You are on page 1of 18

ERVAS MEDICINAIS

Todas as indicações são preventivas e agem como terapia de ajuda, sempre em casos de doenças graves tem
que as ter o acompanhamento médico, mas na hora de dor de barriga é bom sabermos quais as nossas alternativas.

A Mãe Natureza proporciona ao homem uma infinidade de plantas com valores medicinais. A flora brasileira
constitui uma fonte inesgotável de saúde e nossos ancestrais sempre souberam se aproveitar desta riqueza, pois o
uso das plantas medicinais existe desde o início dos tempos.

No princípio existia apenas o conhecimento empírico. Hoje, porém, muitas pesquisas científicas comprovam
as propriedades medicinais de várias plantas, comprovando (ou não) o uso popular destas plantas. É importante
ressaltar que, ao contrário do que muitos imaginam, algumas plantas fazem mal à saúde e por isso não devemos
fazer uso indiscriminado desta terapia. Sempre que possível, procure orientação de profissionais da área e não tome
qualquer tipo de chá encontrado no mato, pois algumas espécies são muito parecidas e você pode usar uma espécie
perigosa por engano.

Preparo:

Os chás podem ser preparados por infusão ou cocção:

- Infusão: Consiste em se despejar água fervente sobre a planta e depois abafar por uns 15 minutos. Este
processo é utilizado para flores, folhas e também para ervas aromáticas, pois se as fervermos as essências poderão
volatilizar (perder-se pela ação do calor), causando a perda de sabor e poder medicinal do chá.

- Cocção: Consiste em se cozinhar a planta. Este processo deve ser restrito a raízes, cascas e sementes e a
fervura pode variar de 3 a 15 minutos.

Dosagem: A quantidade normalmente indicada é de 20 gramas de erva por litro de água ou uma colher de
chá por xícara, mas esta dosagem pode variar dependendo da planta.

Posologia:

Pode-se tomar várias xícaras do chá por dia, de preferência longe das refeições, a não ser que o uso do chá
seja exatamente para estimular funções digestivas.

Adoçantes:

Os chás geralmente não precisam ser adoçados. Em alguns casos, porém, pode-se usar o mel quando se
quiser aproveitar suas propriedades medicinais (gripes, tosses, etc), mas só devemos adoçar depois de coado,
quando o chá já estiver morno, nunca antes, pois o calor destrói o poder medicinal do mel.

Prazo de validade: Nunca use um chá mais de 24 horas depois de preparado, pois ele entra em processo de
fermentação (mesmo mantido em geladeira). Prepare a quantidade suficiente para um dia apenas.
Tempo de uso: Recomenda-se não usar o mesmo chá por tempo prolongado, pois o nosso organismo
responde cada vez menos ao tratamento. Use por um período de 30 dias e troque por outro tipo de chá, retomando
o seu uso após algum tempo.

Utensílios: Evite usar utensílios de metal para fazer os chás.

Embora não o notemos, eles podem causar alterações no efeito e sabor do chá. O ideal é usar recipientes de
vidro, barro, louça ou esmalte.

Outros usos:

Os chás, além de tomados, podem ser usados na forma de compressas, banhos, gargarejos, inalações e
lavagens.

- Compressas: Compressas de chá quente aliviam dores inflamatórias e facilitam a resolução destas
inflamações. Neste caso usam-se chás com propriedades antiinflamatórias.

- Banhos: São os banhos de imersão. A água deve estar morna e o banho deve durar uns 20 minutos. O
banho pode ser repetido três vezes por semana durante um mês. Após este período mudar a erva utilizada.

- Gargarejos: São recomendados para atuar na cavidade bucal e na garganta.

Pode-se colocar sal de cozinha depois de coado, pois este é antiinflamatório e anti-séptico.

- Inalações: Específico para as vias respiratórias.

Ferver o chá e colocar um funil de papelão invertido sobre o recipiente, inalando o vapor.

- Lavagens: Normalmente intestinais e vaginais (corrimento).

Aí vão algumas delas:

Doenças/Ervas

Artrite

Caatinga de Mulata, Malva, Sabugueiro.

