You are on page 1of 8

RELATÓRIO – UNIDADE I

NOME DO ALUNO(A): Giselly Geicy Araújo Fernandes Lemos


TURMA: 9º B
DISCIPLINA: Prática Jurídica IV
PROFESSORA: Camila Vanessa de Queiroz Vidal
CONTEÚDO DESENVOLVIDO: Ação de alimentos

ATIVIDADES DESENVOLVIDAS: (X) Produção de peças prático-profissionais


(X) Atendimento aos beneficiários do NPJ – Faculdade Evolução
(X) Audiências
( ) Simulação
( ) Roda de conversas

PRODUÇÃO DE PEÇAS PRÁTICO-PROFISSIONAIS

IDENTIFIQUE AS PEÇAS INDIQUE A FINALIDADE DE APRESENTE OS


PRODUZIDAS CADA PEÇA REQUISITOS
Ação de alimentos Execução da pensão alimentícia extinção do litigio e concessão
da pensão alimentícia
ATENDIMENTO AOS BENEFICIÁRIOS DO NPJ – FACULDADE EVOLUÇÃO

ATENDIMENTO NPJ
NOME DO CLIENTE: MARIA DAS GRAÇAS VIDAL
DATA DO ATENDIMENTO: 14.03.2019
ASSUNTO DA CONSULTA: Cumprimento de sentença em ação de alimentos
HISTÓRICO DO CASO: A requerente neste ato representada por sua genitora pleiteia o
reajuste a execução da pensão alimentícia. O casal se manteve em
união estável durante 13 anos, que dessa relação tiveram uma filha,
que depois do nascimento da filha o casal permaneceu junto durante
09 anos e que após a separação a Genitora se manteve na guarda
da criança responsável pelos cuidados e bem estar da criança.

Com a dissolução da união estável, inicialmente o casal havia


acordado extrajudicialmente no sentido do pai enviar quantia mensal
de 250,00 a título de pensão alimentícia para a sua filha menor.
Entretanto, a genitora alega que em Novembro de 2017 houve a
interrupção dos pagamentos sem justa causa. Diante disso, a
representante legal decidiu ingressar em juízo para efetivar o direito
quanto a pensão alimentícia da autora. Assim requer o pagamento
dos meses que deixaram de ser pagos, quais sejam de novembro de
2017 até junho de 2018, bem como o período entre novembro de
2018 até a presente data, pois novamente houve o descumprimento
das prestações que estavam no valor de 320,00 (trezentos e vinte
reais).
Neste interstício houve a pronuncia da sentença, obrigando o
genitor ao pagamento de 32,01% de um salário mínimo, motivo pelo
qual a representante legal da autora requer o cumprimento de
sentença, bem como a cobrança das prestações em atraso.
Considerando que o genitor reside no estado de SP, a genitora requer
ainda que a forma de pagamento seja efetuada por meio de desconto
em folha. Logo informa o endereço do estabelecimento do seu
empregador que deverá ser notificado: Av. Ivo Mario Isaac Pires,
número 800, bairro das Pedras Cotia 06720-480/SP.
PROCEDIMENTO ADOTADO: Iniciada a consulta, foi solicitado todas as informações do caso, sendo
requisitada à mãe todos os documentos necessários à propositura da
referente demanda.
Foram assinados todos os termos necessários à propositura, tais
como termo de responsabilidade da veracidade dos fatos, procuração
e declaração de hipossuficiência.
QUAL A PEÇA PRODUZIDA (se foi Cumprimento de sentença em ação de alimentos
caso de peticionamento):
INDIQUE AS FUNDAMENTAÇÕES No presente caso, utilizou-se como fundamento o Art. 528 do CPC,
JURÍDICAS UTILIZADAS (caso que estabelece que em caso de o executado ao não efetuar o
tenha havido peticionamento): pagamento, justificar a impossibilidade ou não provar que o efetuou,
será possível ao juiz mandar protestar judicialmente
Como também, com fulcro no Art. 513, §1 do CPC, estabelece que é
possível ingressar com cumprimento de sentença que reconhece o
dever de pagar quantia, definitivamente.
N.º DO PROCESSO (se houver): 0102479.16.2017.8.20.0108
ESTADO EM QUE SE ENCONTRA Transitado em julgado
O PROCESSO (se houver):
AUDIÊNCIAS

