You are on page 1of 7

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ
CONSELHO DIRETOR

RESOLUÇÃO N° 005/2016 - CONDIR DE 29 DE NOVEMBRO DE 2016.

O PRESIDENTE DO CONSELHO DIRETOR DO INSTITUTO FEDERAL DE


EDUCAÇÃO. CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ, Câmpus Belém, nomeado através da
Portaria n° 603-GAB-DOU DE 30/04/2015 e de acordo com a Lei nO11.892 de 29/12/2008, no
uso de suas atribuições legais e considerando o deliberado na reunião do
COND1R/IFPA/CAMPUS BELÉM, do dia 28.11.2016,

Resolve:

Art./"- Aprovar o Regulamento do Complexo Esportivo do Instituto Federal de Educação,


Ciência e Tecnologia do Pará - Campus Belém, conforme deliberação tomada na 19° Reunião
Ordinária do Conselho Diretor, realizada em 28 de novembro de 2016.
Art.2°- Esta Resolução entra em vigor na data de sua assinatura.
•••
••
SERViÇO
MINISTÉRIO
PÚBLICO FEDERAL
DA EDUCAÇÃO
•••
•• IFPA
INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ Campus
DIRETORIA GERAL Belém

REGULAMENTO DO COMPLEXO ESPORTIVO DO IFPA - CAMPUS BELÉM

CAPÍTULO I
DISPOSIÇÃO PRELIMINAR

Art. 1° - Este regulamento disciplina o funcionamento das instalações do Complexo Esportivo


do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará - IFPA, Campus Belém.
9 I 0_ O Complexo tem por finalidade atender demandas relativas às atividades educativas de
Educação Física, articuladas com o Desporto a Cultura e o Lazer.
92°- À Seção de Educação Física - SEFIC, subordinada ao Departamento de Ensino -
Ciências c Formação de Professores - DEPRO, vinculada a Diretoria de Ensino - DEN do
Campus, zelará para que o Complexo atenda suas finalidades, promovendo os
encaminhamentos das demandas necessárias para manutenção dos espaços, equipamentos e
material de consumo.

CAPÍTULO 11
DOS AMBIENTES E ORGANIZAÇÃO

Art. 2° - O Complexo compreende os seguintes ambientes:


I. Ambiente 1 - Sala de Chefia da Seção de Educação Física - SEFI C;
11.Ambiente 2 - Sala da Chelia da Seção de Educação Física - SEFIC;
1II. Ambiente 3 - Ginásio de Esporte e Quadras Cobertas;
IV. Ambiente 4 - Sala de aula: Judô, Musculação, Ginástica geral, Dança e Sala de audiovisual;
V. Ambiente 5 - Pista de Atletismo, Campo de futebol, Piscina;
VI. Ambiente 6 - Quadra de vôlei de praia;
VII. Ambiente 7 - Sala de Pesquisa.
Art.3°- Os Ambientes do Complexo serão utilizados por usuário para fins educacionais,
esportivos, de pesquisa, culturais, recreativos e sociais.
9 I° A SEFI C não se responsabilizará por bens pessoais dos usuários deixados nos Ambientes.
92°- É expressamente proibida a entrada de usuários com animais ou portando bicicleta ou
outros equipamentos que não sejam previstos nas atividades curriculares esportivas nos
Ambientes do Complexo.
ArtAO- São considerados usuários dos Ambientes III, IV, V e VI, por ordem de prioridade, os
estudantes regularmente matriculados e cursando a Disciplina Educação Física, os estudantes
atletas, estudantes dos cursos técnicos, de graduação, de pós-graduação, todos regularmente
matriculados c cursando, os servidores e, eventualmente, a comunidade externa que participe de
programas de cxtensão.
Art.5°- O Setor VII será de uso prioritário dos professores pesquisadores do corpo docente de
Educação Física.
Art.6°- São práticas, expressamente, vedadas nos Ambientes do Complexo, sem prejuízo de
outras estipuladas pela legislação vigente: ,
1- A comercialização de alimentos e bebidas;
ll- A Guarda e/ou consumo de bebidas alcoólicas, fumo e produtos ilícitos;
1II- O uso de fogos de artificio;
•••
••
SERViÇO PÚBLICO
MINISTÉRIO
FEDERAL
DA EDUCAÇÃO
•••
•• IFPA
INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ Campus
DIRETORIA GERAL Belém