Arroto

Poejo

Anemia

Artemísia, Cavalinha, banhos de Manjerona e Alecrim, Cerefólio, Manjericão, Dente de Alho.

Arteriosclerose

Cavalinha

Asma

Cerefólio, Hortelã, Funcho.


Baço

Salsa, Dente de Leão.

Bexiga

Artemísia, Beldroega, Cavalinha, Cerefólio, Malva, Mil Ramas.

Boca (mau hálito)

Hortelã, Erva Cidreira, Manjericão, Tanchagem.

Bronquite

Beldroega, Cavalinha, Sabugueiro, Bardana.

Cabeça (dores de)

Alfazema, Boldo, Camomila, Confrei, Hortelã, Losna.

Cabelo

Alecrim, Alfazema, Babosa, Camomila, Manjericão, Sálvia, Bardana.

Cálculos

Salsa, Bardana, Dente de Leão.

Calmante

Alecrim, ALfazema, Camomila, Manjericão, Funcho.

Cancer

Confrei (leucemia), salsa.

Cansaço

Mil em Rama.

Catarro

Mil em Rama.

Caxumba

Erva Cidreira.

Cistite

Cavalinha.

Coceira (urticária)

Babosa.

Cólica Hepática

Erva Cidreira, Hortelã.


Cólica Menstrual

Artemísia, Losna.

Cólica de Ventre

Cavalinha, Hortelã, Losna, Manjerona, Funcho.

Colite

Malva.

Convulsão

Artemísia

Contusão

Bálsamo

Coração

Alecrim, Confrei, Sálvia, Bardana.

Cortes

Cavalinha, Confrei.

Coqueluche

Alecrim, ALfazema.

Dentes

Hortelã, Caatinga de Mulata, Erva Cidreira, Malva, Sálvia, Funcho

Depressão

Alecrim.

Depurativo do Sangue

Cavalinha, Cerefólio, Confrei, Tanchagem,Bardana, Dente de Leão.

Diabetes

Mil em Rama, Salsa, Tanchagem, Poejo, Funcho.

Digestão difícil

Alecrim, ALfazema, Boldo.

Doenças Venéreas

Mil em Rama, Salsa, Tanchagem.

Dores em Geral

Camomila, Confrei, Sálvia.


Eczema

Babosa.

Enxaqueca

ALfazema, Erva Cidreira, Salsa.

Epilepsia

Artemísia.

Estômago

Boldo, Camomila, Cerefólio, Erva Cidreira, Manjericão, Mil em Rama, Poejo, Tanchagem.

Feridas

Alecrim, Arruda, Belgroega, Mil em Rama, Tanchagem, Bardana.

Fígado

Boldo, Beldroega, Mil Rama, Salsa, Dente de Leão.

Fraqueza

Alfazema, Boldo, Losna, Manjericão, Mil em Rama, Dente de Leão.

Frieira

Saião, Babosa.

Furúnculo

Babosa, Malva, Sabugueiro, Tanchagem, Bardana.

Garganta (amigdalite)

Alfazema, Cavalinha, Manjericão, Malva, Sálvia, Tanchagem.

Gases

ALfazema, Boldo, Manjerona, Poejo, Funcho.

Gastrite

Confrei, Bardana.

Gota

Alfazema, Mil em Rama, Sabugueiro, Bardana, Dente de Leão.

Gripe

Camomila, Cebolinha, Erva Cidreira, Manjerona.

Hemorragias

Cavalinha, Confrei, Mil em Rama, Tanchagem.


Hemorródias

Mil em Rama, Bardana.

Hepatite

Boldo, Confrei.

Histeria

Alecrim, Erva Cidreira, Manjerona.

Icterícia

Artemísia, Erva Cidreira, Salsa.

Impotência

Tanchagem.

Insetos (picadas de)

Cebolinha, Salsa, Sálvia.

Insônia

Boldo, Hortelã, Mil em Rama, Poejo.

Intestinos

Erva Cidreira, Malva.

Intoxicação

Nirá.