AUDIÊNCIA 1
Nº DO PROCESSO 0800427-85.2014.8.12.0026
DATA: 08/08/2017
HORÁRIO: 16h20min
DURAÇÃO: Aproximadamente 45 minutos
ÓRGÃO JURISDICIONAL ONDE SE REALIZOU: 14ª Vara Cível de Competência Residual- Comarca
de Campo Grande
ESPÉCIE DE AUDIÊNCIA Audiência de conciliação
RESUMO DOS ATOS Iniciada a audiência, foi feito o pregão das partes. Em
seguida, iniciou a instrução com oitiva do autor, com
perguntas pelo Juiz, depois pelo advogado da parte
autora, por fim pelo advogado da parte ré.
Em seguida, foi ouvida uma testemunha que prestou
esclarecimentos sobre o fato.
Depois, teve a oitiva de outra testemunha nos mesmos
termos. Iniciando por parte do juiz, depois advogado
da parte autora, por fim da parte ré.
A parte ré também arrolou uma testemunha, que foi
ouvida nos mesmos termos.
Por fim, as partes solicitaram prazo comum de 10 dias
para alegações finais em memoriais, o que foi deferido
pelo juiz.
AUDIÊNCIA 2
Nº DO PROCESSO 0809544-39.2018.8.12.0001
DATA: 19.06.2018
HORÁRIO: 16h00min
DURAÇÃO: Aproximadamente 13 minutos
ÓRGÃO JURISDICIONAL ONDE SE REALIZOU: 14ª Vara Cível de Competência Residual- Comarca
de Campo Grande
ESPÉCIE DE AUDIÊNCIA Audiência de conciliação
RESUMO DOS ATOS Trata-se de ação de reintegração de posse. Iniciada a
audiência, o MM Juiz presente iniciou a conciliação
com as informações básicas sobre a audiência,
questionando o nome das pessoas, em seguida
perguntou os fatos a quem deu entrada com o
processo.
Por último, foi tentado haver propostas pelas partes. O
que obteve êxito. A proposta ficou em conceder no
prazo de 45 para que a parte que está presente na
casa. Se não sair em 45 dias, poderá a parte autora
requerer o imediato despejo, mediante força policial.
AUDIÊNCIA 3
Nº DO PROCESSO 0840675-03.2016.8.12.0001
DATA: 26.06.2018
HORÁRIO: 14h00min
DURAÇÃO: Aproximadamente 09 minutos
ÓRGÃO JURISDICIONAL ONDE SE REALIZOU: 14ª Vara Cível de Competência Residual- Comarca
de Campo Grande
ESPÉCIE DE AUDIÊNCIA Audiência de conciliação
RESUMO DOS ATOS Tratou-se de ação de despejo, no qual o MM juiz
presente iniciou a conciliação com as informações
básicas sobre a audiência, questionando o nome das
pessoas, em seguida perguntou os fatos a quem deu
entrada com o processo.
As partes tentaram na via judicial conseguir fazer uma
proposta, em que ficou acertado inter partis que a casa
deveria ser devolvida em até 45 dias, inclusive com a
quitação de todas as dívidas contraídas no imóvel.
Nada mais havendo a constar, o Juiz homologou o
acordo.
AUDIÊNCIA 4
Nº DO PROCESSO 0817492-66.2017.8.12.0001
DATA: 23.08.2017
HORÁRIO: 16h00min
DURAÇÃO: Aproximadamente 7 minutos
ÓRGÃO JURISDICIONAL ONDE SE REALIZOU: 14ª Vara Cível de Competência Residual- Comarca
de Campo Grande
ESPÉCIE DE AUDIÊNCIA Audiência inicial de conciliação
RESUMO DOS ATOS Iniciada a audiência, a conciliadora passou instruções
com as informações básicas sobre a audiência,
questionando o nome das pessoas, em seguida
perguntou os fatos a quem deu entrada com o
processo.
A parte requerida não apresentou acordo
A parte requerente apresentou acordo no valor de
10.000,00; O que não foi aceita.
Deu-se então por encerrada a audiência
AUDIÊNCIA 5
Nº DO PROCESSO 0812391-82.2016.8.12.0001
DATA: 23.08.2017
HORÁRIO: 16h30min
DURAÇÃO: Aproximadamente seis minutos
ÓRGÃO JURISDICIONAL ONDE SE REALIZOU: 14ª Vara Cível de Competência Residual- Comarca
de Campo Grande
ESPÉCIE DE AUDIÊNCIA Audiência inicial de conciliação
RESUMO DOS ATOS Na audiência em epígrafe, foi constatada a ausência
da preposta da parte autora, estando presente apenas
o seu advogado. Na parte requerida, estava presente
a parte acompanhada de seu advogado. Iniciada a
audiência.
Iniciada a audiência, a conciliadora passou instruções
com as informações básicas sobre a audiência,
questionando o nome das pessoas, em seguida
perguntou os fatos a quem deu entrada com o
processo.
Porém os advogados não tinham proposta de acordo.
O que deu-se por encerrada a audiência.