You are on page 1of 1

I.

Plano de Aula: Data:

II. Dados de Identificação:


Escola: Vestibular Cidadão
Professor (a): Rebecca Ribeiro
Disciplina: História do Brasil República

III. Tema:
- Governo Provisório (1930-1934) e Governo Constitucional de Vargas (1934-1937)

IV. Objetivos:
Objetivo geral: analisar o contexto histórico dos anos iniciais do governo Vargas
Objetivos específicos:
1. Analisar os mecanismos que mantiveram Vargas ao poder em 1930;
2. Analisar a promulgação da Constituição de 1934;
3. Compreender os movimentos ideológicos da década de 1930: AIB e ANL;
4. Identificar o contexto político do golpe de 1937.
V. Conteúdo:
1. Os resultados da Revolução de 1930;
2. Revolução Constitucionalista de 1932;
3. A promulgação da Constituição de 1934;
4. O acirramento ideológico na década de 1930;
5. Ação Integralista Brasileira;
6. Aliança Nacional Libertadora;
7. O golpe de Estado de 1937.

VI. Desenvolvimento do tema: Após a Revolução de 1930, Getúlio Vargas assume a frente do
movimento. Apesar de enfrentar descontentamentos da oligarquia paulista, Vargas consegue
consolidar-se no poder com o auxílio do Exército, de políticas populares e do apoio ao setor
cafeeiro. Em 1934, uma nova Constituição é promulgada, representando alguns avanços no campo
político brasileiro. Eleito para presidente pela Constituinte no mesmo ano, Vargas enfrenta o
acirramento ideológico da sociedade. De um lado, os integralistas de Plínio Salgado, com base nas
ideias fascistas italianas; de outro, a ANL de Luís Prestes, com o apoio do Partido Comunista russo.
Alegando a defesa da soberania nacional, em novembro de 1937, Vargas decreta o fechamento do
Congresso e anula as eleições previstas para 1938. Inicia-se o período ditatorial conhecido como
Estado Novo.

VII. Recursos didáticos: quadro e fontes histórico-escolares (charges do período).

VIII. Avaliação:
- atividades: respostas às perguntas-problema; ficha de revisão de conteúdo.
- critérios adotados para correção das atividades: formulação de relações passado-presente
com base na aula; aplicação dos conteúdos de sala.

XIX. Bibliografia:
ALVARENGA, Maria [et. al.]. Pré-vestibular social: história. 7. ed. rev. Rio de Janeiro: Fundação
Cecierj, 2015.
AZEVEDO, Gislane. História em movimento. 2. ed. São Paulo: Ática, 2013.
EDIÇÕES SM. Ser protagonista: história. 1. ed. — São Paulo: Edições SM, 2014.
FREITAS NETO, José Alves de. História geral e do Brasil. São Paulo: Harbra, 2006.
VICENTINO, Cláudio. História geral e do Brasil. 2. ed. São Paulo: Scipione, 2013.