Lactação

Beldroega, Cerefólio, Hortelã, Salsa (secar o leite), Dente de Leão.

Náusea

Caatinga de Mulata, Hortelã, Losna, Poejo, Funcho.

Obesidade

Losna, Sabugueiro, Malva, Salsa.

Olhos

Alecrim, Caatinga de Mulata, Arruda, Beldroega, Cavalinha, Sabugueiro, Camomila, Cerefólio, Erva Cidreira,
Salsa.

Ossos Quebrados

Confrei.

Ouvidos

Caatinga de Mulata, Arruda, Funcho.


Ovários

Tanchagem.

Pâncreas

Dente de Leão.

Pele (acne, manchas, espinhas, cravos)

Confrei, Cerefólio, Malva, Sabugueiro, Bardana.

Pesadelos

Erva Cidreira

Piolho

Cânfora, Salsa.

Pressão Alta

Salsa.

Prisão de Ventre

Baldroega, Malva,Sabugueiro, Bardana.

Pulmão(problemas respiratórios)

Poejo, Sálvia, Tanchagem.

Queimadura

Babosa, Beldroega, Confrei, Bardana.

Resfriado

Manjerona, Sálvia, Poejo, Sabugueiro.

Reumatismo

Alfazema, Artemísia, Boldo, Cerefólio, Erva Cidreira, Manjerona, Mil em Rama, Bardana, Dente de Leão.

Rins

Beldroega, Artemísia, Cavalinha, Manjericao.

Sarna

Alecrim, Arruda.

Seios

Cerefólio, Salsa.

Tonturas

Alfazema.
Torcicolo

Manjerona.

Tosse

Alfazema, Erva Cidreira, Hortelã, Manjericao, Malva, Poejo, Sálvia, Funcho.

Tuberculose

Cavalinha, Confrei.

Úlcera

Bálsamo, Cavalinha, Confrei.

Urina

ALfazema, Beldroega, Cavalinha, Cerefólio, Confrei (sangue na urina), Manjericao, Salsa, Bardana, Funcho.

Útero

Tanchagem.

Vermes

Arruda, Artemísia, Caatinga de Mulata, Camomila, Hortelã.

a beleza do coração..

Beleza/Erva

Tudo o que você vai ler aqui tem grandes ligações com o passado, que usou amplamente as ervas nos seus
cosméticos, foi o desenvolvimento rápido da ciência no século atual que nos afastou de modo quase definitivo,
desses truques e segredos incríveis de beleza ao nosso alcance.

a beleza da pele...

A PELE -

Para você ter a pele atraente e sadia, deve-se observar algumas regras.
1ª) - A limpeza com substâncias mais naturais, sabonete de glicerina, Outros produtos retiram a
oleosidade e umidade natural.

2ª) - A alimentação rica em frutas e verduras cruas.

3ª) - O sono regular.

4ª) - Intestino regular, as toxinas não eliminadas arruinam qualquer pele.

5ª) - A fadiga e a tensão são os principais causadores do envelhecimento da pele.

Tente sempre fazer exercícios para relaxar o rosto, massagens também.

Rugas: É muito importante tomar levedo de cerveja todos os dias, e também tomar vitamina E.
Procurar comer alimentos que sejam fontes das vitaminas: A, C, D e E.

As Ervas para a Pele: Confrei: A mais importante erva para a pele, pois a mesma possui aloantaina que
estimula a produção de células da pele, além de possuir propriedades amaciantes e curativas. Pode-se fazer a
infusão da folha e da raíz na água ou no leite. Tem agentes anti-rugas. Salsa: O seu suco, com outros elementos.

As máscaras abrem os poros, depois de fazê-las usar um chá adstringente lavando o rosto a fim de
que os poros se fechem. Para se obter melhores resultados, use as infusões geladas.

Espinhas: para evitá-las tomar diariamente levedo de cerveja que regula as secreções da pele. No início ela
poderá eliminar o que ainda não saiu para fora.

A Lecetina é eficaz remédio contra espinha e acne, emulsiona e decompõe glóbulos gordurosos
no sangue. Opera milagre, tomar 2(duas) vezes ao dia.

Suco de cenoura combinado com espinafre ou salsa, tomar esse suco até ½ litro por dia.
Vaporização de ervas.

Mel - ótimo para limpezas de pontos negros.

Limão - o suco esfregado no rosto.

Infusão de Cavalinha - ótimo para retirar impurezas.

Alimentos perigosos para espinhas: nozes, fritura, marisco, sal iodado, gorduras animais, manteiga,
chocolate, cacau, amido, produtos suínos, coca-cola, açúcar, café, chá muito quente e álcool que dilata os poros.

Ervas adstringentes: cavalinha, Mil e Rama, Camomila, Sabugueiro, Sálvia, elas evitam a oleosidade.

Bronzeamento: Óleo de gergelim amacia e bronzeia.

Recursos para queimaduras solares: polpa de pepino, batata ralada e chá de sálvia.

Ervas e Frutas e seu Poder para Pele:

Alecrim: (Rosmarinus officinalis) analgésica, refrescante, anti-inflamatória, anti- séptica, estimulador da


circulação periférica, anti-acne, tônica, para pele oleosa.

Algas Marinhas (Fucus vesiculosus)

adelgaçante, anti-celulítico, emoliente, amaciante, estimulador da circulação periférica, hidratante, nutritivo,


anti-acne, revitalizante, para peles oleosas, celulite e flacidez.
Aloe e Vera / Babosa (Aloe barbandensis)

anti-envelhecimento, cicatrizante, emoliente, amaciante, fotoprotetor, hidratante, nutritivo, revitalizante,


para peles sensíveis e danificadas.

Aveia (Avens sativa)

anti-envelhecimento, cicatrizante, emoliente amaciante, fotoprotetora, hidratante, nutritivo, revitalizante,


para pele seca sensível e danificada.

Banana (Musa sapientum)

cicatrizante, emoliente amaciante, fotoprotetora, hidratante, nutritivo, revitalizante, para pele seca sensível
e danificada.

Camomila (Matricaria chamomília L.)

adstringente, analgésica, refrescante, anti-alérgica, clarificante, anti-inflamatória, fotoprotetora, anti-acne,


calmante, tônico, para peles sensíveis e danificadas.

Canela (Cinnamomum cassia nees)

analgésica, refrescante, anti-séptica, fotoprotetora, tônica, afrodisíaca, para pele normal e artrite.

Cravo da Índia (Dianthus caryophylus)

analgésico, refrescante, anti-séptica, emoliente, amaciante, hidratante, para peles sensíveis e danificadas.

Cenoura (Ducus carota L.) anti-envelhecimento, emoliente, amaciante, fotoprotetora, nutritivo, revitalizante,
para peles sensíveis e danificadas.

Côco (Coccus nucifera)

anti-envelhecimento, emoliente, amaciante, hidratante, nutritivo, tônica, para pele seca, sensíveis e
danificada.

Erva Cidreira / Capim Limão (Cymbopogom citratus)

analgésica, refrescante, anti-séptica, estimulador da circulação periférica, emoliente, anti-acne, para pele
oleosa.
Erva Doce / Anis (Pimpinela anisum)

analgésica, refrescante, anti-séptica, emoliente, amaciante, hidratante, anti-acne, relaxante, para peles
oleosas, sensíveis e danificadas.

Eucalipto (Eucaliptus citriodora)

refrescante, bactericida, antimicôtico, desodorante, cicatrizante, para pele normal.

Frutas Tropicais

adstringente, anti-envelhecimento, anti-manchas, emoliente, amaciante, hidratante, anti-acne, para pele


oleosa.

Kiwi (Actinidia chinensis)

anti-envelhecimento, antinflamatório, anti-manchas, emoliente, amaciante, hidratante, para pele seca,


sensível e danificada.

Flor de Laranjeira (Citratus sinensis)

adstringente, anti-séptica, emoliente, amaciante, hidratante, anti-acne, para pele oleosa.

