You are on page 1of 7

Noções Introdutórias de Licitação e Contratos

Administrativos
mooc.escolavirtual.gov.br/mod/quiz/review.php

Iniciado em segunda, 18 fev 2019, 09:15

Estado Finalizada

Concluída em segunda, 18 fev 2019, 09:26

Tempo empregado 10 minutos 18 segundos

Avaliar 12,00 de um máximo de


20,00(60%)

Questão 1
Correto

Atingiu 2,00 de 2,00

Marcar questão

Texto da questão
Uma das características dos contratos administrativos é a presença das
chamadas cláusulas exorbitantes. Assinale a alternativa que contém a
afirmação correta em relação a essas cláusulas.

Feedback
Sua resposta está correta.

Nos contratos administrativos, estão presentes as cláusulas exorbitantes,


assim chamadas por estarem fora da órbita do direito comum e por ter
como finalidade assegurar a posição de supremacia da Administração em
relação ao particular.

Questão 2
Incorreto

Atingiu 0,00 de 2,00

Marcar questão

Texto da questão
Sobre os contratos administrativos, é correto afirmar:
1/7
Feedback
Sua resposta está incorreta.

O equilíbrio econômico-financeiro do contrato é a relação estabelecida


inicialmente pelas partes entre os encargos do contratado e a retribuição
da Administração para a justa remuneração do objeto do ajuste. Essa
relação encargo-remuneração deve ser mantida durante toda a execução
do contrato a fim de que o contratado não sofra indevida redução dos
lucros. Assim, ao utilizar-se do direito de alterar unilateralmente as
cláusulas contratuais, a Administração não pode violar o direito do
contratado de manutenção da equação financeira originalmente
estabelecida, cabendo-lhe operar os respectivos reajustes econômicos.

Questão 3
Correto

Atingiu 2,00 de 2,00

Marcar questão

Texto da questão
No que tange aos contratos administrativos, assinale a alternativa correta.

Feedback
Sua resposta está correta.

Os contratos se extinguem naturalmente com o cumprimento do objeto ou


término do prazo contratualmente pactuado. Todavia, ocorrendo
inexecução total ou parcial do contrato, haverá a sua rescisão, com as
consequências contratuais e as previstas em lei ou regulamento (art. 77,
Lei nº 8.666/93). A rescisão é o desfazimento do contrato durante a sua
execução, por inadimplência de uma das partes ou por superveniência de
eventos que impeçam ou tornem inconveniente o seu prosseguimento ou
que acarretem o rompimento de pleno direito.

Questão 4
Incorreto

Atingiu 0,00 de 2,00

Marcar questão

Texto da questão
Embora a exigência da garantia seja feita pela Administração, a opção por
qualquer das modalidades previstas em Lei:

2/7
Feedback
Sua resposta está incorreta.

O art. 56, §2º, da Lei nº 8.666/93 determina que o valor da garantia não
poderá exceder a 5% do valor do contrato, sendo, excepcionalmente,
dentro dos requisitos do §3º do indicado dispositivo, permitida a sua
elevação até 10% do valor do contrato. Ressaltamos, ainda, que muito
embora a exigência da garantia seja feita pela Administração (art. 56,
caput, Lei nº 8.666/93) a opção por qualquer das modalidades previstas em
Lei (art. 56, I a III do § 1º, Lei nº 8.666/93) será feita pelo contratado (art. 56,
§ 1º, Lei nº 8.666/93).

Questão 5
Correto

Atingiu 2,00 de 2,00

Marcar questão

Texto da questão

A respeito dos contratos administrativos, considere as seguintes


afirmativas:

I. Admitem a existência ou o estabelecimento de prerrogativas especiais


em prol da administração pública.

lI. Admitem sua extinção unilateral nos casos admitidos em lei.

IlI. A garantia do contratado ao equilíbrio econômico-financeiro do contrato


administrativo não pode ser afetado.

É correto o que se afirma apenas em:

Feedback
Sua resposta está correta.

Nos contratos administrativos, estão presentes as cláusulas exorbitantes,


assim chamadas por estarem fora da órbita do direito comum e por ter
como finalidade assegurar a posição de supremacia da Administração em
relação ao particular. Diferentemente do que ocorre nos contratos regidos
pelo regime de direito privado, em que, qualquer alteração necessita de
consenso entre as partes, nos contratos administrativos, em face da
superioridade da Administração, justificável em razão do interesse público,
pode ocorrer a alteração unilateral do contrato. Nenhum particular ao
3/7
contratar com a Administração adquire direito à imutabilidade do contrato.
Essa prerrogativa, no entanto, não se confunde com arbítrio. O equilíbrio
econômico-financeiro do contrato é a relação estabelecida inicialmente
pelas partes entre os encargos do contratado e a retribuição da
Administração para a justa remuneração do objeto do ajuste. Essa relação
encargo-remuneração deve ser mantida durante toda a execução do
contrato a fim de que o contratado não sofra indevida redução dos lucros.
Assim, ao utilizar-se do direito de alterar unilateralmente as cláusulas
contratuais, a Administração não pode violar o direito do contratado de
manutenção da equação financeira originalmente estabelecida, cabendo-
lhe operar os respectivos reajustes econômicos.

Questão 6
Incorreto

Atingiu 0,00 de 2,00

Marcar questão

Texto da questão
Ao contrário do que ocorre entre os particulares, os contratos
administrativos conferem à Administração algumas prerrogativas que lhe
colocam em posição de supremacia sobre o contratado. São as chamadas
‘cláusulas exorbitantes’, entre as quais NÃO se inclui:

Feedback
Sua resposta está incorreta.

Dentre os principais pontos das cláusulas exorbitantes, podemos destacar:


a alteração unilateral do contrato, a rescisão unilateral, a reciprocidade das
prestações (Exceptio non adimpleti contractus), a fiscalização e a aplicação de
sanções e a retomada do objeto.

Questão 7
Correto

Atingiu 2,00 de 2,00

Marcar questão

Texto da questão
Tratando-se de contratos administrativos é INCORRETO afirmar que:

Feedback
Sua resposta está correta.

4/7
Uma vez estabelecidas as regras do certame, tornam-se inalteráveis para
aquela licitação, durante todo o procedimento. Caso o edital revele-se
falho, deverá a Administração providenciar, tempestivamente, a sua
correção, com republicação e reabertura dos prazos, na hipótese de
afetação da elaboração das propostas. Nesse contexto, a garantia
contratual precisa estar prevista no edital nos termos do art. 56 da Lei nº
8.666/93.

Questão 8
Correto

Atingiu 2,00 de 2,00

Marcar questão

Texto da questão
Os contratos administrativos, regidos pela Lei nº 8.666/93, podem ser
alterados, unilateralmente, pela própria Administração, quando for
necessário modificar o seu valor em decorrência de acréscimos
quantitativos do seu objeto. No caso particular de reforma de edifício este
acréscimo pode ser até o limite máximo de:

Feedback
Sua resposta está correta.

O contratado fica obrigado a aceitar, nas mesmas condições contratuais,


os acréscimos ou supressões que se fizerem nas obras, serviços ou
compras, até 25% (vinte e cinco por cento) do valor inicial atualizado do
contrato, e, no caso particular de reforma de edifício ou de equipamento,
até o limite de 50% para os seus acréscimos (art. 65, § 1º). Nenhum
acréscimo ou supressão quantitativa poderá exceder os limites
estabelecidos no parágrafo anterior, salvo as supressões resultantes de
acordos celebrados entre os contratantes (art. 65, § 2º, Lei nº 8.666/93).

Questão 9
Incorreto

Atingiu 0,00 de 2,00

Marcar questão

Texto da questão
No que diz respeito à licitação, contratos e convênios administrativos,
assinale a opção correta.

Feedback
5/7
Sua resposta está incorreta.

Vale registrar que contrato não se confunde com convênio. Convênio é um


acordo de colaboração entre partícipes para execução de um objeto de
interesse em comum. Os interesses são, portanto, convergentes.

Questão 10
Correto

Atingiu 2,00 de 2,00

Marcar questão

Texto da questão
No tocante ao regime dos contratos administrativos regidos pelo direito
público, a administração pública pode:

I. exercer somente as mesmas prerrogativas que um particular poderia


numa relação contratual privada.

II. modificar os contratos unilateralmente, para melhor adequá-los às


finalidades de interesse público, respeitados os direitos do contratado.

III. rescindir os contratos unilateralmente, nos casos especificados em lei.

IV. fiscalizar a execução dos contratos.

V. aplicar sanções motivadas pela inexecução parcial ou total do ajuste.

Está correto o que se afirma apenas em:

Feedback
Sua resposta está correta.

Listadas no art. 58 da Lei nº 8.666/93, as cláusulas exorbitantes têm por


finalidade assegurar a posição de supremacia da Administração em relação
ao particular.

Dentre os principais pontos das cláusulas exorbitantes podemos destacar:


a alteração unilateral do contrato, a rescisão unilateral, a reciprocidade das
prestações (Exceptio non adimpleti contractus), a fiscalização e a aplicação de
sanções e a retomada do objeto.

Terminar revisão

6/7
7/7