CAPÍTULO III
DA UTILIZAÇÃO E AGENDAMENTO DOS AMBIENTES

Art.7°- Terá prioridade para utilização dos Ambientes, pela ordem, as aulas da Disciplina
Educação Fisica, a pesquisa, os programas de extensão, atividades culturais, recreativas e
SOCIaiS.
SI 0_ As atividades de aulas da Diseiplina Edueação Física e de pesquisa serão agendadas pela
própria SEFIC;
92°- Os Programas de Extensão serão agendados junto à SEFIC através da DIRETORIA DE
EXTENSÃO - DEX, do Campus;
93°- As atividades culturais, recreativas e sociais serão agendadas com, no mínimo, 30 (trinta)
dias de antecedência, junto à SEFIC através da Seção de Programas Culturais, Artísticos,
Desportivo c de Lazer - SDC;
94°- As atividades externas serão agendadas com, no mínimo, 7 (sete) dias de antecedência
junto à SEFIC através da DIREÇÃO GERAL DO CAMPUS - DG.
Art.8°- O Agendamento da Sala de Musculação, da Sala de Ginástica e da Piscina será atendido
somente com a participação na atividade de Professores de Educação Física vinculados à
SEFIC.
Art.9°- O responsável, de posse do comprovante de agendamento intransferível, assinará o
termo de responsabilidade.
Art. 10- Para qualquer atividade agendada haverá necessidade de um servidor, o qual receberá o
comprovante de agendamento do responsável pela atividade.
Art. 11- Por necessidade eventual, poderão ser cancelados os agendamentos, sendo os usuários
comunicados com, no mínimo, de 3 (três) dias de antecedência.
Art.12- É vedado o agendamento da Sala da Chefia da SEFI C e a Sala dos Professores de
Educação Física.

CAPÍTULO IV
DO FUNCIONAMENTO

Art.l3- O horário de funcionamento do Complexo será de segunda-feira a sexta-feira:


I. O turno da manhã e tarde, até 18:20h (dezoito e vinte), será prioritário para as aulas da
Disciplina Educação Física;
11.Para as demais atividades poderá estender-se até as 20h (vinte horas);
III. Para as programações especiais, com devida justificativa, que precisem exceder as 20h
(vinte horas) ou serem realizadas em dia de sábado, domingo ou feriado, somente serão
atendidas com autorização expressa da DIREÇÃO GERAL DO CAMPUS - DG.
Parágrafo Único. Os menores de 18 (dezoito) anos de idade só poderão permanecer nas
dependências do Complexo até às 19h (dezenove horas). Para participar dos programas de
extensão que exceda às 19h somente poderão participar com o consentimento dos pais ou
,"p0",""II",I, , d, 00"" "i,iilid" wm,"" "m " pre'''ç' om d, re'p'"',,l, !
•••
••
SERViÇO
MINISTÉRIO
PÚBLICO FEDERAL
DA EDUCAÇÃO
•••
•• IFPA
INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIENCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ Campus
DIRETORIA GERAL Belém

CAPÍTULO V
NORMAS DE UTILIZAÇÃO DOS AMBIENTES DO COMPLEXO ESPORTIVO
Seção I
Ginásio de Esportes e Quadras Cohertas

Art.14- O Ginásio de Esportes e as quadras cobertas são destinados às práticas Esportivas:


basquete, voleibol, futsal e handebol, atividades curriculares, adaptadas, treinamentos,
competições, eventos culturais, religiosos e políticos.
91°- Na prática esportiva é obrigatório o uso de calçados adequados ao espaço;
92°. Para eventos científicos e culturais, os promotores do evento deverão observar as normas
contidas em documentos específicos.

Seção 11
Salas de Aulas e pesquisa: Judô, Museulação, Ginástica Geral e Dança e Pesquisa.

Art.15 - A Sala de Judô é destinada às atividades de ensino, pesquisa e extensão.