Maça Verde (Pirus malus L.)

antialérgica, anti-envelhecimento, emoliente, amaciante, hidratante, para pele seca, sensível e danificada.

Manga Rosa (Mangifera indica)

anti-envelhecimento, emoliente, amaciante, hidratante, para pele seca, sensível e danificada.

Melancia (Citruilus vulgaris)

antialérgica, emoliente, amaciante, hidratante, para pele seca, sensível e danificada.

Morango (Fragaria vesca L.)

anti-manchas, cicatrizante, emoliente, amaciante, hidratante, nutritivo, para pele seca, sensível e danificada.

Natural

Isento de extratos e óleos essenciais com um leve perfume. Hidratante, emoliente, higiene íntima, banho do
bebê, pele normal.
Pêssego (Amygdalus persica L.)

antialérgica, cicatrizante, hidratante, nutritivo, para pele seca, sensível e danificada.

Pitanga (Eugenia sp)

anti-envelhecimento, anti-manchas, cicatrizante, emoliente, amaciante, hidratante, para pele seca, sensível
e danificada.

Pepino (Cucumis sativus L.)

anti-envelhecimento, emoliente, amaciante, hidratante, nutritivo, anti-acne, revitalizante, tônica, para pele
oleosa, sensível e danificada.

Pólem e Mel Silvestre

anti-envelhecimento, antinflamatório, anti-manchas, cicatrizante, emoliente, amaciante, estimulador da


circulação periférica, fotoprotetora, nutritivo, revitalizante, tônica.

Própolis e Mel (Propolis) antinflamatório, anti-manchas, anti-séptico, fotoprotetora, anti-acne, adstringente,


fungicida, revitalizante, anti-seborréico, para peles e cabelos oleosos.

Rosas (Rosa gallica L.) anti-séptica, estimulador da circulação periférica, anti-acne, tônica, para pele seca,
sensível e danificadas.

Sete Ervas

adstringente, analgésica, refrescante, anti-envelhecimento, antinflamatório, anti-séptica, cicatrizante,


emoliente, amaciante, hidratante, anti-acne, para pele oleosa.

Tangerina (Citratus nobillis)

adstringente, anti-séptica, emoliente, amaciante, hidratante, anti-acne, para pele oleosa.

BELEZAS NATURAIS EM DEFESA DA VIDA

No rico universo das flores, muitas ultrapassam limites, distanciando-se da função de decorar ambientes ou
expressar sentimentos, passando a servir como importantes auxiliares no tratamento de doenças, tanto no plano
físico quanto no psíquico e emocional. Muitas pessoas cultivam flores em seus jardins, sacadas e floreiras, sem, no
entanto, imaginar que além de belas, também podem ser poderosas. Conheça a seguir algumas dessas mensageiras
de bem-estar:

Rosa – Seu chá é útil nos distúrbios menstruais, alivia dores de cabeça e atenua superfície inflamadas. Com
ação adstringente, tônica e calmante, é indicada no tratamento de peles oleosas e para o combate de irritações do
couro cabeludo.

Amor-perfeito – Tem outras denominações como violeta-tricolor e flor-de-trindade. Possui propriedades


diuréticas e depurativas. Em forma de chá, é utilizada para aliviar doenças respiratórias.

Cravo – É originário da Europa. O chá de suas pétalas é estimulante, combate dores de cabeça, ameniza o
cansaço e serve também para ativar a memória.

Jasmim – Sua essência é largamente empregada. O jasmim é um importante auxiliar no combate ao


nervosismo, ao estresse, a tristeza e à insegurança. Também é considerado afrodisíaco.

Camélia – Flor inspiradora, de grande efeito visual, é de origem asiática. Suas propriedades medicinais ainda
são pouco exploradas.

Violeta – Encontrada em muitas espécies. É aliada simbolicamente à simplicidade e à virgindade. Em forma


de chá, atua como auxiliar em tosse e dores de garganta. Possui vitaminas que retardam o envelhecimento da pele.

Gerânio – Tem propriedade de reduzir o açúcar no sangue, combate hemorragias, bronquites e tosses. No
campo da cosmética, auxilia no tratamento de peles oleosas ou com acne.

