You are on page 1of 29

Geologia

Noções básicas
Profa. Dra. Andrea Sell Dyminski
UFPR
2010
Estrutura do Planeta Terra

Fonte: http://domingos.home.sapo.pt/estruterra_4.html
Eras Geológicas
Evolução dos Continentes

Vídeos: http://www.youtube.com/watch?v=hSdlQ8x7cuk
http://www.youtube.com/watch?v=QDqskltCixA&feature=related
Placas Tectônicas

Fonte: http://moho.iag.usp.br/sismologia/terremotos.php

Pontos Amarelos: Sismos


Triângulos vermelhos: vulcões ativos
Terremotos – movimentação das
placas tectônicas

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Global_plate_motion_2008-04-17.jpg
Como ocorrem os sismos
Magnitude dos terremotos

Fonte:http://www1.folha.uol.com.br/folha/mundo/ult94u105252.shtml
Conseqüências…

São Francisco (1906)


Fonte:http://earthquake.usgs.gov/regional/nca/1906/18april/index.php
Haiti (2009)

Chile (2010) – com tsunami


Vulcanismo

Fonte:http://www.sfu.ca/cnhr/types.html
Vulcão Eyjafjallajokull, na Islândia (2010)
Minerais e Rochas
• Definições:
– MINERAIS: são elementos ou compostos químicos
com composição bem definida, cristalizados e
formados naturalmente por meio de processos
geológicos inorgânicos, na Terra ou em corpos
extraterrestres.
– ROCHAS são associações de minerais
– MINÉRIO: termo usado quando o mineral ou a
rocha tem importância econômica.
Minerais
• Sites interessantes: www.webmineral.com
• http://www.rc.unesp.br/museudpm/banco/gr
m.html
• Podem ser constituídos por um único
elemento químico (p. ex.: ouro, platina, cobre,
diamante) ou por uma combinação deles (p.
ex.: quartzo – SiO2)
• Vide grupos (classes minerais)…
Estrutura Cristalina
• É o arranjo espacial de
longo alcance em que se
encontram os átomos ou
moléculas no mineral.
• Determina as propriedades
do material e fornece
indicações claras sobre os
processos e ambientes
geológicos que estiveram na
sua origem, bem como o
Estrutura cristalina de um
tipo de rochas de que cristal de sal (NaCl). Note-se
poderá fazer parte. a ordenação dos átomos.

Fonte: wikipedia
Classes Minerais
• Elementos nativos (metais) • Sulfatos, cromatos,
– Au (ouro), Ag (Prata), Cu molibdatos, tungstatos
(Cobre) (SO4, CrO4, MoO4, WO4) –
• Sulfetos (S) – Ex. Galena Ex. scheelita (CaWO4)
(PbS) • Fosfatos (PO4) – Ex. apatita
• Óxidos e hidróxidos (O e Ca5(F,Cl)(PO4)3)
OH) – Ex. Hematita (Fe2O3) • Silicatos e
• Haletos (Cl, F) – Ex. Halita aluminosolicatos (SiO4) –
(NaCl) - Sal sílica ou quartzo (SiO2),
• Carbonatos, boratos e feldspatos, micas, etc...
nitratos (CO3, NO3, BO3) –
Ex. calcita (CaCO3),
Domolita (CaMg(CO3)2))
Identificação dos Minerais
• Pela observação de algumas de suas
propriedades:
– Hábito Cristalino: Forma geométrica externa,
habitual, exibida pelos cristais dos minerais.
• Mais comuns:
– Laminar;
– Prismático (alongado)
– Fibroso
– Acicular
– Tabular
– Equidimensional
Hábito Cristalino

Acicular (rutilo)
Laminar
Folheado (mica)
(cianite)

colunar Prismático (quartzo)


Transparência
• Absorção de luz pelo mineral:
– Transparentes (deixam passar a luz).Ex: quartzo
– Translúcidos
– Opacos (não deixam passar a luz – metálicos,
óxidos, sulfetos)
Brilho
• Quantidade de luz
refletida pela superfície
do mineral.
• Metálicos: que refletem
mais de 75% da luz que
recebem
Cor
• Resulta da absorção seletiva da
luz
• OBS: um mesmo mineral pode ter
cores diferentes… (ex.: quartzo,
feldspato, mica…)
• Cores são definidas, além da
própria composição química e
estrutura cristalina, pela presença
de inclusões, por defeitos na
estrutura ou ainda por impurezas
de elementos químicos estranhos
à sua composição química
normal.
Traço
• Cor do pó mineral deixada pelo traço o
mineral em porcelana branca
• Ex: minerais de cor preta, deixam traços:
– Magnetita: preto
– goetita: amarelo
– Hematita: avermelhado.
Dureza
• Resistência do mineral quando riscado
Fratura
• Superfície irregular e curva resultante da
quebra de um mineral (controlada pela
estrutura atômica interna)
Clivagem

Os minerais que têm esta


propriedade se quebram em
superfícies bastante
regulares
MOSCOVITE GALENA CALCITE

Basal Cública Romboédrica


Diferença fratura x clivagem

Clivagem Fratura
Densidade relativa
• Densidade Relativa = peso específico do
mineral/peso específico da água
• Em geral: de 2,5 a 3,3 (mas podem haver
exceções) Pesos específicos de alguns minerais
(kN/m3)
Biotite 27,5-31,4
Calcite 26,7
Caulinite 25,5
Feldspato 25,0-27,1
Gesso 22,8
Halite 21,2
Hematite 51,6
Moscovite 27,1-28,2
Pirite 49,2
Magnetismo
• Alguns minerais podem ser atraídos por um
campo magnético, como o de um ímã comum,
ou o da própria Terra.
• Há apenas dois minerais que são atraídos pelo
ímã comum de mão: a magnetita e a pirrotita.
Referências interessantes
• http://pt.wikipedia.org/wiki/Mineral
• http://e-
geo.ineti.pt/edicoes_online/diversos/guiao_lit
oteca/capitulo3.htm
• http://paginas.fe.up.pt/~geng/ge/apontament
os/Cap_2_GE.pdf