esse era um dever reservado aos
escravos não-judeus.

6 Aproximou-se, pois, de Simão Pedro, e este lhe disse: Senhor, tu me lavas os pés a mim?
7 Respondeu-lhe Jesus: O que eu faço não o sabes agora; compreendê-lo-ás depois.
8 Disse-lhe Pedro: Nunca me lavarás os pés. Respondeu-lhe Jesus: Se eu não te lavar, não tens parte comigo.
9 Então, Pedro lhe pediu: Senhor, não somente os pés, mas também as mãos e a cabeça.

Mt 26:31-35 – Após a última ceia, Jesus e os discípulos foram ao Monte das Oliveiras e Ele disse que todos se
escandalizariam Dele naquela noite, mas Pedro disse que jamais faria isso.

31 Então, Jesus lhes disse: Esta noite, todos vós vos escandalizareis comigo; porque está escrito: Ferirei o pastor, e as ovelhas
do rebanho ficarão dispersas.
32 Mas, depois da minha ressurreição, irei adiante de vós para a Galiléia.
33 Disse-lhe Pedro: Ainda que venhas a ser um tropeço para todos, nunca o serás para mim.
34 Replicou-lhe Jesus: Em verdade te digo que, nesta mesma noite, antes que o galo cante, tu me negarás três vezes.
35 Disse-lhe Pedro: Ainda que me seja necessário morrer contigo, de nenhum modo te negarei. E todos os discípulos disseram
o mesmo.

Jo 18:10,11 – Pedro tomou a espada e cortou a orelha do servo do sumo sacerdote.

10 Então, Simão Pedro puxou da espada que trazia e feriu o servo do sumo sacerdote, cortando-lhe a orelha direita; e o nome
do servo era Malco.
11 Mas Jesus disse a Pedro: Mete a espada na bainha; não beberei, porventura, o cálice que o Pai me deu?
Mt 26:69-75 – Pedro negou a Jesus 3 vezes.

69 Ora, estava Pedro assentado fora no pátio; e, aproximando-se uma criada, lhe disse: Também tu estavas com Jesus, o
galileu.
70 Ele, porém, o negou diante de todos, dizendo: Não sei o que dizes.
71 E, saindo para o alpendre, foi ele visto por outra criada, a qual disse aos que ali estavam: Este também estava com Jesus, o
Nazareno.
72 E ele negou outra vez, com juramento: Não conheço tal homem.
73 Logo depois, aproximando-se os que ali estavam, disseram a Pedro: Verdadeiramente, és também um deles, porque o teu
modo de falar o denuncia.
74 Então, começou ele a praguejar e a jurar: Não conheço esse homem! E imediatamente cantou o galo.
75 Então, Pedro se lembrou da palavra que Jesus lhe dissera: Antes que o galo cante, tu me negarás três vezes. E, saindo dali,
chorou amargamente.

Após Pedro ter negado por 3 vezes, a palavra diz que ele chorou amargamente, ocorreu um verdadeiro
arrependimento e ali ele começou uma nova fase em sua vida entendendo que não bastava viver caminhando ao
lado de Jesus, mas que deveria andar em Espírito, com temor ao Senhor.

A partir dali, Pedro passou a viver em Espírito, seu caráter foi transforma e o fruto do Espírito frutificou nele.

Jo 21:15-17 – Jesus agora ressurreto passa para Pedro uma missão.

15 Depois de terem comido, perguntou Jesus a Simão Pedro: Simão, filho de João, amas-me mais do que estes outros? Ele
respondeu: Sim, Senhor, tu sabes que te amo. Ele lhe disse: Apascenta os meus cordeiros.
16 Tornou a perguntar-lhe pela segunda vez: Simão, filho de João, tu me amas? Ele lhe respondeu: Sim, Senhor, tu sabes que
te amo. Disse-lhe Jesus: Pastoreia as minhas ovelhas.
17 Pela terceira vez Jesus lhe perguntou: Simão, filho de João, tu me amas? Pedro entristeceu-se por ele lhe ter dito, pela
terceira vez: Tu me amas? E respondeu-lhe: Senhor, tu sabes todas as coisas, tu sabes que eu te amo. Jesus lhe disse:
Apascenta as minhas ovelhas.

No Livro dos Atos dos Apóstolos, podemos ver muitas coisas que Pedro vez andando no Espírito:

At 2: 14-40 – O Sermão e as primeiras conversões (aproximadamente 3000 almas)

At 3:1-10 – A cura de um coxo

At 3:15 – Pedro discursou sobre o Senhor Jesus aos israelitas mostrando que eles mesmos tinham matado o Príncipe
da vida.

At 4:1-3 – Pedro e João foram presos por ensinar o povo.

At 4:5-12 – Pedro testemunha Jesus aos principais sacerdotes, dos anciões, dos escribas, de Anás, o sumo sacerdote,
e todos da linhagem deste último.

At 4:18-22 – Pedro agora não tinha mais medo de nada e aonde ia anunciava o evangelho de Jesus.
18 Chamando-os, ordenaram-lhes que absolutamente não falassem, nem ensinassem em o nome de Jesus.

19 Mas Pedro e João lhes responderam: Julgai se é justo diante de Deus ouvir-vos antes a vós outros do que a Deus;

20 pois nós não podemos deixar de falar das coisas que vimos e ouvimos.

21 Depois, ameaçando-os mais ainda, os soltaram, não tendo achado como os castigar, por causa do povo, porque todos
glorificavam a Deus pelo que acontecera.

Precisamos andar no Espírito para não satisfazer a concupiscência da carne, para sermos crentes de verdade e poder
cumprir, assim como Pedro, o que a palavra de Deus nos diz em Gálatas 5:24,25.
24 E os que são de Cristo Jesus crucificaram a carne, com as suas paixões e concupiscências.

25 Se vivemos no Espírito, andemos também no Espírito.