You are on page 1of 2

Alfabetização e Letramento - Sara Monteiro e Mônica Baptista

Grupo: Angélica Aquino , Aryanna Garcia, Daniela Araújo, Danielle Barcellos, Júlia
Shayenne e Vanessa Almeida .
A proposta foi excelente! Cumprimos com o que foi pedido, lemos o texto,
separamos em partes, estruturamos os tópicos, montamos os slides e o resultado foi este.

Aprender a ler e escrever, ou seja, tornar-se alfabetizado significa adquirir uma


habilidade de codificar a língua escrita e de decodificar a língua escrita que seria a
leitura. Porém não basta somente adquirir esta habilidade, é preciso fazer uso das
práticas sociais de leitura e de escrita, articulando-as com as práticas orais, conforme as
mais diferentes situações. Não basta atingir a alfabetização mas sim o letramento.
"Letramento é o estado ou condição de quem não só sabe ler e escrever, mas exerce
as práticas sociais de leitura e de escrita que circulam na sociedade em que
vive, conjugando-as com as práticas sociais de interação oral.” (SOARES, 1999)

Como sugestão de prática para o professor aplicar em salas de aula que atendam
crianças de 6 a 8 anos, trouxemos este vídeo que nos pareceu muito interessante!
As atividades do vídeo podem ser apresentadas aos alunos afim de construírem seu
próprio processo de aprendizagem. Mais importante do que aplicar em sala de aula a
nossa proposta, é incentivar o aluno, ele precia se divertir enquanto aprende e nada mais
justo do que permití-lo aprender enquanto brinca! :D

Pensamos como proposta que foi pedida uma atividade já antes conhecida pelo grupo, o
"Bingo das Palavras"que poderá trabalhar com palavras e sílabas, uma
atividade com duração de
1 aula de 50 minutos. Essa proposta poderá ser repetida, ao longo do ano, com variação
nas palavras que compõem o jogo. São trabalhados conhecimentos prévios, pelo
professor com o aluno serão eles, estratégias para compreensão do funcionamento da
escrita alfabética; noção de regras/ funcionamento de jogos.
As atividades propostas nesta aula, além de trabalhar as capacidades pretendidas
poderão servir de diagnóstico.
Deve-se orientar as crianças sobre as regras do jogo, que consiste em marcar a letra X,
no quadrinho que consta a palavra ou sílaba “cantada” pelo mediador. O grupo precisa
ser lembrado que quando um participante marcar um X em todos os quadrinhos, deve
dizer rapidamente e bem alto - BINGO! Assim, mostrará que é o vencerdo(a).

MATERIAL: Cartelas preenchidas previamente,


com sílabas e/ou palavras;
saquinho com as fichas que constam nas cartelas.
Exemplo: