You are on page 1of 4

EXCELENTÍSSIMO(A) SENHOR(A) JUIZ(A) DE DIREITO DA VARA CÍVEL DA

CAPITAL-PE

NDT WELD INSPEÇÕES LTDA, inscrita no CNPJ nº


13.394.628/0001-60, Inscrição municipal nº 443.475-7, com sede na Av. Dezessete de
Agosto, nº 1705, Edifício Casa Forte Corporate, Sala 06, CXPST 20, Casa Forte,
Recife-PE, CEP. 52.061-400 (Doc.01), com endereço eletrônico:
silviobatista.adv@gmail.com.br, vem através do seu advogado que assina a presente
digitalmente, constituído nos termos da procuração anexada (Doc. 02), devidamente
habilitado no Portal E-saj, onde receberá notificações, intimações e demais atos
processuais, vem, mui respeitosamente, ao juízo de Vossa Excelência com fulcro no
artigo 700 e seguintes, ambos do Novo Código de Processo Civil, propor

AÇÃO MONITÓRIA

em face de CALDEMON INDUSTRIA E MONTAGEM DE EQUIPAMENTOS


INDUSTRIAIS EIRELI, inscrita no CNPJ: 17.142.809/0001-50, sediada na rua J (Lot
Canto do Mainá) , s/n, Cidade Universitaria, Maceió- AL.CEP. 57.073-481, pelos fatos e
fundamentos a seguir explanados:

I – DOS FATOS

 A parte autora é empresa de sociedade limitada que tem por objeto a Prestação de
Serviços de Soldagem, Controle de Qualidade, Consultoria, Serviços e treinamento de
mão de obra etc. (Doc.03), tendo sido contratada pela empresa ora demandada para
executar os serviços de Controle de Qualidade: Qualificação de Soldadores, Elaboração
de IEIS conforme e-mail (Doc.04).
 Contudo, a demandada não efetuou o pagamento das seguintes Notas Fiscais: nº
320001172, vencimento 10/06/2016, no valor de R$ 4.833,33 (Quatro mil oitocentos e
trinta e três reais e trinta e três centavos) (Doc.05), nº 320001175, vencimento
15/10/2016, no valor de R$ 6.175,00 (Seis mil cento e setenta e cinco reais) (Doc.06) e
nº 320001176, vencimento 15/11/2016, no valor de R$ 4.833,33 (Quatro mil oitocentos
e trinta e três reais e trinta e três centavos) (Doc.07), totalizando R$ 15.841,66 (
Quinze Mil oitocentos e quarenta e um reais e sessenta e seis centavos).

 Vale ressaltar que a demandada, reconhece os débitos nos termos das NF emitidas e
emite Relatório no próprio setor de Contas a Pagar (Doc.08), porém jamais efetuou o
pagamento dos valores devidos nem retorna as ligações ou e-mails (Doc.09).

 O credor, ora Requerente, pretende, assim, com base nesta prova escrita, receber o
importe devido, nos termos do art. 700 e segs do CPC, uma vez que, em vão, foram
todos os seus esforços envidados para composição amigável.

II – DO DIREITO

A ação monitória, também denominada injuntiva, foi inserida na lei processual e


mantida, sendo capitulada nos art. 700 e segs do CPC, prestando-se a todo aquele
que afirmar, com base em prova escrita sem eficácia de título executivo, ter direito de
exigir o pagamento de quantia em dinheiro.

A jurisprudência tem sido uníssona no sentido de que notas fiscais são


provas hábeis a demonstrar a dívida e autorizar o manejo do procedimento
monitório:

CIVIL. PROCESSUAL CIVIL. AÇÃO MONITÓRIA INSTRUÍDA COM NOTAS FISCAIS E


RECIBO DE ENTREGA. CONFERIDA FORÇA EXECUTIVA. POSSIBILIDADE. INTELIGÊNCIA
DO ART. 1102-A DO CPC. PRECEDENTES. ALEGAÇÃO DE FRAUDE NÃO COMPROVADA.
ART. 331, II DO CPC. PRELIMINAR DE DENUNCIAÇÃO DA LIDE REJEITADA. RECURSO A
QUE SE NEGA PROVIMENTO. 1. Ação Monitória instruída com notas fiscais e recibos de
entrega. Sentença julgando procedente, reconhecendo eficácia executiva às notas fiscais de fls.
24/40, no valor total de R$29.345,00 (vinte e nove mil, trezentos e quarenta e cinco reais). 2.
Preliminar de denunciação da lide rejeitada, considerando que a situação não se enquadra nas
hipóteses previstas do art. 70 do CPC.3. Inexistência nos autos de qualquer documento que
comprove a suposta fraude. Mera alegação.4. A autora demonstrou a condição de credora da
ré, bem como a não satisfação da obrigação contraída, apresentando com a inicial as notas
fiscais e os recibos de entrega. O encargo da prova recai sobre aquele que alega. Assim como a
autora/ apelada trouxe o documento indispensável para provar sua condição de credora da
apelante, nos embargos, caberia à ré desconstituir a presunção em favor da autora, utilizando-
se dos meios de prova admitidas em direito, inclusive técnica.5. As notas fiscais com
recebimento da mercadoria são meios probatórios hábeis para a ação monitória. 6. Recurso a
que se nega provimento. (Grifos Nossos)

(TJPE - Apelação 349602-80052325-47.2013.8.17.0001, Rel. Evandro Sérgio Netto de


Magalhães Melo, 6ª Câmara Cível, julgado em 18/11/2014, DJe 27/11/2014)

Do cotejo dos autos, mormente pelas notas fiscais: nº 320001172, nº 320001175


e nº 320001176, totalizando R$ 15.841,66 ( Quinze Mil oitocentos e quarenta e um
reais e sessenta e seis centavos), relatório de dívidas e e-mail de reconhecimento
dos referidos débitos. Comprovando assim a prestação do serviço contratado pela
demandada, infere-se perfeitamente o direito do autor em ver os valores devidos
efetivamente adimplidos.

III - DOS PEDIDOS

Mediante ao exposto, o Requerente vem, com o devido acato, fundamentando-se nos


retro mencionados dispositivos legais, requerer:

 A expedição de mandado monitório ao devedor, para pagar a quantia de R$


15.841,66 ( Quinze Mil oitocentos e quarenta e um reais e sessenta e seis
centavos),

 A citação da Requerida, inclusa no mandado monitório, para pagar ou,


querendo, oferecer embargos, no prazo legal;

 Os benefícios do art. 212 § 2º do CPC, para efeito da citação;

 A procedência da presente, com a consequente condenação da Requerida


ao pagamento das custas e honorários advocatícios, na razão de 20% (vinte
por cento), sobre o valor da causa, corrigido, caso não cumpra o mandado
monitório;

 Pugna por todos os meios de prova admitidos em direito, mormente a


documental.

Dá à causa o valor de R$ 15.841,66 ( Quinze Mil oitocentos e quarenta e um reais e


sessenta e seis centavos

DAS PROVAS
Requer a Autora a produção de todas provas, especialmente as de caráter documental.

Termos em que,
Pede e espera deferimento.

Recife-PE, 14 de novembro de 2018.

SILVIO BATISTA DA SILVA


OAB/PE n. 38.925