Girassol – Na medicina floral, é indicado para pessoas egocêntricas e promove equilíbrio. É calmante e ajuda
a dar elasticidade à pele.

Orquídea – De beleza exótica, é impropriamente considerada parasita. Desperta tanta fascinação que sua
cultura é objeto de pesquisa e exposições mundiais. Tem propriedades hidratantes e é amaciante.

Beleza

Ervas para Banho:


Camomila - é uma das melhores, pois contem azulina que é calmante para a pele.

Cavalinha/Alecrim- Protege a pele de insetos.

Sabugueiro - no banho é calmante e bom na insônia. Para pele possui qualidades clareadores. Usar em
infusão bem concentrada.

Confrei - de todas é a melhor no banho para uso medicinal, pelo seu poder de soldar ossos fraturados, para
inflamações, inchaços e queimaduras.

Calêndula - bom no banho para veias dilatadas e varizes, sendo calmante.

Mil em Rama - banhos para o corpo muito oleoso, alivia as inflamações do bico do seio.

Dente de Leão e Xília.

Amora - em infusão no banho, dá novo brilho e viço na pele.

Usar nos banhos óleos aromáticos.

CABELOS -

Shampoo - procure um shampoo de boa qualidade que seja de amêndoa ou ervas e guarde metade em outro
vidro, depois misture uma infusão bem forte de erva que desejar ou precisar.

1- Cabelos claros: camomila, verbrasco e urtiga.


2- Cabelos escuros: sálvia e alecrim.

Tratamento de proteínas: Este tratamento é para cabelos quebradiços.

Cabelos Secos -

1- Tomar levedo de cerveja todos os dias, mantém o brilho do seu cabelo e retarda os cabelos brancos.

2- Os cabelos secos só devem ser lavados uma vez por semana.

Para dar brilho ao seus cabelos: - fazer uma decocção com salsa, ferver 20 minutos, enxaguar os cabelos com
este chá após a lavagem.

Cabelos Oleosos: -

1- Use sempre vinagre de maçã, uma só colher bastará, para uma xícara de água ou chá.

2- Quem tem prblema de excesso de oleosidade, deverá misturar chá de Mil em Rama em seu shampoo.

CASPA:

1- Colocar decocção de raíz de bardana no shampoo, pode-se usá-la também na última água.

2- Vinagre aromático diluido em água para massagem.

3- Infusões de alecrim com uma pitadinha de Borax, acaba com a caspa.

4- Misturar suco de limão com água de rosas, para a massagem.

CRESCIMENTO:
Ervas boas para o cabelo crescer, que podem ser acrescentadas ao shampoo, ou no seu creme:

Raíz de malva, raíz de urtiga, semente de malva, alecrim, cravo de índia e noz moscada, baba de babosa.

olhos nos olhos!

OLHOS -

1- Para conservar seus olhos com brilho, tomar suco de um limão em água morna todos os dias em jejum.

2- comer todos os dias alimentos que são fontes de vitaminas A, e também cenoura crua, aipo, salsa,
chicória, espinafre, tomar em suco ou em saladas.

Olheiras e inchaços:

Pepino - colocar fatias de pepino descascado sobre os olhos por 20 minutos.

Extrato de hamamelis, sobre os olhos.

Eufrásia é a melhor erva que existe para olheiras.

Chá de hortelã feito com um pedaço de mamão, ótimo.

Chá de cavalinha ajuda nos inchaços.

Outras ervas para problemas nos olhos: absinto, funcho, calêndula, camomila, alecrim, tanchagem,
margarida, sabugueiro, manjerona e violeta.

Cuide de seus dentes! Sorria..Sorria...

Boca E Dentes:

A casca do limão elimina manchas nos dentes.


O morango em suco esfregado nos dentes, clareia.

Sálvia mastigada todos os dias protege a gengiva e os dentes.

Tanchagem é a erva mais incrível para qualquer inflamação na boca, gengiva, língua; bem como nas aftas.