You are on page 1of 9

Sustentabilidade

Alimentar
Introdução

Neste trabalho, pretendo explicar o que é a sustentabilidade, a agricultura


biológica, os alimentos sustentáveis, exemplificar uma dieta sustentável e demonstrar
o impacto da utilização de alimentos sustentáveis.
O que é a Sustentabilidade?

Sustentabilidade é um termo usado para definir ações e atividades humanas que


visam suprir as necessidades atuais dos seres humanos, sem comprometer o futuro das
próximas gerações. Ou seja, a sustentabilidade está diretamente relacionada ao
desenvolvimento econômico e material sem agredir o meio ambiente, usando os
recursos naturais de forma inteligente para que eles se mantenham no futuro. Seguindo
estes parâmetros, a humanidade pode garantir o desenvolvimento sustentável.

Principais ações relacionadas à sustentabilidade (exemplos)

- Exploração dos recursos vegetais de florestas e matas de forma controlada, garantindo


o replantio sempre que necessário.
- Preservação total de áreas verdes não destinadas a exploração econômica.
- Ações que visem o incentivo à produção e consumo de alimentos orgânicos, pois estes
não agridem a natureza além de serem benéficos à saúde dos seres humanos;
- Exploração dos recursos minerais (petróleo, carvão, minérios) de forma controlada,
racionalizada e com planejamento.
- Uso de fontes de energia limpas e renováveis (eólica, geotérmica e hidráulica) para
diminuir o consumo de combustíveis fósseis. Esta ação, além de preservar as reservas
de recursos minerais, visa diminuir a poluição do ar.
- Criação de atitudes pessoais e empresarias voltadas para a reciclagem de resíduos
sólidos. Esta ação além de gerar renda e diminuir a quantidade de lixo no solo, possibilita
a diminuição da retirada de recursos minerais do solo.
- Desenvolvimento da gestão sustentável nas empresas para diminuir o desperdício de
matéria-prima e desenvolvimento de produtos com baixo consumo de energia.
- Atitudes voltadas para o consumo controlado de água, evitando ao máximo o
desperdício. Adoção de medidas que visem a não poluição dos recursos hídricos, assim
como a despoluição daqueles que se encontram poluídos ou contaminados.
Agricultura Biológica

Agricultura biológica é um sistema de produção agrícola (vegetal e animal) que


procura a obtenção de alimentos de qualidade superior, recorrendo a técnicas que
garantam a sua sustentabilidade, preservando o solo, o meio ambiente e a
biodiversidade, privilegiando a utilização dos recursos locais e evitando o recurso a
produtos químicos de síntese e adubos facilmente solúveis.
Alimentos sustentáveis
Uma das vertentes da chamada alimentação sustentável é sabermos aproveitar
os alimentos de forma integral, mas também nos alimentar-nos de forma consciente, no
que diz respeito à digestão e preparação.

 Os talos de couve, agrião, beterraba, brócolos e salsa, entre outros, contêm


fibras, ferro e vitamina C e devem ser aproveitados em patés, refogados,
recheios, no feijão e na sopa.
 As folhas da cenoura são ricas em vitamina A e devem ser aproveitadas para
fazer bolinhos, sopas ou picadinhos em saladas.
 A água do cozimento das batatas, beterraba e cenoura, entre outros, acaba
concentrando algumas vitaminas hidrossolúveis. Aproveite-a para fazer purés,
arroz e gelatinas.
 As cascas da batata e da mandioquinha podem ser assadas em forno ou fritas
em óleo quente e servidas como aperitivo.
 A casca da laranja é rica em cálcio e pode ser usada caramelizada ou em pratos
doces à base de leite, como arroz doce e cremes.
 A parte branca (entrecasca) da melancia e do melão é rica em fibras e potássio e
pode ser usada para fazer doces e em recheios salgados.
 Com as cascas das frutas (como goiaba, mamão e abacaxi), pode-se preparar
sucos batendo-as no liquidificador. O bagaço (que sobra na peneira) desse suco
pode ser aproveitado para preparar brigadeiros e bolos.
Dieta sustentável

Segundo a definição da FAO (2015), uma dieta sustentável tem baixo impacto ambiental
e contribui para a segurança alimentar e nutricional da população, assim como para o
seu estado de saúde, tanto no presente como no futuro. As dietas sustentáveis
protegem e respeitam a biodiversidade e o ecossistema; além de que permitem otimizar
os recursos naturais e humanos. Para além disso, uma dieta sustentável é culturalmente
aceite, nutricionalmente adequada, acessível pela população, segura e
economicamente justa.

A Dieta Mediterrânica, que ultimamente se tem vindo a perder na sociedade atual, é um


bom exemplo de alimentação sustentável, visto que promove o consumo de alimentos
de origem vegetal, pouco processados e de acordo com a sazonalidade.
A dieta mediterrânica, património cultural imaterial da humanidade da UNESCO,
preserva os valores culturais dos alimentos, abrangendo a colheita, confeção e o
próprio consumo.
Esta dieta consiste no consumo de frescos locais e da época, maior consumo de
alimentos de origem vegetal, consumo frequente de pescadas e baixo de carne
vermelhas, água é a principal bebida, simplicidade e economia, o azeite é a principal
fonte de gordura e utiliza as ervas aromáticas para temperar.
Impactos da alimentação sustentável
Conclusão
Biografia

https://www.suapesquisa.com/ecologiasaude/sustentabilidade.htm

http://www.draplvt.mamaot.pt/DRAPLVT/Comunicacao/Noticias/Documents/seminari
o_Agricultura_rio_maior_2017/3_AB_agrobio.pdf

https://www.natue.com.br/natuelife/alimentacao-sustentavel-consuma-talos-folhas-
sementes-e-cascas.html

http://dietamediterranica.net/?q=pt/node/182