91° Cursos específicos da modalidade, treinamento específico da modalidade e competições
deverão ser oficializados através de programas pela Seção de Programas Culturais,
Artísticos, Desportivo e de Lazer - SDC e autorizadas pela SEFIC.
92° Para a utilização da sala de judô, os usuários deverão estar em traje esportivo adequado para
a prática da modalidade e/ou atividades físicas.
Art.16- A sala de Ginástica Geral é destinada às atividades de ensino, pesquisa e extensão
91° Para a utilização da sala de Ginástica Geral, os usuários deverão estar em traje esportivo
adequado para a prática da atividade física, respeitando a proibição de uso de qualquer calçado,
alimentos ou outro fim.
92° Cursos específicos das modalidades, treinamentos e competições deverão ser oficializados
através de programas pela Seção de Programas Culturais, Artísticos, Desportivo e de Lazer
- SDC e autorizadas pela SEFIC.
Art. 17 - A Sala de Dança é destinada às atividades de ensino, pesquisa e extensão, sempre sob
a responsabilidade e acompanhamento de um profissional habilitado, respeitando a proibição de
uso de qualquer calçado, alimentos ou outro fim.
Art.18 - A Sala de Musculação é destinada às atividades de ensino, pesquisa e extensão.
91° Cursos específicos da modalidade, deverão ser oficializados por meio de programas junto à
Seção de Programas Culturais, Artísticos, Desportívo e de Lazer - SDC e autorizadas pela
SEFIC.
92°- Para a utilização da sala de musculação é obrigatório apresentar laudo médico;
93°- Os usuários da sala de musculação deverão trajar camisa, tênis, short ou calça específica
para a prática, durante a permanência na sala, sendo obrigatório o uso de toalha individual;
94°- A duração da aula será de 50 minutos; terá no máximo 20 alunos e, no mínimo, um
professor de Educação Física por aula;
95°- Não é permitida a presença de pessoas no espaço que não estejam matriculados para a
atividade;
96°- É de responsabilidade do professor de Educação Física orientar quanto ao uso corr~t~/«
maquinas pelos usuários e prescrição do programa de treinamento. r
•••
••
SERViÇO
MINISTÉRIO
PÚBLICO FEDERAL
DA EDUCAÇÃO
•••
•• IFPA
INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ Campus
DIRETORIA GERAL Belém

Seção III
Área de Atletismo e apoio, Campo de futebol

Art.19- A Área de Atletismo compreende a pista de atletismo e é destinada às atividades de


ensino, pesquisa e extensão.
Si ° Programas da modalidade, deverão ser oficializados junto Seção de Programas Culturais,
Artísticos, Desportivo e de Lazer - SDC e autorizados pela SEFIC.
S2°- Para a utilização da área de atletismo, os usuários deverão estar em trajes esportivos,
quando alunos desta IFE, devidamente uniformizados com a vestimenta oficial da Educação
Física; além de calçados apropriados para a prática da modalidade.
Art. 20 - O Campo de Futebol é destinado às atividades de ensino, pesquisa e extensão.
SI o Programas da modalidade, deverão ser oficializados junto à Seção de Programas
Culturais, Artísticos, Desportivo e de Lazer - SDC e autorizados pela SEFIC.
S2°- É vedada a utilização do campo de futebol em caso de chuva.
S3°- O Campo de Futebol ficará reservado às segundas-feiras para tratamento e manutenção do
gramado, sendo vedada a reserva neste dia para quaisquer atividades;

Seção IV
Quadra de Vôlei de Praia

Art. 21 - A Quadra de Vôlei de Praia é destinada às atividades de ensino, pesquisa e extensão.


SI ° Programas da modalidade, deverão ser oficializados junto à Seção de Programas
Culturais, Artístieos, Desportivo e de Lazer - SDC e autorizados pela SEFIC.
S2°- O usuário somente poderá ocupar a Quadra de Vôlei de Praia com vestimentas adequadas
(bermuda, sukini, top, camiseta ou camisa) e em perfeito asseio;

Seção V
Conjunto Aquátieo: Piseina

Ar\. 22 - O conjunto Aquático é destinado às atividades de ensino, pesquisa e extensão.


