Superbactéria ataca pessoas com sistema imunológico debilitado Vai uma vitamina D aí?

Nas últimas semanas, a super-bactéria Klebsiella pneumoniae carbapenemase (KPC), resistente a quase todos os antibióticos, vem aparecendo nos noticiários, e cada dia aparece novos casos suspeitos. Esta situação me remete a abril do ano passado, quando o vírus H1N1 estampava as capas de jornais pelo mundo inteiro, e praticamente cada morte era alardeada nos noticiários com se fosse o fim do mundo. A diferença desta vez é se trata de um bactéria que não é nova e o grande foco se encontra no Brasil. Nos EUA também há uma certa preocupação com a superbactéria, com um número de casos crescente em Chicago. Hoje neste domingo, o ministro da Saúde José Gomes Temporão pediu tranquilidade em relação à proliferação da

Não é de se surpreender. não é possível atribuir propriedades terapêuticas (tratamento. Uma vez que é conhecido o papel da Vitamina D para a manutenção de uma boa imunidade. manutenção e desenvolvimento. porque não se vê nenhuma autoridade médica indicando a complementação de vitamina D? . uma vez que são características próprias de medicamentos As atribuições que podem ser divulgadas para os alimentos são as relativas às suas características nutritivas. esta bactéria criou tal resistência pela ingestão indiscriminada de medicamentos.” Imunidade Baixa e Vitamina D: O Correio Brasiliense ressalta que "quem tem contato com o vírus só correrá o risco de contaminação se sua saúde estiver debilitada e ele estiver com a imunidade baixa”. Podemos encontrar no site da Anvisa: “Pela legislação brasileira. muito conveniente levando em conta que estamos a poucos dias do segundo turno das eleições. pois sua finalidade é fornecer ao organismo humano os elementos necessários à sua formação.superbactéria Klebsiella pneumoniae carbapenemase (KCP): "A população fique tranquila porque essa é uma situação que acontece apenas em ambiente hospitalar e em pacientes debilitados — disse ele após participar de encontro na capital paulista sobre a definição de diretrizes para minimizar o risco cardíaco em pacientes em tratamento contra o câncer" Não podemos ainda afirmar se a preocupação é legítima ou se governo brasileiro está tirando proveito da situação para criar um clima de terror. cura ou prevenção) aos alimentos. Uma coisa é certa. uma vez que as próprias autoridades da saúde recomendam o uso de medicamentos como a única forma de prevenir doenças. coisa comum no Brasil.

atingir 100% de êxito com esta nova mega produção. desta vez. apesar de ter rendido alguns milhões. a Big Pharma em conjunto com a Big Mérdia acabam de lançar seu último trabalho em conjunto. vejamos… . não ter atingido o êxito esperado pelos produtores. Mas o que nos reserva esta nova versão ? A obra fala de uma mutação. “H1N1 2 – O Regresso”! Após a ultima versão. eis que sai a versão 2. na expectativa de.H1N1 v2 – O Regresso! Aí vem mais uma dose de medo e mentiras.

nomeadamente se a nova variante se pode revelar mais mortal ou se pura e simplesmente vai desaparecer. onde predominou no Inverno local. “Nesta fase. num artigo assinado por especialistas do Centro de Pesquisa e Referência sobre Influenza de Melbourne. Caso represente “o início de uma deriva antigénica”. na Austrália. por enquanto. na Nova Zelândia e em Singapura. Pequenas alterações genéticas também aconteceram no Inverno passado [no hemisfério Norte. São necessários mais estudos para se perceber o verdadeiro impacto desta alteração. acrescenta… . mas os investigadores deste centro ligado à Organização Mundial de Saúde (OMS) sublinham que a eficácia da vacina não está. disponível na Internet. A nova variante infectou indivíduos vacinados e foi encontrada em pessoas que morreram. Uma ligeira alteração genética do A (H1N1) foi detectada no hemisfério Sul. “O resumo do artigo é suficientemente tranquilizador. França] sem se verificarem consequências práticas”. O vírus da gripe A pode estar a começar a sofrer mutações. revela a Eurosurveillance. a sazonal. publicação de vigilância. as alterações nos genes não resultaram em alterações antigénicas que possam tornar a vacina menos efectiva”. Suécia. posta em causa. Dinamarca.Alterações detectadas no hemisfério Sul infectaram indivíduos vacinados. escrevem. Em Portugal. há menos pessoas a vacinar-se contra a gripe comum. pode exigir uma “actualização da vacina antes do esperado”. desdramatiza o virologista João Vasconcelos Costa. nomeadamente nos EUA. na Austrália.

teremos um sistema mexicano de continuísmo”.Fundador do PT e ex-vice de Marta. com todo esse passado de corrupção. Um partido comandando o País durante 40. o jurista Hélio Bicudo declarou voto no candidato do PSDB à presidência da República. um sistema mexicano. 70 anos. 60. ainda que se diga que não. José Serra. 50. ex-deputado e vice-prefeito na gestão de Marta Suplicy (PT) em São Paulo. Bicudo declara voto em Serra Em setembro. Com Dilma. que vai aumentando em cada momento em que esse mandato se torna maior”. . “Eu voto no Serra no segundo turno. no segundo turno. “Se nós deixarmos a candidata Dilma ganhar nós vamos ter aqui no Brasil. disse em vídeo publicado no canal de Serra no YouTube. Bicudo liderou outros juristas no lançamento do "Manifesto em Defesa da Democracia" Fundador do PT.

Aldrin860 . Bicudo alega que o “continuísmo” do PT na presidência por mais de oito anos “não é democrático“.Bicudo. do PV. O jurista ressalta ainda a experiência de Serra quando ministro no governo Fernando Henrique Cardoso e o classifica como um “excelente” governo do Estado de São Paulo. Para o ex-petista. Militante pelos direitos humanos. justifica. que na primeira rodada das eleições apoiou Marina Silva. “A alternância de poder é uma característica da democracia”. não há marcas contra o passado do candidato do PSDB. agora defende o voto em Serra por ele ser “um homem competente” e “sério”.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful