Eduardo Salomão Bez Junior. Vívian Miyamoto Yukimide Oliveira.

Muito se fala sobre as diferenças entre Windows e Linux. O que mais se ouve dos que nunca pilotaram um Linux são frases do tipo: Ah, isso é tão fácil no Windows, No Linux não tenho um programa tão bom quanto esse que tenho no Windows. Existe uma mística de que o Linux é um sistema operacional muito complexo, que dificilmente tomará o lugar do Windows. O que muita gente ainda não sabe é que o Linux já dispõe de uma quantidade de ferramentas muito mais abrangente que a quantidade de ferramentas para Windows. Ao contrário do Windows, no Linux podemos escolher a interface gráfica que mais nos agrada em termos de beleza e facilidade de uso. Já existem cerca de 20 gerenciadores de janelas para o Linux. Dentre os mais populares podemos citar: Kde, Gnome, AfterStep, Enlightnment, WindowMaker, IceW, BlackBox,Fvwm90,Xfce.

Vamos falar um pouquinho sobre o (não tão) novo Xfce 4.4.
O Xfce é um gestor de janelas (ambiente gráfico), menos utilizado que o Gnome e o Kde, mas mais ligeiro, ou seja, que necessita de menos recursos do sistema (memória e capacidade de processamento). Visualmente o Xfce lembra o Macquintosh (Apple).

Características do Xfce
• • • • • • • • Multiplataforma: Linux, NetBSD, FreeBSD, OpenBSD, Solaris, Cygwin e MacOS X Ambiente de desktop leve e rápido Oferece aplicações básicas e leves Goodies para uma personalização máxima Suporta diversos monitores e Xinerama Disponibiliza um modo kiosk para restringir as configurações do Xfce Traduzido em mais de 40 idiomas Implementado de acordo com as especificações do Freedesktop o o o o o o Gestor de janelas com suporte a sugestões extendidas (hints) Especificação para construção de menus no desktop Especificação de temas para os ícones Especificação da localização base para pastas XDG Suporte ao protocolo XSETTINGS Suporte ao protocolo Drag-and-Drop

O Xfce 4.4 incorpora a filosofia tradicional de reutilização e modularidade do UNIX. Consiste num número de componentes que juntos fornecem a funcionalidade completa para o ambiente de desktop. Os módulos são empacotados separadamente e pode seleccionar os pacotes disponíveis para criar o melhor ambiente de trabalho personalizado.

Vamos falar um pouquinho sobre a configuração

Plugins
Por default o XFCE vem com dois painéis. São nestes painéis que podemos adicionar lançadores de aplicativos, menus, relógio e todos os plugins instalados pelo pacote xfce4-goodies. Para isso basta clicar com o botão direito do mouse sobre o painel e clicar em adicionar novo item para abrir o seguinte menu:

Neste menu estão listados os plugins instalados pelo pacote xfce4-goodies. Há alguns outros plugins que não são instalados por default. Basta procurá-los usando o Kpackage, Synaptic ou o seu gerenciador de pacotes preferido. No prompt: $ sudo apt-cache search xfce4 Além disso você pode configurar os painéis da maneira que quiser. Basta clicar em propriedades. Assim você pode customizar os painéis de acordo com sua necessidade.

Ícones na Área de Trabalho
Agora, com o Xfce 4.4, esta função foi finalmente adicionada ao gestor da área de trabalho Xfdesktop.

O XFCE 4.4 tem um painel de configuração bastante funcional:

Nele você pode setar wallpaper, temas, teclado, som, configuração de impressora etc. Você também pode encontrar os arquivos de configuração do XFCE na pasta .config no diretório home do seu usuário.

Imagens do Xfce

Documentação
• Documentação oficial

Navegação 1. Instalação 2. Configuração

3. Personalização

Bibliografia
http://ubuntupedia.info/index.php/Xfce http://www.xfce.org http://www.vivaolinux.com.br