Si ° Programas da modalidade deverão ser oficializados junto à Seção de Programas
Culturais, Artísticos, Desportivo e de Lazer - SDC e autorizados pela SEFIC.
S2°- Permanecerá fechado em janeiro e julho e em caso de chuva;
S3°- Quando necessário, em dias de competiçôes e apresentações, poderão ser suspensas todas
as outras atividades da piscina, parcial ou completamente, de acordo com autorização
formalizada pela SEFIC;
S4° Para utilização do Complexo Aquático é obrigatório apresentação de atestado médico;
S5°- Será obrigatório o uso de maiô e/ou sunga (trajes de banho), em condições seguras de
movimentação para as atividades de aprendizagem e treinamento.
SGo-O tratamento da água da piscina se dará de acordo com programa preestabelecido.
Art. 23 - Não será permitido no recinto do Conjunto Aquático:
I - Uso de óleos bronzeadores ou qualquer produto similar, exceto protetor solar;
II - Ingestão de alimentos;
III - Entradas de pessoas com quaisquer alterações cutâneas ou de origem orgânica que P"#Oha
em risco a saúde e higiene pública;
IV - Abandono no recinto dc qualquer tipo de resíduo;
•••
••
SERViÇO PÚBLICO
MINISTÉRIO
FEDERAL
DA EDUCAÇÃO
•••
•• IFPA
INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ Campus
DIRETORIA GERAL Belém

v- USOde qualquer tipo de calçados, exceto sandálias com solado de borracha;


VI - Utilização do recinto para outros fins que não sejam os previstos nas normas de utilização
do espaço no Complexo Esportivo.
Parágrafo único: Antes de ingressar na piscina, os usuários deverão banhar-se adequadamente e
passar pelo lava pés.
Art. 24 - Não serão permitidas aos freqüentadores, atitudes que possam colocar em risco a
segurança dos usuários, tais como: empurrões, "caldos", corridas junto à borda da piscina,
formação de pirâmides e outras que forem consideradas perigosas aos usuários.

CAPÍTULO VI
DO MATERIAL ESPORTIVO

Art. 25 - A retirada de material esportivo na SEFIC será feita exclusivamente peJo docente,
mediante o preenchimento de um fonnulário de responsabilidade pelo mesmo.

CAPITULO VII
DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

Art. 26 - Serão pessoalmente responsabilizados pelos atos que praticarem os usuários que, por
uso inadequado, causarem dano ao meio ambiente e\ou instalações c equipamentos do
Complexo Esportivo.
Parágrafo único: Observadas as circunstancias e respeitado o direito do contraditório e da ampla
defesa, o responsável deverá estar sujeito obrigatoriamente a penalidades estabelecidas por
instancias superiores.
Ar!. 27 No caso do descumprimento deste regulamento e\ou danos nas
instalações\equipamentos do Complexo Esportivo, cabe à autoridade competente a apuração e
penalidades das responsabilidades aos usuários.
Art. 28 - Não será permitido:
I - utilizar qualquer espaço do Complexo Esportivo, equipamento ou material, sem autorização
formalizada pela SEFIC;
II - transpor a área de proteção, portaria ou entrada de qualquer setor do Complexo Esportivo
sem a devida autorização pela SEFIC;
III - portar ou fazer uso de substâncias ilícitas nas instalações do Complexo Esportivo;
III - jogar fora das lixeiras: papéis, goma de mascar, vasilhames, descartáveis, sacolas,
embalagens entre outros;
V - fazer algazarras, importunando, colocando em risco a segurança, saúde e tranqüilidade dos
demais usuários;
VI - utilizar os espaços c equipamentos fora da normatização especifica de cada área;
VII - fazer gestos ou proferir palavras ofensivas ao bom costume, incitar ou cometer qualquer
ato de violência ou desrespeito às autoridades do Complexo Esportivo, servidores e demais
usuários;
VIII - usar trajes inadequados ou não condizentes com a prática esportiva nos setores do
Complexo Esportivo;
IX - entrar nas instalações do Complexo esportivo com patins, skate, ou instrumentos ~::lilais,
buzinas ou aparelhos sonoros; ~
•••
••
SERViÇO PÚBLICO FEOERAL
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
•••
•• IFPA
INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ campus
DIRETORIA GERAL Belém

x - entrar no Complexo Esportivo com animais de qualquer espécie, ainda que de pequeno
porte ou presos em correntes ou cordas.
XI - alunos permanecerem sem profcssor em todo e qualquer área do Complexo Esportivo nas
situações a seguir: horário de aulas curriculares, horário de treinamento e horas livres;
XII - estagiários e bolsistas permanecerem nas quadras (cobertas e descoberta), campo de
futebol, sala de musculação, sala de ginástica, sala de áudio visual e piscina sem a presença do
professor orientador, com exceção da sala dos professores
XIII - estagiários ministrarem aulas curriculares, treinamentos e outras atividades
extensionistas sem a presença do professor orientador;
Art. 29° - Os casos omissos serão submetidos às instâncias superiores, de acordo com a
regulamentação intern,